Blogs e Colunistas

BBC

01/10/2013

às 20:33 \ Séries Anos 2000-2009, Séries Inglaterra

BBC HD celebra os 50 anos de ‘Doctor Who’ com especiais e estreia da 7ª temporada

50AnosInternacional

O canal BBC HD agendou para o dia 9 de outubro a estreia da sétima temporada de Doctor Who, série que este ano celebra 50 anos de sua produção. Para comemorar a data, foi produzido o especial The Day of The Doctor, que faz parte da sétima temporada. Este especial terá transmissão simultânea para mais de 75 países, entre eles o Brasil, conforme já divulgado aqui.

The Day of The Doctor será exibido no dia 23 de novembro. No Brasil, ele será apresentado por volta das 16h com som original e legendas. Escrito por Steven Moffat e dirigido por Nick Hurran, o especial tem 75 minutos de duração e conta com as presenças de Matt Smith (o atual Doutor), David Tennant (o décimo Doutor) e Billie Piper (Rose). No elenco também está John Hurt e mais ‘uma ou duas surpresas’, conforme divulgado pelo canal britânico.

No mesmo dia, a BBC HD apresentará o telefilme An Adventure in Space and Time, que dramatiza a criação da série na década de 1960. O horário de exibição do telefilme ainda não foi confirmado.

The Day of The Doctor também terá uma versão em 3D exibida em mais de 200 cinemas do Reino Unido, bem como de outros países. O Brasil ainda não está confirmado mas, segundo a BBC HD, o canal britânico já está em negociações com  salas de cinema brasileiras para que o episódio também possa ser lançado por aqui.

Para quem estiver em Londres, a BBC britânica organiza um evento que reunirá mais de 20 mil fãs da série no Centro de Convenções Excel nos dias 22, 23 e 24 de novembro. O evento contará com as participações de Tom Baker (4º Doutor), Colin Baker (6º Doutor), Sylvester McCoy (7º Doutor) e Matt Smith (11º Doutor).

Cliquem nas fotos para ampliar.

Bastidores do especial 'The Day of The Doctor' (Foto: BBC)

Bastidores do especial ‘The Day of The Doctor’ (Fotos: BBC)

Definido o elenco de ‘Jamaica Inn’

Jessica Brown Findlay (Foto: Getty)

Anunciada em fevereiroJamaica Inn é uma minissérie em três episódios adaptada por Emma Frost da obra de Daphne du Maurier, publicada em 1936.

Situada em uma estalagem localizada na Cornualha no ano de 1820, a história acompanha a vida de Mary Yellan (Jessica Brown Findlay, de Downton Abbey), uma jovem que cresceu em uma fazenda. Após a morte da mãe, ela vai morar com a tia Patience (Joanne Whalley, de The Borgias), casada com Joss Merlyn (Sean Harris, de Southcliffe), o dono da estalagem.

Sem hóspedes e isolado do mundo, o local é utilizado como ponto de encontro de contrabandistas. Sem saber em quem confiar ou em como agir, Mary se vê atraída por Jem Merlyn (Matthew McNulty, de The Paradise), irmão mais novo de Joss, que também pode estar envolvido com a gangue.

No elenco também estão Ben Daniels (House Of Cards) como Davey, o vigário da cidade; Shirley Henderson (Southcliffe, The Crimson Petal And The White) como Hannah, irmã de Davey; Danny Miller (Scott & Bailey).

A obra já teve adaptações para o cinema e para a TV. Em 1939, Alfred Hitchcock dirigiu o filme Estalagem Maldita, estrelado por Charles Laughton e Maureen O’Hara. Em 1983, o canal ITV produziu a primeira versão televisiva, uma minissérie em três episódios estrelada por Jane Seymour, Patrick McGoohan e Trevor Eve.

Produzida pela Origin Pictures, com direção de Philippa Lowthorpe (Call The Midwife), a nova versão da obra iniciou suas filmagens esta semana em Cornwall, Yorkshire e Cumbria, com o apoio financeiro da Screen Yorkshire. A previsão de estreia é para 2014, pela BBC1.

Participações de Peter Capaldi no universo Who não devem ser ignoradas na nova temporada de ‘Doctor Who’

Peter Capaldi no evento que anunciou seu nome como o novo Doutor (Foto: BBC/Reprodução)

Quando Peter Capaldi foi anunciado como o novo Doutor na série Doctor Who, muitos dos fãs da série questionaram sua escolha. Não pelo fato do ator não ser jovem ou sexy para agradar o público feminino adolescente, mas porque ele já tinha feito duas importantes participações no universo Who. Uma em Doctor Who, no episódio The Fires of Pompeii (2008), e outra em Torchwood, na terceira temporada da série, exibida em 2009.

Em entrevista ao vlog Nerd³, Steven Moffat, atual produtor de Doctor Who, disse que pretende explicar, ao longo dos episódios estrelados por Capaldi, porque o Doutor se parece com Caecilius (personagem visto no episódio de Doctor Who) e com Frobisher (personagem de Capaldi em Torchwood).

Na entrevista, ele diz que Russell T. Davies, produtor das duas séries na época em que Capaldi fez as participações, lhe disse certa vez que existia uma razão pela qual ele tinha escalado o mesmo ator para estes dois personagens. Quando Russell ligou para Moffat para parabenizá-lo pela escolha de Capaldi, Moffat cobrou dele esta razão, querendo saber se ela ainda era válida. Russell lhe disse que sim e explicou seu plano.

Ainda sobre a questão, Moffat disse: ‘(Cada) rosto (do Doutor) não foi determinado no nascimento. Não é como se ele estivesse predestinado a ter o rosto de Peter Capaldi um dia. Sabemos que não é isso porque no episódio The War Games (6ª temporada, versão clássica), lhe foi dada a oportunidade de escolher o rosto que queria ter. Portanto, sabemos que não é algo predeterminado. Então, a pergunta é: de onde ele tira esses rostos? Eles não podem ser apenas o resultado aleatório de uma regeneração porque ele tem marcas do tempo. Ele envelhece. Quando ele se transformar no Peter, ele terá rugas. Então, de onde vêm os rostos?’

Para Moffat, a série chegou a um ponto que precisa passar por diferentes mudanças de tom. O mesmo tipo de mudança pelas quais a série passou quando ele assumiu o controle da produção, introduzindo Matt Smith como o novo Doutor.

Ao longo da entrevista, Moffat também comenta a pressão que sofreu para escolher uma atriz como a nova intérprete do Doutor. Para ele, a escolha não deve ser feita de acordo com o sexo ou a cor, mas em termos de pessoa. Escolher a pessoa certa para aquele personagem naquele momento. Se um dia ele, ou outro produtor que assumir a série, achar que uma determinada atriz é a pessoa certa para o personagem, então ela será escolhida. Mas, neste momento, a pessoa certa era Capaldi.

Desde o retorno da série em 2005, Doctor Who se tornou em uma das produções da BBC de maior sucesso no Reino Unido e em outros países. Algo que, segundo Moffat, a BBC tem sabido gerenciar. Por curiosidade, o produtor comenta que a audiência internacional da série é de 77 milhões de telespectadores, número que deve ser somado aos telespectadores do Reino Unido, que registra uma média entre 7 a 8 milhões por temporada, ao vivo.

No dia 23 de novembro, será exibido no Reino Unido o especial The Day of The Doctor , com transmissão simultânea para o Brasil pela BBC HD. Escrito por Steven Moffat e dirigido por Nick Hurran, o especial tem 75 minutos de duração.

A história dá continuidade à sétima temporada da nova versão de Doctor Who. Portanto, quem ainda não viu os episódios desta temporada precisa conferir antes de acompanhar o especial. No elenco estão Matt Smith (o atual Doutor), David Tennant (o décimo Doutor) e Billie Piper (Rose), bem como John Hurt e mais ‘uma ou duas surpresas’, conforme divulgado pelo canal britânico.

Nos EUA, para celebrar os 50 anos de Doctor Who, os fãs americanos da série organizaram uma petição para que o topo do Empire State Building seja iluminado de azul. Isto porque é uma tradição americana iluminar o topo do prédio com cores diferentes para marcar ocasiões especiais. A petição dos fãs já conseguiu reunir mais de 12 mil assinaturas.

O especial de 50 anos será o penúltimo episódio da série estrelado por Smith. O ator deixa o elenco de Doctor Who no especial natalino que será exibido no dia 25 de dezembro (ainda não há informações se este episódio também terá transmissão simultânea para o Brasil). Na ocasião, o personagem passará pela regeneração que introduzirá Peter Capaldi como o novo ator a dar vida ao Doutor.

Confiram a entrevista com Moffat na íntegra no vídeo abaixo. Cliquem nas fotos para ampliar.

‘Rev.’, ‘Being Erica’ e ‘Pablo Escobar’ no +Globosat em 2014

Tom Hollander em 'Rev.' (Foto: BBC)

O canal +Globosat já começou a adquirir novas produções para 2014. Entre elas, uma das melhores séries dos últimos anos: Rev., produção britânica vencedora do prêmio BAFTA, já renovada para a terceira temporada.

Criada por James Wood e Tom Hollander, que estrela a série, Rev. acompanha os altos e baixos da vida do reverendo anglicano Adam, que saiu do interior para pregar a palavra de Deus em uma igreja de um bairro de Londres.

Enfrentando a concorrência com a indústria do entretenimento, bem como com o dia a dia agitado dos membros de sua paróquia, ele tenta encontrar uma forma de cumprir com suas funções. A cada dia ele vivencia um conflito moral. Responsável por uma igreja decadente, tanto em sua estrutura física quanto em relação aos membros de sua paróquia, Adam precisa manter as portas sempre abertas para quem quiser procurá-lo com algum problema, verdadeiro ou não.

No elenco também estão Olivia Colman (Broadchurch), Simon McBurneySteve Evets e Miles Jupp, entre outros

O canal +Globosat adquiriu as duas temporadas já produzidas. A terceira ainda não começou a ser filmada, embora tenha previsão de estreia para 2014, na Inglaterra.

Erin Karpluk e Michael Riley em 'Being Erica' (Foto: CBC)

As demais produções adquiridas pelo canal são a canadense Being Erica e a colombiana Pablo Escobar: El Patrón del Mal.

Criada por Jana Sinyor, Being Erica foi produzida entre 2009 e 2011, com um total de quatro temporadas e 49 episódios. Distribuída pela BBC Worldwide, a série chegou a ser anunciada pelo canal BBC HD no Brasil, mas não foi exibida.

A história acompanha a vida de Erica (Erin Karpluk), uma jovem que não deu muito certo na vida. Um dia, ela encontra um misterioso psicólogo que a faz viajar pelo tempo. Voltando ao seu próprio passado, ela tem a oportunidade de corrigir seus erros.

No elenco também estão Michael Riley, Tyron Leitso, Vinessa Antoine, Reagan Pasternak, Morgan Kelly, John Boylan, Kathleen Laskey, Joanna Douglas, Adam MacDonald, Paula Brancati, entre outros.

A TV britânica chegou a desenvolver um projeto para dar à série uma versão local. Com o título de You Again e adaptação de Nicole Taylor, o projeto foi descartado.

Andrés Parra em 'Pablo Escobar: El Patrón del Mal' (Foto: TV Caracol)

Já a série colombiana Pablo Escobar: El Patrón del Mal é uma produção da TV Caracol exibida em seu país em 2012, com 113 episódios. A versão internacional é um compacto de 74 episódios. A série narra a história de Escobar a partir de sua infância, passando por suas atividades junto ao crime organizado e encerrando com sua morte.

A série foi criada por Camilo Cano, filho do jornalista Guillermo Cano, que teria sido morto a mando de Escobar. No elenco estão Andrés Parra, Angie Cepeda, Vicky Hernández, Cecilia Navia, Nicolás Montero, Ernesto BenjumeaGermán Quintero, entre outros.

Além das novas produções, o +Globosat também adquiriu para 2014 a terceira temporada da série francesa Braquo.

Trailer de ‘Truckers’ – 1ª Temporada

Anunciada em janeiro de 2012, Truckers é um drama criado por William Ivory, que acompanha a vida de caminhoneiros enfrentando as estradas na Inglaterra. Viajando sozinho na cabine, ele está isolado do contato com outro ser humano, apesar de contar com as novas tecnologias para se manter conectado com o mundo.

Malachi (Stephen Tompkinson, de DCI Banks) é um caminhoneiro que ainda vive com a esposa Sue e o filho Glen (Harry Treadaway), apesar do casal estar divorciado há dezoito anos. Mas quando Sue anuncia que irá se casar com o namorado, Malachi é obrigado a reavaliar sua vida. Steven (Ashley Walters, de Top Boy) é um sujeito que preenche o vazio de sua vida com relacionamentos casuais. Para ele, a única coisa que vale a pena são seus filhos. Wendy (Sian Breckin, de Dates) é uma caminhoneira que conseguiu conquistar o respeito de seus companheiros de trabalho.

Os três trabalham para a empresa de Martin (John Dagleish, de Beaver Falls), que herdou o negócio do pai. Tentando seguir seus passos, ele luta para modernizar a empresa, o que o leva a enfrentar a resistência de vários motoristas.

No elenco também está Jenn Murray (The Fades), que interpreta Michelle, a gerente da transportadora.

A primeira temporada tem cinco episódios produzidos pela Company Pictures para o canal BBC1. A série estreia na Inglaterra no dia 10 de outubro.

Promo das novas séries da BBC1

O vídeo traz imagens das séries Last Tango in Halifax, Call the Midwife, Death Comes to Pemberley, The 7.39, The Paradise, Truckers e do telefilme Common.

24/09/2013

às 12:05 \ Séries Anos 2010-2019, Séries Inglaterra

BBC prepara ‘River’, nova série de Abi Morgan

O canal BBC1 anunciou esta manhã a encomenda de seis episódios para a primeira temporada de River, série criada por Abi Morgan.

A notícia é divulgada dois dias após Morgan receber o Emmy por The Hour, série que foi cancelada pela BBC com duas temporadas produzidas, deixando um final em aberto.

Trata-se de um drama policial no qual a história acompanha a vida e os trabalhos de John River, um brilhante policial que se torna obcecado em solucionar os casos que investiga. Mas a forma como se dedica ao trabalho o coloca constantemente em risco de perder o emprego.

As filmagens terão início em 2014, com produção da Kudos Film and Television. A estreia está prevista para 205. O elenco ainda não foi definido.

23/09/2013

às 16:27 \ Séries Anos 2010-2019, Séries Inglaterra

Primeira foto de ‘The Ark’, nova série da BBC

Oona Chaplin em 'The Ark' (Foto: BBC)

Anunciada em agosto de 2012, The Ark é uma série encomendada pelo canal BBC para marcar o centenário da 1ª Guerra Mundial, no primeiro semestre de 2014.

Situada durante o período do conflito, a história acompanha a vida e os trabalhos de médicos, enfermeiras e voluntários que atuam em um hospital próximo das trincheiras na costa da França. Lutando para salvar os soldados feridos, eles vivem entre o triunfo e a tragédia. Nesse meio tempo, se apaixonam, nutrem esperanças, enfrentam o medo, cumprem regulamentos, lutam contra as diferenças de classes e sonham com um futuro melhor.

Informações sobre o enredo, personagens e elenco aqui.

A série foi criada por  Sarah Phelps (Great Expectations, Oliver Twist) e tem direção de David Evans (Downton Abbey). Produzida pela BBC, a série terá seis episódios em sua primeira temporada. As filmagens tiveram início no mês de agosto e devem se estender até o mês de novembro.

A Endemol Worldwide, responsável pela distribuição internacional da série, oferecerá a produção para canais internacionais durante a MIPCOM, feira de audiovisual que será realizada em Cannes entre os dias 7 e 10 de outubro. Oona Chaplin (Game of Thrones e The Hour), neta de Charles Chaplin e uma das atrizes do elenco de The Ark, também participará do evento para promover a série.

Cliquem na foto para ampliar.

23/09/2013

às 12:37 \ Séries Anos 2010-2019, Séries Inglaterra

Trailer de ‘The Paradise’ – 2ª Temporada

Fotos de ‘By Any Means’ – 1ª Temporada

A série estreia esta noite na Inglaterra. Informações e trailer aqui. Cliquem nas fotos para ampliar.

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados