LULA ESTÁ DOENTE

Leiam o que vai abaixo. Comento em seguida: Na Folha: Ao participar da cerimônia de posse do primeiro juiz cego do Brasil -Ricardo Tadeu da Fonseca, no TRT da 9ª Região-, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse que o preconceito é “uma doença que ainda não desapareceu na sociedade”, mas que é preciso […]

Leiam o que vai abaixo. Comento em seguida:

Na Folha:
Ao participar da cerimônia de posse do primeiro juiz cego do Brasil -Ricardo Tadeu da Fonseca, no TRT da 9ª Região-, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse que o preconceito é “uma doença que ainda não desapareceu na sociedade”, mas que é preciso combatê-lo “com perseverança”. Ele citou seu próprio exemplo, por ter chegado à Presidência da República.
“A história da humanidade vai escrever um dia que o Brasil talvez seja o primeiro país do mundo que elegeu um presidente e um vice que não têm diploma universitário”, disse.
Para o presidente, “o conhecimento que nós aprendemos na universidade é apenas um aperfeiçoamento daquilo que a nossa inteligência contém”.
“Talvez minha deficiência, diferentemente da do Ricardo, seja deficiência intelectual”, ironizou Lula.
Antes de ser nomeado desembargador, Fonseca foi procurador do Ministério Público do Trabalho. Desde o nascimento, o magistrado sempre conviveu com problemas de visão. Aos 23 anos, perdeu completamente as funções visuais.

Comento
Como se nota, Lula já não se contenta mais em fazer parte da história do Brasil; ele já não se contenta mais em fazer parte da história do Ocidente; ele já não se contenta mais em fazer parte da história do Ocidente e do Oriente. Nada disso! Lula já pensa com certo desdém a própria Terra, que ele chamou de “planetinha” dia desses. À época, achei que era excesso de intimidade com a bolota. Vejo agora que era mesmo desdém.

Voltem lá: “A história da humanidade vai escrever…” Nada menos! Uau! Se a gente pensa em termos de humanidade, convenham, a gente faz uma chamada e manda a turma entrar na fila. Depois vê o que rola:
— O Péricles veio?
— O Xerxes tá aí?
— Júlio César compareceu? Veio, né? Não sei, não, hein? Não é melhor concorrer em outra categoria? Aqui é “História da Humanidade”!
— Cristo se inscreveu?
— Alexandre Magno, não encha o saco! Vamos tentar uma vaga pra você. Mas não é assim tão fácil, não, bicho!

Não há por que Lula ter dúvida. É evidente que sua deficiência é intelectual. Acontece sempre quando as pessoas mal começam a ler e são seqüestradas pelo sono, como ele já confessou que se dá amiúde com ele.

Eu diria que ele tem também uma doença nem tão rara: o DAR (Déficit de Atenção ao Ridículo). É um mal típico de quem padece de ATS (Ausência Total de Superego). Gente assim fala o que dá na telha e sucumbe à SNI (Síndrome do Narcisismo Imotivado).

Mas Lula é um homem feliz. Vai morrer sem saber que, na “História da Humanidade”, ele não entra nem como a ferradura do cavalo do bandido.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. Comentado por:

    Fernando

    Lula como tudo que é muito ruim no mundo vai passar, e será esquecido, pois nada legou de bom à Humanidade. Vejo o País muito pior depois que o PT assumiu o poder. Tudo piorou e a corrupção hojé é epidêmica. Não confiamos mais nos políticos,
    e nas instituições públicas. A Suprema corte do País está submetida a interesses políticos. Que o diga O ex ministro Joaquim Barbosa.

    Curtir