Blogs e Colunistas

26/01/2011

às 17:12 \ Tema Livre

É assustador, amigos: parece um tornado, e em plena cidade de São Paulo

Tornado em São Paulo

Pode até ter sido, tecnicamente, outra coisa, mas vejam só, amigos do blog, se não tem todo jeito de tornado o fenômeno atmosférico que o publicitário Jurandir Craveiro, querido amigo, fotografou em São Paulo — no dia 5, no meio da temporada de chuvas fortíssimas que vem atingindo a capital.

A foto foi tirada do apartamento de Jura, como o chamam os amigos, na rua Cristiano Viana, no bairro de Cerqueira César, entre a Avenida Rebouças e a Rua Heitor Penteado, na região de influência da Avenida Paulista, e o aparente tornado ocorreu no Alto da Lapa, zona Oeste de São Paulo.

A tempestade derrubou árvores, virou e danificou veículos e residências.

Deixe o seu comentário

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

» Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

Envie um comentário

O seu endereço de email não será publicado

15 Comentários

  • Cil

    -

    28/1/2011 às 21:57

    Isso lembra o funil do mesmo evento no Rio, que deram um nome lá, mas se aquele funil tocasse o chão eu queria ver um tornado não se formar. Em 2003, morrei nos EUA e eles naquela época tinham e têm um sistema completamente integrado para avisar sobre catástrofes naturais, de enchentes a furacões (e por isso mesmo fiquei espantada com o que aconteceu com o Katrina). Aliás, basta ver a quantidade de sites de informação do tempo que há por lá… e que se brincar informam mais sobre o nosso clima que qualquer serviço por aqui.

    Pior que um evento como esse aqui no Brasil causaria muuuuuita destruição. Se não estamos prontos para enfrentar as enchentes, que quase são obrigatórias todos os anos, imagine um evento único.

    O clima da terra não está para brincadeira mesmo.

  • Tavares

    -

    28/1/2011 às 19:09

    Não sei onde viram tornado nessa foto, onde está o funil? Chuva forte sim, com elevada taxa de precipitação e que pode sim provocar rajadas de vento muito fortes capazes de fazer muito estrago. Uma dúvida: o que virou os carros? mais provável que tenha sido o escoamento da água, uma forte enxurrada.

    Leitores que vivem na região relatam, pelo que entendi, que o que virou os carros foi a ventania. “Tornado” é coisa de amadores, como eu… Neste mesmo espaço, uma simpática leitora que é meteorologista já explicou de que se tratou.

  • Rosa Maria Pacini

    -

    28/1/2011 às 11:27

    Setti, tomei a liberdade de enviar o seguinte e-mail para a Estação Meteorológica da USP:
    À Estação Meteorológica – USP
    Prof. Dr. Carlos Augusto Morales Rodriguez
    Prezado Sr.
    Não sei se estou encaminhando à sua apreciação uma questão inadequada, mas mesmo assim eu o farei. Trata-se de uma polêmica gerada pela foto publicada pelo jornalista Ricardo Setti, em seu blog no site Veja. com
    A questão é saber se a foto seria ou não de um tornado, pois esta gerou dúvidas entre os leitores, já que há quem questione a possibilidade de haver tornados em regiões urbanas.
    Desde já agradeço aos esclarecimentos.
    Atenciosamente,
    Rosa Maria Pacini
    Bem, Setti, por enquanto a resposta obtida é a que segue abaixo:
    Cara Rosa,
    O Prof. Dr. Carlos Morales está em férias. Encaminhei a mensagem a ele mas é provável que ele responda apenas após o dia 06/02.
    Vendo o anexo que a senhora nos mandou, concluo que trata-se de uma ‘cortina de chuva’. Isso significa que está chovendo naquele ponto longe, no horizonte e não está chovendo no local onde a foto foi tirada. Nessa época do ano, quando temos as famosas ‘chuvas de verão’, é bastante comum ocorrer isso. Só pensarmos que muitas vezes um determinado bairro da cidade registra chuva forte (muitas vezes, com granizo) e enchentes, enquanto um outro bairro registra pouca ou nenhuma chuva.
    É um fenômeno relativamente comum. Por exemplo, veja as fotos que esse usuário do Flickr registrou:
    http://www.flickr.com/photos/alef442/5295412070/
    Abraços.

  • Samantha

    -

    28/1/2011 às 10:45

    Não é um tornado.
    È apenas uma cortina de chuva. Isso significa que está chovendo naquele ponto longe, no horizonte e não está chovendo no local onde a foto foi tirada. Nessa época do ano, quando temos as famosas ‘chuvas de verão’, é bastante comum ocorrer isso. Só pensarmos que muitas vezes um determinado bairro da cidade registra chuva forte (muitas vezes, com granizo) e enchentes, enquanto um outro bairro registra pouca ou nenhuma chuva.

    É um fenômeno relativamente comum. Por exemplo, veja as fotos que esse usuário do Flickr registrou:
    http://www.flickr.com/photos/alef442/5295412070/

    Samantha Martins

    Muito obrigado por três coisas, prezada Samanta: 1) sua visita ao blog; 2) seu comentário: 3) seu esclarecimento para os leitores e para mim mesmo.

    Um grande abraço e volte sempre que puder.


    Meteorologista

  • cacalo

    -

    27/1/2011 às 19:20

    o que ocorreu no alto da lapa veio de pinheiros/butantã, área que, em termos de são paulo, é descampada, é onde está a cidade universitária e a região contígua não tem construções altas, tornando, sim, possível o desenvolvimento de tornados. o vento que “ventou” aqui rodava, arrancou e quebrou árvores por torção, como de fossem parafusos. mas, realmente, um meteorologista poderá a resolver a questão.

    Amigo Cacalo,

    Muito obrigado por sua visita ao blog e por seu importante depoimento.

    Abraço saudoso

  • SergioD

    -

    27/1/2011 às 15:42

    Ricardo, não consigo identificar o “funil” sempre formado por um tornado como o que ocorreu semana passada na Baixada Fluminense (ver foto no link abaixo:
    http://odia.terra.com.br/portal/rio/html/2011/1/tornado_causa_estragos_e_assusta_moradores_da_baixada_fluminense_138848.html
    Valeria a pena o comentário de algum leitor meteorologista se essa nuvem teria o potencial de formar um tornado.
    Um abraço

    Um leitor aparentemente entendido do assunto disse que não existem tornados em regiões urbanas, que eles só se formam em grandes áreas planas. O comentário dele está entre os que foram feitos a este post. Ele mencionou o nome correto do fenômeno.

    Abração

  • Dawran Numida

    -

    27/1/2011 às 15:13

    Pois é. E ainda tem que compre a ideia de girico de que só chove onde as oposições ao governo federal governam. E a seca no Rio Grande Sul seria o quê? Delírio coletivo? E o que aconteceu no Rio de Janeiro também não aconteceu?

  • -

    27/1/2011 às 13:20

    Setti,
    Não é um tornado não, como berram apresentadores de tv (recalcados e mal amados) É A MÁQUINA DO SERRA E DO KASSAB de fazer chover!!

  • Thales

    -

    26/1/2011 às 19:52

    Essa foto é uma das muitas provas de que a cidade de São Paulo, tem uma infra-estrutura melhor do que muitos supõem!

  • cacalo

    -

    26/1/2011 às 19:43

    setti, foi tornado mesmo. moro no alto da lapa, por aqui caíram 27 árvores, ficamos 48 horas sem energia. quanto ao evento climático não há o que fazer, mas a queda de tantas árvores poderia ter sido evitada. por quatro anos um vizinho e eu pedimos podas à prefeitura. há uns seis meses, fizeram umas podinhas mequetrefes. nós dois avisamos para equipe da subprefeitura que o que estavam fazendo não iria adiantar, que o trabalho tinha de ser mais radical. não nos ouviram, deram explicações “maravilhosas” para não podar mais, e deu no que deu: um enorme prejuízo para os moradores. aproveito e colo a definição de tornado: tempestade de grande violência representada por um núcleo ou nuvem em forma de cone no centro e que, girando velozmente, se afunila a partir de um pequeno diâmetro na superfície terrestre, onde derruba e arranca árvores, destrói construções, arrasa cidades etc. como se pode ver, acontece em qualquer lugar.

  • vera scheidemann

    -

    26/1/2011 às 18:44

    Tornado ou não, é de arrepiar. Só de
    ver foto a gente já fica com medo.
    Que Deus nos proteja !
    Vera

  • robertoppedroso

    -

    26/1/2011 às 18:14

    Caro Ricardo:
    Depois da uma olhada nesta noticia: A presidente mais recatada que já tivemos
    http://opiniaoenoticia.com.br/opiniao/a-silenciosa-inquilina/?ga=dptf2

    nem da para imaginar que ela foi terrorista ahahahahah – acho que esse povo tem que fazer curso de teatro para ser político ahahahahahah

  • robertoppedroso

    -

    26/1/2011 às 17:53

    Parabéns pela bela fotografia Sr. Jurandir, eu gostaria de ter sensibilidade para tirar fotos como essa.
    Caro Ricardo,
    As nuvens que tem se formado nos finais de tarde realmente são assustadoras.

  • Márcia Ruiz

    -

    26/1/2011 às 17:28

    Parece aquela nuvem antes do caos total de um filme catátrofe que agora não lembro o nome, assustador!

  • Antonio Felipe

    -

    26/1/2011 às 17:13

    Isso não é tornado nem aqui nem na china. Tornados só ocorrem em áreas abertas, como campos. Um tornado em plena cidade de São Paulo, com seus arranha-céus, é algo totalmente sem fundamento.

    Parece-me um desenvolvimento vertical de um cumulonimbus (nuvem de tempestade).

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados