Blogs e Colunistas

03/05/2012

às 12:55 \ pinterest

Queda na audiência do Pinterest revela os desafios da rede

Depois de apresentar crescimento invejável nos primeiros meses de 2012, o Pinterest, espécie de mural virtual de fotos, começou a dar os primeiros sinais de fadiga. Segundo dados divulgados pelo site de métricas não-oficial AppData, o número de usuários da rede caiu 25% em um mês.

Leia também: Fotografia, o motor das redes sociais
Helpdesk: Aprenda a usar o Pinterest

De acordo com o serviço, que analisa a interação de aplicativos conectados ao Facebook (para usar o Pinterest é necessário possuir uma conta no Facebook ou no Twitter), em abril, 8,3 milhões de usuários acessaram o site de imagens por meio da rede social, ante 11,3 milhões em março. A queda, contudo, é natural.

Ainda que tenha se tornado, em março, a terceira rede social de maior popularidade nos Estados Unidos, com 104 milhões de visitas únicas – atrás apenas de Facebook (7 bilhões) e Twitter (182 milhões) –, o Pinterest ainda parece viver, em boa medida, de visitantes que estiveram no site como meros observadores. Por pura curiosidade, criaram perfiis, visitaram a página em algumas oportunidades, mas se voltaram novamente a outras plataformas.

O Pinterest, portanto, não conseguiu reter a atenção total do usuário por culpa de seu próprio ecossistema. Por ora, terá dois caminhos a trilhar. Ou amplia a oferta de formatos de conteúdo oferecidos a seus usuários, tornando-se, quem sabe, um gigante a competir com Facebook, ou segue na atual trilha, atendendo necessidades específicas de seu público, apaixonado por organizar o mundo à moda dos antigos quadros de cortiça, em que eram pregados fotos e anotações.

Foto: ThinkStock.

Deixe o seu comentário

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

» Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

1 Comentário

  1. Leandro Mello

    -

    06/05/2012 às 14:36

    Acreditando que o facebook abriu espaço para novas redes sociais, o pinterest é uma rede que pode melhorar a forma de interação com as imagens junto com instagran que é uma rede voltada para fotografia.

    vejo que se for descoberto uma maneira de interagir pelas fotografias com ferramentas de ediçao é provavel que se transforme em um boom das redes socias, visto que o facebook já esta ficando cansativo pelos repertótis de postagem compartilhadas por redes de humor e noticias. acho que fugiu da proposta de perfil de usuário para usuário e esta se transformanda em uma rede poluida.

    O pinterest poderia começa a refletir neste diferencial proporcionando uma interatividade mais cultural e bloqueando réplicas; o que vai tornar uma rede menos poluente e cansativa.

    Leandro Mello.

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados