Blogs e Colunistas

Arquivo da categoria Teatro

12/12/2012

às 0:02 \ Atores, Teatro

Atriz de ‘Lost’ faz sua estreia na Broadway

Maggie Grace, conhecida dos fãs de série por interpretar Shannon em Lost, foi escolhida para estrelar a montagem de Férias de Amor/Picnic na Broadway. Ela interpretará o papel que foi de Kim Novak no cinema.

Sebastian Stan e Maggie Grace

Na década de 1950, Hal (Sebastian Stan, de Once Upon a Time e Political Animals), um jovem andarilho, chega a uma cidade do interior do Kansas para visitar Alan (Ben Rappaport, de Outsourced), um velho amigo de escola. Atraindo os olhares das jovens do local, ele acaba se envolvendo com Madge (Grace), namorada de Alan. Este, por sua vez, pretende se casar com ela, apesar do pai ser contra.

Escrita por William Inge, a peça, vencedora do prêmio Pulitzer, foi montada pela primeira vez em 1953 com Ralph Meeker, Paul Newman e Janice Rule no elenco principal. Em 1955, ela foi adaptada para o cinema com William Holden, Cliff Robertson e Kim Novak. Em 2000, foi produzida uma versão para a TV. O telefilme foi estrelado por Josh Brolin (The Young Riders), Ben Caswell e Gretchen Mol (Boardwalk Empire).

No elenco da atual montagem também estão Ellen Burstyn (Political Animals), Reed Birney (King), Elizabeth Marvel (Lights Out, Person of Interest), Madeleine Martin (Californication) e Mare Winningham (Mildred Pierce), com direção de Sam Gold.

A peça estreia no dia 14 de dezembro no American Airlines Theatre de Nova Iorque.
______________
Atenção: entre os dias 8 e 20 de dezembro estarei em férias. O blog continuará a ser atualizado diariamente, mas de forma mais lenta.

Elenco da montagem de 'Picnic'


04/11/2012

às 11:49 \ Atores, Teatro

Ator de ‘Downton Abbey’ estreia na Broadway

Jessica Chastain e Dan Stevens em 'The Heiress'

Dan Stevens, intérprete de Matthew Crawley na série britânica Downton Abbey, fez sua estreia na Broadway com a peça The Heiress. As apresentações tiveram início no dia 1ª de novembro no Walter Kerr Theatre.

Adaptada da obra de Henry James, Washington Square, a peça foi encenada pela primeira vez em 1962. The Heiress narra a história de Catherine Sloper (Jessica Chastain), uma solteirona que mora com o pai (David Strathairn, de Alphas), um homem que tem dificuldades de demonstrar afeto, e com sua tia excêntrica (Judith Ivey, vista em White Collar). Eis então que ela conhece Morris Townsend (Stevens), um jovem em busca de amor.

A montagem ficará em cartaz até fevereiro de 2013. Para estrelar a peça, Dan precisou esperar o final das filmagens da terceira temporada de Downton Abbey, que exibirá o último episódio esta noite, na Inglaterra. A série também terá um episódio de natal, que será apresentado em dezembro. O futuro de uma das produções britânicas de maior audiência dos últimos anos ainda é incerto.

Ken Stott e Laura Carmichael em 'Tio Vânia'

Em entrevistas, a atriz Elizabeth McGovern, intérprete de Cora, disse acreditar que a produção encerrará com a quarta temporada. Se renovada, a série ainda poderá perder parte de seu elenco. Os atores que interpretam o casal central, Stevens e Michelle Dockery, ainda não renovaram seus respectivos contratos. Se Stevens conseguir emplacar no mercado americano, ele deverá permanecer trabalhando nos EUA.

Quem também ainda não renovou contrato é a atriz Maggie Smith, que nesta última sexta-feira passou por um susto. Segundo divulgado pela imprensa britânica, Smith, que interpreta a Condessa Violet, sentiu fortes dores no peito, o que a fez ser levada às pressas ao hospital. Após passar por exames e ter sua condição estabilizada, a atriz foi liberada.

Stevens não é o único a aproveitar o fim da terceira temporada da série para voltar ao teatro. Laura Carmichael, a Edith, está na peça Tio Vânia, em cartaz no Vaudeville Theatre, de Londres. No elenco também estão Anna Friel (Pushing Daisies), Sam West e Ken Stott.

Tio Vânia também ficará em cartaz até fevereiro de 2013.

11/10/2012

às 10:39 \ Atores, Teatro

Atriz de ‘Game of Thrones’ estrela ‘Bonequinha de Luxo’ na Broadway

Emilia Clarke ficou conhecida internacionalmente como Daenerys Targaryen na série Game of Thrones, sucesso de público e de crítica da HBO. Agora ela se prepara para assumir o papel de Holly Golightly, personagem que foi imortalizada nos cinemas por Audrey Hepburn.

Prevista para estrear na Broadway em fevereiro de 2013, a montagem de Bonequinha de Luxo/Breakfast at Tiffany’s é uma adaptação de Richard Greenberg da obra de Truman Capote, publicada em 1958.

A história apresenta Holly, jovem que ganha a vida como acompanhante de homens mais velhos e ricos em Manhattan na década de 1940. Seu vizinho, conhecido como Fred, é um jovem homossexual da Louisiana, aspirante a escritor, com quem faz amizade.

A versão para o cinema, produzida na década de 1960, transformou Fred, interpretado por George Peppard, em um heterossexual que se apaixona por Holly.

O sucesso do filme na época chegou a levar o canal ABC a desenvolver um projeto de sitcom que adaptaria a versão cinematográfica. Com o título de Holly Golightly, o episódio piloto foi produzido em 1969, estrelado por Stefanie Powers (Casal 20), George Furth, Jack Kruschen e Jean-Pierre Aumont. A série não chegou a ser produzida.

Esta é a segunda adaptação teatral recente do livro de Capote. Em 2009 a atriz Anna Friel (Pushing Daisies) estrelou uma montagem britânica.

Abaixo, trailer do filme com Audrey Hepburn.

30/07/2012

às 13:37 \ Atores, Teatro

Cybill Shepherd e Kristin Davis estreiam na Broadway com ‘The Best Man’

(E-D) Elizabeth Ashley e Cybill Shepherd em 'The Best Man' (Fotos divulgadas pela produção )

A nova montagem da peça de Gore Vidal estreou na Broadway em abril trazendo em seu elenco os atores John Larroquette e Candice Bergen, ambos vistos em Justiça Sem Limites, Eric McCormack (Will & Grace), James Earl Jones (Anjo Maldito), Angela Lansbury (Assassinato por Escrito) e Michael McKean, ator convidado em ‘uma penca’ de séries desde a década de 1970.

Em quatro meses, o elenco já sofreu alterações. McCormack, que agora estrela a série da TNT Perception, foi substituído por John Stamos (Três é Demais), Candice Bergen por Cybill Shepherd (A Gata e o Rato, The Client List), e Angela Lansbury por Elizabeth Ashley (Treme). A atriz Kristin Davis (Sex and the City) também entrou para o elenco no lugar de Kerry Butler.

Kristin Davis e John Stamos

Esta é a estreia de Cybill e Kristin na Broadway. Na década de 1980 Cybill chegou a ser convidada a substituir Kathleen Turner na montagem de Gata em Teto de Zinco Quente. Mas ela não conseguiu abrir espaço em sua agenda.

Há alguns anos Cybill também estava escalada para estrelar o musical Hello Dolly!, curiosamente ao lado de John Stamos. Mas um acidente nos ensaios, no qual ela quebrou a perna, a levou a se afastar da montagem, que foi cancelada. Agora, com The Best Man, ela finalmente consegue subir aos palcos.

Cybill interpreta Alice, esposa do personagem de Larroquette, um político que disputa com o senador Joseph Cantwell (Stamos) a convenção nacional republicana de 1960.

Antes do primeiro debate público, os dois discutem entre eles quem é o mais qualificado, revelando os podres de cada um, ao mesmo tempo em que tentam conquistar o apoio do ex-Presidente (Jones), que ainda está indeciso. Ashley interpreta a ex-Primeira Dama e Davis a esposa de Cantwell.

Cybil deverá ficar em cartaz com The Best Man até o mês de setembro. Em outubro, ela inicia as filmagens da segunda temporada de The Client List.

Cliquem na segunda foto para ampliar. 

24/05/2012

às 16:13 \ Pilotos de Séries, Teatro, Versão Televisiva

‘O Exorcista’ está voltando

Parece que O Exorcista vai ganhar vida nova. Além de uma adaptação para o teatro, a história também poderá ganhar uma versão para a TV no formato minissérie.

O projeto está a cargo de Sean Durkin (Martha Marcy May Marlene), que adapta a obra de William Peter Blatty em dez episódios. Ainda não existe um canal envolvido com esta produção, que é de Roy Lee (O Chamado). Segundo o blog Vulture, da revista New York, o projeto começará a ser oferecido a canais americanos nas próximas duas semanas.

A minissérie pretende contar a história de como uma família reage quando descobre que um de seus membros está possuído pelo demônio. Após várias tentativas frustradas de conseguir ajuda de médicos e psiquiatras, eles  recorrem ao padre Damien Karras, que tenta expulsar o demônio com um exorcismo.

Esta é a segunda tentativa recente de se produzir uma versão para a TV com base no livro de Blatty. A primeira foi em 2009, quando o próprio autor desenvolveu um projeto de minissérie em quatro episódios, o qual não chegou a despertar o interesse de um canal.

ADENDO: no dia 30 de maio, William Peter Blatty, autor do livro, negou que um projeto de minissérie esteja em desenvolvimento com base em sua obra, mas confirmou que tem interesse de adaptar seu livro para a TV.

Enquanto isso, no teatro, Richard Chamberlain (Dr. Kildare, Pássaros Feridos) e Brooke Shields (Suddenly Susan, Lipstick Jungle) estrelam uma versão de John Pielmeier da obra de Blatty. Chamberlain interpreta o padre Merrin e Shields será Chris MacNeil, mãe de uma jovem (Emily Yetter) que é possuída pelo demônio. Com direção de John Doyle, a peça terá pré-estreia no dia 3 de julho, no teatro Geffen Playhouse.

No elenco também estão David Wilson Barnes (Padre Karras), Stephen Bogardus (Dr. Strong), Manoel Felciano (Padre Joe), Harry Groener (Burke Dennings), Tom Nelis (Dr. Klein) e Roslyn Ruff (Carla).

A obra de Blatty ganhou uma versão cinematográfica em 1973. Indicada ao Oscar, perdeu para Golpe de Mestre.

No vídeo abaixo, teaser da peça.

28/03/2012

às 14:31 \ Atores, Teatro

Seis atores de séries estrelam a peça ‘The Best Man’

Uma reunião de atores conhecidos pelos fãs de séries de TV. John Larroquette e Candice Bergen, ambos vistos em Justiça Sem Limites, dividem o palco com Eric McCormack (Will & Grace), James Earl Jones (Anjo Maldito), Angela Lansbury (Assassinato por Escrito) e Michael McKean, ator convidado em ‘uma penca’ de séries desde a década de 1970. Todos estrelam a peça The Best Man, de Gore Vidal, que estreia na Broadway no dia 1º de abril.

A história é situada nos bastidores das primárias da Convenção Nacional de 1960, que escolherá qual candidato é o mais adequado para disputar a presidência da República contra o outro partido. Os candidatos são o Secretário William Russell (Larroquette) e o Senador Joseph Cantwell (McCormack) que, apesar de fazerem parte do mesmo partido, se odeiam. Antes do primeiro debate público, os dois discutem entre eles quem é o mais qualificado, revelando os podres de cada um, ao mesmo tempo em que tentam conquistar o apoio do ex-Presidente (Jones), que ainda está indeciso.

Bergen interpreta a esposa de Russell, Alice; Lansbury é a sra. Sue-Ellen Gamadge, defensora dos direitos humanos; e McKean é Dick Jensen, irmão e gerente de campanha de Cantwell.

A peça foi montada pela primeira vez em 1960, com Melvyn Douglas e Frank Lovejoy, sendo indicada ao prêmio Tony de melhor produção. Em 1964 ganhou uma versão cinematográfica estrelada por Henry Fonda e Cliff Robertson.

A montagem ficará em cartaz até o dia 8 de julho no The Gerald Schoenfield Theatre (236 West 45ht Street).

(E-D) Eric McCormack e John Larroquette

(E-D) Angela Lansbury e Candice Bergen

Candice Bergen e John Larroquette

(E-D) Eric McCormack e James Earl Jones

22/03/2012

às 11:08 \ Atores, Teatro

Cartaz: Jim Parsons na montagem de ‘Meu Amigo Harvey’, da Broadway

O ator Jim Parsons, que interpreta Sheldon em The Big Bang Theory, vai passar as férias de verão trabalhando.

Ele estrela a nova montagem de Meu Amigo Harvey/Harvey, peça de Mary Chase que estreou em 1944, ganhando uma versão cinematográfica em 1950, com James Stewart.

Parsons interpretará Elwood P. Dowd, um homem que tem um amigo imaginário chamado Harvey, um coelho de 1,80 cm de altura, com quem ele conversa abertamente, como se todos ao redor também pudessem vê-lo.

Tentando salvar a reputação social da família, Veta (Jessica Hecht, vista em “Friends”), irmã de Elwood, o leva para um sanatório.

Quando Elwood e Harvey escapam do local, inicia-se por toda a cidade a busca pelo homem e seu coelho.

O ator Charles Kimbrough (Murphy Brown) também está no elenco, interpretando o Dr. William Chumley, médico que atende Elwood.

A pré-estreia será no dia 18 de maio no Studio 54, do Roundabout Theatre, ficando em cartaz entre os dias 14 de junho e 5 de agosto.

Cliquem na foto para ampliar. 

No vídeo, Ellen DeGeneres ajuda Jim Parsons a se preparar para atuar no teatro e enfrentar uma audiência  que, muitas vezes, atrapalha os atores que estão no palco, testando sua paciência.

02/03/2012

às 10:07 \ Atores, Teatro

Fotos: John Lithgow em ‘The Columnist’

A peça de David Auburn faz sua estreia em abril em Nova Iorque, com John Lithgow (3rd Rock From the Sun e Dexter) dando vida à Joseph Alsop, um cronista da década de 1960 que era temido e amado por diversos políticos de Washington.

Em uma época em que os colunistas dominavam o meio político, Joseph Alsop fez carreira entre os anos de 1930 e 1970. Atuando como correspondente internacional, ele teve sua reputação abalada no final da década de 1950.

Sendo homossexual, casado com a filha de um diplomata americano, ele foi flagrado por um fotógrafo da KGB em pleno ato sexual com um agente soviético, que teria sido enviado para seduzi-lo.

Os russos teriam tentado fazer chantagem com ele, mas Alsop revidou contando para o governo americano o que tinha acontecido. O jornalista não assumiu sua homossexualidade publicamente, mas boatos começaram a surgir, muitos dos quais Alsop acreditava terem partido do próprio governo. Sua carreira declinou ainda mais quando, nos anos de 1960, se colocou a favor da Guerra do Vietnã.

A peça faz um leitura de sua trajetória. No elenco também estão Margaret Colin, Boyd Gaines, Grace Gummer (Smash), Brian J. Smith (Stargate Universe) e Stephen Kunken.

The Columnist terá pré-estreia no dia 4 de abril, entrando em cartaz no dia 25 de abril no Samuel J. Friedman Theatre (261 West 47th Street).

Cliquem na segunda foto para ampliar.

31/01/2012

às 10:56 \ Atores, Teatro

William Shatner de volta à Broadway

Faz exatos 50 anos que William Shatner estrelou sua última peça na Broadway. Em 1962 ele conquistou a crítica ao estrelar “A Shot in The Dark”. Na época ele tinha 31 anos e muitos sonhos de conquistar Hollywood. Shatner não conseguiu fazer seu nome no cinema, mas tem garantido um lugar na TV, onde iniciou carreira na década de 1950. Agora, aos 80 anos de idade, ele retorna com “Shatner’s World: We Just Live It”. Trata-se de um one-man show no qual ele faz um relato sobre sua vida e carreira.

Ator de teatro, cinema e TV, Shatner esteve em filmes como “Os Irmãos Karamazov”, “O Julgamento de Nuremberg” e “Quatro Confissões/The Outrage”. Na TV, ele se tornou um profissional muito requisitado por produtores de teleteatros e séries de TV. Evitando ficar preso a um único trabalho, ele recusou estrelar “Os Defensores” e “Dr. Kildare”. Mas em 1963 cedeu, aceitando o papel principal em “For the People”, na qual interpretou um advogado. A série durou apenas uma temporada com 13 episódios. Mas Shatner estava destinado a algo maior. Em 1966 veio o convite para interpretar o Capitão Kirk, de  ”Jornada nas Estrelas”…e o resto é história.

A jornada que levou o ator das montagens de Shakespeare a comandar uma nave espacial, se transformando em um ícone, será contada por Shatner nos palcos do The Music Box Theater entre os dias 14 de fevereiro e 4 de março. A montagem da Broadway surgiu na esteira de sua autobiografia, “Shatner’s Rules“, publicada em 2011, um guia para compreender o universo ‘shatneriano’.

24/01/2012

às 16:22 \ Teatro

Cynthia Nixon Estrela a Peça Wit, na Broadway

Quem estiver em Nova Iorque entre os dias 26 de janeiro e 11 de março poderá conferir o trabalho de Cynthia Nixon (Sex and the City e The Big C) que estrela a montagem de “Wit“, peça em um ato de Margaret Edson ganhadora do Prêmio Pulitzer.

Esta é a primeira montagem de “Wit” na Broadway. Tendo estreado em Nova Iorque em 1998, com Kathleen Chalfant (Rescue Me) no papel principal, a peça ficou em cartaz até o ano de 2000, colecionando prêmios e o apoio da crítica. Em 2001 “Wit” ganhou uma versão televisiva pela HBO, estrelada por Emma Thompson. No Brasil, a peça já foi montada com Glória Menezes.

Apesar de estar em cartaz em um dos menores teatros da Broadway, o desafio da atual montagem é conseguir transpor para um teatro amplo o intimismo do texto e seu visual minimalista. Na história, Vivian Bearing (Cynthia), uma professora universitária de literatura inglesa, reflete sobre sua vida e seus relacionamentos enquanto está em uma cama de um hospital, diagnosticada com câncer no ovário. Tendo cultivado o intelecto ao longo de sua vida, Vivian enfrenta o desafio de aceitar que é apenas um ser humano. Para interpretar Vivian, Cynthia Nyxon revelou em entrevistas que precisa raspar a cabeça diariamente.

A peça está em cartaz no Samuel J. Friedman Theatre, 261 West 47th St. (entre a Broadway e a 8th Ave.).

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados