Pastor Malafaia ataca padre Manzotti: “Por qué no te callas?”

Líder evangélico afirma ser preconceituosa a visão do pároco sobre o crescimento dos pentecostais no país e questiona uso de dinheiro pela Igreja Católica

O pastor Silas Malafaia, líder da igreja Vitória em Cristo e presidente do Conselho de Pastores do Brasil, rebateu a entrevista dada a VEJA neste fim de semana pelo padre Reginaldo Manzotti. O cantor e escritor católico alfinetou o crescimento dos evangélicos pentecostais nos últimos trinta anos: “A filosofia do ‘me dê um Fusca que eu te devolvo uma Mercedes’ soa bem, embora seja uma balela”.

Em entrevista ao site de VEJA, Malafaia desceu a borduna na fala de Manzotti sobre como o discurso evangélico tem prosperado em classes menos favorecidas: ““Em situações onde faltam saúde, moradia e alimento, qualquer teologia da prosperidade que prometa cura e riqueza em troca de doações funciona”, afirmou o padre. “É uma visão preconceituosa. Para ele, pobre é burro, idiota e sempre enganado. Mas a história mostra que quem explorou os pobres durante séculos não fomos nós, evangélicos, não”, rebateu Malafaia. “Uma pessoa pode até dar um Fusca esperando uma Mercedes, mas se ele não receber o prometido, pula fora”.

Malafaia diz que a igreja evangélica tem crescido em todos os segmentos sociais e cita o bairro de classe média alta onde vive, no Rio de Janeiro. Em vinte anos, afirma que o Recreio dos Bandeirantes passou a ter dezoito templos evangélicos (antes eram dois) e a Igreja Católica permaneceu com apenas um. “De sete meses para cá, todas as vinte igrejas que abri foram longe de favelas, e olha que eu tenho muitas igrejas nestas áreas. Esse padre está precisando andar mais pelo Brasil para ver se nós evangélicos só pregamos para pobre mesmo”.

O líder evangélico faz ainda uma crítica mais conceitual à forma de conquistar fiéis utilizada pelos católicos atualmente. “A questão é que a Igreja Católica deixou de pregar o Evangelho que transforma a vida das pessoas. Veja se você vê a Bíblia na mão de um padre”, questiona. “Sabe por que a Igreja Católica não incentiva seus membros a lerem a Bíblia? Porque no dia em que eles lerem, eles largam. A Bíblia não é dos evangélicos nem dos católicos, é a palavra de Deus. E ela condena a idolatria de ponta a ponta”. Malafaia aponta diferenças sobre o uso de dinheiro nas duas igrejas: “O povo evangélico vê que o dinheiro que eles dão para a igreja fica aqui no Brasil, sendo investido na abertura de novos templos. Nós não mandamos bilhões todo ano para cobrir déficit de corrupto no banco do Vaticano”.

Malafaia chega a desafiar Manzotti a abrir as suas finanças. Embora o padre seja um dos maiores vendedores de CDs, DVDs e livros do país, afirma viver de uma herança da família e do salário pago pela paróquia. “Esse padre perdeu a oportunidade de calar a boca. Como disse o rei da Espanha para o Hugo Chávez, “por qué não te callas?”. É melhor ele continuar cantando do que ficar falando asneira a respeito da religião dos outros.”

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. O padre falou besteira quando generalizou tudo, logo
    um representante da igreja assassina falar de exploração?!

    Curtir

  2. Os COITADOS não abandonam a igreja quando não ganham “uma mercedez” por um simples motivo:
    Hipnose coletiva e/ou individual.
    Tá cheio de vídeo no Youtube mostrando como os COITADOS são sugestionados: Hipnose + lavagem cerebral. É só técnica, qualquer um pode fazer, independentemente se religião, política, futeBOSTA, namoro, 171, auto-estima, parar de fumar, e quantos et céteras quizer.

    Curtir

  3. francisco salim alves penin

    Não me afino com as ideias de algumas facções evangélicas, mas respeito o direito de elas pregarem o que bem entenderem, desde que a lei não seja arranhada.Por outro lado, o padre pisou na bola, atacando religiosos de outras confrarias. É pura agressão e falta de caridade. Cada um no seu quadrado; nada de tentar impor ideias por proselitismo ou agressões verbais. Se é lavagem cerebral ou não, cada um tem o que merece, de acordo com o estágio evolutivo de seu espírito. Menos, gente!

    Curtir

  4. CAIO MARCEL, vc deve se achar mais santo do que Deus, pois o próprio Deus prescreve a pena de morte em várias partes da Bíblia.

    Curtir

  5. GENIVAL NASCIMENTO

    TODOS CRISTÃO CONTEMPORÂNEO TORNARAM-SE CRIMINOSOS E CORRUPTOS, PORQUE? PORQUE SUA POLITICA É CAPITALISTAS E LIBERALISTA, AMAM O CAPITALISMO E O LIBERALISMO! VEMOS QUE O POVO A CADA DIA TORNAM VITIMAS DOS GRANDES POLÍTICOS CRISTÃOS CAPITALISTAS PRINCIPALMENTE OS POLÍTICOS DA BANCADAS EVANGÉLICA NO PARLAMENTO, COMO TAMBEM OS ISRAELITAS E AMERICANOS TORNARAM-SE TERRORISTAS E DIZIMARAM MILHARES DE VIDAS NO ESTADO DE PALESTINA!

    Curtir

  6. Só vejo verdades sendo ditas pelo Padre. Parabéns.

    Curtir

  7. Heraldo Silva de Andrade

    A história mostra que a igreja católica não é santa. Como também existem pastores que pregam a teologia da prosperidade, que eu acho totalmente errado. Se Deus quiser te agraciar, nem precisará você mover uma palha. O problema todo da briga é que os evangélicos levam a palavra da bíblia que o povo está querendo ouvir, enquanto que a igreja católica permanece na mesma. Não existe um estudo mais aprofundado da bíblia, não existe uma vontade mais voraz de se mostrar as verdades que devem ser seguidas, as verdades de Jesus. Agora, quando se fala em dinheiro…você já viu alguém sobreviver sem dinheiro? As igrejas são como nós, tem suas dívidas e precisa fazer investimentos em templos, reformas. E aí você já viu fazer isso sem dinheiro? Pastores e padres deveriam se juntar para ajudar aos pobres e ricos, levar conforto na palavra, e não ficar com brigas bestas que não vão levar à nada.

    Curtir