Cármen Lúcia: ‘a Lava Jato não está ameaçada’

Em entrevista ao programa "Conversa com Bial", da Rede Globo, a presidente do STF preferiu não avaliar a situação jurídica do ex-presidente Lula

A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, garantiu que a Lava Jato não corre riscos, mesmo com as recentes revogações de prisões preventivas de condenados em primeira instância pelo juiz Sergio Moro, responsável pela operação em primeira instância.

“A Lava Jato não está ameaçada, não estará. Eu espero que aquilo que cantei como hino nacional a vida inteira, nós do Supremo saibamos garantir aos senhores cidadãos brasileiros, de quem somos servidores: verás que um filho teu não foge à luta”, afirmou a ministra em entrevista ao programa “Conversa com Bial”, da Rede Globo, na madrugada desta quarta-feira.

A descontraída conversa com o apresentador Pedro Bial foi gravada nesta segunda-feira – antes, portanto, da decisão do STF que deu liberdade ao ex-ministro José Dirceu, nesta terça. Na semana passada, o Supremo mandou soltar outros três presos: o pecuarista José Carlos Bumlai, o ex-tesoureiro do PP João Cláudio Genu e o empresário Eike Batista.

A ministra também foi questionada pelo apresentador sobre a possibilidade de o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ser candidato à Presidência em 2018, mas preferiu não avaliar a situação jurídica do petista. A presidente do Supremo afirmou que dependerá da condição de Lula em outras instâncias. “Não há como, abstratamente, dizer isto”, explicou. A ministra ainda afirmou que a legislação eleitoral a ser aplicada em 2018 pode mudar até 16 de setembro.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Miguel Araújo

    Ministra Cármen, teu nome é decepção.

    Curtir

  2. Alexandre Ramos Galvão

    Apenas o Brasil sendo Brasil. Porque toda esta comoção?

    Curtir

  3. Renato Rodrigues

    Carmem Lúcia é a mesma que costurou o acordo com o Renan Calheiros permitindo-o de ficar na Presidência do Senado.. mas fora da linha sucessória.

    Curtir

  4. Não está ameaçada pq já passou da simples ameaça e acabaram com ela já.

    Curtir

  5. Vamos parar de iludir o povo, por favor. É melhor uma verdade ruim do q uma mentira agradável.

    Curtir

  6. Ministra o a senhora vê em servir ao povo ?
    São milhões de desempregado , milhares passando fome , sem educação , sem saúde , sem segurança . O povo brasileiro ministra está sem rumo , sem esperança , o povo brasileiro ministra vive no máximo o hoje porque o amanhã para esse povo não existe ministra . Ahh ministra o que esperar de um Brasil que perplexo com atitudes de sua corte ao soltar pessoas que levaram esse país as ruínas e que se não bastasse estão sorrindo do povo que não é pouco sofrido .
    É ministra , não queremos servidores como vocês !!!

    Curtir

  7. AUGUSTO MARAJÓ

    Está ameaçada, sim ministra. Deixe de devaneios…!

    Curtir

  8. Alvaro Monteiro

    Sou um férreo defensor da Ministra Cármen Lúcia, a quem sempre dediquei minha maior admiração e respeito, mas os fatos que ocorreram nos últimos dias me impedem de concordar com ela. A libertação de quatro réus da Lava Jato nos últimos dias (Bumlai, Janu, Eike Batista e José Dirceu) jogou um balde de água fria em nossas esperanças. Jamais esperaria que estes quatro réus pudessem ser soltos pela mais alta corte do país. O povo brasileiro entendeu, como eu, que o que o juiz Sérgio Moro faz, o STF desfaz, ou seja, Moro prende, Toffoli, Lewandowski e Mendes soltam. Isso criou um clima de total decepção nos brasileiros, que esperavam que ,após a Lava Jato, todos seriam considerados iguais perante a lei. Até agora não está sendo assim!

    Curtir

  9. Olivio Antonio dos Santos

    Até quando tentarão nos enganar?
    O que o STF fez até hoje para coibir os rombos nos cofres públicos, sem qualquer constrangimento?
    Parece que os três poderes trabalham apenas para defender uns aos outros e, que se dane o contribuinte…

    Curtir

  10. Salvo-conduto para corrupção. Troca troca contra a reforma da previdencia

    Curtir