Blogs e Colunistas

Arquivo de 16 de fevereiro de 2012

16/02/2012

às 15:45 \ Pilotos de Séries

Atriz de ‘Smallville’ estrela remake de ‘A Bela e a Fera’

Kristin Kreuk

Em setembro de 2011 o canal CW anunciou que desenvolvia um projeto de série que daria uma nova versão à série A Bela e a Fera. No início deste ano, o projeto ganhou a encomenda de um episódio piloto para avaliação, o qual terá como protagonista a atriz Kristin Kreuk, conhecida do público por interpretar Lana Lang na série Smallville, também do canal CW.

A série original foi criada por Ron Koslow, que atuará como assistente nesta nova versão, caso ela chegue a ganhar a encomenda de sua primeira temporada.

A produção da década de 1980 foi estrelada por Linda Hamilton e Ron Pearlman (Sons of Anarchy), que interpretavam Catherine, uma advogada salva por Vincent, um homem com aparência de fera, que vive nos subterrâneos das linhas de metrô em Nova Iorque. Os dois se tornam amigos e consequentemente amantes. Ao longo da série, Catherine fica grávida. Quando o bebê nasce é sequestrado por Gabriel, líder do submundo do crime.

A Bela e a Fera foi produzida entre 1987 e 1990, sendo cancelada após três temporadas por queda na audiência, provocada pela saída de Linda Hamilton, que foi substituída por Jo Anderson, interpretando outra personagem. A série contou com os trabalhos de Rick Baker, responsável pela maquiagem da fera, e de George R. R. Martin (Game of Thrones), que era um dos roteiristas.

A nova versão tem roteiro assinado por Jennifer Levin (Without a Trace) e Sherri Cooper (Brothers and Sisters) e traz a história de Catherine (Kristin Kreuk, de Smallville) uma detetive da homicídios que vive assombrada com a lembrança de ter visto sua mãe ser morta há nove anos. Os assassinos foram atacados por uma espécie de besta humana, a qual ela vem procurando desde então. Quando Catherine encontra Vincent Koslow descobre que ele é o sobrevivente de uma experiência militar, que agora vive escondido.

A produção do episódio piloto ainda não escolheu o ator que interpretará a fera. No elenco também está Austin Basis (Life Unexpected), que interpretará JT, amigo de Vincent.

O episódio será dirigido por Gary Fleder, com produção da CBS Studios. Mas este não é o único projeto em produção com base na história de A Bela a e Fera. O conto de fadas também tem um piloto encomendado pelo canal ABC.

Mais informações sobre os pilotos que estão em produção para o CW aqui.

16/02/2012

às 15:09 \ Séries Espanha

Giro Pelo Mundo: Espanha produz ‘La Fuga’, minissérie futurista

Aitor Luna como Daniel em 'La Fuga'

A minissérie de ficção científica estreou na Espanha pelo Telecinco no dia 11 de janeiro conquistando cerca de 3.1 milhões de telespectadores, cerca de 16% da audiência em seu horário, segundo o canal. Criada por Nacho Faerna, La Fuga foi oferecida a canais de diversos países durante a Natpe, evento que reúne representantes do mercado multimídia. No momento, a DirecTV Latin America negocia sua compra.

Com 12 episódios produzidos, a minissérie é uma espécie de Prison Break no futuro. A história é situada no ano de 2055, período em que as reservas de petróleo estão quase extintas e sua extração já deixou de gerar lucro, o que provocou uma crise econômica mundial. Com o objetivo de controlar a população, os governos limitaram as liberdades individuais e desenvolveram um controle rígido da sociedade.

Diversos grupos lutaram contra as ações do governo. Daniel (Aitor Luna), líder de um dos primeiros movimentos de resistência, está encarcerado há cinco anos na La Torre, uma antiga plataforma petrolífera convertida em prisão, localizada no meio do oceano. Tentando libertá-lo, sua esposa Anna (Maria Valverde) se faz passar por uma candidata e arranja um emprego no local. Com a ajuda de outros prisioneiros, também membros de grupos de resistência, os dois tentam colocar em prática um plano de fuga que foi arquitetado ao longo de cinco anos.

No elenco também estão Asier Etxeandía, Marian Álvarez, Patxi Freytez, Laura Sánchez, Luis Iglesia, Laura Domínguez, Emilio Buale, Jimmy Castro, Jennifer Rope, Nieves Soria, Jero García, Benito Sagredo, Jordi Vilches, Alberto Jo Lee, Manolo Martínez e Candela Marquez, entre outros.

A minissérie é uma produção da BocaBoca Producciones em parceria com a Mediaset España.

 

16/02/2012

às 14:08 \ Internet, Televisão

CBS quer produzir séries para o Netflix

O Netflix continua caminhando a passos largos em sua tentativa de entrar no mercado de entretenimento, no mesmo patamar que os canais de TV. Depois de anunciar produções originais e resgatar Arrested Development, cancelada pelo canal Fox, o site negocia com a CBS a produção de novas séries, segundo divulgou o Variety.

Leslie Moonves, diretor executivo do canal, anunciou esta manhã que a CBS está em negociações com o Netflix para a produção de conteúdo próprio.

Segundo ele, o mundo do entretenimento está passando por uma mudança, da qual o canal pretende fazer parte. ‘Até que eles comecem a produzir 22 horas de programação semanal’, disse Moonves aos investidores da CBS, ‘nós não vemos sua presença no mercado como uma concorrência e sim um lugar onde podemos apresentar nossas produções, sejam elas originais ou de catálogo, como já ocorre’.

Existe certa resistência da indústria ao avanço de sites como o Netflix, visto que uma produção própria, mesmo que através de estúdios ligados a canais de TV, pode afetar o crescimento da TV a cabo, em um primeiro momento, e da própria rede aberta, em um segundo momento. Isto porque o telespectador poderá trocar a assinatura da TV a cabo por uma do Netflix, ou de sites que ofereçam este tipo de conteúdo, comprometendo a programação dos canais por assinatura. Para os canais abertos, este tipo de serviço representa uma concorrência igual à da Internet, da TV a cabo e do DVR.

Se o acordo for fechado, a CBS Studios será a quinta produtora a fazer negócios com o Netflix. O site já tem um acordo com a Media Rights Capital, que produzirá sua primeira série original: House of Cards, com estreia prevista para o final deste ano. Também existe um acordo entre o site e a 20th Century Fox para produzir a nova temporada de Arrested DevelopmentAlém destes, o Netflix negocia com a Lionsgate a produção de Orange is the New Black, de Jenji Kohan (Weeds), e com e a Gaumont International Television a série Hemlock Gove, de Eli Roth, que poderão ganhar a encomenda de 13 episódios para sua primeira temporada.

No momento, o Netflix oferece a exibição exclusiva para o mercado internacional da série norueguesa Lilyhammer.

16/02/2012

às 12:57 \ Curiosidades, Eventos, Séries Anos 2010-2019

Concurso oferece ao fã de ‘The Walking Dead’ uma participação na série

A Fox International Channels está lançando um concurso mundial que escolherá um fã da série The Walking Dead para fazer figuração em um episódio da terceira temporada da série americana.

Trata-se de uma competição online criada pelo Facebook Avatar Generator, Spread the Dread, que identificará um finalista de cada região participante. O Brasil terá um finalista exclusivo, separado dos outros países da América Latina.

O concurso contará com duas fases e terá um ganhador global. A primeira fase consiste em uma seleção online, na qual os fãs devem criar seus avatares de zumbi através de uma versão local do aplicativo. Os finalistas locais serão eleitos por sua criatividade, originalidade e uso do aplicativo, ganhando uma viagem a Los Angeles, EUA.

A segunda fase acontecerá em Los Angeles e cada finalista terá a oportunidade de fazer um teste com Greg Nicotero, produtor executivo e artista de maquiagem e efeitos especiais da série, que escolherá o figurante que interpretará um zumbi em um episódio da terceira temporada da série.

As regiões que participarão do concurso são: América Latina, Reino Unido, Japão, Espanha, Taiwan, Austrália, Turquia, Grécia e Holanda.

Para participar do concurso, entre na página do Canal Fox no Facebook e click no link ‘Torne-se um Zumbi’.

 

16/02/2012

às 12:37 \ Séries Anos 2010-2019, Séries Inglaterra

BBC prepara ‘Bob Servant Independent’

Brian Cox

O canal BBC4 anunciou a encomenda de três episódios para a primeira temporada da sitcom Bob Servant Independent, produção que pretende adaptar o programa de rádio The Bob Servant E-mails, o qual, por sua vez, é uma versão de três livros publicados por Neil Forsyth, jornalista escocês que ficará a cargo dos roteiros.

Nos livros, a história gira em torno de Bob Servant, um ex-lavador de janelas, amante de vinhos, mulheres e músicas, que decide combater a enorme quantidade de spams que recebe via e-mail respondendo-os. Assim, ele passa a enviar aos remetentes e-mails que narram sua rotina em Broughty Ferry, bem como suas experiências ao longo de 64 anos de vida e suas opiniões sobre o mundo.

Os livros limitam-se a reproduzir os e-mails que teriam sido enviados por Bob. Já a série apresentará a vida de Bob em Broughty Ferry, uma pequena comunidade da Escócia, próxima a Dundee, que passa por uma eleição depois que o membro do Parlamento que representava a região morre repentinamente.

Bob Servant (Brian Cox, de The Straits) decide se candidatar ao cargo. Apresentando-se como o homem do povo (que não gosta de povo) ele desconhece por completo o processo político. Seu objetivo é utilizar a campanha como forma de se autopromover. O chefe de campanha de Bob é Frank (Jonathan Watson), seu velho amigo e vizinho com quem mantém uma relação de amor e ódio. Seu oponente é Nick Edwards (Rufus Jones), que tem como chefe de campanha sua esposa Philippa (Pollyanna McIntosh), que parece estar sempre dois passos à frente de Frank.

No elenco também estão Greg McHugh (Anders), Lesley Hart (Miss Wilson) e Ron Donachie.

A produção da sitcom é da BBC Scotland, com previsão de estreia para o final deste ano.

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados