Blogs e Colunistas

31/10/2008

às 15:30 \ Saúde

Esporte na terceira idade

Não é novidade para ninguém que a parcela de idosos tem aumento de forma significativa no Brasil e em vários outros países. O avanço da medicina e os cuidados preventivos, como exercícios e alimentação saudável, fazem com que as pessoas vivam mais e com melhor qualidade. Quem costuma correr em parques ou participar de provas é testemunha do grande número de pessoas acima dos 60 anos e em ótima forma física. Aliás, várias pesquisas já demostraram que os exercícios são benéficos mesmo a indivíduos de 80 anos e sedentários.

Para atender aos interesses e necessidades deste público, alguns profissionais de Educação Física desenvolveram programas de treinos específicos para a terceira idade. Um deles é o professor Eduardo Rodrigues, um colega que há muitos anos orienta com bastante entusiasmo e competência a prática esportiva em grupos de senhores e senhoras. Dudu, como é conhecido no universo dos treinos e corridas, fala na entrevista abaixo sobre as características e as potencialidades dos esportistas acima dos 60. Seu entusiasmo é um incentivo a mais para quem se encontra nessa faixa etária.

VEJA.com – Existe, de fato, um maior interesse dos idosos pela atividade física?

Eduardo Rodrigues - Sim, na última década cresceu de forma expressiva o número de pessoas nessa idade com preocupações em relação à saúde e o bem-estar.

Quais as principais diferenças entre a capacidade física de pessoas mais jovens em relação aos mais velhos?

As diferenças são significativas. Por exemplo, a força máxima de homens e mulheres é alcançada entre os 20 e 30 anos, período em que a circunferência dos músculos costuma ser maior. Com o passar dos anos há um declínio na força muscular. Por volta dos 65 anos, a força de preensão manual (ato ou efeito de segurar) em homens é aproximadamente 20 % menor, em comparação aos jovens de 20 anos.

Há cuidados específicos para cada etapa da vida depois dos 50 anos?

Sim, há um ritmo diferenciado de intensidade física em todas as faixas etárias. As funções fisiológicas declinam com a idade e nem sempre no mesmo ritmo. A condução nervosa declina apenas 10 a 15%, aos 80 anos, enquanto o débito cardíaco (volume de sangue por minuto), declina entre 20 a 30% e a capacidade respiratória máxima, aos 80 anos, é cerca de 40% menor, em comparação com indivíduos de 20 anos. As treinos e as exigências físicas não podem ser iguais para todos. É preciso um programa adequado para que o corpo possa estar em atividade e obter resultado positivo para a saúde.

Quais os benefícios principais que a prática esportiva pode trazer para este grupo?

O treinamento físico sistemático facilita a retenção protéica e pode retardar a diminuição da massa muscular e da força. Uma pesquisa realizada na Universidade de Stanford com idosos sedentários, que se submeteram a um programa regular de exercícios, comprovou que a força muscular aumenta progressivamente durante o treinamento. Durante um programa de 12 semanas, homens sadios na faixa de 60 a 72 anos, obtiveram resultados animadores. Por exemplo, o aumento da força muscular, no exercício de flexão de joelhos,  foi de 107% e no exercício de extensão dos joelhos, o aumento foi de 227%. Este estudo comprova que um programa regular de exercícios resistidos pode aumentar a massa muscular em idosos. Com o aprimoramento da força muscular os idosos também ficam menos expostos a lesões e acidentes domésticos.

Existem atividades a serem evitadas?

Não existe atividade física proibida, deve-se ter bom senso, e evitar atividades que envolvam risco de vida, ou de lesões musculares e fraturas. A redução da massa muscular está relacionada com a perda de força decorrente da idade. As fibras musculares diminuem de tamanho, em particular as fibras brancas (contração rápida), o que explica a movimentação mais lento, em pessoas idosas. Há com o passar do tempo, um aumento das fibras de contração lenta (fibras róseas e vermelhas) dando mais resistência e menos velocidade. Assim, as atividades físicas devem ser adaptadas às condições de cada indivíduo.

Além da corrida, o idoso deve complementar seu programa de atividade física com quais modalidades?

Alguns indivíduos podem correr e outros não, em função de problemas articulares (artrite, artrose), mecânicos (tipo de pisada ou posição dos joelho, problemas de coluna, perda ou diminuição da visão e também diminuição do equilíbrio). Recomenda-se complementar a corrida com alongamentos, exercícios localizados e musculação. O importante, basicamente, é ser ativo.

Por Renato Dutra

Deixe o seu comentário

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

» Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

39 Comentários

  1. Gilsa Lima

    -

    14/02/2012 às 11:57

    Parabéns, faz um belo trabalho, me interesso muito pelo tema se puder me enviar matérias sobre atividades fisicas na 3ª idade. abs.

  2. Esporte 3ª Idade

    -

    26/01/2012 às 15:30

    Compartilhando parte II do meu blog voluntário ESPORTE TERCEIRA IDADE

  3. Irene da Rocha

    -

    27/04/2011 às 11:10

    Compartilhando meu blog esportivo esporteterceiraidade.zip.net

  4. edir

    -

    16/11/2010 às 1:47

    ola renato
    muito obrigada pela ajuda que nos dá.tenho hernia de disco lombar 61 anos de idade e tenho aumentado um pouco o peso e bastante o abdomem sei que isto nao e bom gostaria de pedir seus conselhos para melhorar minha performa sem prejudicar meu corpo e de forma que nao me custe muito caro.gostaria de ajuda s´alimentacao.

  5. cida

    -

    15/07/2010 às 20:44

    gostaria de saber se andar 2 horas por dia e fazer exercicios 30 minutos todos os dias posso me prejudicar a saude tenho artride reumatoide e artrose na coluna obrigada

  6. glena

    -

    19/06/2010 às 9:32

    Acredito que vc. é muito querido por todos.Necessito ajuda;tenho 69 anos sempre cuidei do rosto,que ainda se mantem muito bem, pratiquei muito trabalho físico , sempre muito ativa até os 53 anos, depois foi decrescendo tanto meu trabalho em academia como físico, limitando-me a trabalho sedentário(sou a mantenedora da família tenho 5 filhas, já formadas e trabalhando.Tambem sou empresária,trabalhos no campo(advogada e sociologa).Atualmente senti um decrescimo muito grande na vontade de exercitar-me;desânimo, problemas familiares(mãe com alzeimer 90 anos).Negocialmente sou ativa,mas fisicamente acredito que o estresse está me conduzindo para algo que naõ suporto.Estou triste.meus braços estaõ flácidos e isto me deprime,tento erguer minha mãe e naõ consigo, gostaria de poder fazê-lo para senti-la perto de mim, mas dependo de enfermeiras.É possível readquirir a muscultura com persistencia;perseverancia?tenho uma academia , mas destesto exercitar-me só.muito obrigada.Agradeço a Deus por tudo que me tem proporcionado e me sinto envergonhada pelodesanimo.
    fico muito tempo no computador e no telefone tratando de meus negócios, mas estou triste.Perdoe-me se estou sendo repetitiva , fico doentiamente contando minhas possíbilidades de atividade em anos e isto é doentio e deprimente.Nas ocasiões em que faço esteira sinto-me melhor.muito, mas muito obrigada mesmo.

  7. karla Françoise-João Pessoa

    -

    09/04/2010 às 18:12

    Oi Ricardo
    Mais uma vez aqui a conversar contigo não é? Já virei fã de carteirinha…
    Como educadora física , especialista em atividade para terceira idade e gerontologia, e trabalhamdo a 18 anos com a mesma, percebo como o interesse deles é maior a cada dia, além de fiéis a atividade escolhida e impressionantemente assíduos! Tenho pessoas comigo há 14 anos seguidos sem intervalos. Chegaram tristes e limitados e hoje são exemplos de vitalidade e disposição, mesmo diante de várias limitações próprias da idade. Só faltam mesmo partciparem de corridas, pois fazem de tudo um pouco. O que acha? Um grande abraço
    karla Françoise

  8. jocely

    -

    23/02/2010 às 11:13

    tenho 38 anos e percebo que estou muito duro preciso fazer exercicio qual seria os exercicios melhor para comecer a me exercitar. um abraço estou aguardando a resposta.

  9. Mario Praun

    -

    27/01/2010 às 0:43

    Tenho 70 anos, adoro e sempre pratiquei esportes na minha vida.A minha atividade preferida é a corrida, inclusive tenho algumas medalhas. Aos 63 fui submetido a uma sirurgia cardíaca, safena e mamária como prevenção em função de uma obstrução em estado adiantado e perigoso em uma das coronárias. Hoje me sinto muito bem, continuo fazendo de preferência caminhadas diárias de 6 a 8 km. Às vezes corro um pouco, mas como tenho um problema em um dos tornozelos fico impossibilitado de manter uma frequencia e distâncias desejáveis. Você acha que é suficiente e seguro a minha atividade em virtude de não haver quase informação alguma para casos como o meu,e tenho certeza que é a pergunta de muitos com o mesmo problema. Onde posso obter informações a respeito do problema? Você pode dar uma orientação?
    Obrigado pela atenção.

  10. só saúde/jao

    -

    22/01/2010 às 17:20

    para aqueles q. querem começar, espero q. o faça logo. com bom tênis e sem peso pelo corpo. é só saúde qdo. aliada a alimentação saudável. agente vive não é para comer, agente come é para viver. se evitar outros produtos da mídia melhor ainda, por ex. bebidas e refrigerantes, carne vermelha, enlatados etc. sei q. não é fácil mas o resultado é para melhor. no meu caso a caminhada e a corrida leve me faz feliz e sentir saudável, pois consegui baixar de 75 kg p/63, porém faço religiosamente todos os dias esses exercícios, inclusive qdo. viajo, pois assim acabo conhendo até as paisagens dos lugares e sentindo o que a natureza nos oferece, ou, ouvindo passarinhos e vendo pessoas, cumprimentando-as, embora nem sempre as mesmas respondam, mas mesmo assim me sinto como se estivesse vivendo mais, e o resultado é q. ainda não foi preciso usar remédios até agora. espero q. o criador possa me direcionar e bendizer esse procedimento pelo resto da vida.

    [WORDPRESS HASHCASH] The poster sent us ’0 which is not a hashcash value.

  11. esperança

    -

    22/01/2010 às 17:03

    há vinte e um anos q.faço exercícios, caminhadas e posteriormente até corridas intercaladas, inclusive minimaratonas e até meia, como são silvestre, pampulha meiado rioede 10 km., como aniversário de goiânia, reis brasília e de cuiabá. ultimamente faço só de 10 km de semana em semana e nos outros dias faço 1 hora de caminhada lenta ou mais depressa, dependendo da disposição. tenho 68 para 69 e sinto um prazer muito grande na prática desses exercícios. faço corrida há 10 anos e não foi fácil começar,mas hoje temo em ter q. porventura deixar em virtude de articulação joelho ou quadril, portanto, estou praticando mais lentamente procurando não forçar o joelho, mas espero poder continuar fazendo pelo resto da minha vida e assim seja bendito pelas graças do criador. tbém procuro uma alimentação saudável, não comer carne vermelha e só de peixe e folhas e frutas e pão integral qdo.possível e ricota.q. as bençãos do poder infinito assim seja.

  12. romildo paz de oliveira

    -

    10/12/2009 às 22:20

    Li todos os comentarios relativos a terceira idade, veja como ´nos os acima de 60 anos estamos interessados em matermos a qualidade de vida.
    Notei que a maioria dos comentarios vinham em forma de perguntas e seria interessante se houvesse uma explicação técnica logo após o comentario formulado.
    Acredito que tornaria ainda mais interessante principalmente aos menos informados.
    parabens pela coluna.

  13. Kitty

    -

    09/12/2009 às 18:00

    Renato
    Tenho 57 anos e faço academia três vezes por semana, comprei o polar recomendado por vc em sua pagina aqui da revista.
    Quero começar a correr, mais estou com medo de passar mal na esteira, assim corro 5minutos caminho mais 5 e depois corro mais 5 minutos na velocodade de 7.4 na esteira no total faço 30 minutos seguidos. Como vc vê esta minha iniciativa esta certa ou errada?, por favor me ajude porque vc e super legal com a suas materias sobre tudo que diz respeito ao esporte te admiro muito.
    Meu peso atual e 74K e minha altura é 162.
    Sem mais muito obrigado pela atenção.

  14. v.b.p.f.

    -

    25/11/2009 às 8:27

    Olhe, o que a Veja.com está melhorando minha qualidade de vida é um “escandalo”. Sou agradecido a vcs todos, 1° o Mainardi, 2° Reinaldo, 3° Augusto, Não tenho grana para assinar a revista, sou aposentado e moro em cidade do interior, mas atraves da internet, mesmo que muito lenta por aqui vou me virando e até dandos umas corridinhas, tenho 61 old, mas já faço 2 séries de 3 ou 4 barras, 15 flexões, alongamento, etc… tô quase ótimo. Ainda não sou costumaz de sua coluna, mas vc é um profissional sério e motivador. OBS. Faço essas coisa de graça, obedecendo o bom senso, margem de segurança (não forço nem f….). Muito Obrigado Renato Dutra.

  15. Simone

    -

    28/10/2009 às 9:54

    Olá! Gosto de ler tudo que é relacionado à terceira idade. Adoro me exercitar. Um dia desses entrei num site chamado Portal Clube Vida Moderna, que falava sobre os Benefícios da Yoga e o Segredo da Vitalidade. Adorei as matérias. Essa também é muito boa. Parabéns!

  16. Simone

    -

    26/10/2009 às 22:13

    Olá! Gosto de ler tudo que é relacionado à terceira idade. Adoro me exercitar. Um dia desses entrei num site chamado Clube Vida Moderna http://www.clubevidamoderna.com.br, que falava sobre os Benefícios da Yoga e o Segredo da Vitalidade. Adorei as matérias. Essa também é muito boa. Parabéns!

  17. Maria Elvira Bento

    -

    24/10/2009 às 18:20

    Tenho 70 anos, 1,55. Deixei de trabalhar e encetei um caminho de disparates alimentares e sedentários. Até ao dia em que cá dentro se acendeu uma luzinha e procurei ajuda. Passei do 36 para o número 44. O meu estômago era enorme e redondo. Não me sentia bem. Fui para um ginásio e nadei, sozinha, durante um ano. Emagreci 3 quilos. Depois, optei por pedir um personal trainer (por acaso é brasileiro e é excelente, nota 10)), comecei a fazer máquinas, pesos e exercícios personalizados e, continuei a nadar (hora e meia sem parar. 3 vezes por semana (vou passar para 4). Hoje, tenho 64 quilos. quase não tenho nada de estômado. Não estou nada flácida, bem pelo contrário e, sinto-me feliz da vida. E tudo porque um dia deixei de me empanturrar de comida e ver o mundo no canto do sofá, frente à Televisão. Tento chegar aos 58 Kgs.

  18. catherine kerche rocha

    -

    07/10/2009 às 12:09

    faço 60 anos em janeiro e gostaria de saber:
    faço ginastica localizada tres vezes por semana (alongamento, abdominal etc…)
    A professora disse que meia hora de ginástica por dia é o suficiente. Disse que criança precisa de uma hora de ginastica e o idoso só meia hora. Está correto?

  19. Wilson Müller Rodrigues

    -

    02/09/2009 às 20:07

    Tenho 64 anos, 1m80cm, 83kg, artrose no joelho E. Faz 20 anos que não pratico exercícios físicos regulares. Qual a melhor maneira de recomeçar? Um abraço cordial.

  20. marcia moreira

    -

    18/08/2009 às 15:26

    estou trabalhando com idosos ativos mas estou precisando fazer algumas atividades recreativas com eles e não sei por onde começar

  21. Elisa Bonfá

    -

    20/07/2009 às 21:16

    Renato:
    Adoro seus comentários!
    Gostaria de perguntar: tenho 64 anos , caminho e corro há muitos anos. Para eu me sentir confortável nos treinos de corrida, não posso ultrapassar 165 passos por minuto. É muito pouco? Gostaria de ter mais velocidade…
    Obrigada

  22. CARLOS MAGNO

    -

    16/07/2009 às 9:34

    Professor Renato,

    Gostei muito do artigo e da entrevista. Tenho 64 anos e gostaria de saber se, caminhando 20 minutos pela manhão e 20 minutos a tarde, tenho ganho físico da mesma maneira que caminhasse 40 minutos de uma só vez.

