Blogs e Colunistas

27/05/2011

às 12:20 \ Tema Livre

Depois de cirurgia para extrair tumor na cabeça, a torcida para a plena recuperação de Oscar Schmidt, glória do esporte e herói brasileiro

Depois de exprimir os melhores votos para que o ex-presidente da República (1992-1995) e senador Itamar Franco (PPS-MG) se recupere da leucemia que o acomete, em estado inicial, é hora de a coluna solidarizar-se e desejar o melhor para Oscar Schmidt, o maior jogador de basquete brasileiro de todos os tempos, que sofreu ontem uma cirurgia para extirpar um tumor na parte frontal da cabeça.

O neurocirurgião que o operou, dr. Marcos Queiroz, considera bom o prognóstico pela aparência de benigno do material recolhido, mas só o exame patológico deve revelar a natureza do tumor.

Grande figura humana e homem de bem, o craque, que já brincou com jornalistas no Hospital Israelita Albert Einstein, onde está internado — “estou na maior mordomia aqui”, disse –, entre outras glórias, detém um recorde mundial que dificilmente qualquer jogador de basquete do planeta alcançará: nas 5 Olimpíadas em que defendeu o Brasil com a mitológica camisa 14, Oscar conquistou espantosos 1.093 pontos.

Oscar Schmidt é um herói brasileiro, não menos do que isso.

Deixe o seu comentário

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

» Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

6 Comentários

  1. carlos nascimento

    -

    30/05/2011 às 16:55

    Incrivel, observo um “mutismo” na mídia esportiva sobre o fato.
    Será que eu estou ficando cego, ou verdadeiramente nossa Imprensa é tão RIDÍCULA.
    Quem me ajuda à esclarecer isso ?

  2. Vera Scheidemann

    -

    27/05/2011 às 17:21

    Puxa, que chato ! Tomara que ele fique bem !
    Vera

  3. Luiz Pradines

    -

    27/05/2011 às 16:36

    Setti,

    Eu desejo que o Oscar se recupere logo.

    Sua atuação no Pan 87 foi heróica. Porém, 20 anos depois, ele nos causou vergonha em outro Pan:

    http://www1.folha.uol.com.br/folha/esporte/ult92u312797.shtml

    Eis aí o “herói brasileiro”. Gênio na quadra, mau-exemplo para os nossos filhos fora dela.

  4. carlos nascimento

    -

    27/05/2011 às 16:14

    Registro minha oração, que o Senhor do Universo proteja o nosso grande mão santa – Oscar Schmidt -o Pelé do basquete brasileiro.
    Força Oscar, estaremos orando.

  5. Inácio

    -

    27/05/2011 às 15:20

    Setti,
    nem sabia que Oscar estava com problemas de saúde. Faz um tempinho, sim, que havia notado seu sumiço na mídia mas achava que era por conta do marasmo atual do basquete brasileiro.
    Oscar é simplesmente, para nós brasileiros, o PELÉ do basquete.

  6. Cesar Antonio

    -

    27/05/2011 às 13:53

    Também me solidarizo a Oscar e toda a sua família, pedindo a Deus que o Ilumine e tenha uma recuperação rápida. Desejamos tê-lo como bom exemplo ppor muito tempo ainda

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados