Blogs e Colunistas

Steven Spielberg

29/03/2011

às 17:03 \ Trailers

Preview e Entrevistas – Falling Skies – 1ª Temporada

A série produzida por Steven Spielberg tem previsão de estreia nos EUA para o dia 19 de junho; no Brasil, a série deve estrear pela TNT no dia 27 de junho. Fotos, cartaz e informações aqui.

Criada por Robert Rodat, de “O Resgate do Soldado Ryan”, com base em uma ideia de Steven Spielberg, a série é produzida pela DreamWorks Television para o canal TNT.

Na história, seis meses após a invasão alienígena ao planeta Terra, que se encontra devastado, sobreviventes tentam se organizar para retomar o controle do planeta.

No elenco estão Noah Wyle, Moon Bloodgood, Will Patton, Drew Roy, Sarah Carter, Colin Cunningham, Seychelle Gabriel, Connor Jessup, Maxim Knight, Mpho Koaho e Peter Shinkoda, entre outros.

06/01/2011

às 11:30 \ Séries Anos 2010-2019

Primeiras Fotos de Terra Nova, Série de Steven Spielberg

A série foi encomendada pelo canal Fox americano sem ter um episódio piloto produzido para avaliação. Levando-se em conta os altos custos da produção, a Fox deu um verdadeiro tiro no escuro, apoiando-se na fama de Spielberg. Foram encomendados 13 episódios para a primeira temporada, que ainda não tem data definida para estreia.

“Terra Nova” é uma produção que explora o tema da viagem no tempo, com efeitos especiais criados pela mesma equipe do filme “Avatar”. A história, escrita por Kelly Marcel e Craig Silverstein (Bones), foi originalmente oferecida a canais britânicos.

Sem conseguir vender o projeto, Kelly Marcel ofereceu a série à CBS americana. Mas o canal, que se dedica mais às produções policiais, rejeitou o projeto. “Terra Nova” acabou ‘nas mãos’ da Fox, mais aberta a esse gênero de seriado. A série foi anunciada em maio de 2010.

A produção é de Steven Spielberg em parceria com Peter Chernin e Brannon Braga, da franquia de “Jornada nas Estrelas” e de “FlashForward”, pela Fox e Chernin Entertainment.

O enredo divulgado lembra muito o episódio “Todos os Nossos Ontens”, de “Jornada nas Estrelas”, série clássica, com ‘pitadas’ de “Perdidos no Espaço”.

No ano de 2149 D.C. a Terra está a caminho da destruição. Buscando uma forma de salvar a humanidade, um grupo de cientistas consegue abrir uma fissura no tempo e no espaço contínuo, criando um portal para o passado do planeta.

Voltando no tempo, a humanidade poderá ser salva e até corrigir os erros que foram cometidos. Entre os primeiros colonos a fazerem a viagem no tempo está a família Shannon e o Comandante Frank Taylor.

O grupo atravessa o portal chegando na era  pré-histórica onde passará a viver em um ambiente quase hostil cercado por dinossauros. Mas, sem que saibam, nessa época, o planeta está ameaçado de destruição por forças ‘alienígenas’.

No elenco estão Jason O’Mara, de “Life on Mars”, versão americana, Shelley Conn, de “Strike Back”, Stephen Lang, do remake de “O Fugitivo”, Landon Liboiron, de “Life Unexpected”, Allison Miller, de “Kings”, Naomi Scott e Alana Mansour, entre outros.

27/12/2010

às 18:42 \ Séries Anos 2010-2019, Trailers

Preview de Falling Skies, Nova Série de Steven Spielberg

O canal TNT americano agendou a estreia da série para o mês de junho. A data exata ainda não foi definida. A produção de “Falling Skies” foi anunciada em janeiro. Criada por Robert Rodat, do filme “O Resgate do Soldado Ryan”, com base em uma ideia de Spielberg, a direção ficou a cargo de Carl Franklin, ator de “Viagem Fantástica”, que atualmente trabalha como diretor. Em seu currículo estão episódios de “Roma”, “The Riches” e “The Pacific”.

Na história, os alienígenas invadiram a Terra e a maior parte da população humana foi dizimada. O destino do que restou da humanidade está nas mãos de grupos da resistência. Estrelada por Noah Wyle, de “Plantão Médico”, Moon Bloodgood, de “Journeyman”, Drew Hoy, Maxim Knight, Seychelle Gabriel e Will Patton. Produção da DreamWorks Television. A primeira temporada tem 10 episódios encomendados.

01/11/2010

às 12:41 \ Desenhos, Versão Cinematográfica

Primeiras Fotos da Versão Cinematográfica de Tintin

A revista Empire publicou as primeiras fotos da nova versão cinematográfica de “As Aventuras de Tintin”, prevista para estrear nos cinemas em dezembro de 2011. Dirigida por Steven Spielberg, com roteiro de Steven Moffat (Doctor Who e Sherlock), Edgar Wright e Joe Cornish, a produção tem como base as histórias em quadrinhos criadas pelo belga Georges Remi, sob o pseudônimo de Hergé, em 1929.

Com distribuição da Paramount em parceria com a Columbia Pictures, a versão cinematográfica é composta de três filmes com base nas histórias de Hergé: “The Crab with the Golden Claws”, “The Secret of the Unicorn” e “Red Rackham’s Treasure”. O primeiro filme será “As Aventuras de Tintin: O Segredo do Unicórnio”, filmado com atores, que ganharam versão animada por CGI com exibição em 3D.

Na história, quando Tintin (Jamie Bell, que substituiu Thomas Sangster), encontra-se pela primeira vez com o Capitão Haddock (Andy Serkis), descobre uma pista que os levarão ao tesouro de Sir Francis Haddock, um ancestral do capitão. Com a ajuda dos detetives Thompson e Thomson (Simon Pegg e Nick Frost), o grupo parte em busca do tesouro. No elenco também estão Daniel Craig, Tony Curran, Toby Jones, Gad Elmaleh, Mackenzie Crook.

Desde 1983, quando comprou os direitos de produção do filme, que Spielberg tenta levar Tintin novamente aos cinemas. Não conseguindo na época, o diretor renovou seu contrato em 2002, com a Fundação Hergé. A produção, através da Amblin Entertainment, teve início em 2008.

Publicado pela primeira vez em 1929 em um caderno infantil do jornal belga Le XXe Siècle, “As Aventuras de Tintin” transformou-se rapidamente em um clássico que viajou pelo mundo. Chegou aos cinemas pela primeira vez em 1947, com a produção de “The Crab with the Golden Claws”, animação belga em stop motion, dirigida por Claude Misonne.

Em 1961 ganhou sua primeira versão com atores, com “Tintin and the Golden Fleece”, produção francesa com Jean-Pierre Talbot como Tintin. O sucesso levou à produção de um novo filme em 1964, com o título de “Tintin and the Blue Oranges”, estrelado pelos mesmos atores. Em 1969, Tintin voltou aos cinemas em versão animada, produzida pela Bélgica, em parceria com a França e a Suíça: “Tintin and the Temple of the Sun”. Em 1970 foi produzido um curta metragem com o título de “Tintin et la SGM”.

A última versão cinematográfica de “As Aventuras de Tintin” foi em 1972, com uma nova produção animada, francesa. “Tintin and the Lake of Sharks” trazia um roteiro original que posteriormente foi publicado no formato história em quadrinhos.

Tintin chegou à televisão em 1958, com a produção de uma série animada sob o título de “Hergé’s Adventures of Tintin”, produzida pela Belvision. Foram 104 episódios de cinco minutos exibidos até 1962. Com adaptação de Charles Shows, a série não chegou a conquistar a crítica por apresentar uma animação precária e histórias originais.

Entre 1991 e 1992, a francesa Ellipse, em parceria com a canadense Nelvana e a HBO americana, produziu a última versão do personagem para a TV. “The New Adventures of Tintin” adaptou 21 histórias publicadas nos quadrinhos. A série animada foi fiel ao original também no visual. Esta é a versão que foi lançada em DVD no Brasil pela Focus.

