Blogs e Colunistas

16/11/2014

às 20:30 \ Vasto Mundo

FOTOS E VÍDEOS ESPANTOSOS: mais de 4 mil aparelhos no maior cemitério de aviões do mundo

O enorme cemitério de aviões proximo a Tucson, Arizona: não é muito fácil de distinguir com foto deste tamanho, mas observe à esquerda os bombardeiros B-52 com asas cortadas, no chão, para observação dos satélites russos (Foto: USAF)

Publicado originalmente a 9 de abril de 2012

Campeões-de-audiênciaÉ um espanto, algo quase inacreditável: mais de 4 mil aviões aposentados espalhados num imenso terreno no deserto do Arizona, perto da cidade de Tucson e ao lado da base Davis-Montham da Força Aérea dos Estados Unidos (USAF) — o maior cemitério de aviões do mundo.

Só nesta foto, cerca de 200 aviões de combate que fariam o sonho de forças aéreas mundo afora. O ar seco do deserto contribui para sua não deterioração  (Foto: USAF)

Sob a guarda do 309º Grupo de Manutenção e Regeneração da USAF, lá estão eles — alguns modelos que, às centenas sob o ar seco do deserto, que contribui poderosamente para a conservação dos equipamentos, ainda são o sonho da maior parte das forças aéreas do mundo.

É o caso dos F14 Tomcat ou, principalmente, dos F15 Eagle, dos colossais bombardeiros B-52 de oito turbinas aposentados, sem contar helicópteros de ataque, de transporte e de resgate de todos os tipos, protótipos de aviões que não chegaram a entrar em serviços e gigantes aéreos de transporte como os C5A Galaxy.

Area destinada a caças do cemitério da Força Aérea no Arizona (Foto: USAF)

Há centenas de B-52 ali estacionados, sendo que 300 deles têm suas asas cortadas (veja bem à esquerda na foto principal) devido às negociações sobre redução de armas estratégicas com a antiga União Soviética (e, agora, com a Rússia) — as asas cortadas podem ser vistas por satélites de observação russos.

Neste capítulo, o cemitério abriga mísseis inativos, como o Titan, de alcance intercontinental.

Agora,  vídeo, feito durante uma excursão de turistas visitantes do adjacente Pima Air & Space Museum:

Deixe o seu comentário

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

» Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

Envie um comentário

O seu endereço de email não será publicado

61 Comentários

  • F.CARLOS - O VIRA-LATA

    -

    18/11/2014 às 10:58

    As regras para publicação de comentários no blog, conforme relembrei aos amigos leitores incontáveis vezes, não aceitam textos escritos somente em maiúsculas, em respeito à boa educação, aos leitores e seguindo uma norma internacionalmente praticada na web.
    Como presumo que você saiba, palavras em maiúsculas significam palavras gritadas, não é mesmo?
    99% dos leitores escrevem assim, como neste texto, em maiúsculas e minúsculas.
    Peço que você faça o mesmo das próximas vezes.
    Confira as regras no link http://goo.gl/u3JHm
    Obrigado

  • Wake up

    -

    17/11/2014 às 21:55

    E qual é pior?
    Esses aviões construído com o dinheiro dos contribuintes americanos e todo ocioso ai no deserto ou aqueles milhões de prédios vazios na China?

  • Eduard

    -

    17/11/2014 às 17:15

    Meu caro, os avioes em Tuckson nao esta la como cemiterio e sim com avioes de reserva, comprados aos montes da Boeing e da McDonnell Douglas. Ficam lá esperando uma guerra, todos os avioes sao revisados todos os meses para poder entrar em combate, agora é aqui que tem corrupção!!!!!

  • Ivan, o Terrível

    -

    17/11/2014 às 9:40

    Fora as embarcações militares (algumas gigantescas), tanques e outros veículos de combate, armas de artilharia, armamento pessoal, etc… Quando perdem a “validade” viram sucata… Quanto dinheiro! Quanto benefício poderia trazer para a humanidade se não existissem! Mas é só um sonho. Não é o mundo real.

  • Renato Carvalho

    -

    17/11/2014 às 9:28

    Augusto e Setti, vcs. que gostam de nos presentear com essas maravilhas, segue o link:

    https://br.noticias.yahoo.com/fotos/artista-transforma-mulheres-em-animais-slideshow/artista-transforma-mulheres-em-animais-photo-1416153614033.html

  • Paulo

    -

    17/11/2014 às 1:58

    Tanto avião aposentado. E eu andando de ônibus…

  • Lincoln

    -

    16/11/2014 às 20:50

    A CNN divulgou nossa manifestação.
    Manifestação na Avenida Paulista,impeachment Dilma,cobertura da CNN Internacional 15/11/2014:
    http://www.youtube.com/watch?v=1Xf4Q16W9qo

    CNN faz cobertura da manifestação dia 15 de novembro de 2014:
    http://www.youtube.com/watch?v=MdJ7IkPAH9o
    Will Brazil’s president be impeached?
    http://www.youtube.com/watch?v=ty3Cxh-raoU

  • alex

    -

    15/6/2014 às 6:45

    impressionante gostei

  • Erneto Mour

    -

    17/4/2014 às 17:06

    Como eu não tinha a menor ideia sobre a enorme quantidade de aviões em sucata e ainda mais reunidos adorei as fotos sobre esse campo em Tucson. Portanto meus agradecimentos aos promotores dessa inserção. Por outro lado, fico entristecido ao ter que me lembrar da imensidão de despossuídos, principalmente se crianças, nas tribos atrasadas pelo mundo e campos de refugiados em países civilizados, despossuidos esses, passando necessidades físicas e psíquicas que poderiam ser diminuidas com o que os espécimes de Homo sapiens desmiolados desperdiçaram nesses aviões todos!

  • Alex

    -

    13/4/2014 às 19:32

    Se a nossa gloriosa força aérea souber disso vai querer comprar meia dúzia. Só meia dúzia, pois não tem dinheiro pra mais que isso. Sucata é com a gente mesmo!

  • person araujo

    -

    11/4/2014 às 22:43

    caro Setti,

    agora que sabemos da propensão do lulodilmismo em comprar sucatas mundo afora, seu eu fosse os suecos, botava as barbas de molho. vai que a dona gerente invoca, cancela a compra dos caças suecos e resolve comprar esses B-52′s (infelizmente não é a banda pop…) com as asas cortadas… não duvido nada algum puxa-sacos de escalões menores estar vendo essas fotos e enxergando um ‘belo negócio de ocasião’!

    abs!

  • CARLOS ALBERTO BARBOSA,

    -

    27/1/2014 às 18:27

    As regras para publicação de comentários no blog, conforme alertei os amigos leitores incontáveis vezes, não aceitam textos escritos somente em maiúsculas, em respeito à boa educação, aos leitores e seguindo uma norma internacionalmente praticada na web.
    Como presumo que você saiba, palavras em maiúsculas significam palavras gritadas, não é mesmo?
    Confira as regras no link http://goo.gl/u3JHm
    Obrigado

  • Hugo

    -

    18/12/2013 às 14:52

    Isso não é um cemitério, é uma reserva de aviões é só notar que todos estão lacrados podem ser usado a qualquer momento. Parabéns aos EUA por tamanho de recursos bélicos.

  • rinaldo tonheta

    -

    17/9/2013 às 22:25

    fazer destes aviões lanchonete restaurantes barzinhos lojas etc

  • alvaro

    -

    15/9/2013 às 15:29

    seria bom se desse cemitério eles tirasse aquelas peças que estivessem em bom estado e o resto derretesse para refazer o metal para novos aviões.

  • oneide algeu rorato

    -

    11/9/2013 às 15:59

    gosto de mais dos estados unidos sou fá presidente em todos os problemas que os estados unidos tiveram
    o presidente saiu muito bem ela tem lei e a lei sempre que forcomdenado cumprese um grande abraço ao presidente Baraque Obama

  • claudia bulcao

    -

    9/8/2013 às 13:31

    derrepente a Dilma compra para Forca Aerea…

  • Carlos

    -

    7/8/2013 às 23:40

    Acho que pouco tempo as aeronaves podem ser reativadas, diria que em poucas semanas essas aeronaves estariam armadas e voando. Você duvida? Atire a primeira pedra.

  • wilson

    -

    7/8/2013 às 22:18

    Tio Sam diria ninguém sabe o duro que dei pra ter
    Meus brinquedinhos trabalhei !
    Aqui estariam saqueados, roubados e com 10.000 companheiros recebendo em casa pela guarda.

  • Anonio

    -

    7/8/2013 às 18:57

    Pô, a gente poderia aproveitar e utilizá-los agora que estão aposentando, finalmente, os Mirages usados que o Lula comprou e que não servem mais para nada.

  • jorge

    -

    7/8/2013 às 18:21

    Caro Setti,nos Estados Unidos os aviões estão no deserto guardados,caso fosse no Brasil,os políticos já teriam roubado tudo ou, a presidenta já teria doado par algumas ditaduras amigas.

  • geran

    -

    7/8/2013 às 15:54

    Fantástico! Triste mas fantástico!

  • anselmo

    -

    7/8/2013 às 14:09

    Como fazer um mundo melhor e sem guerra?
    Vamos vender essa porcariada toda e comprar arroz e feijão…

  • Ricardo

    -

    7/8/2013 às 10:44

    Ainda bem que tem cemitério de aviões, já pensou se eles ainda estivessem voando!!!
    http://www.tecnosaber.com.br/index.html

  • lidiane bonfim

    -

    29/7/2013 às 16:01

    afff isso é de irritar euuu tenhoo muiiitoo medoo de andadar de aviãoo aff…mass euu gosteiii !!!!

  • amanda luisa

    -

    17/6/2013 às 11:52

    eu nao gosto de espiritos

  • Jmv

    -

    22/1/2013 às 12:54

    O “pior” é que eles sabem de cada turbina, cada fuselagem, cada aileron, cada altimetro, cada trem de pouso, disponivel nesse estoque rsrsrs… Mas ontem ouvimos uma notícia muito acalentadora e de grande exemplo de competência. Finalmente resolveram remover e dar fim aos aviãos da Vasp (já sulcateados) abondonados pelos aeroportos do Brasil.

  • IGOR

    -

    21/1/2013 às 19:35

    SE ESSES SAO OS AVIOES MORTOS DELES ,IMAGINA O TOTAL Q TEM ENTAO NAS BASES AERIAS SOMADOS JUNTOS,, NEHHH,,,rsrs

  • jose cardosojo

    -

    21/1/2013 às 16:53

    Meu Deus do Ceu, enquanto milhões estão passando fome, sofrendo nas mãos de ditadores inescrupulosos, hospitais sem os recursos, que a bem da verdade lhes são devidos, estou vendo pela primeira vez, estarrecido, este descalabro, de bilhões e bilhões de DOLARES,neste parque, para vergonha nossa, o grande pais, nos esbofeteando.. Deus é muito bom, um dia esta vergonha será cobrada por ELE.

  • jose roberto

    -

    19/1/2013 às 13:29

    Engraçado ver o pessoal criticar o desperdício sem ter conhecimento. Será que os americanos fazem isso por serem maus? Claro que se usasse o dinheiro para hospital, dar comidas às crianças da África etc, seria bem melhor. Ocorre que se esse poderio bélico dos EUA não existisse, não teria intimidado a URSS na Guerra Fria e, provavelmente, o mundo estaria bem pior hoje.
    Não existem agências bancárias fora da Terra. O dinheiro gasto gerou emprego, tecnologia e acabou circulando no próprio país, pois os EUA fabricam TUDO O QUE CONSOMEM NAS SUAS FORÇAS ARMADAS.

  • juscelino

    -

    16/1/2013 às 22:07

    esses cabras não dão murro em ponta de faca nao.. devem estar todos azeitados para qualquer eventualidade.. senão qual motivo para deixar tudo isso apodrecendo..no minimo seriam desmontados para uso da sucada….

  • Moraes , Marcos

    -

    28/4/2012 às 18:43

    Se o capital que foi aplicado nos mesmos fosse na medicina,na fome,na natureza? como estariamos?

  • Thatiana

    -

    16/4/2012 às 3:16

    Moro em Tucson e a base aerea recebe muitos estrangeiros mecanicos de avioes que vem de seus paises reformar e levar cacas. Brasileiros inclusive.

  • Impressionante!

    -

    12/4/2012 às 22:19

    Com certeza, esses são aviões descartados por motivos de economia após o fim da Guerra Fria. Até não me impressionei pela quantidade de sucata, mas pela nossa pobreza e humildade frente a potência e o poderio bélico norte-americano.

  • Paulo

    -

    11/4/2012 às 23:10

    Tantos recursos naturais jogados fora para construir maquinas estúpidas, esse pais não é sério, e ainda assim é o modelo de felicidade seguido por parte do mundo.

  • NensoSSDPhoeser

    -

    11/4/2012 às 18:29

    SSDP(Satuário Santo De Deus Pai)me deem o dinheiro de um só aviãi destes!!!…e o bem social que eu farei!!!!!

  • NensoSSDPhoeser

    -

    11/4/2012 às 18:24

    SSDP(Santuario Santo DE Deus Pai!me deem o dinheiro de um só avião destes! e o bem social que eu farei!!!!!!!!!!!!!

  • Vinicius José

    -

    11/4/2012 às 13:40

    Muitos desses aviões vem parar na Força aérea ou na marinha do brasil, exemplo o P-3 Orion e os C-1 Trader que serão modernizados em Tucson para a Marinha…

  • ana

    -

    11/4/2012 às 9:05

    Seria o primeiro alvo que os russos pulverizariam com uma bomba.

  • Ataualpa

    -

    10/4/2012 às 19:51

    A Maior parte pode sim ser reaproveitado na hora, a umidade em tucson é 0 preserva muito. Vale dizer que grandes bancos, empresas de Leasing, também levam para este local aviões comerciais OK, eles fazem a encomendam, recebem e levam ai para revender. Eu conheço pessoalmente.

  • Luciano

    -

    10/4/2012 às 7:20

    Que matéria legal. São máquinas muito bonitas. Quando era criança sabia tudo sobre o F14. Os f4 e os 104 das fotos eram caças anteriores a ele e estão todos lá, preservados. Suas turbinas, entradas de ar e cockpit protegidos. Acredito que se necessário boa parte deles possa entrar em operação com um mínimo de manutenção. Isso é preservar o dinheiro público. Com certeza um passeio turístico muito legal, só senti falta de alguns sr-71…

  • Oscar Fischer

    -

    10/4/2012 às 2:06

    Estes avióes não são mantidos ali com o propósito de serem reativados eventualmente. Os custos, neste caso seriam mais elevados do que construir aviões novos. Na verdade, esta área representa uma enorme mina de metais preciosos a céu aberto. Além de vastas quantidades de alumínio, tem também muito níquel, titânio e molibdênio entre outros. Esta reserva pode ser muito útil para a indústria aeronáutica dos EUA no caso destes materiais se tornarem escassos ou muito caros…

    A Força Aérea Americana informa que, sim, em certos casos eles podem ser reativados, ou reverter ao serviço ativo. Mas não sei citar exemplos anteriormente ocorridos.

  • Marcus(MG)

    -

    10/4/2012 às 1:41

    Acho que na realidade a intenção no começo era desmantelar e derreter como sucata, mas agora a intenção sem querer passou a ser em ostentar a força bélica americana, já que impressiona mesmo sabendo que são aeronaves aposentadas,a questão é que se dão ao luxo de fazer destas lixo bélico que pode ser reutilizado,imagina as novas que às substituiram? Qual País vai encarar?Vira símbolo nacional, quase uma cerca elétrica vitual!

  • Luiz

    -

    10/4/2012 às 1:08

    A Argentina tem aviões militares em número menor que 1 décimo dos que estão numa fileira da segunda fotinha desta matéria.
    Mesmo assim, a proto-ditadora do Botox “ameaça” a Inglaterra pelas Falklands.
    E, incrível!!!, grande parte dos argentinos se deixa enganar pela patriotada diversionista da Bolivariana do Botox.

  • Luiz

    -

    10/4/2012 às 1:02

    Já o maior cemitério de carros velhos está em Cuba. Lá, os “cadáveres” ainda são obrigados a trabalhar.

  • José Figueredo

    -

    9/4/2012 às 21:53

    Bilhões de dólares espalhados no deserto.Se os EUAs os vendesse,poderiam ser usados contra o próprio País.Isto é o que se chamaria sinuca de bico,e´ou não é,caro Setti?deixá-los lá,só escorre água de muitas bocas.hehehehe!

  • HENRIQUE-BH

    -

    9/4/2012 às 21:51

    Porque o nosso governo não dá uma puxadinha para ter um bocado desses aviões de caca? Faríamos o favor de desatolar esse páteo e arrumar mais vagas para eles.

  • Luiz

    -

    9/4/2012 às 21:23

    Luiz
    -

    09/04/2012 às 21:07
    Seu comentário está aguardando moderação

    Aposentar aeronaves é so para as grandes potencias!
    Um dia os nossos velhos tambem vai aposentar.

  • Rone

    -

    9/4/2012 às 21:10

    Setti sei de tudo isso minha pergunta é; porque os norte americanos guardame preservam tantos aviões?
    Tenho uam resposta comigo não sei se tem a mesma ?

  • Luiz

    -

    9/4/2012 às 21:07

    Aposentar aeronaves é so para as grandes potencias!
    Um dia o nosso querido Brasil chegar lá.

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados