Odebrecht girou US$ 3,37 bi em propinas durante 9 anos

Ex-executivo Hilberto Mascarenhas entregou à PGR tabela com valores movimentados entre 2006 e 2014 pelo departamento de propina da empreiteira

Um dos delatores da Odebrecht, executivo Hilberto Mascarenhas, que trabalhou na empreiteira por 40 anos, entregou à Operação Lava Jato, uma tabela com o valor total movimentado pelo Setor de Operação Estruturadas, o departamento de propina da empreiteira. Reportagem no site do jornal O Estado de S.Paulo, informa que apenas entre 2006 e 2014, foram girados aproximadamente US$ 3,37 bilhões.

Os anos de 2012 e 2013 tiveram a maior movimentação de recursos ilícitos: US$ 730 milhões. Em 2014, ano da deflagração da Lava Jato, o setor diminuiu os repasses, chegando a US$ 450 milhões. Em 2006, o executivo relatou, estava na tesouraria da Odebrecht S.A sem programa específico, quando foi ‘intimado’ por Marcelo Odebrecht, que na época era o presidente da Construtora Norberto Odebrecht, para assumir a área de Operações Estruturadas, subordinada a ele.

Ainda segundo o executivo, a área fazia duas formas de pagamentos: em espécie no Brasil e em depósito bancário em contas no exterior. Os repasses no país eram entregues em ‘pacotes/mala de dinheiro em locais predeterminados’. As transferências bancárias no exterior eram feitas a partir de offshores.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Social Democrata Nem Direita Nem Esquerda

    E por acaso é proibido doações? Quem faz campanha sem caixa 2? Ninguém! As campanhas no Brasil acabaram caras porque o povo aprendeu a votar por dinheiro e favores. Isso encarece e o caixa 1 não aguenta. Vamos parar de mimimi e ver que tudo isso foi lógica apenas. Vamos trabalhar.

    Curtir

  2. Francisco Lemos

    Correcao. Nao foi a odebrecht quem pagou. Fomos nos, otarios pagadores de impostos. Propinas e sobre precos sao tirados do nosso dinheiro.

    Curtir

  3. silvia savasse

    Considerando que os Odebrecht’s são réus confessos e sempre praticaram tais crimes devem pegar prisão PERPÉTUA, visto que mataram muita gente por falta de assistência médica, outras continuam enfermas por falta de médicos, hospitais e medicamentos, alimentaram o ANALFABETISMO e atrasaram a educação do país, causaram o aumento da criminalidade por falta de segurança no país. AOs corrompidos prisão de 50 anos, sem qualquer tipo de banefícios, confisco de todos os bens da FAMÍLIA para repor os cofres públicos. Francamente, é NOJENTO , PORCO saber que esses CANALHAS SURRAPIARAM a nós brasileiros por tanto tempo. JUSTIÇA SEM PIEDADE A TODOS.

    Curtir

  4. Claudio Stainer

    Sem o áudio não vale nada a notícia!

    Curtir

  5. Claudio Stainer

    Eu quero o áudio e uma loira. Estupidamente gelada.

    Curtir

  6. Ataíde Jorge de Oliveira

    üÄï_Çô : E os outros U$ 96.63 BïLLhõE$$
    ?_MóCóZäRAM NaqueLLe LügÄZÏNHOO

    Curtir

  7. É preciso investigar como uma minoria de funcionários públicos conseguiram assaltar em nome da lei o Estado, com aposentadorias especiais e salários imorais. Esse grupelho agiu em conluio com os Odebrechts para assaltarem o Brasil. O triste é que o primeiro grupo conseguiu transformar o roubo em direito adquirido.

    Curtir

  8. Wilson Pestano

    Fora PT. Tem que acabar com esse partido de assassinos e bandidos.

    Curtir

  9. Lazaro Alves

    Mas não existe isso a mais de 30 anos? Quantos bilhões foram pagos em propinas nos anos FHC? Se sempre existiu isso aí então porque a conta começa em 2006? Eu sei a resposta correta. Uma vez descoberto o mensalão em 2005, o PT partiu para outra estratégia. Criou-se então o PETROLÃO. E agora, para aliviar um pouco a barra dos petistas, misturam tudo. E nossa imprensa, que é tão ruim quanto os nossos políticos, vai com tudo.

    Curtir