Supercoxinha e aliados aprovam lei de inspeção que vai punir os mais pobres e o meio ambiente! Coisa de gente “progressista”…

Quando candidato, Fernando Haddad fez um carnaval com a taxa de inspeção veicular como se fosse, de fato, uma questão grave. Ontem, seus aliados na Câmara aprovaram o fim da taxa para veículos que forem aprovados no teste. Não só isso: a nova lei livra da avaliação os carros com até três anos de fabricação. […]

O Supercoxinha, no traço do leitor Pedro Ivo

Quando candidato, Fernando Haddad fez um carnaval com a taxa de inspeção veicular como se fosse, de fato, uma questão grave. Ontem, seus aliados na Câmara aprovaram o fim da taxa para veículos que forem aprovados no teste. Não só isso: a nova lei livra da avaliação os carros com até três anos de fabricação. Os que têm entre quatro e nove serão vistoriados a cada dois anos. Os veículos a diesel e os com mais dez terão inspeção anual.

O Supercoxinha não é brinquedo, não! Fez aprovar uma lei, então, que pune os mais pobres, que não conseguiram trocar de carro ou só conseguiram comprar um já velho. Quem é da área sabe: um carro novo desregulado, por exemplo, pode poluir tanto ou mais do que um velho.

O vereador Andrea Matarazzo (PSDB) apontou a falácia: “O prefeito Fernando Haddad não só acaba com a taxa como acaba com a inspeção veicular. É uma farsa [a nova inspeção]”. Na mosca! Quando candidato, o petista prometeu acabar com a taxa. Como isso custa caro — porque, afinal, alguém tem de pagar pelo serviço —, ele, na prática, mandou a inspeção à favas.

Que grande amigo dos pobres!
Que grande amigo do meio ambiente!

Imaginem o barulho que não estariam fazendo os valentes companheiros da imprensa paulistana se a inciativa tivesse partido de um prefeito, como é mesmo?, “de direita”. A inspeção, prevista em lei federal e em lei municipal é considerada vital pelos ambientalistas para diminuir a poluição de uma cidade que tem 4 milhões de veículos.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s