Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Crise econômica pauta almoço de Dilma e Lula

Por Daiene Cardoso e Gustavo Porto

São Paulo – A crise econômica internacional, sobretudo a europeia, foi o tema principal da conversa ocorrida no almoço desta sexta entre o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a presidente Dilma Rousseff, e o pré-candidato do PT à Prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad. “A preocupação é com o contexto internacional, mas há confiança de que o País está com espaço para expandir a sua economia e tomar as medidas necessárias, se foram cabíveis”, disse Haddad, após a visita de cerca de 1h30 que os três fizeram à exposição dos painéis “Guerra e Paz”, de Cândido Portinari, no Memorial da América Latina.

De acordo com Haddad, todo o almoço, ocorrido em um restaurante do bairro da Barra Funda, próximo ao Memorial, foi pautado exclusivamente pela crise econômica internacional, principalmente a que atinge vários países da Europa. Segundo o pré-candidato petista, Lula e Dilma discutiram muito sobre a situação de cada país da Europa e sobre o papel dos Brics na solução desta crise. Ainda de acordo com Haddad, foi dito que o Brasil e a China são os protagonistas dos Brics na tentativa de encontrar soluções que possam ajudar a diminuir os impactos desta crise mundial.

Durante a visita à exposição, Haddad esteve próximo de Dilma e de Lula e posou junto com os dois para a foto oficial. Contudo, o pré-candidato petista manteve-se reservado, agindo quase como um coadjuvante. Durante a visita, alunos de três escolas da Capital também estiveram presentes. Enquanto Dilma tirava foto com as crianças, Haddad se manteve longe dos holofotes, no grupo dos ministros e petistas que acompanhavam a comitiva. Ao final da exibição, Lula e Dilma deixaram o local sem falar com a imprensa.