Blogs e Colunistas

Aliança Pela Liberdade

04/04/2012

às 15:35

A Universidade de Brasília e o Comando de Caça aos Não-Comunistas

Na página da “Aliança pela Liberdade”, chapa que comanda o Diretório Central dos Estudantes Honestino Guimarães, da Universidade de Brasília, encontro a seguinte nota. Leiam. Volto em seguida:

Na Coluna “Panorama Político” de hoje, o jornalista Ilimar Franco – O Globo, divulga a seguinte nota:

Demóstenes e a Juventude do DEM
A queda do senador Demóstenes Torres (GO), alvejado pelas ligações com Carlinhos Cachoeira, é um golpe no trabalho do DEM entre a Juventude. Ele era uma espécie de ícone da nova direita e vinha percorrendo o Brasil organizando a juventude em torno das ideias conservadoras do DEM. Crítico das cotas, ele tinha relação estreita com professores e a atual diretoria do DCE UnB Honestino Guimarães e participava de um movimento de oposição ao reitor José Geraldo de Souza Junior. No seu Twitter, Demóstenes chegou a escrever: “O que há na UnB é uma espécie de bullyng ideológico, e estou aguardando relatos de outras universidades”.

A Aliança pela Liberdade informa que JAMAIS teve qualquer relação com o Senador Demóstenes Torres e está curiosa em saber de onde veio tal fantasia e onde ela quer chegar. Este grupo também não tem nenhuma relação com a Juventude do DEM. O que fizemos, no passado, foi expulsar do nosso grupo uma pessoa filiada a este partido, tão logo se comprovou que ele mentira para o grupo, ao negar filiação partidária quando era, de fato, filiado. No nosso entender, fizemos bem: expulsamos alguém que traiu os princípios de apartidarismo do grupo. O supracitado fato ocorreu quando ainda nem éramos gestão do DCE, há 2 anos.”A produção de mentiras e inverdades de forma tão gratuita só dá a certeza a este grupo de que estamos no caminho certo. Cabe agora ao jornalista provar o que disse e esclarecer sua informação. Nossos advogados já estão cientes do fato e buscaremos as vias necessárias para que tamanha leviandade não passe impune.

Voltei
A chapa faz muito bem em protestar, e me parece que Ilimar está eticamente obrigado a evidenciar essas ligações — ou, então, a nota ficará caracterizada apenas como parte de uma trabalho de “caça às bruxas da direita”.

O PCdoB comanda DCEs de várias universidades Brasil afora. Nunca ninguém cobrou desses estudantes que explicassem a roubalheira das ONGs que atuavam no Ministério do Esporte. O PT está na direção de muitas entidades estudantis. Igualmente delas não se cobra que respondam pelas lambanças dos seus pares.

Por que a Aliança pela Liberdade estaria comprometida pelas ações de Demóstenes? Isso é uma tentativa de satanização de uma parcela da universidade — parte considerável dela! — que não está rendida à esquerda. Ainda voltarei a essa tema, mas a grande sacanagem em curso é a seguinte: no caso de Demóstenes, não foi ele que fez lambança, mas a “direita”. A grande culpada seria mesmo a ideologia, aquele conjunto de ideias — e até o “moralismo”, como dizem. Quando aparecem os criminosos de esquerda — no Brasil, em número muito maior —, aí é preciso correr para demonstrar que se trata apenas de desvios pessoais. A ideologia restaria intacta.

Não consta que Ilimar tenha escrito alguma vez que os DCEs petistas se ressentiram de ter entre os seus um patriota como José Dirceu. Por que a Aliança Pela Liberdade estaria manchada pelo desastre que colhe Demóstenes se aquela meninada nem filiação partidária tem?

E noto, adicionalmente, que a coluna de Ilimar também tenta pegar os professores da UnB. Quais professores? Certamente os que não estão abrigados em correntes de esquerda. Felizmente, não existe mais CCC (Comando de Caça aos Comunistas) no Brasil. Agora existe o CCNC: Comando de Caça aos Não-Comunistas. Em nome da liberdade, é claro! A liberdade que os comunistas sempre garantiram ao povo quando no poder…

A moçada da UnB faz bem em protestar e cobrar as evidências. Afinal, tem como provar que as ações de Demóstenes estão fora de seu conjunto de valores. E tem como provar também que o crime é parte da constituição moral da esquerda.

Por Reinaldo Azevedo

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados