Motoristas de SP farão paralisação parcial nesta terça-feira

Durante três horas, das 14h às 17h, ônibus não poderão sair das garagens e terminais da capital paulista; objetivo é dar um "alerta" em negociação salarial

Os motoristas de ônibus de São Paulo programam uma paralisação para esta terça-feira na capital. Segundo o Sindicato dos Motoristas e Trabalhadores em Transporte Rodoviário Urbano da Capital (Sindmotoristas), a categoria vai impedir a saída dos ônibus de todas as garagens e terminais de ônibus a partir das 14h, só permitindo a retomada do serviço a partir das 17h.

A paralisação fará parte da campanha salarial do sindicato, que reivindica, sobretudo, aumento real de 5% acima da inflação, participação nos lucros e resultados de dois mil reais e elevação do vale-refeição para 25 reais por dia. A oferta do Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de Passageiros de São Paulo (SPUrbanuss), entidade que representa os patrões das empresas de ônibus, é de um reajuste de 3%, divididos em duas parcelas.

Na última quinta-feira, a categoria rejeitou os termos do sindicato patronal e aprovou a paralisação de terça-feira. Segundo o Sindmotoristas, a movimentação de amanhã é uma espécie de “alerta” para a possibilidade de uma greve, o que, por enquanto, não está programado. De acordo com representantes da categoria, se a movimentação não surtir efeito para acelerar as negociações, o presidente do sindicato, Valdevan Noventa, convocará uma nova assembleia, até a próxima sexta-feira, para discutir as alternativas dos motoristas, quando pode ser decidida uma paralisação definitiva.

No começo da manhã desta segunda, os paulistanos tiveram uma amostra de greve. Os sindicalistas organizaram reuniões na entrada dos motoristas, às 4h30, para explicar os rumos da campanha salarial e reforçar a importância da movimentação de terça-feira. As conversas atrasaram de 40 minutos à 1h30 a saída dos coletivos em toda a cidade.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Gerador emprego

    Greve virou negócio banal… atrapalha toda população….depois reclamam dos ônibus autônomos logo chegaram…

    Curtir

  2. Bando de alienados. 5% de aumento real. kkkk. Tem que varrer da política essa cambada de lunáticos socialistas que acham que dinheiro nasce em árvores . O que falta é juiz com pulso firme pra multar esses sindicatos pelegos . Mas tem que multar com bloqueio em conta porque senão os pelegos não pagam

    Curtir