Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Lula a Jaques Wagner: “Viu que eu já tirei você da Casa Civil?”

"Com maior prazer", responde o então ministro, agora alocado na chefia de gabinete de Dilma

Na noite de segunda-feira, Lula conversa com o ministro Jaques Wagner sobre o plano de ser nomeado ministro, que viria a se concretizar nesta quarta-feira. “Você viu que eu já tirei você da Casa Civil, né?”, diz Lula a Wagner, em diálogo interceptado pela Polícia Federal. Lula afirma que irá a Brasília e avisa que precisará ter meia de hora de conversa “a sós” com Dilma Rousseff. Confira abaixo a transcrição do diálogo entre Lula e Wagner:

LULA: Alô!

JAQUES WAGNER: Diga Excelência, tudo bem?

LULA: Você viu que eu já tirei você da CASA CIVIL, né porra?!

JAQUES WAGNER: Beleza! Eu vou ser segundo lá na CASA CIVIL, não tem nenhum problema. Com maior prazer

(risadas)

LULA: Querido…é…o seguinte: Eu tô pensando em ir pra BRASÍLIA amanhã. ELA ta aí em BRASÍLIA?

JAQUES WAGNER: Certo. Chegando que horas? Claro!

LULA: Eu tô chegando aí na boca da noite, lá pras 18, 19hs.

JAQUES WAGNER: 18hs? 19hs?

LULA: É.

JAQUES WAGNER: Ta bom, combinado.

LULA: Se ELA quiser, a gente pode conversar de noite ou pode ser de manhã. Pode conversar de manhã.

JAQUES WAGNER: Pode. Você prefere quando?!

LULA: Quando ELA quiser, ver pra ela quando que é melhor. Se ELA quer tomar um café gostoso.

JAQUES WAGNER: De manhã?

LULA: Aí eu preciso de meia hora com ela sozinho. E depois, entra a tropa.

JAQUES WAGNER: Ta bom então.

LULA: Tá bom.

JAQUES WAGNER: Combinado!

LULA: Ta bom, querido.

JAQUES WAGNER: Você pousa amanhã de noite?!

LULA: Foi bom, o dia hoje?

JAQUES WAGNER: Foi bom.

LULA: Como é que foi a manifestação na BAHIA?

JAQUES WAGNER: Ahh, teve 10, 15 mil, mas o ALELUIA foi pra lá, tomou uma vaia, e ninguém quis falar.

LULA: Quem foi falar?

JAQUES WAGNER: JOSE CARLOS ALELUIA, tomou uma vaia da porra!

LULA: Uhum

JAQUES WAGNER: Então, nenhum outro deputado foi falar. Na verdade, generalizou porque é uma manifestação “antipolítica”

LULA: É, eu acho essa é (ininteligível). Acabei de conversar com o “MINO CARTA” aqui pra ele escrever um artigo, mostrando que teve duas coisas nesse movimento. Primeiro, a vontade das pessoas que o combate à corrupção continue. Sabe?

JAQUES WAGNER: Isso é bem vindo.

LULA: E o MORO representa isso fortemente. Segundo, é que a negação da política é total.

JAQUES WAGNER: Uhum

LULA: E o resultado disso, você sabe o que é né?!

JAQUES WAGNER: Lógico, é o caminho pro autoritarismo.

LULA: Então eu pedi pro MINO escrever um artigo sobre isso. E aqui em SÃO PAULO ninguém conseguiu falar dos dirigentes, ALCKMIN, AÉCIO.

JAQUES WAGNER: ALCKMIN, AÉCIO.

LULA: A MARTA… (interrompido)

JAQUES WAGNER: A MARTA tomou só porrada.

LULA: A MARTA teve que se trancar na FIESP e só saiu quando acabou a manifestação.

JAQUES WAGNER: (risadas) É bom pra nego aprender.

LULA: Foi chamada de puta, vagabunda, vira casaca.

JAQUES WAGNER: Eu sei. Bom, eu aviso a ELA aqui e a gente conversa amanhã. E os meninos, MARISA, tudo bem?

LULA: Tão bem, tão bem querido, tão bem!

JAQUES WAGNER: Ta bom entao.

LULA: Ta bom.

JAQUES WAGNER: Falou! E voce, amadurecendo sua cabeça?

LULA: Tá amadurecendo, quase caindo de podre.

JAQUES WAGNER: (risadas)

LULA: Não, eu tenho recebido muito pedido pra mim aceitar, sabe?! Muito, muito, muito! Os SEM TERRA agora tavam reunido e ligaram (interrompido)

JAQUES WAGNER: Meu cargo está à sua disposição, viu?!

LULA: Ta bom.

JAQUES WAGNER: Eu posso até ser seu carregador de documento.

LULA: Eu serei, eu serei seu ajudante.

JAQUES WAGNER: Eu vou ser seu “AJO”

LULA: Eu serei seu adjunto. (risadas)

JAQUES WAGNER: Ta bom.

LULA: Abraço, querido.

JAQUES WAGNER: Falou! Abraço, tchau.