Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Doria rebate FHC: ‘precisa sair do apartamento e visitar SP’

Ex-presidente declarou nesta sexta-feira que o prefeito paulistano só conseguiu 'algum sucesso' porque se comunica bem nas redes sociais

Depois de o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) dizer que o prefeito de São Paulo, João Doria Jr. (PSDB), não mudou nada na cidade e só conseguiu “algum sucesso” porque domina a comunicação em redes sociais, Doria reagiu.

“Respeito e admiro muito o ex-presidente Fernando Henrique, mas acho que ele está precisando sair um pouco de seu apartamento e visitar São Paulo”, disse o prefeito paulistano ao jornal O Estado de S. Paulo.

A declaração de FHC foi dada nesta sexta-feira a empresários do setor médico, em um encontro na capital paulista. A menção ao prefeito se deu no contexto em que o ex-presidente argumentava que os eleitores priorizarão lideranças em detrimento de partidos políticos em 2018. O exemplo usado por Fernando Henrique para ilustrar essa inclinação do eleitorado foi a eleição do presidente Emmanuel Macron, na França, que se apresentou como candidato de centro que gravava e compartilhava suas agendas de campanha nas redes sociais.

“Não estou propondo que seja ele [Doria, o candidato], não, mas acho que precisamos mudar de geração. Para poder fazer frente a esse mundo novo, precisamos de outra cabeça, outra geração, pessoas que possam se comunicar com os mais jovens e de maneira mais atualizada”, contemporizou FHC.

Essa não é a primeira vez que João Doria e Fernando Henrique Cardoso se estranham em declarações públicas.

Em março, em entrevista ao Estado de S. Paulo, o ex-presidente criticou indiretamente o principal discurso de Doria, de que ele é um gestor, e não político. “Se você for um gestor, não vai inspirar nada. Tem que ser líder”, afirmou.

Ao jornal O Globo, FHC disse que o correligionário “está começando” e que considerava “prematuro” pensar no nome dele para 2018, “porque ele tem um mês de governo”. O ex-presidente também declarou que “credibilidade não é igual a popularidade”.

Em sua resposta, o prefeito ressaltou respeitar FHC, mas lembrou que o ex-presidente havia errado dois prognósticos sobre ele. “Respeito muito o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, mas eu só me lembro de que ele previu que eu não seria eleito nas prévias para ser candidato pelo PSDB. Apoiou outro candidato, o que não muda minha admiração. Ele mesmo já confessou que, quando comecei campanha para prefeito de SP, acreditava que eu não seria eleito. Venci as duas. Os dois primeiros prognósticos do FHC ele errou”, replicou o prefeito.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Antenor Assis

    Fhc está bem gagázão! Q vá pra mérda!! 😬

    Curtir