    Muito grato pela atenção.

    Carlos Magno

  23. maria elena

    -

    30/06/2009 às 19:21

    maria elena -estou com 51anos faço ginastica sempre, que tipo de exercício devo fazer ! correr, corro as vezes 200metros ,ando4km ,faço musculaçaõ com pouco peso, medo de dar artrose porque é problema familiar.Que devo fazer?

  24. Brenda

    -

    20/06/2009 às 14:53

    No meu ponto de vista eu acho importante o esporte na 3 idade.Queria poder ver td mundo fazendo esporte, eu acho que é uma fonte de viver melhor.

  25. alice

    -

    10/06/2009 às 8:39

    queria poder ver mais fotos pois vou fazer um seminario de educaçao fisica .. queria avançar mais sobre esse assunto. bjs otima materia

  26. vanessa

    -

    12/05/2009 às 13:51

    oi adorei esta matéria porém gostaria de mais informações sobre recreação na terceira idade obrigada

  27. vera palma

    -

    01/05/2009 às 10:30

    Gostaria de ingressar numa atividade física. Tenho minhas limitações.Já faço hidroginástica mas só isso não me satisfaz.Gostaria de saber mais informações a respeito.Desde já agradeço sua atenção

  28. Joyce

    -

    29/04/2009 às 13:39

    Estou fazendo um trabalho sobre qualidade de vida e eu escolhi o tema ( esportes ) essa matéria me ajudou muito mas será que vocês podem me ajudar a ter um complemento melhor para uma apresentação?Obrigada

  29. Fernando Cesar

    -

    24/04/2009 às 22:06

    Tenho uma pergunta. O badminton pode ser recomendado para terceira idade?

  30. marcos bueno vieira

    -

    23/04/2009 às 14:03

    gostei muito faço faculdade de ed fisica achei muito interessante,tenho um seminário apresenta sobre este assunto gostaria q vc enviase mais algumas coisa sobre o assunto.

  31. FABIO MODESTO

    -

    27/02/2009 às 0:00

    Me interesso muito por materias relacionados a terceira idade, estou tentando montar um projeto completo para trabalhar com pessoas carente da terceira idade, envolvendo atividades fisicas, e gostaria de receber bastante informações de voces so for possivel, a matéria de voces e 10, valeu e até a proxima.

  32. maria beatriz

    -

    09/12/2008 às 0:00

    legal

  33. roberto jurado brisola

    -

    26/11/2008 às 0:00

    Sou diabetico com controle medico, sou sedentario peso 119 kilos com 1.79 mts., estou sentindo que minhas pernas precisamente meus joelhos encontram-se fracos, professor existe algumexercio que eu possa fazer para melhorar esta minha articulação?

  34. roberta soares

    -

    22/11/2008 às 0:00

    Oi Renato, adorei seu artigo, alem disso ele vai me ajudar muito no trabalho da faculdade, estou no 1 semestre de Educaçao Fisica, e tenho interesse na atividade fisica com idosos. Obrigada e sucesso pra Vc.

  35. maria amélia

    -

    11/11/2008 às 0:00

    Boa tarde!Muito boa as explicações e orientações.Obrigado

  36. Dudu Rodrigues

    -

    09/11/2008 às 0:00

    Renato,Ficou muito boa a entrevista e espero poder ler artigos esclarecedores como estes.abraço,Dudu

  37. José Chiro

    -

    05/11/2008 às 0:00

    Corro quase diariamente, um percurso de 10 a 12 km, em torno de 90 minutos. Será que posso forçar o meu ritmo, em menos tempo.Como proceder.GratoChiro

  38. SERGIO ALOISIO KETZER

    -

    02/11/2008 às 0:00

    Com a atual politica, para os aposentados da iniciativa privada,FATOR PREVIDENCIARIO, fica impossivel uma pessoa da terceira idade, usufruir dos programas e das necessidades alimenticias inerentes a idade,fora as calçadas de Curitiba que sao as piores do MUNDO…..

  39. Márcia

    -

    31/10/2008 às 0:00

    Boa noite! Qual sua opinião quanto os exercicios dentro da piscina,ao meu entender essesexercicicos não tem impacto? Será que estou certa?

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados