Blogs e Colunistas

Downton Abbey

Paul Giamatti em ‘Downton Abbey’

Em fase de filmagens desde fevereiro, a quarta temporada da britânica Downton Abbey contará com mais um nome de peso em seu elenco. Além do retorno de Shirley MacLaine, que interpreta a mãe de Cora (Elizabeth McGovern), a série também terá Paul Giamatti (John Adams).

Em nota divulgada à imprensa, o canal ITV informa que o ator interpretará Harold Levinson, um playboy de espírito livre, irmão de Cora e tio de Mary (Michelle Dockery) e Edith (Laura Carmichael). Ele será visto ao lado de Shirley no episódio natalino que finaliza a temporada.

Este é o primeiro trabalho de Giamatti em uma série de TV desde sua participação em 30 Rock em 2010. Atualmente, o ator está no elenco de onze filmes em fase de produção. Entre elas, duas animações e um telefilme. No momento, ele filma sua participação em O Homem Aranha 2.

O canal ITV ainda não anunciou uma data de estreia dos novos episódios. A previsão é a de que a temporada comece a ser exibida no Reino Unido em setembro. Nos EUA, ela estreia no dia 5 de janeiro de 2014. No Brasil, a série está atualmente na grade do canal GNT, que também não definiu uma data para começar a exibir os novos episódios.

‘Downton Abbey’ terá linha de roupas e produtos agregados

Uma das poucas séries britânicas a gerar seu próprio merchandising, Downton Abbey se prepara para lançar um catálogo de produtos que abrange objetos de decoração, móveis, cosméticos, papel de parede, calendários, jogos e uma linha de roupas. Com isso, a série conseguirá gerar um lucro que irá além da venda de DVD ou da própria produção a países estrangeiros. Boa parte deste lucro irá para a Universal, que em 2008 adquiriu a produtora britânica Carnival Films (responsável por Downton Abbey), transformando-a em sua subsidiária no Reino Unido.

Apesar do grande sucesso conquistado pela série logo em sua primeira temporada, os produtores demoraram para perceber a oportunidade que surgia para capitalizar a receptividade internacional de Downton Abbey para produtos agregados. Recurso que os americanos conhecem muito bem. A demora parece ter sido causada pelo fato de que ninguém acreditou que o sucesso duraria.

Desta forma, a primeira temporada registra o lançamento da série, que estabeleceu a marca. A segunda definiu seu sucesso internacional e a terceira abriu os olhos dos produtores para explorar o programa em outras linhas. Em junho de 2012, a Universal fechou um acordo com a Knockout Licensing para administrar o lançamento de produtos agregados da série.

Vale a pena lembrar que a série já vem influenciando estilistas da Europa e dos EUA. Em 2012, eles começaram a lançar diversas peças de vestuário inspiradas no figurino de Downton Abbey.

A quarta temporada ainda está em fase de filmagens, com previsão de estreia para o segundo semestre deste ano. Em seu retorno, a série introduzirá novos personagens. Entre eles, Jack Ross (Gary Carr, de Bluestone 42), um cantor de Jazz que se apresenta em um clube exclusivo de Londres. Ele é o primeiro personagem negro da série.

[Spoilers] A temporada também introduzirá Tom Cullen, como Lord Anthony Gillingham, novo interesse romântico de Lady Mary; Julian Ovenden (Any Human Heart), como Charles Blake, um jovem aristocrata; Kiri Te Kanawa, cantora de ópera que se apresenta em uma festa organizada para animar Lady Mary; Harriet Walter, como Lady Shackleton, velha amiga de Lady Violet; Joanna David, como a Duquesa de Yeovil; e Nigel Harmon, como Green, um novo e carismático Valete que irá rivalizar com Thomas. A mansão também terá uma babá para cuidar dos filhos de Tom e de Mary, mas a atriz ainda não teve seu nome divulgado. [Fim dos Spoilers]

No Brasil, a série chegou pelo canal Globosat HD mas este ano migrou para o GNT. As duas primeiras temporadas de Downton Abbey já foram lançadas em DVD, sendo que a série também está disponível no site de streaming Muu.

Cliquem na foto para ampliar.

Vídeo: versão musical de ‘Downton Abbey’

A quarta temporada de Downton Abbey ainda está em fase de produção na Inglaterra mas enquanto os novos episódios não estreiam, os fãs podem se divertir com a mais recente paródia da série, feita por artistas da Broadway.

Em um vídeo com dez minutos de duração, alguns cantores de musicais americanos apresentam o que eles classificaram como o prelúdio da quarta temporada. O vídeo foi gravado durante uma apresentação no 54 Below, um clube noturno de Nova Iorque que costuma contar com a presença de cantores da Broadway.

Na ‘história’, Julian Fellowes (Colin Andrew Mochire), criador da série, faz comentários sobre a série e seus personagens, bem como sobre a saída de Dan Stevens, que em Downton Abbey interpretou Matthew Crawley.

No elenco também estão Randy Graff (Sra. Hughes), Matt Doyle (Thomas), Christina Bianco (Anna), Jane Blass (Sra. O’Brien), Ron Bohmer (John Bates), John Bolton (Molesley), Catherine Charlebois (Lady Mary), Alison Cimmet (Lady Edith), Lewis Cleale (Michael Gregson), Rick Crom (Carson), Kathy Fitzgerald (Lady Martha), Jeremy Jordan (Lord Anthony Gillingham), Mike Kelton (Alfred Nugent), Leigh Ann Larkin (Lady Rose), Christiane Noll (Cora), Laura Osnes (Lady Sybil), Jane Pfitsch (Daisy), Tory Ross (Lady Isobel), Brian Sears (Tom Branson), Tony Sheldon (Sir Anthony Strallan), Craig Schulman (Robert), Jennifer Smith (Lady Violet), Elizabeth Stanley (Kiri Te Kanawa, que será vista na quarta temporada), Mary Stout (Sra. Patmore) e Tony Tillman (Jack Ross).

As músicas foram compostas por Jason Michael Snow.

Os comentários desta postagem contêm spoilers.

19/03/2013

às 15:37 \ Séries Anos 2010-2019, Séries Inglaterra

‘Downton Abbey’ estabelece recorde de audiência da TV pública nos EUA

Michelle Dockery e Maggie Smith nos bastidores de 'Downton Abbey'

A TV aberta americana perde cada vez mais público para os canais a cabo, que nos últimos anos conseguiram registrar, seguidamente, uma audiência que se equipara àquela que atualmente é registrada por séries exibidas na rede aberta, a exemplo de The Walking Dead, The Bible e Hatfields & McCoys. Mas não é só a TV a cabo que conseguiu assustar os diretores de canais abertos.

O PBS, canal público americano, conseguiu registrar este mês a maior audiência de sua história, a qual também se equipara aos números conquistados pelas grandes redes americanas. O mais interessante é que essa audiência foi conquistada pela exibição de uma série britânica: Downton Abbey.

Exibida nos EUA pelo PBS, a série conseguiu elevar sua audiência em 64% em comparação à segunda temporada. A média conquistada pela terceira temporada foi de 11.5 milhões de telespectadores com 7.7% entre o público alvo (18-49 anos). Esta porcentagem é maior que aquela conquistada por Hatfields & McCoys e The Bible. O último episódio exibido de Downton Abbey, sozinho, registrou a média de 12.3 milhões, com 8.1% entre o público alvo, audiência maior que o retorno da terceira temporada de The Walking Dead. Somando a audiência em DVR, a temporada conquistou a média de 24 milhões de telespectadores, sete milhões a mais que a segunda temporada.

A série também registra uma grande audiência entre os usuários de sites de streamings. Disponível no site do PBS, a temporada registrou a média de 9.7 milhões de visualizações, cerca de 2.1 milhões a mais que a segunda temporada.

No momento, a série está em fase de filmagens dos episódios de sua quarta temporada, na Inglaterra, a qual tem previsão de estreia para o segundo semestre deste ano. No Brasil, Downton Abbey chegou pelo canal a cabo Globosat, migrando para o GNT, onde terá suas três temporadas exibidas na sequência a partir do dia 4 de abril. As duas primeiras temporadas já foram lançadas em DVD, pela Universal.

Para quem ainda não foi apresentado à série, ela foi criada por Julian Fellowes, que se inspirou no filme, Assassinato em Gosford Park, pelo qual ganhou o Oscar, para compor o ambiente. Outra referência foi a história do castelo Highclere, onde a série é filmada. Situada entre as década de 1910 e 1920, a história acompanha a vida da família Crawley e sua relação com os empregados em uma mansão no interior da Inglaterra.

Cliquem na foto para ampliar.

‘Downton Abbey’ recebe Kiri Te Kanawa e novos personagens

Lady Mary na quarta temporada de 'Downton Abbey'

A quarta temporada da série Downton Abbey deverá ser uma das mais aguardadas pelos fãs em virtude dos fatos ocorridos na temporada anterior.

As filmagens tiveram início este mês na Inglaterra, o que levou a produtora Carnival Films a divulgar os nomes de alguns dos atores contratados para marcar presença na série.

Além de contar com o já esperado retorno de Shirley MacLaine, que interpreta Martha, a mãe de Lady Cora, a série também receberá a cantora de ópera neozelandesa Kiri Te Kanawa, em participação especial. Os fãs da soprano poderão vê-la como uma das hóspedes da casa.

Em sua passagem por Downton Abbey, Kanawa deverá interpretar uma canção. Pelo visto, esta será uma temporada musical, já que os novos episódios também introduzirão seu primeiro personagem negro, Jack Ross, um músico de um clube exclusivo. O ator ainda não foi contratado.

Kiri Te Kanawa

Outros personagens também farão sua estreia na série. Entre eles, Lord Gillingham (Tom Cullen, de World Without End), velho amigo da família Crawley que chega para uma visita. Segundo rumores, ele deverá despertar a atenção de uma das mulheres da casa.

A família também recebe a visita de Lady Shackleton (Harriet Walter, de Law & Order: UK), velha amiga de Lady Violet (Maggie Smith), além da Duquesa de Yeovil (Joanna David) e do aristocrata Charles Blake (Julian Ovenden, de A Saga da Família Forsyte).

Na ala dos empregados, a casa recebe um novo valete, Green (Nigel Harman).

Como já divulgado aqui, a série perdeu a atriz Siobhan Finneran, intérprete da Sra. O’Brien, criada de Lady Cora. A atriz decidiu não retornar para a nova temporada.

A quarta temporada de Downton Abbey está prevista para estrear na Inglaterra no segundo semestre de 2013. No Brasil, a série chegou pelo canal +Globosat, mas já migrou para o GNT, que exibirá as três primeiras temporadas a partir de abril, com opção de áudio/legenda em português, sendo que as duas primeiras foram lançadas em DVD pela Universal.

01/03/2013

às 16:58 \ Séries Anos 2010-2019, Séries Inglaterra

Elenco de ‘Downton Abbey’ perde mais um

Atenção, o texto abaixo contém spoilers para quem ainda não assistiu as três primeiras temporadas.

Depois de perder Jessica Brown Findlay (Lady Sybil) e Dan Stevens (Matthew), dois importantes membros do elenco fixo, a série Downton Abbey se prepara para dar adeus à Siobhan Finneran, que interpreta Sara O’Brien, empregada que atende Lady Cora.

Segundo o jornal The Mirror, a atriz não retorna para a quarta temporada, que já está em fase de filmagem na Inglaterra. Já o TV Line chega a informar que a saída da personagem será feita fora do ar. Isto significa que a atriz não filmará sua partida.

Criada por Julian Fellowes, a série acompanha a vida da família Crawley e sua relação com os empregados de uma mansão no interior da Inglaterra entre as décadas de 1910 e 1920.

Em sua quarta temporada Mary tenta seguir em frente com sua vida sem o marido e com um filho pequeno para criar.

A série deverá introduzir nessa temporada um personagem negro. Ele será um músico chamado Jack Ross que se apresenta em um clube exclusivo. O personagem será introduzido para situações relacionadas ao preconceito racial do período.

Siobhan já está no elenco da segunda temporada de The Syndicate, série britânica com elenco rotativo sobre grupos de pessoas que ganham na loteria. A produção já se tornou alvo da TV americana. O canal ABC encomendou a produção de um piloto para avaliação, com o título de Lucky 7, o qual poderá dar à série britânica um remake.

HQ narra a verdadeira história de ‘Downton Abbey’

O sucesso internacional da série britânica está fazendo bem ao seu protagonista, o castelo Highclere, construído na década de 1600 e que serve de cenário para Downton Abbey. Depois de ser alvo de diversas matérias que apresentam curiosidades sobre sua história, a vida de uma das proprietárias do castelo ganhou as páginas dos quadrinhos.

A editora Bluewater lançou no dia 20 de fevereiro a versão em HQ da biografia de Lady Almina, que transformou a propriedade em um hospital para atender militares feridos durante a 1ª guerra mundial (situação vista na segunda temporada da série inglesa).

Com o título de Female Force: Lady Almina – The Real Downton Abbey, a HQ apresenta a história da mulher que se tornou a fonte de inspiração para Jullian Fellowes criar a personagem Lady Cora Crawley, vivida por Elizabeth McGovern.

O texto é de Michael Troy, com ilustrações de Giuseppe Latanza e capa de Philip Horton. Lady Almina é a personalidade mais recente a figurar na série Female Force da Bluewatter, que já publicou as biografias da Princesa Diana, Hillary Clinton, JK Rowling, Olivia Newton-John, Carrie Fisher e Cher, entre outras.

Esta é a segunda HQ inspirada em Downton Abbey. Em janeiro foi lançada a paródia Agent Gates and The Secret Adventures of Devonton Abbey.

Cliquem na foto para ampliar. 

Vídeo: conheçam a história real do castelo de ‘Downton Abbey’ e seus proprietários

O nome real da propriedade é Highclere Castle. Construída na década de 1600, a propriedade está localizada na região de Hampshire. Na década de 1800 ela passou por uma reforma, adotando o visual que é conhecido hoje. São cerca de 405 hectares que pertencem ao conde de Carnarvon e sua esposa, amigos de Julian Fellowes, que criou Downton Abbey tendo em mente o castelo de Highclere como cenário. Por curiosidade, o castelo foi transformado em hospital durante a primeira guerra mundial, tal como foi visto na série.

Além de ser utilizado pela produção da série como cenário, o castelo também está aberto a visitação pública. Pelo valor de de oito dólares, o visitante pode fazer um passeio pelos jardins da propriedade. Por 29 dólares, o visitante pode conhecer o interior do castelo.

__________

Atenção: devido à morte na família a atualização do blog será lenta nos próximos dias. A atualização normal voltará a ser feita a partir do dia 24 de janeiro. Agradeço a todos pela compreensão.

‘Downton Abbey’ ganha paródia em quadrinhos

A britânica Downton Abbey continua fazendo sucesso entre os americanos. Prestes a estrear a terceira temporada nos EUA, a série ganha uma paródia em quadrinhos, estrelada pelo agente Bates.

Criada por Camaren Subhiyah com ilustrações de Kyle Hilton, a história narra as aventuras do agente secreto John Bates. Mantendo sua identidade como criado da família Crawley em Downton, Bates é, na verdade, um agente do serviço secreto que enfrenta os nazistas no período pré-2ª Guerra Mundial.

Na série original, Bates é interpretado por Brandon Coyle. O personagem é o criado de Robert Crawley e casado com Anna, uma das empregadas da casa.

Agent Gates and The Secret Adventures of Devonton Abbey foi lançada pela Andrews McMeel Publishing, com um total de 128 páginas.

Confiram as primeiras páginas divulgadas pela editora. Cliquem nas imagens para ampliar. 

26/12/2012

às 13:48 \ Séries Anos 2010-2019, Séries Inglaterra

Dan Stevens deixa o elenco de ‘Downton Abbey’

Atenção, o texto contém spoilers!!!

Após muitos rumores e especulações, o futuro de Dan Stevens e de seu personagem Matthew foi definido pelo episódio natalino de Downton Abbey, exibido na Inglaterra no dia 25 de dezembro. A solução encontrada por Julian Fellowes para a saída do ator foi, embora novelesca, a mais lógica e previsível. O criador e roteirista da série utilizou a mesma solução dada para justificar a saída da atriz que interpretava a personagem Lady Sybil. Com isso, a produção perde o protagonista da história de amor que movia a trama principal da série.

Segundo Stevens, em entrevista publicada hoje pelo The Telegraph, a decisão de deixar o elenco foi tomada em fevereiro deste ano, antes do início da produção da terceira temporada, que inclui o episódio natalino.

Ao longo deste período, a maior preocupação dos produtores parece ter sido a de evitar que o desfecho do episódio de natal fosse divulgado pela imprensa antes de ir ao ar. Rumores sobre a possível saída do ator começaram a circular na imprensa, sem nunca ter sido confirmado pelo canal ou produtores. O máximo que eles fizeram foi divulgar como rumor a informação de que o ator estaria disposto a filmar um episódio da quarta temporada. Fellowes chegou a conceder entrevistas na qual dizia que, no caso do ator não retornar, ele não seria substituído por outro, o que levava o público a desconfiar do destino que poderia ser dado ao personagem.

Com o título de A Journey to the Highlands, o episódio foi ao ar com 1h30 de duração. A trama tem início em setembro de 1921, período em que a família Crawley viaja para a Escócia para visitar a família de Lady Rose (personagem introduzida nos episódios da temporada). Bates, Anna, Moseley e O’Brien acompanham a família na viagem. Tom e os demais empregados da casa permanecem em Downton. Ao longo da história, Mary, grávida do filho de Matthew, dá à luz um menino, que se torna o herdeiro da propriedade. Mas a felicidade do casal é interrompida quando Matthew sofre um acidente de carro.

A audiência registrada pelo episódio de natal foi uma das mais baixas da história da série. Segundo o Telegraph, o episódio conquistou cerca de 7.3 milhões ao vivo. No ano passado, o episódio de natal registrou 8.1 milhões ao vivo, chegando a 12.11 milhões com o DVR.

Pela audiência ao vivo, Downton Abbey, que é do canal ITV, empatou com Call the Midwife, série da BBC exibida no mesmo horário. Resta aguardar os números do DVR para saber se Downton Abbey conseguiu manter sua média de 10 a 11 milhões de telespectadores e vencer a concorrência.

Adendo (19h11): em nota oficial divulgada à imprensa, o canal ITV informa que Stevens decidiu não renovar seu contrato após três temporadas. Michelle Dockery, que interpreta Lady Mary, está confirmada para a quarta temporada, que inicia sua produção em fevereiro. A temporada mostrará Mary tentando reorganizar sua vida sem o marido.

Adendo 2 (04/01/2013): Somando a audiência em DVR, o episódio natalino de Downton Abbey, do ITV1,  conquistou a média de 10.28 milhões, ficando em segundo lugar na audiência do dia 25 de dezembro na Inglaterra. Em primeiro ficou a novela EastEnders, da BBC1, que registrou a média de 11.31 milhões, e em terceiro ficou o episódio de natal de Call the Midwife, também da BBC1, que conquistou a média de 10.18 milhões. O episódio de natal de Doctor Who (BBC1) ficou em sexto lugar, com 9.87 milhões de telespectadores.

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados