Blogs e Colunistas

Flesh

Novos Projetos: EUA, Inglaterra, Canadá e África

Enquanto o público prepara-se para desfrutar da nova temporada americana que teve início esta semana, produtores e canais de TV se organizam para definir novos projetos.

No Canadá por exemplo, a Brightligh Pictures confirmou que irá produzir o piloto de uma nova série com o personagem Simon Templar, mais conhecido como “O Santo“. A série dos anos 60 estrelada por Roger Moore, foi um dos maiores sucessos do canal ITV inglês, chegando a ter uma nova versão nos anos 70 com o título de “A Volta do Santo/The Return of the Saint”, estrelada por Ian Ogilvy.

A idéia de um outro remake não é nova, há anos que os ingleses vem divulgando o interesse em produzir uma nova série com o personagem. Em 2008 chegou a ser divulgado que James Purefoy seria o novo Santo, em uma produção que teria a participação de Roger Moore, entre outros, que comprara os direitos autorais do personagem para a televisão. Sem ter um canal para ser exibido, o projeto foi cancelado.

Dougray Scott

Agora, a produção tenta novamente, desta vez no Canadá, onde negocia com o ator Dougray Scott para o papel título. Segundo tudo indica, trata-se do mesmo projeto anunciado com Purefoy. Se esta versão chegar a existir de fato, a distribuição internacional ficará a cargo da Sony Pictures Television. Rumores indicam que um canal americano já está negociando a possível exibição em rede nacional.

O personagem foi criado para a literatura policial por Leslie Charteris e é uma espécie de Robin Hood que convive no jet set internacional, fugindo do Inspetor Teal enquanto soluciona mistérios. Em 1997 Val Kilmer interpretou o Santo na mais recente versão para o cinema.


Bryan Fuller e Bryan Singer

Nos Estados Unidos, a NBC encomendou a adaptação do livro “Sellevision“, de Augusten Burroughs. O texto está a cargo de Bryan Fuller e Bryan Singer. A trama gira em torno do que acontece nos bastidores de um canal fictício de compras, do tipo Shop Time. O objetivo é explorar a idéia de que o consumismo pode trazer a felicidade. A dramédia estava originalmente planejada para ser versada para o cinema, mas a produção não vingou. A produção da série está a cargo da Universal.

Fuller também está com o projeto de uma sitcom sobre abrigos para animais, chamada “No Kill“. Trata-se de uma trama que explora o humor a partir do comportamento das pessoas que se identificam mais com os animais do que com os seres humanos. O produtor assegura aos fãs de “Pushing Daisies” que ele ainda não desistiu de levá-la para o cinema. Fuller espera que as 12 edições que serão lançadas em quadrinhos sejam uma porta aberta para que a trama ganhe uma versão cinematográfica.

A NBC também está preparando o piloto de uma nova série de Jerry Bruckheimer, ainda sem título definido. A trama gira em torno de uma equipe que se esforça para fazer justiça, não permitindo que criminosos escapem da lei. O roteiro está a cargo de Jennifer Johnson com proudção da Warner Brothers e da Bruckheimer TV.

Outro projeto em desenvolvimento nos EUA, desta vez pela Fox, é “Texts From Last Night“, que será assinado por Steve Holland, de “The Big Bang Theory”. O projeto tem como base esse blog, o qual estimula os internautas a postarem mensagens chocantes ou embaraçosas, desde as primeiras aventuras sexuais até situações com a família. O blog tem uma média de 4 milhões de visitas por dia e quase 1 milhão de seguidores no Twitter.

A Fox também tem um projeto que está sendo desenvolvido por Scott Rosenbaum, um dos produtores da série “Chuck”. Trata-se de um faroeste de ficção científica. Alguém se lembra de “James West” nos anos 60 ou de “Brisco Jr.”, nos anos 90? É por aí! A trama deve apresentar um pistoleiro preso entre dois mundos, o do futuro e o do passado.

O elenco de “Land Girls”

Dos Estados Unidos vamos para a Inglaterra que tem produções saindo do forno. “Land Girls” é uma minissérie de cinco partes com a qual a BBC1 pretende comemorar os 70 anos do final da 2ª Guerra Mundial. Criada por Roland Moore, a minissérie gira em torno da vida e dos amores de quatro mulheres, que longe de casa tentam fazer sua parte ao unirem-se ao Women´s Land Army – WLA. Enquanto enfrenta circunstâncias desafiadoras, hora cômicas, hora dolorosas, cada uma, ao seu próprio tempo, percebe que suas vidas nunca mais serão as mesmas.

A produção é estrelada por Nathaniel Parker, de “Bleak House”, Christine Bottomley, de “Hope Springs”, Sophie Ward, Summer Strallen, Mark Benton, de “The Sreet”, Danny Webb, Jo Woodcock, de “All Small Things”, e Becci Gemmell. A estréia foi no dia 7 de setembro e sua exibição vai até o dia 11.

Enquanto isso, a BBC 2 desenvolve o projeto de “Royal Wedding“, de Abi Morgan. Situado no ano de 1981, durante o casamento do Príncipe Charles com Lady Diana Spencer, a trama se desenvolve em um pequeno vilarejo onde os moradores sofrem com a decisão política da então Primeira Ministra Margaret Tatcher em manter um mercado livre e competitivo, sem intervenção do estado. Tentando esquecer seus problemas financeiros, o povoado se agarra à cerimônia do casamento real como o acontecimento mais importante de suas vidas. Estrelada por Jodie Whittaker, Darren Boyd, Kevin Bishop e Gwyneth Keyworth. A produção terá 90 minutos e ainda não foi definido se será exibida como telefilme ou como minissérie em duas partes. De qualquer forma, ela irá estrear em 2010.

Christina Storm

Da Inglaterra para a África do Sul. Franz Marx prepara “Flesh“, uma série que deverá girar em torno de uma detetive que tenta capturar um assassino em série, o qual vem matando gays. Estrelada por Shaleen Surtie-Richards, a produção também contará com a presença da modelo e atriz Christina Storm, que irá interpretar uma prostituta lésbica. Também o elenco estão Gert van Schalkwyk, Ashley Dowds e Kill Middelkop. O piloto já foi produzido mas ainda não tem um canal para exibi-lo.

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados