Blogs e Colunistas

AXN

15/04/2013

às 16:24 \ Séries Anos 2010-2019, Trailers

Primeiro trailer de ‘Crossing Lines’

Esta é uma produção internacional independente da alemã Tandem Communications que foi adquirida pelos canais NBC e AXN, que a exibirá em países onde opera. Nos EUA, ela estreia durante a Summer Season, período entre junho e agosto.

Criada por Ed Bernero (Criminal Minds) e Rola Bauer, a série acompanha as atividades do International Criminal Court, um equivalente europeu do FBI. Sediada na Holanda, sua missão é a de investigar crimes em série que são cometidos em diversos países da Europa, levando os responsáveis à justiça. A equipe de campo é liderada pelo ex-policial de Nova Iorque Carl Hickman (William Fichtner, de Prison Break).

No elenco também estão Marc Lavoine (The Good Thief), Gabriella Pession (Wilfred), Tom Wlaschiha (Game Of Thrones), Genevieve O’Reill, Richard Flood (Titanic: Blood & Steel), Moon DaillyDonald Sutherland (Dirty Sexy Money).

Crossing Lines teve sua produção anunciada em setembro de 2012.

20/03/2013

às 13:44 \ Séries Anos 2010-2019

‘Crossing Lines’ será exibida pela NBC

Anunciada em setembro de 2012, a série Crossing Lines é uma produção internacional da alemã Tandem Communications em parceria com as americanas Bernero Productions e Sony Pictures Television International, e a francesa TF1 Productions.

Criada por Ed Bernero (Criminal Minds) e Rola Bauer, a série já tinha contrato com o canal AXN, que se comprometeu a exibi-la em países da Europa. Agora os produtores também venderam os direitos de exibição da primeira temporada da série para a rede NBC dos EUA, que planeja exibi-la durante a Summer Season, período que compreende os meses entre junho e agosto.

Filmada na França e na República Tcheca,Crossing Lines é uma série policial que acompanha as atividades do International Criminal Court, um equivalente europeu do FBI.

Sediada na Holanda, sua missão é investigar crimes em série que são cometidos em diversos países da Europa, levando os responsáveis à justiça. A equipe de campo é liderada pelo ex-policial de Nova Iorque Carl Hickman (William Fichtner, de Prison Break).

No elenco também estão Marc Lavoine (The Good Thief), Gabriella Pession (Wilfred), Tom Wlaschiha (Game Of Thrones), Genevieve O’Reill, Richard Flood (Titanic: Blood & Steel), Moon DaillyDonald Sutherland (Dirty Sexy Money).

Além do AXN europeu, a série também será exibida pelos canais Sat.1, da Alemanha, e RAI, da Itália. A previsão de estreia na Europa é para o segundo semestre de 2013. A primeira temporada tem dez episódios produzidos.

26/02/2013

às 16:31 \ Séries Anos 2010-2019, Séries Bulgária

AXN estreia série produzida na Bulgária

Uma das vantagens da TV a cabo é a oportunidade que alguns canais dão aos assinantes de conhecerem seriados produzidos fora do eixo EUA-Inglaterra-Brasil. Em comparação com a quantidade de canais operando no país, a proporção é pequena, mas ainda assim significativa. Eurochannel, Film & Arts, + Globosat, GNT, e vez por outra a Fox e o AXN, são alguns dos canais que abrem esse leque de opções.

Para quem gosta de conhecer o que está sendo feito lá fora, o AXN estreia no dia 27 de fevereiro, às 21h, a série Undercover, produzida na Bulgária. A série estreou em seu país em 2011, com o título de Pod prikritie. Trata-se de uma história policial inspirada em eventos reais divulgados em jornais e revistas. Abordando temas como guerra entre gângsteres, tráfico de drogas, corrupção e assaltos, a série traça um perfil do submundo do crime da Bulgária.

Na linha de O Homem da Máfia/Wiseguy, série americana da década de 1990, Undercover traz como personagem central Martin Hristov (Ivaylo Zahariev), um homem que cresceu praticando pequenos roubos a mando de seu pai, Cirilo. Quando eles são presos pela polícia, Cirilo vai para a cadeia e Martin para o reformatório. Dedicando-se ao boxe, ele consegue se afastar do mundo do crime. Adulto, Martin se torna policial.

Atualmente, ele é um agente especial que utiliza os conhecimentos sobre o crime que adquiriu ao longo de sua vida para atuar infiltrado na gangue liderada pelo mafioso Petar Tundzakov (Mihail Bilalov). O único que sabe que Martin trabalha para a polícia é Emil Popov (Vladimir Penev), inspetor-chefe que está no comando da unidade especial na luta contra o crime organizado.

Mais conhecido pelo apelido de Jaro, Petar seguiu o caminho oposto ao de Martin. Vindo de uma família com bom poder aquisitivo, ele estudou em Moscou. Mais tarde, de volta à Bulgária, ele decidiu seguir carreira na polícia, sendo treinado para se tornar agente secreto. Mas, ao longo de sua trajetória, ele mudou de lado. Utilizando os conhecimentos que adquiriu ao longo de sua carreira, ele construiu um império, tendo entre seus sócios vários políticos locais.

O braço direito de Jaro é Ivo Andonov (Zachary Baharov), filho de médicos que se envolveu com o mundo do crime por desejar lutar contra o sistema.  Seu maior medo é morrer tranquiliamente de velhice e seu maior sonho é ter uma morte heróica, tornando-se uma lenda. Sunny  (Irena Miliankova) é a amante de Jaro, uma jovem que adora se divertir e comprar roupas. Seu sonho era se tornar bailarina, algo que não conseguiu. Ao invés disso, ela se envolveu com o mafioso, que lhe dá tudo o que deseja.

Atualmente em sua terceira temporada, a série tem um total de 36 episódios produzidos, doze por temporada.

Undercover é uma produção da SIA Advertising em parceria com a Studio Ekran, com distribuição internacional da News Film International.

Cliquem na foto para ampliar.

Primeiras fotos de ‘Crossing Lines’

Parte do elenco de 'Crossing Lines' (E-D): Marc Lavoine, Tom Wlaschiha, Gabriella Pession, Richard Flood, William Fichtner e Moon Dailly.

A crise econômica europeia não está impedindo que empresas da Europa invistam na produção de séries de exportação, sendo que algumas delas são co-produções internacionais. Algumas faladas em inglês, as produções visam conquistar uma parte do mercado internacional dominado pelas séries americanas. É claro que os EUA não está alheio a esse crescimento. Quando não oferecem remakes de séries de sucesso na Europa, eles investem na co-produção internacional (algo que teve início nos EUA na década de 1960 mas que, nos últimos anos, ganhou mais força).

(E-D) Donald Sutherland e Marc Lavoine

Este é o caso de Crossing Lines, série da produtora alemã Tandem Communications em parceria com a francesa TF1 Productions e as americanas Bernero Productions e Sony Pictures Television International. A série já foi vendida a mais de 80 países, onde será exibida pelo canal AXN e pelo TF1 na França. Ainda não há informações de que o Brasil tenha adquirido a série. A produção foi anunciada em setembro de 2012.

Filmada na França e na República Tcheca, Crossing Lines é uma série policial que acompanha as atividades do International Criminal Court, um equivalente europeu do FBI. Sediada na Holanda, sua missão é investigar crimes em série que são cometidos em diversos países da Europa, levando os responsáveis à justiça.

No elenco estão William Fichtner (Prison Break), Marc Lavoine (The Good Thief), Gabriella Pession  (Wilfred), Tom Wlaschiha (Game Of Thrones), Genevieve O’Reill, Richard Flood (Titanic: Blood & Steel), Moon DaillyDonald Sutherland (Dirty Sexy Money).

Criada por Ed Bernero (Criminal Minds) e Rola Bauer, a série tem dez episódios encomendados para sua primeira temporada, com uma história narrada a cada dois episódios. Os roteiros serão assinados por Bernero, Rachel Anthony (Mistresses) e Oliver Hein-Macdonald.

A série ainda não tem uma data de estreia prevista, mas deverá ser no primeiro semestre deste ano.

Cliquem nas imagens para ampliar.

06/11/2012

às 17:53 \ Opinião, Séries Anos 2010-2019

‘Last Resort’ estreia no AXN

Esta noite o canal AXN estreia no Brasil a série Last Resort, produção da Sony Pictures Television para a rede ABC.

Na história, Marcus Chaplin, capitão do USS Colorado, um dos mais poderosos submarinos nucleares já construídos, recebe ordens para disparar quatro mísseis contra o Paquistão. Intrigado ele pede confirmação, o que resulta na sua exoneração do cargo.

Quando seu segundo em comando também questiona as ordens recebidas, o USS Colorado se torna um submarino renegado. Atacado por outro submarino americano, o Colorado busca refúgio em uma ilha onde a OTAN mantém um posto de comunicações. Tomando posse do local, a tripulação do submarino ameaça todo e qualquer governo que tentar atacá-los.

Bem recebida pela crítica americana, a série perde público a cada semana, levando-a a figurar na lista de possíveis cancelamentos. Com treze episódios encomendados, Last Resort já teve cinco exibidos nos EUA. A média de audiência está em 7.5 milhões de telespectadores, com 1.7/5 entre o público alvo, ao vivo.

Apesar de bem intencionada, podendo até criar alguns momentos de tensão que conseguem agradar aos fãs do gênero, de um modo geral Last Resort não é uma série que impressiona. Sendo uma produção de Shawn Ryan, autor de The Shield e Terriers, o texto desaponta.

A situação proposta não se sustenta a longo prazo; as argumentações são como ‘um beco sem saída’ que são repetidas constantemente para que o telespectador não se esqueça das motivações de cada um; o roteiro facilita a vida dos personagens, forçando situações e soluções; e vários atores não convencem. Entram nesta lista aqueles que interpretam nativos da ilha, o oficial James King, Christine (a esposa de Sam Kendal) e Kylie Sinclair, que faz lobby em Washington em busca de contratos para a empresa da família. De um modo geral, o desenvolvimento de personagens é desigual, sendo que o núcleo do governo é o mais fraco da trama.

O ponto positivo de Last Resort é a atuação de Andre Braugher (Marcus Chaplin), que está ótimo, mas isto não é nenhuma surpresa. Mesmo assim, a qualidade de seu trabalho não é suficiente para manter o interesse na série. Scott Speedman (Sam Kendal) também tem conseguido apresentar um bom trabalho, que cresce visivelmente quando ele é colocado ao lado de Braugher.

Last Resort estreia às 21h.

Cliquem na foto para ampliar. 

‘Crossing Lines’ é a nova série do AXN na Europa

William Fichtner

A produtora Tandem Communications, da Alemanha, em parceria com a Bernero Productions, anunciou a produção de Crossing Lines, série criada por Ed Bernero (Criminal Minds) e Rola Bauer, que terá dez episódios produzidos para sua primeira temporada. Os roteiros serão assinados por Bernero, Rachel Anthony (Mistresses) e Oliver Hein-Macdonald.

Trata-se de um thriller de ação. A história narra as atividades de uma unidade especial de combate ao crime, instituída pela International Criminal Court. Sediada na Holanda, sua missão é investigar crimes em série que são cometidos em diversos países da Europa, levando os responsáveis à justiça. Com um orçamento de 3 milhões de dólares por episódio, a série apresentará uma história a cada dois episódios.

No elenco estão William Fichtner (Prison Break), Marc Lavoine (The Good Thief), Gabriella Pession (Wilfred), Tom Wlaschiha (Game Of Thrones), Genevieve O’Reill, Richard Flood (Titanic: Blood & Steel) e Donald Sutherland.

A produtora alemã, responsável por minisséries como Os Pilares da Terra, World Without End e Labyrinth, todas co-produzidas com a Scott Free, foi adquirida pela francesa Studiocanal no início deste ano. Crossing Lines é a primeira produção da Tandem após sua venda. As filmagens terão início no dia 26 de setembro na França e na República Tcheca.

Crossing Lines será co-produzida pela TF1 Productions, da França, e Sony Television, dos EUA, com estreia prevista para o primeiro trimestre de 2013 pelos canais TF1 e AXN, em 81 países. Ainda não há informações de que ela será exibida no Brasil.

30/05/2012

às 11:19 \ Séries Anos 2010-2019, Versão Televisiva

Canal AXN adquire a série ‘Hannibal’

Produzida pela Gaumont International Television para o canal americano NBC, a série Hannibal foi adquirida pelo grupo Sony Pictures Television, que pretende exibi-la no canal AXN em mais de 63 países da Ásia, América Latina, Europa Central e África, além da Alemanha, Japão, Portugual, Rússia e Espanha.

Hannibal é a versão de Bryan Fuller (Pushing Daisies) da obra de Thomas Harris para a televisão. Com treze episódios encomendados para a primeira temporada, as filmagens iniciam no final de julho. O ator que interpretará Hannibal ainda não foi escolhido.

As duas primeiras temporadas terão como referência o livro Dragão Vermelho, no qual é narrada a origem de Hannibal, um psicopata que se revela um assassino e canibal. A trama tem início quando o dr. Lecter é contatado por Graham (Hugh Dancy, de The Big C), um agente do FBI, para traçar o perfil de um assassino em série.  Neste momento, as atividades criminosas de Lecter não são conhecidas.

Hannibal deverá seguir uma narrativa procedimental, com a dupla, formada por um agente e um serial killer, investigando casos. Quando as atividades de Lecter se tornarem públicas, a série abandonará a abordagem procedimental para assumir uma narrativa contínua, focando o desenvolvimento de personagens e ação.

A série estreia nos EUA na midseason de 2013, que tem início em janeiro.

Cliquem na imagem para ampliar.

09/12/2011

às 22:19 \ Séries Anos 2010-2019, Versão Televisiva

Sony Prepara a Estreia de The Firm no Brasil

The Firm” é uma produção do grupo Sony Pictures Television que estreia nos EUA pela rede NBC no dia 8 de janeiro.

No Brasil, a série terá pré-estreia no dia 19 de fevereiro pelos canais AXN, Sony e Sony Spin, sendo que novos episódios começam a ser exibidos a partir do dia 10 de abril, exclusivamente pelo canal AXN. O episódio piloto tem duas horas de duração.

Esta é uma nova versão da obra de John Grisham. Filmada em locações no Canadá, a primeira temporada tem 22 episódios encomendados.

A série, adaptada por Lukas Reiter, tem início dez anos após os fatos retratados no livro e no filme “A Firma“, estrelado por Tom Cruise em 1994.

Josh Lucas interpreta Mitch, um advogado que auxiliou o FBI na prisão de colegas envolvidos em esquemas de corrupção e assassinatos.

Agora, afastado do programa de proteção às testemunhas, ele volta a advogar. Mas, trabalhando em Washington, Mitch descobre que ele e sua família ainda podem estar correndo perigo.

No elenco também está Molly Parker, como Abby, esposa de Mitch; bem como Juliette Lewis, Natasha Calis, Tricia Helfer e Callum Keith Rennie, ambos de “Battlestar Galactica”.

A pré-estreia ocorrerá simultaneamente em diversos países da Ásia, América Latina, Europa Central, Península Ibérica, Itália, África, Rússia e países bálticos.

Cliquem na foto para ampliar.

08/09/2011

às 10:05 \ Webseries/Websódios

The Confession no AXN

A Sony Pictures Television anunciou a compra da websérie “The Confession” para transmissão na Europa, Ásia e América Latina, totalizando 125 países.

A websérie será disponibilizada para exibição na TV e em streaming no site do canal AXN a partir do mês de setembro. No Brasil, o grupo ainda não tem informações sobre a data de estreia.

Estrelada por Kiefer Sutherland (24 Horas) e John Hurt, a websérie é composta de 10 websódios com cerca de 5 a 7 minutos de duração, cada.

Além da websérie, o grupo também adquiriu cenas de bastidores de produção e entrevistas com os envolvidos que, combinados com os websódios, chegam a duas horas de duração.

Criada por Brad Mirman, a websérie estreou em março nos EUA pelo site Hulu. Na história, Kiefer é um assassino de aluguel que entra em uma igreja para se confessar com o padre (Hurt), com quem trava uma discussão teológica.

Além de sua exibição na TV e na Internet, o grupo Sony também adquiriu os direitos de distribuição de “The Confession” em DVD.

O ator de “24 Horas” deve voltar em breve com uma nova série de TV. Kiefer Sutherland estrela “Touch“, produção para o canal Fox americano, que tem previsão de estreia para a midseason de 2012. Criada por Tim Kring (Heroes), a série se propõe a cruzar ciência com espiritualidade. Esta produção ainda não tem previsão de estreia no Brasil.

Cliquem na imagem para ampliar.

Confiram abaixo trailer de “The Confession”:

12/07/2011

às 21:38 \ Séries Anos 2010-2019, Versão Televisiva

Elenco de A Firma Começa a se Formar

Josh Lucas

O projeto foi anunciado em junho de 2010, mas foi somente em abril deste ano que a série foi aprovada pela Entertainment One, que a produzirá em parceria com a Sony Pictures Television e a Paramount Pictures.

Com 22 episódios para a primeira temporada, a série já foi comprada pelos canais AXN de 125 países (ainda não há informação se o Brasil é um deles, mas é bem provável).

“The Firm” também será exibida pela rede NBC, que anunciou sua compra durante o Upfront deste ano.

Prevista para estrear na midseason de 2012, nos EUA, a série começa a formar agora seu elenco principal. “The Firm” é uma adaptação do livro de John Grisham, e do filme  estrelado por Tom Cruise.

Juliette Lewis

Na história, Mitch McDeere é um advogado que trabalha para uma firma, a qual é acusada pelo FBI de estar envolvida em esquemas de corrupção e  assassinatos. Buscando provas que possam condená-los, agentes do FBI tentam convencer Mitch a ajudá-los. A série é situada dez anos depois dos fatos ocorridos no livro e no filme.

No lugar de Tom Cruise está o ator Josh Lucas, que em 2008 estrelou o piloto “Possible Side Effects“, projeto de série de Tim Robbins para o canal Showtime, sobre a indústria farmacêutica.

Substituindo Holly Hunter, que chegou a ser indicada ao Oscar pelo filme, está outra já indicada ao prêmio da Academia: Juliette Lewis, que interpretará Tammy assistente de Mitch, que já teve um caso com o irmão dele, Ray. Este personagem será vivido na série por Callum Keith Rennie (The Killing e Battlestar Galactica). No filme, o irmão de Mitch foi interpretado por David Strathairn, que atualmente estrela “Alphas”.

Callum Keith Rennie

Na série, Mitch e sua família deixam de viver sob a guarda do serviço de proteção às testemunhas. Agora sócio de um escritório de advocacia importante, ele conta com a ajuda de Tammy para ser sua assistente.

Embora ela se sinta deslocada trabalhando em um lugar tradicional e conservador, Tammy está feliz por voltar a trabalhar com Mitch, que também conta com a ajuda de Ray. O ex-presidiário irá atuar como investigador nos casos em que o irmão atua.

No entanto, Mitch não está livre de seu passado. As pessoas que ele prejudicou (no filme) ainda oferecem perigo à sua vida e à de sua família.

O episódio piloto será dirigido por David Straiton, de “House” e “Fringe”. As filmagens iniciam em agosto, em Toronto, Canadá.

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados