Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Drauzio Varella desmente secretário de Alckmin e descarta comitê

Responsável pela Saúde paulista, David Uip publicou no Facebook que anunciaria o nome do médico e mais dois como membros do Comitê Superior de Saúde

O médico Drauzio Varella desmentiu nesta terça-feira a informação de que vai fazer parte do Comitê Superior de Saúde contra a dependência química, sobretudo de crack, criado para assessorar ações dos programas Redenção, da prefeitura de São Paulo, e Recomeço, do governo paulista. Por meio de sua conta no Facebook, o secretário de Saúde do Estado de São Paulo, David Uip, anunciou hoje que estava a caminho da prefeitura para anunciar os nomes de Drauzio e dos médicos Wagner Gattaz e Anthony Wong como membros do comitê. A postagem de Uip foi republicada na rede social pela página da Secretaria de Saúde do governo Geraldo Alckmin (veja abaixo).

“Estou a caminho da prefeitura de São Paulo, onde anunciaremos os médicos Drauzio Varella, Wagner Gattaz (psiquiatra e professor da USP) e Anthony Wong (HC) como os três membros do novo Comitê Superior de Saúde contra dependência química. Eles vão assessorar os programas estadual Recomeço e municipal Redenção no combate ao uso de drogas, com foco inicial na região da Nova Luz”, escreveu David Uip.

(Reprodução Facebook/Reprodução)

Em sua conta no Twitter, Drauzio Varella publicou uma nota de esclarecimento e um vídeo nos quais relata que apenas conversou com Uip no café do Hospital Sírio Libanês, ontem, a respeito da situação na Cracolândia. No encontro, segundo Drauzio, o secretário pediu a ele sugestões de medidas “que ajudassem a encontrar caminhos para abordar o problema da Cracolândia, solicitação que já havia sido feita aos doutores Wagner Gattaz e Anthony Wong”.

O médico afirma que não se negaria a contribuir com ideias, mas que foi surpreendido ao ver as notícias de que ele faria parte do comitê oficialmente. “Não recebi convite formal para fazer parte de um comitê com essas funções. Caso recebesse, não aceitaria: não tenho preparo técnico nem tempo livre para um trabalho dessa natureza. Para colaborar com sugestões, estou à inteira disposição. Fazer parte de um comitê oficial, não. Não tenho a menor condição”, diz Drauzio Varella.

Veja abaixo as postagens em que o médico esclarece que não participará do Comitê Superior de Saúde:

Mais tarde, após os desmentidos de Drauzio Varella, o secretário David Uip escreveu uma nota de esclarecimento em seu Twitter:

“Na última segunda-feira formalizei ao meu amigo Dr. Drauzio Varella o convite para integrar o Comitê Superior em Saúde contra dependência química, juntamente com o psiquiatra Wagner Gattaz e o toxicologista Antony Wong, para auxiliar nas ações dos programas Recomeço (estadual) e Redenção (municipal), com foco inicial na Nova Luz.
Ele aceitou e até conversou com o prefeito João Doria sobre isso. Infelizmente soube há pouco que ele desistiu. Lamento, mas respeito sua decisão. Nosso trabalho para ajudar as pessoas que mais precisam neste momento seguirá de forma incansável.”

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Carla Aretuza Andrade Bisi

    Vou ser sincera! Opinião de certos médicos (Área de saúde em geral), jornalistas, artista, direitos humanos (Todos)… Não valem bosta… Sabemos que grande parte são dependentes químicos!! O que eles não querem, é que a fonte acabe!!

    Curtir

  2. Ralfo B B Penteado

    Dr. Dráusio, creio que o sr. está sendo usado pelos espertalhões. E eles entram com a cara.

    Curtir