Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ação da PF prende dois ex-governadores do DF e assessor de Temer

Agnelo Queiroz (PT), José Roberto Arruda (PR) e Tadeu Filipelli (PMDB) são acusados de receber propina de esquema que desviou R$ 900 mil em reforma de arena

A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira a Operação Panatenaico, que investiga uma organização criminosa – que incluiria dois ex-governadores do Distrito Federal – suspeita de desviar até 900 milhões de reais em recursos destinados às obras do Estádio Nacional Mané Garrincha, em Brasília, para a Copa do Mundo de 2014.

Os ex-governadores Agnelo Queiroz (PT) e José Roberto Arruda (PR) foram presos nesta manhã pela PF, assim como o ex-vice-governador Tadeu Filipelli (PMDB), que era assessor especial do presidente Michel Temer (PMDB) e foi exonerado em seguida pelo Palácio do Planalto. Também são alvos da operação outros agentes e ex-agentes públicos, construtoras e pessoas apontadas como operadores dos pagamentos de propina.

Orçadas inicialmente em 600 milhões de reais, a reforma do estádio para a Copa custou 1,575 bilhão de reais, fazendo da arena a mais cara do Mundial de 2014, de acordo com a PF.

Em razão da obra ter sido realizada sem estudos prévios de viabilidade econômica, a Terracap, companhia estatal do DF com 49% de participação da União, encontra-se em estado de “iminente insolvência”, segundo a investigação. O nome da operação diz respeito ao Stadium Panatenaico, “sede dos jogos panatenaicos, competições realizadas na Grécia Antiga que foram anteriores aos Jogos Olímpicos”, segundo a PF.

Para recolher elementos que detalhem como operou o esquema criminoso que superfaturou a obra, os cerca 80 policiais envolvidos na operação foram divididos em 16 equipes. Devem ser cumpridos, no total, 15 mandados de busca de apreensão, dez mandados de prisão temporária e três conduções coercitivas.

(com Estadão Conteúdo)

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. jose barbosa

    No mínimo, como o Temer escolhe mal seus assessores. Só por não saber montar uma equipe, já deveria ter saído do cargo para o qual não tem preparo nenhum. Uma vergonha essa sucessão de escândalos envolvendo o desgoverno.

    Curtir

  2. Ninguém vai devolver um centavo, e se devolver, vai sumir também. A Saúde do DF tá um caos, graças a esses senhores. Tomara que a prisão dure muito e renda frutos. Barão na cadeia já é um consolo.

    Curtir

  3. Sergio Augusto

    Agnelo, Arruda, Felippelli, Telma Rufino, Tatico, Liliane, Gin, Agaciel, Paulo Otavio, Tartuce, Vigão , Luiz Estevão, Familia Roriz, Benedito Domingos etc etc etc ………Brasilia alcatraz.

    Curtir

  4. temer é a kara de seus assessores—diga com quem andas direi quem és—-todos bandidos ladrões

    Curtir

  5. Detrito Federal???

    Curtir

  6. Éééé… em tempos de Lava-Jato, se ficar uma horinha fora da rede perde muita novidade…. rsrsrs

    Curtir

  7. O nome do estádio de Brasília é PROPINÃO.

    Curtir

  8. Os políticos de Brasília são eleitos por quem? Eles, em sua maioria, prometem regularização de lotes grilados para a classe média, regularização de puxadinhos ilegais em quadras comerciais e residenciais, entre outras cositas más. Todo mundo sabe que é errado, compra ou constrói e depois espera legalizar. O povo de Brasilia escolhe seus políticos, ou não?

    Curtir

  9. Francisco Martins

    Por que as prisões do ex-vice e do ex desgovernador Parruda foram filmadas e exibidas e a do Arghnello Queixóz não???
    Estão protegendo o PTba por que???
    Consequência da delação “super premiada” dos irmãos açougueiros???

    Curtir