Cliquem nas imagens para ampliar.

24/08/2010

às 9:34 \ Pilotos de Séries

HQ do Filho de Stephen King é o Novo Projeto de Spielberg

O diretor Steven Spielberg acrescentou mais um projeto à sua lista de séries em desenvolvimento para a TV pela produtora DreamWorks. Trata-se de “Locke & Key”, projeto com base nas histórias em quadrinhos criadas por Joe Hill (Joseph Hillstrom King), filho do escritor Stephen King.

A HQ foi lançada em 2008, pela IDW Publishing, com três histórias narradas em seis edições cada. Na primeira, após a morte do pai, os irmãos Tyler, Kinsey e Bode Locke mudam-se com a mãe para uma antiga casa em Massachusetts, que possui poderes sobrenaturais. Na casa, Bode encontra uma passagem que o leva a outros lugares, dando-lhe o poder de separar seu espírito do corpo.

No mesmo ano de seu lançamento, a história foi comprada pela Dimension Films, que planejava lançá-la no cinema. Mas, segundo o jornal New York, o projeto está agora sendo desenvolvido para o formato seriado de televisão. Uniram-se a Spielberg os produtores Alex Kurtzman e Roberto Orci, ambos de “Fringe” e o remake de “Havaí 5-0″, bem como do filme “Star Trek”, que têm contrato com a 20th Century Fox para desenvolver novas séries. A adaptação da história está a cargo do roteirista Josh Friedman, de “Terminator: The Sarah Connor Chronicles”.

O projeto ainda não tem um canal envolvido ou um piloto encomendado.

Na lista de Steven Spielberg estão as seguintes séries em desenvolvimento ou prontas para estrear: “Falling Skies”, “Under the Dome“, “Nine Lives“,   “The Talisman“, “Terra Nova” e um projeto sobre os bastidores de uma montagem musical para o Showtime. Spielberg também tem um projeto de levar a série “Duro na Queda” para o cinema.

01/07/2010

às 23:52 \ ComicCon, Séries Anos 2010-2019

Falling Skies, Nova Série de Steven Spielberg

O projeto de “Falling Skies” foi divulgado em janeiro quando a TNT anunciou a encomenda dessa nova produção de Steven Spielberg. A série deverá estrear na TV americana por volta de julho de 2011, mas os organizadores da Comic Con já divulgaram que a produção terá presença na convenção que ocorre entre 22 e 25 de julho.

A série traz roteiro de Robert Rodat, do filme “O Resgate do Soldado Ryan”, com base em uma ideia de Spielberg. A direção do episódio piloto é de Carl Franklin, conhecido por seu trabalho como ator na série dos anos 70, “Viagem Fantástica”. Atualmente, Carl vem realizando vários trabalhos como diretor, entre eles episódios de “Roma”, “The Riches” e “The Pacific”.

Estrelada por Noah Wyle, de “Plantão Médico/ER”, a série da DreamWorks em parceria com a TNT apresenta um universo muito parecido com o que temos no remake de “V”.

Na série, os alienígenas invadiram a Terra e a maior parte da população humana foi dizimada. O destino do que restou da humanidade está nas mãos de grupos da resistência. Noah interpreta um ex-professor que agora é líder de um grupo formado por soldados e civis, em luta contra a ocupação.

No elenco também estão Moon Bloodgood (Journeyman), interpretando Anne, uma terapeuta que cuida das crianças traumatizadas com a situação; e ainda Drew Hoy (Hal), Maxim Knight (Matt), Seychelle Gabriel (Lourdes) e Will Patton, como um dos líderes da resistência.

A produção terá um painel na Comic Con no dia 23 de julho, o qual contará com as presenças dos atores Noah Wyle e Moon Bloodgood, além do roteirista e produtor executivo Mark Verheiden (“Heroes” e “Battlestar Galactica”).  Espera-se que um clip promocional seja exibido durante o painel. Confira a programação parcial do evento aqui.

Além de “Falling Skies”, Spielberg também está preparando as séries e minisséries “Under the Dome“, “Nine Lives“, “Future Earth”,  “The Talisman“, “Terra Nova” e um projeto sobre os bastidores de uma montagem musical para o Showtime. Sendo que “United States of Tara” também é sua. O diretor, que ficou famoso com filmes de aventura no cinema, iniciou carreira dirigindo episódios de “Galeria do Terror” e “Marcus Welby”.

(por: Fernanda Furquim)

Atualização de Elenco e Produção

- A série “Terra Nova“, de Steven Spielberg, terá três produtores da cancelada “24 Horas” em sua equipe, que até o momento totaliza 11 profissionais: Jon Cassar, que também será um dos diretores; Brandon Braga e David Fury. A produção da Dreamworks em parceria com a Kapital Entertainment e Chernin Entertainment tem 13 episódios iniciais encomendados, com previsão de estreia nos EUA para o primeiro trimestre de 2011. Até o momento, apenas o ator Jason O’Mara, do remake de  “Life on Mars”, está confirmado em seu elenco.

- Jordana Spiro deixou o elenco da série “Love Bites“, nova produção da NBC com previsão de estreia para a próxima temporada americana. A atriz tinha participado do episódio piloto sem saber se sua série na TBS, “My Boys”, seria renovada para uma quinta temporada. A decisão ainda não foi tomada, mas parece que a NBC não terá tempo de esperar para saber se poderá contar ou não com a atriz. Ainda não há informações sobre uma substituição ou eliminação de sua personagem na série. O mesmo motivo leva o ator Kyle Howard a deixar o elenco da sitcom “Perfect Couple“.

- Janeane Garofalo está negociando sua participação no elenco da spinoff (série originada de outra) “Criminal Minds: Suspect Behavior“.  Se o acordo for fechado, a atriz, vista recentemente em “24 Horas”, interpretará uma das agentes da equipe de Sam Cooper (Forest Whitaker), personagem introduzido na série “Criminal Minds” no episódio “The Fight“.

- David Strathairn, do filme “Boa Noite, Boa Sorte”, está em negociações para estrelar o piloto de “Alphas“, projeto de série do canal SyFy, a ser dirigido por Jack Bender, que já tem Ryan Cartwright (visto em “Bones” e “Mad Men”) no elenco. Criado Berman Braun, Zak Penn e Michael Karnow, a história gira em torno de um grupo de pessoas com habilidades mentais fora do comum, que são recrutadas para realizar missões nas quais a CIA, o FBI e o Pentágono falharam. O personagem de Strathairn seria o do chefe da equipe; um excêntrico professor nas horas vagas que se revela um hábil manipulador de regras. Já o personagem de Cartwright será o de um dos membros da equipe diagnosticado como autista, o que lhe dá a capacidade de decifrar transmissões eletrônicas.

(por: Fernanda Furquim)

17/05/2010

às 3:34 \ Séries Anos 2010-2019

Fox Encomenda Terra Nova, de Steven Spielberg

O canal Fox encomendou 13 episódios iniciais da nova série de Steven Spielberg, “Terra Nova”, produção que irá explorar o tema da viagem no tempo, com efeitos especiais criados pela equipe do filme “Avatar”.

A série foi criada por Kelly Marcel e Craig Silverstein, de “Bones”, com base em uma ideia da britânica Kelly Marcel, que tentou vendê-la para canais da Inglaterra. Sem sucesso, ela levou o projeto para os EUA, o qual chegou a ser cotado pela CBS. A produção é de Spielberg em parceria com Peter Chernin e Brannon Braga, da franquia de “Jornada nas Estrelas” e da recém cancelada “FlashForward”, pela Fox e Chernin Entertainment.

No ano de 2149 D.C. a poluição, a superpopulação, o desgaste dos recursos naturais e a extinção de animais e plantas levam o planeta à destruição. Um grupo de cientistas, buscando uma forma de salvar a humanidade, conseguiu abrir uma fissura no tempo e no espaço contínuo, criando um portal para o passado do planeta. Voltando no tempo, a humanidade poderá ser salva e até corrigir os erros que foram cometidos.

É criado então o projeto Terra Nova, no qual colônias de humanos pré-selecionados através de uma loteria de abrangência global, serão enviados de volta no tempo. Entre os primeiros a fazerem parte dessa aventura está a família Shannon, formada pelos pais, Jim e Elisabeth, médica cirurgiã, o filho Josh, que precisa deixar a namorada para trás; e ainda a filha Maddy, jovem adolescente com problemas de se relacionar com figuras autoritárias. Também faz parte do grupo o Comandante Frank Taylor, que se tornou o primeiro a atravessar o portal quando este estava em fase de testes.

Pensando encontrar no passado um verdadeiro paraíso onde a água é fresca, o céu é azul e a comida é de verdade, o grupo atravessa o portal chegando na era  pré-histórica onde passará a viver em um ambiente quase hostil cercada por dinossauros. Para piorar a situação da família, nessa época, o planeta está sendo ameaçado por forças externas que planejam destruí-lo antes que a civilização tenha a oportunidade de se formar. Enfrentando os perigos externos, a família ainda precisa lidar com as diferenças de opiniões e comportamentos que surgem em função do ambiente em que agora estão inseridos.

“Jornada nas Estrelas”

Além da série “Perdidos no Espaço”, na qual temos uma família selecionada para explorar o espaço na companhia de um astronauta, o enredo de “Terra Nova” me remete ao episódio de “Jornada nas Estrelas”, clássica, que recebeu o título de “Todos os Nossos Ontens/All Our Yesterdays”. Na história, escrita por Jean Lisette Aroeste, a tripulação da Enterprise chega ao planeta Sarpeidon, o qual está prestes a ser destruído por uma supernova.

Kirk, Spock e McCoy descem ao planeta para alertá-los e ajudá-los na evacuação. Eles, então, descobrem que a população já foi evacuada por Atoz, que utilizou uma espécie de máquina do tempo, levando-os ao passado da história do próprio planeta, registrado em imagens e armazenados em discos. Inadvertidamente, enquanto assiste alguns desses discos, o trio atravessa o portal, sendo levados a diferentes épocas. Kirk cai em um período equivalente ao Século XVI, onde é julgado por bruxaria, enquanto que Spock e McCoy chegam na Idade do Gelo, cinco mil anos no passado de Sarpeidon. Nessa época, os vulcanos eram bárbaros, levando Spock a agir como um ser ‘pré-histórico’…ao menos, na concepção dos vulcanos.

Por curiosidade, cito aqui algumas produções que trabalharam com a viagem no tempo até a pré-história: “O Elo Perdido/Land of the Lost”,”Os Astronautas/It’s About Time” e o desenho animado “O Vale dos Dinossauros”, da Hanna-Barbera, são os que me vêm à cabeça no momento.

“Terra Nova” não chegou a ter um episódio piloto produzido, para ser avaliado, em função do custo em se erguer os cenários para depois desmontá-los…e reergue-los caso a série fosse produzida. Assim sendo, a Fox decidiu encomendar 13 episódios de uma só vez confiando no projeto e nos nomes envolvidos. As filmagens terão início por volta de julho no Havaí, mas ainda não há nenhum ator contratado para o elenco principal. Kyle Chandler, de “Friday Night Lights” e “Early Edition”, teria recusado o convite. Em função disso, a série não tem previsão de estreia. Poderá ser na midseason (início do ano que vem) ou na grade de verão (no meio do ano que vem).

Ao todo, são sete novas produções seriadas que estreiam pela Fox americana. Além de “Terra Nova”, teremos “Ride-Along”, “Raising Hope (ex-”Keep Hope Alive”), “Lonestar”, “Mixed Signals” (ex-”Traffic Lights”) e “Running Wilde”. Tem ainda um desenho animado chamado “Bob’s Burgers”, sobre o qual falarei mais tarde.

TNT Renova Leverage e Encomenda Três Novas Séries

O canal TNT americano tornou oficial a renovação de “Leverage“, estrelada por Timothy Hutton, para uma terceira temporada, a qual fará companhia à “Men of a Certain Age“, “Hawthorne“, ambas já renovadas para uma 2ª temporada, e à três novas produções que receberam encomendas de 10 episódios cada para serem transformadas em séries.

