Blogs e Colunistas

marcinho vp

28/11/2010

às 18:56

Apreendida espada usada para torturar inimigos

Foto: Cecília Ritto

Entre as muitas armas apreendidas no Complexo do Alemão, uma em especial chama atenção dos policiais: uma espada aparentemente decorativa, mas que a polícia acredita ter sido usada como instrumento para torturar inimigos e mutilar vítimas. O material estava no Largo do Coqueiro. Traficantes do Alemão, como Zeu, preso mais cedo, e Elias Maluco, que foi levado do presídio de Catanduvas para outra unidade federal, em Porto Velho, torturaram e mataram o jornalista Tim Lopes, da Rede Globo.

(Por Cecília Ritto, do Rio de Janeiro)

No blog VEJA Acompanha, outras notícias sobre a onda de terror no Rio.

27/11/2010

às 13:30

Polícia fecha o cerco a parentes de traficantes

A polícia fechou o cerco a familiares e pessoas ligadas aos traficantes no Rio de Janeiro. A ação é mais um passo na estratégia de sufocar o narcotráfico. Neste sábado, a Polícia Civil cumpre cinco mandados de busca e apreensão e oito mandados de prisão. Pela manhã, Viviane Sampaio, mulher do traficante Alexander Mendes da Silva, o Polegar, que comanda o crime no morro da Mangueira, e a tia dele, Lúcia Maria Souza Melo, foram presas acusadas de lavagem de dinheiro.

Viviane estava em seu apartamento, na Barra da Tijuca, e Lúcia em Jacarepaguá, bairros da zona oeste da capital. Elas foram levadas para a 9ª Delegacia de Polícia. A mulher do traficante tinha imóveis e carros em seu nome. Em seu apartamento havia computadores e eletrodoméstico de última geração, como uma geladeira que custa cerca de 10.000 reais. Polegar foi condenado a 22 anos de prisão, mas está foragido.

A polícia ainda procura Janival Jerônimo da Silva, pai de Viviane. Também está sendo procurada a mulher do traficante Dinho Porquinho, Paula Fernanda Vieira, e a mãe dela, Rosemar Vieira da Silva. Beatriz da Silva Costa de Souza, apontada como amante do traficante Márcio dos Santos Nepomuceno, o Marcinho VP, também teve a prisão decretada.

O chefe da Polícia Civil, Alan Turnowsky, destaca que essas ações demonstram um planejamento minucioso da Secretaria de Segurança na guerra contra o tráfico. O planejamento da ocupação do Complexo do Alemão foi feito dentro de um conjunto de ações, inclusive de inteligência. Em entrevista à TV Globo, Turnowsky acentuou a estreita colaboração entre a Polícia Civil e a Polícia Militar, quebrando um histórico de grandes dificuldades em qualquer trabalho conjunto. “É um exemplo de ação bem planejada”, disse Turnowsky.

Operação - Na noite de sexta-feira, Márcia Gama Nepomuceno, mulher de Marcinho VP, foi presa acusada de lavagem de dinheiro. Assim como os outros membros da família, Márcia teve todos os seus bens bloqueados judicialmente.

No final da noite de sexta, três advogados de Marcinho VP também foram presos, acusados de associação ao tráfico. Eles teriam recebido e repassado instruções dos traficantes – na época, presos no presido federal de Catanduvas, no Paraná – para que os ataques fossem intensificados.

VP e Elias Pereira da Silva, o Elias Maluco, foram transferidos na quarta-feira do presídio federal de Catanduvas (PR) para Porto Velho (RO). No mesmo dia, oito traficantes do Rio saíram de Bangu (na zona oeste da cidade) rumo a Catanduvas. Ontem, nove presos acusados de atear fogo em veículos foram levados também para o Paraná. A transferência é fruto de parceria das Justiças dos governos estadual e federal.

No blog VEJA Acompanha, outras notícias sobre a onda de terror no Rio.

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados