Daniel Dias: O maior medalhista da história das Paralimpíadas

Paratleta tem agora 14 medalhas de ouro, sete de prata e três de bronze

A equipe brasileira masculina de natação paralímpica ganhou a medalha de bronze no revezamento 4×100 medley masculino, última competição da natação na Paralimpíadas 2016.

Participaram da equipe os atletas Daniel Dias, Ruan de Souza, André Brasil e Phelipe Rodrigues. Os brasileiros fizeram o tempo de 4:17.51. A medalha de ouro ficou com a equipe da China, que fez o tempo de 4:06.44 e a medalha de prata ficou com os ucranianos, que fizeram um tempo de 4:07.89.

Com a conquista da medalha de bronze pela equipe brasileira, o nadador Daniel Dias tornou-se o maior medalhista da natação paralímpica da história da competição.

A marca de Daniel Dias foi atingida neste sábado com a conquista das medalhas de ouro nos 100 metros rasos S-5 e de bronze no revezamento 4×100 medley masculino. Dias já conquistou 24 medalhas em paralimpíadas. Ele superou o australiano Matthew Cowdrey, que era o recordista com 23 medalhas.

Daniel Dias tem agora 14 medalhas de ouro, sete de prata e três de bronze. O australiano, que agora ocupa a segunda colocação na natação paralímpica, tem 13 medalhas de ouro, sete de prata e três de bronze. Na Rio 2016, o brasileiro subiu ao pódio nove vezes.

(Com Agência Brasil)