A primeira nova produção é “Delta Blues“, série produzida por George Clooney e Grant Heslov. Criada por Liz Garcia, de “Cold Case”, e “Joshua Harto, a história gira em torno de Dwight (Jason Lee, de “My Name is Earl”), um policial de Menphis que ainda vive com a mãe (Celia Weston). Nas horas vogas, Dwight gosta de personificar seu ídolo, o cantor Elvis Presley. Também no elenco estão Alfre Woodard, de “Three Rivers”, Robyn Lively, de “Saving Grace”, Sam Hennings, Abraham Benrubi, de “Plantão Médico”, D. J. Qualls e Leonard Earl Howze. A previsão de estréia é para o final deste ano.

Outra série policial encomendada pela TNT é “Rizzoli & Isles“, que tem como base os livros escritos por Tess Gerritsen sobre a detetive de polícia Jane Rizzoli (Angie Harmon, de “Law & Order” e “Women’s Murder Club”) que, com a ajuda da médica legista, Maura Isles (Alexander, de “NCIS”), solucionam casos na cidade de Beantown. Também no elenco estão Lorraine Bracco, de “A Família Soprano”, em participações semi-regulares; Bruce McGill, de “Profissão: Perigo/MacGyver”, Lee Thompson Young, visto em “FlashForward”, Jordan Bridges e Billy Burke. A adaptação para a TV é de Janet Tamaro, com previsão de estréia é para o final deste ano.
 

A terceira série encomendada pelo canal ainda não tem tíulo, mas já é antecipada pela mídia e pelos fãs porque é produzida por Steven Spielberg e gira em torno de invasão alienígena. Criada por Robert Rodat, do filme “O Resgate do Soldado Ryan”, a história apresenta a Terra invadida por alienígenas, que dizimaram grande parte da população; agora, grupos de resistências se formam para combater os invasores. A série é estrelada por Noah Wyle, de “Plantão Médico/ER”, que interpreta um líder de um dos grupos da resistência. Também no elenco estão Moon Bloodgood, Jessy Schram, Drew Roy, Maxim Knight e Seychelle Gabriel. A direção do episódio piloto é de Carl Franklin, ator da série “Viagem Fantástica/Fantastic Journey”, lembram? A estréia está prevista para 2011.

Novos Projetos e Pilotos – Parte 13

Antes de dar início às informações sobre os projetos que estão em desenvolvimento na TV americana e inglesa, segue uma lista de títulos já divulgados aqui que ganharam a encomenda de pilotos. O link que aparece nos nomes levam às postagens nas quais demos informações sobre os projetos.

Pilotos Encomendados

A produção dos pilotos de “Mr. Sunshine“, de Matthew Perry, e de “Awkward Situations for Men” já foram mencionadas, mas ficam as referências nesta postagem. Além deles a ABC também encomendou a produção dos pilotos de “Women Are Crazy, Men Are Stupid“; “Cutthroat“, produzida por Michele Fazekas e Tara Butters, de “Reaper”, dramédia sobre uma mãe ambiciosa que comanda seu próprio cartel de drogas nas ruas de Beverly Hills; “Generation Y“, versão americana da escandinava “God’s Highway”, que em narrativa documental gira em torno de um grupo de pessoas que tem suas vidas apresentadas no presente e no passado, o qual é mostrado em flashbacks de 10 anos atrás quando ainda estavam no colégio construindo seus sonhos. A adaptação do roteiro é de Noah Hawley, de “The Unusuals”.

Outros pilotos encomendados são “Off the Map“, de Jenna Bans com produção de Shonda Rhimes, de “Grey’s Anatomy”, que gira em torno de três médicos em início de carreiras que trabalham em uma clínica situada em um isolado paraíso tropical. “Body of Evidence“, de Chris Murpehy, sobre uma neurocirurgiã que se torna médica legista; “Leap Frogs“, de Shana Goldberg-Meehan, de “Friends”, com produção da Warner, sobre a vida de dois casais: um deles vivendo uma longa relação estável e sem filhos, o outro, um casal que se uniu às pressas em função de uma gravidez inesperada.

Tem também “The Whole Truth“, de Tom Donaghy com produção de Jerry Bruckheimer, que gira em torno de casos jurídicos apresentados sob o ponto de vista do advogado de defesa e do promotor, deixando o público na expectativa do veredito até o último minuto. Esta nova informação sobre o enredo me faz pensar que a série pode ser um remake não autorizado de “Os Defensores/The Defenders”, clássico dos anos 60.

Pela Fox foram encomendados os pilotos de uma série sem título definido ainda, criada por Adam Goldberg, direção de Seth Gordon, e produção da Sony que gira em torno de um jovem gênio que atua como hacker de computadores; “Ridealong“, de Shawn Ryan”; “Midland“; “Strange Brew“, de David Kohan e Max Mutchnick, de “Will & Grace” com produção da Warner, sobre uma família que tem uma cervejaria; “Happy Endings“, de David Caspe, comédia sobre noivos que decide cancelar o casamento no momento em que estão no altar. Agora eles e seus amigos em comum precisam decidir como manter a amizade intacta.

“Walking Dead”

O canal também encomendou o piloto de “Nevermind Nirvana“, criada por Ajay Sahgal, marido de Kelli Williams, de “Lie to Me”, que tem como base a vida do autor. Trata-se de uma comédia sobre o choque de geração e cultura entre dois irmãos indianos e seus pais, bem como a relação de um dos irmãos com uma mulher americana branca. Esta é a terceira tentativa de transformar o projeto em série de TV. A primeira ocorreu em 2003 pela NBC quando um piloto tinha o título de “Nearly Nirvana”, estrelado por Kal Penn e Judy Greer com direção e produção de David Schwimmer, de “Friends”. O piloto não foi aprovado pelo canal que decidiu mudar o elenco, substituindo Kal Penn pelo autor da série, Ajay Sahgal.

A Fox ainda está enfrentando problemas com “The Station“, projeto “vai-e-vem” criado por Ben Stiller, que está desde 2008 em desenvolvimento com a Fox. O projeto foi transformado em piloto, mas recentemente surgiu a notícia de que a produção terá que refilmar algumas cenas para substituir dois atores por Carla Gallo e Jose Zuniga que se unem ao elenco Justin Bartha, John Goodman, Rob Huebel e Jordan Peele.

Para a próxima temporada, a Fox tem planos de transformar em séries de TV  8 dramas e 10 comédias, vamos ver o que sai disso.

Pela CBS foram encomendados os pilotos de “The Odds“, de Jeff Wadlow e Joel Silver com produção da Warner, gira em torno de policiais em Las Vegas que cometem tantos crimes quanto os bandidos que prendem.

Pela NBC, já tinha sido divulgada a produção de um piloto para avaliação de uma nova série criada por Thomas Lennon e Robert Ben Garant, de “Reno 911″. Na época não tínhamos o título ou o enredo que é “The Strip“, sobre um ex-ator mirim (Lennon) que agora é dono de um restaurante stripper em Las Vegas.

O canal a cabo AMC também fez sua encomenda dos pilotos de “Walking Dead“, de Robert Kirkman; e de “The Killing“, versão americana da série dinamarquesa chamada “Forbrydelsen”, que gira em torno da vida de três pessoas que são ligadas pela investigação de um assassinato. A adaptação do roteiro está a cargo de Veena Sud.

Projetos em Desenvolvimento

Alan Ball, que atualmente trabalha com “True Blood”, está desenvolvendo um novo projeto de série provavelmente para a HBO, com base no livro de Charlie Huston chamado “The Mystic Arts of Erasing All Signs of Death“, que gira em torno de Webster Fillmore Goodhu, um ex-professor que agora trabalha como o homem da limpeza em cenas de crimes.

