Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Idade e saúde podem livrar Pimenta Neves da cadeia

Defesa dá pistas de que pedirá prisão domiciliar do jornalista de 74 anos

“Ele sofre de hipertensão, problema de próstata e perdeu uma das vistas”, Maria José Costa Ferreira, advogada de Pimenta Neves

No primeiro dia de detenção de Pimenta Neves – após cinco anos de medidas protelatórias – a defesa do jornalista já dá pistas de que pode pedir a prisão domiciliar dele. O homem que passou onze anos em liberdade após matar a tiros a ex-namorada Sandra Gomide cumpriria a pena em casa. Ele foi condenado em 2006 a quinze anos de prisão. A Lei de Execução Penal prevê o benefício da prisão domiciliar a condenados com mais de 70 anos, acometidos de doenças graves, gestantes, com filho menor de idade ou deficiente. Pimenta Neves se encaixa na primeira condição: tem 74 anos. A defesa tenta agora colocá-lo também no segundo grupo. “Ele tem graves problemas de saúde. Sofre de hipertensão, problema de próstata e perdeu uma das vistas”, disse ao site de VEJA a advogada de Pimenta Neves, Maria José Costa Ferreira. “Amanhã (quinta-feira) vou verificar as condições de saúde dele em Tremembé e, se preciso, pedir ao juiz a visita de um médico para fazer os exames necessários.” Se os exames apontarem a existência de alguma doença, a advogada pode pedir a prisão domiciliar. “Ainda não requeri nada. Não tenho os exames em mãos”, disse. Ela desconversa, no entanto, quando questionada se estuda o recurso ou não. “Não posso saber o que vai acontecer nos próximos dias.” A possibilidade é vista como absurda pelo advogado da família de Sandra Gomide. “Pimenta Neves goza de saúde a olhos vistos”, afirma Sergei Cobra Arbex. “A defesa não pode adivinhar se ele ficará doente na prisão.” A carcereiros do 2º Distrito Policial, onde passou a noite de terça-feira, Pimenta Neves reclamou das instalações. Recusou a comida da cadeia e o colchonete da cela. Passou a noite em claro, andando de um lado para outro.

Veja também

Tremembé II, o presídio das ‘estrelas’