No Showtime, o projeto de Steven Spielberg ainda sem título que irá apresentar os bastidores de montagem de um espetáculo musical ganhou a participação da veterana Theresa Rebeck, de “Nova Iorque Contra o Crime, “Nos Bastidores da Lei” e “Law & Order: Criminal Intent”, que ficará responsável pelo roteiro. Theresa foi escolhida para ser a roteirista, em função de sua peça, “The Understudy”, atualmente em cartaz off-Broadway, e estrelada por Julie White e Mark-Paul Gosselaar. As músicas serão compostas por Marc Shaiman e Scott Wittman.

Já a produtora independente Summit Entertainment, de “Crepúsculo”, anunciou que está desenvolvendo a versão para a TV do filme “Heróis/Push“, em parceria com a inglesa E1 Entertainment Television. Trata-se de uma continuação da história que gira em torno de pessoas com poderes paranormais, as quais se unem para derrubar uma agência corrupta mantida pelo governo. O roteiro está a cargo de David Hayter, de “Watchmen”, com base no roteiro de David Bourla, para o filme. O projeto ainda não tem um canal definido, mas será oferecido a vários países, incluindo os EUA e Canadá, bem como lançamentos direto em DVD.  A produtora E1 também está envolvida com “Haven“, projeto com base no livro de Stephen King, “The Colorado Kid”, para o SyFy, e as séries “Hung”, em produção e exibição pela HBO; e “Copper“, da ABC americana e CanWest do Canadá.

Piloto dos anos 70, “The Questor Tapes”

Outra produção independente é “The Questor Tapes“, com base em roteiro de Gene Roddenberry, o qual chegou a ser transformado em piloto nos anos 70. A produção está a cargo da Roddenberry Productions, sobre o comando de Rod Roddenberry, filho de Gene e da atriz Majel Barrett, ambos falecidos. A Imagine Television, de Ron Howard também está envolvida no projeto, que será oferecido aos canais americanos.

A história gira em torno de um andróide que está em busca de seu criador. O piloto dos anos 70, estrelado por Mike Farrell, de “Mash”, e Robert Foxworth, chegou a ser exibido em 23 de janeiro de 1974, conquistando a indicação ao prêmio Hugo de ficção científica. Com a recepção, a NBC decidiu produzir a série, encomendando 13 roteiros; mas o canal pediu mudanças na narrativa que transformariam a série em uma produção de super-herói. Assim, alegando diferenças criativas, Roddenberry cancelou a produção dos roteiros.

Pela AMC está em desenvolvimento o projeto de uma minissérie com base em escândalo político ocorrido na década de 1920. “Black Gold: The Teapot Dome Scandal” gira em torno da manipulação de uma empresa do ramo de petróleo que orquestrou a eleição do Presidente Warren G. Harding. O roteiro da minissérie é assinado por Kirk Ellis, de “John Adams”, com base na obra não ficcional de Laton McCartney.

Daniel Craig e Mark Strong na minissérie dos anos 90 “Our Friends in the North”

Na Inglaterra

A BBC1 encomendou junto à Kudos Film and Television a produção de 8 episódios iniciais de “Outcasts“, título provisório, criada por Ben Richards que gira em torno de um grupo vivendo em outro planeta no ano pós-apocalíptico de 2040, onde enfrentam problemas de abastecimento, problemas sociais e ideológicos. As filmagens serão feitas na África do Sul, com estréia prevista ainda para este ano.

Já a BBC2 prepara um remake de seu sucesso dos anos 90, a minissérie “Our Friends in the North”, que girava em torno de 4 amigos da cidade de Newcastle vivendo suas vidas ao longo de 30 anos, entre 1965 e 1995, abrangendo questões pessoais, sociais e políticas.

A primeira versão que teve 9 epiódios produzidos, foi um dos grandes sucessos de público e de crítica dos anos 90, lançando as carreiras dos atores Daniel Craig, atualmente o James Bond do cinema; e Christopher Eccleson, o primeiro “Doctor Who” da fase atual da série. A nova versão terá o título de “White Heat“, assinada por Paula Milne, e seguirá um grupo diferente de personagens a partir do ano de 1965.

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados