Blogs e Colunistas

19/01/2011

às 6:05

Trapalhadas no Enem custam uma demissão; nova presidente do Inep é conhecida deste blog. E é também um espanto!

E as trapalhadas no Enem renderam uma demissão e uma nomeação. A educação poderia ter sido premiada com a substituição. Mas sai perdendo de novo. Vamos ver.

O MEC de Fernando Haddad aprontou mais uma, como todos viram. Além de milhares de alunos não conseguirem se inscrever no sistema unificado de distribuição de vagas (SISU), os que conseguiam tinham seus dados pessoais tornados públicos, um problema recorrente no sistema de “Deformática” da pasta. Estudantes afirmam que era possível alterar as informações, o que o ministério nega. Ocorre que ninguém acredita nem no que o MEC nega nem no que afirma.  Haddad sai de férias depois de amanhã, no último dia das inscrições, que tiveram de ser prorrogada. É a única boa notícia. Sempre que um ministro como ele está sem trabalhar, o serviço rende mais. Continuemos.

A bagunça no INEP (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais), autarquia responsável pelo Enem, custou a cabeça de seu presidente, Joaquim Soares Neto. Ficou no cargo apenas um ano. Em 2009, caiu Reynaldo Fernandes, depois que houve vazamento das provas, que tiveram de ser refeitas. Em 2010, além de vazamento, houve erro na confecção dos gabaritos. Para o lugar se Soares Neto, foi nomeada Malvina Tania Tuttman, reitora da Universidade Federal do Estado do Rio (UniRio).

Os leitores deste blog conhecem Malvina Tânia. Eu a homenageei no dia 17 de agosto do ano passado com um post bastante eloqüente já no título: Mais um exemplo da “nova era democrática”: a barbárie intelectual da universidade. Ou: como formar ignorantes orgulhosos e patriotas. No dia 11 daquele mês, Celso Amorim, o Megalonanico, conferia uma aula inaugural. O vídeo, longo, está (aqui). A então reitora fez duas intervenções verdadeiramente estarrecedoras, uma apresentando o ministro; outra saudando a sua palestra. E aproveitou para lembrar que seu mandato iria até 2012 e que ela estava na área. Foi atendida.

Reproduzo alguns trechos, comentados, da fala da “intelectual” que agora vai cuidar de uma das autarquias mais importantes do órgão máximo da educação brasileira. Leiam com atenção e pensem se desse mato sai coelho ou jumento. É espantoso! E também é a prova de que a sabujice rende benefícios. Eu poderia me abster de comentários como os que seguem se Malvina estivesse sendo nomeada, sei lá, para distribuir sopão. Mas, se é para um órgão ligado à educação, trata-se de um dever profissional. A gramática da “professora doutora magnífica” rivaliza com a de Dilma Rousseff nos transes da ventura sintática e nos dons do pensamento truncado. Numa ousadia realmente digna de nota, Malvina diz que Celso Amorim contribuiu para elevar até a auto-estima dos “nossos irmãos estrangeiros”. Não tentem identificar, em sua fala, sujeito, verbo, complemento, aquelas coisas antigas que caracterizavam os discursos de “magníficos” do passado. Isso passou. Malvina é expressão de uma parcela da universidade brasileira desta “nova era”. Teria dificuldade para trabalhar em telemarketing. A ela:

(…) Celso Amorim, um dos homens deste país que, atualmente, vem imprimindo e mostrando a seriedade desse país não só para fortalecer a auto-estima nossa, do povo brasileiro, mas, em especial, dos nossos irmãos estrangeiros, que, por meio de uma política governamental importante de relações exteriores e, sem dúvida alguma, falava há pouco com o ministro, por conta da capacidade, da força, da história de vida do ministro, do embaixador Celso Amorim, o nosso país, hoje, não só por isso, mas também por isso, tem um reconhecimento e um valor importante internacional. (…) Uma das pessoas que eu considero (…) um dos nomes mais representativos da história deste país
Bem, é o que costumo chamar de “sintaxe na fase da miséria”. A vontade de agradar é tal que a gente nota até uma certa aerofagia, uma emoção verdadeiramente genuína. Imagino a excitação intelectual desta senhora. E vocês já perceberam o vício de linguagem da “companheira”, não? Essa história de “auto-estima” é peça de resistência de todas as campanhas oficiais – e das estatais. Será que Malvina sabe que Celso Amorim perdeu todos os embates em que se meteu, sem uma só exceção?  Eu acho que não. Isso não significa que pudesse dizer coisa diferente se soubesse, mas acho que ela ignora mesmo…
(…)
O ministro, ele não ficará historicamente lembrado, já que estamos numa aula inaugural de história, apenas por sua passagem neste momento político do nosso país, mas enquanto aquilo que ele representa como brasileiro que se orgulha de ser brasileiro e que leva esse orgulho para fora dos muros, das fronteiras do nosso país.
Esse “o ministro, ele” – a anteposição de uma espécie de aposto do sujeito – é um dos vícios de linguagem que mais me irritam e que, vênia máxima, viu, magnífica?, considero índice de ignorância e de pensamento vago. É coisa típica desses pastores televisivos. E o que dizer disto: “O ministro ficará lembrado enquanto aquilo que ele representa…”? Paulo Francis, nessas horas, costumava apelar ao chicote – metafórico, claro…
(…)
E posso lhe [a Amorim] dizer que, além da satisfação de estar reitora neste momento político importante do nosso país, onde as universidades têm recebido um justo olhar para aquilo que ela produz de importante, de ciência para esse país, e isso tem acontecido, nós podemos ter um marco importante, antes de 2003 e depois de 2003, e, por isso, eu posso me orgulhar de estar reitora neste momento, desde 2004, ministro, e completarei o meu mandato até 2012…
***Interrompo aqui, mas o trecho abaixo é seqüência deste, sem corte. Amorim já entendeu, eu acho. O mandato dela vai até 2012… ENTENDEU, AMORIM??? Ninguém pode dizer que ela não está se esforçando para dar vôos maiores. Malvina, como perceberam pediu um cargo e levou. Sigamos:

, mas eu quero também lhe cumprimentar e lhe dizer da grande satisfação de Malvina Tuttman, cidadã brasileira, estar, neste momento, sentada ao lado de um grande homem, um homem que fortalece o nosso país, um país que vem crescendo e que irá, se ainda não surpreendeu, irá surpreender não só alguns brasileiros incrédulos, mas Irá surpreender o mundo.
Ah, apareceram os “brasileiros incrédulos”, aquela gente nefasta que insiste em não acreditar nas verdades eternas do petismo e do governo. A gente nota que Malvina é mesmo entusiasmada. Não lhe basta falar como reitora, não! Ela quer dar seu testemunho pessoal, falar também como “cidadã”, evidenciando que seu engajamento não é apenas profissional. Ela está nessa de corpo e alma mesmo.  Dona Malvina poderia “cumprimentá-LO”, mas “lhe cumprimentar” jamais! A língua é democrática, magnífica! Oferece pronomes oblíquos tanto para verbos transitivos diretos como para os indiretos. Se a senhora servisse cafezinho na Uni-Rio, eu não lhe faria tal cobrança, mas como é a reitora…
(…)

Encerrando

A fala de Malvina é uma colcha de retalhos de bordões oficiais e das muitas mistificações do petismo. Até nos vícios, repete a linguagem “companheira”. Seu discurso é a expressão daquela maçaroca de bobagens entre nacionalistas e patrióticas, que mal escondem o viés militante.

A universidade é o local da pesquisa e do pensamento, não da justificação do poder. Por mais que os centros de excelência, no mundo democrático, sejam integrados ao establishment, essa integração se dá na esfera dos valores, de uma cultura votada para o progresso, para a diversidade e para a tolerância. Servilismo ao governo de turno é outra coisa. É patente na fala da “magnífica” a satanização do passado, a exemplo do que faz o governo que Celso Amorim representa, com o seu discurso recheado de clamorosas imposturas. Ok, dona Malvina não precisa concordar comigo. Mas há um modo decoroso até mesmo de puxar o saco.

Imaginem: esse “bobajol” está sendo cotidianamente repetido nas salas de aula Brasil afora, especialmente, como é o caso, nos chamados cursos da área de humanas. E depois nos perguntamos por que a escola brasileira é tão ruim. Eis aí: Malvina dá a receita para a formação de ignorantes orgulhosos e patriotas.

*

Texto originalmente publicado às 14h49 de ontem
Por Reinaldo Azevedo

Deixe o seu comentário

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

» Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

241 Comentários

  1. ZILDA ALVES

    -

    27/01/2012 às 11:52

    Indgnação em ouvir criticas do órgão. Sou servidora efetivada dele há quase trinta anos. Aqui trabalhamos entre 12 e 15 horas por dia.Se há bagunça…… não são nossas, até porque cumprimos ordem, ou seja carregamos o piano. Nunca sabemos o que faz o 1º escalão. Esperamos que a Casa Civil e ou o titular da pasta saiba!!!! Agora dizer que o nosso Instituto é uma bagunça!!!! Desrespeito total conosco. Zilda

  2. Alberto Moreno

    -

    03/06/2011 às 13:47

    Apreciei grandemente ler o texto e vários dos comentários. Convido os demais leitores a observarem o que tem feito os jornalistas da TV Globo, inventaram o “duplo sujeito” e dizem o tempo todo: o ministroele, a ministraela, o expresidentelulaele, e até mesmo essa estação de tremela…

  3. Kennedy S. S.

    -

    08/05/2011 às 12:52

    Realmente é uma vergonha para nosso País, eu, estudante de ensino médio, não cometo tais erros. E ainda temos que respeitá-la. Obrigado por nos abrir os olhos do que vem acontecendo neste país.

  4. S. F.

    -

    25/01/2011 às 22:57

    Afinal de contas, a reitora Malvina falou de improviso ou leu algo escrito? Todos sabemos que na oralidade algumas regras da língua culta vão para o ralo abaixo. Um exemplo de assassinato linguístico escrito: lê-se numa placa, nos jardins da sede da Petrobras, no centro do Rio de Janeiro, a sentença: “não pise na grama” quando o correto é, de acordo com a gramática tradicional: “não pise a grama”. Com a palavra os puristas do idioma!

  5. Christina A. P. Prati de Aguiar

    -

    21/01/2011 às 21:57

    Seu texto me foi enviado porque sou professora de língua portuguesa e adoro o que faço. Mas é penoso, Reinaldo,motivar os alunos a fazerem uso de nossa língua (e de seu aprendizado) de forma inteligente e criativa quando tudo parece induzir ao contrário a partir,principalmente do atual “poder”.Professores, no entanto,vivem das realizações em doses contínuas,ainda que menores do que gostariam . Obrigada pela defesa de nosso idioma, nossa maior identidade.

  6. Maitê

    -

    20/01/2011 às 18:23

    Rei, o ainda ministro adiou POR DOIS DIAS suas férias… Hummm! Sair de férias num bombardeio desse? Acho que não volta não!!!!

  7. Gaúcho

    -

    20/01/2011 às 16:00

    Viu Amorim?? O mandato dela vai até 2012…2012, relembrando, 2012…

  8. Domingos Morano

    -

    20/01/2011 às 14:36

    ELA COM CERTEZA, FEZ A REDAÇÃO DO ENEM. O TÍTULO: COMO SER REITORA SENDO ANALFABETA.

  9. maria

    -

    20/01/2011 às 11:37

    so posso dizer que vergonha
    aos poderosos o reino

  10. Sexagenario de plantão

    -

    20/01/2011 às 9:14

    Chega a ser irritante, ter-mos de conviver-mos com esses(a) babões de ovos ptralhas, essa gentinha ñ tem um pingo de se mancol nem desconfiometro sem exeções todos ptralhas pra se firmarem tem de serem um lambes botas personalidade é um dos sentimentos que lhes faltam, vivem suas vidas todo tempo se abaixando mostrando o “olho do ceu” achando que merecem cargos ñ por meritos mas por puxa saquismo no que eles são bons todos os ptralhas são babões de ovos

  11. Marinho

    -

    20/01/2011 às 8:52

    Falar o que para esta demente?O governo petista continua com sua tarefa de produzir burros neste país.O dia que o brasileiro acordar deste pesadelo, já seraá tarde.

  12. luizjr

    -

    20/01/2011 às 0:28

    Nunca é demais insistir: as nossas universidades estão atulhadas disso aí. Pseudo-intelectuais, militantes comunopetistas, de miolo mole, cuspindo idiotices na nossa cara como se fossem teses dignas de um tratado de dialética. Petismo é igual a câncer cerebral, se não te matar, te deixa idiota.

  13. A

    -

    20/01/2011 às 0:25

    http://twitter.com/luizclaudioufv

    E olha quem vai comandar a SESU!!!

    http://arqbruno.blogspot.com/2009_03_01_archive.html

    REINALDO,

    COMO envio mensagens diretas?

  14. Lucia s

    -

    19/01/2011 às 23:59

    Portanto está explicado porque eu, pobrezinha de mim, abandonei a profissão de professora de História, diante das bobagens que nos obrigam a engolir…
    A debilidade mental anda solta e saltitante no país petista boçal, ignorante e feliz de ser assim.

  15. Célio Maia

    -

    19/01/2011 às 21:28

    O exame do ENEM seria justo se não houvesse a prova de redação. É na correção da redação que se cometem os maiores disparates contra os candidatos. Quem foi aluno conhece muito bem a variedade de espécimes de professores, e também de corretores de redação. Eles não deixam de ser um espelho do povo. Há o prof. Carrasco, que não dispensa nem pingo nos is; o prof. Catarata, que não enxerga tudo; o prof. Dick Vigarista, que apronta cada barbaridade; o prof. Pinguço, que só corrige prova depois de tomar umas e outras; o prof. Soneca, que corrige tudo de olhos fechados; o prof. Fominha, que quer faturar alto corrigindo rápido; o prof. Papai Noel, que tem piedade dos alunos; e outros mais… Dessa babilônia resulta uma inaceitável discrepância nas notas, mesmo que cada prova seja corrigida por dois professores distintos. Universidades experientes e cuidadosas costumam dispor os professores em pares, segundo a concorrência. Por exemplo, as provas de redação de candidatos ao Curso de Medicina são corrigidas pelos mesmos dois carrascos, enquanto as do Curso de Estatística tem dois papais noeis na correção. Como a manutenção da redação é importantíssima, o ENEM jamais conseguirá desatar esse nó, em razão da quantidade gigantesca de candidatos. Para que não se descubram as incongruências enraizadas no modelo, só resta mesmo impedir que o candidato tenha acesso às provas.

  16. niki vanderval

    -

    19/01/2011 às 21:21

    Pobre Funasa!

  17. Vera

    -

    19/01/2011 às 21:18

    Gente vamos pensar um pouquinho só: a quem interessa essa confusão toda em relação no ENEM, aos que perderem seus cursos e suas faculdades, onde exploravam pessoas “pobres” que pagam seus cursos técnicos e faculdades, de propriedade de muitos empresários sem escrúpulos e que não duvidem muito se eles não estão pagando “rackes”, (desculpem não sei se é assim que se escreve a palavra), para fazer esta confusão toda. Vocês da imprensa, são bastante inteligentes, e me desculpe a franqueza, dependendo do blog, só vê o que interessa. Muitos tentam fazer a opinião publica. Pergunto, se ele não tivesse fechado esses cursos todos, será que ele estaria sendo alvo? Tenho cá minhas dúvidas.

  18. Maitê

    -

    19/01/2011 às 19:30

    Rei! Só uma pergunta: o que a madama presidenta está esperando para solicitar ao haddad que peça demissão? Agora que o mollusco confessou que tem falado escondido com ela dá pra entender QUEM ele está plantando no puder: só porcaria! Eu quase me animei com os elogios que espoucam de muitos lados, mas, já está mais do que evidente a baixaria que vai ser esse governo! Tudo para elle voltar nos braços do povo! Oh Deus, a gente não merece!

  19. Luís Lander

    -

    19/01/2011 às 19:20

    Ignorantes orgulhosos, patriotas, e VOLUNTÁRIOS para todo o tipo de sandice! A bem da verdade o PT é o verdadeiro pioneiro quando se fala em meritocracia! Sempre que um destes ignorantes motivados praticam atentados contra a democracia, logo ali vem a recompensa! Honra ao mérito!

  20. Franklyn George da Silva

    -

    19/01/2011 às 19:07

    Reinaldo, premiar a imcompetência é hábito neste governo, no DPRF, o Diretor-Geral foi mantido no cargo depois de oito anos. Esse se deu melhor até que o babalorixá da banânia. E o prêmio é justamente pelo fracasso de realizar dois concursos públicos, o primeiro visava a contratação de 340 PRF´s para os Estados do PA e MT, a tentativa de fraude foi descoberta antes da realização da prova. No segundo concurso foi para a contratação de 750 PRF´s para todo o Brasil e dessa vez, ouve a tentativa de fraude, o concurso foi suspenso pelo MPF depois o MPF disse que não houve tentativa e hoje há um imbroglio juridico entre a banca do concurso, a FUNRIO que nos ultimos concursos que realizou teve problema em quase todos, inclusive fazia parte da tentativa de fraude do ENEM em 2009. E que inclusive tinha como diretor alguem ligado ao ex-ministro Tarso Genro e o DPRF que anulou o contrato com a FUNRIO antes do termino da investigação do MPF. Agora o órgao está impedido de realizar concurso para novos PRF´s enquanto a PRF está à mingua com falta de agentes em vários Estados do Brasil afora, principalmente no Nordeste e em Minas Gerais, onde os indices de acidente e a criminalidade correm soltas, enquanto há diversos postos da PRF com somente 1(um) policial de plantao, que arrisca sua vida e não pode oferecer segurança aos usuários da rodovia e a população desses locais.

  21. Wilsonn

    -

    19/01/2011 às 19:01

    Tudo muito LAMENTÁVEL ! Perfeito o último parágrafo ! Toneladas de bobagens sendo diariamente despejados na cabeças dos calouros, particularmente nos cursos de humanas. Quanta perda de tempo e energia !

  22. Wilsonn

    -

    19/01/2011 às 18:41

    Desculpe, Reinaldo, mas não encontrei outro espaço mais adequado. Sei que aqui o meu comentário será publicado.
    Atenção vocês paulistanos: o que leva um bibliotecário classe I da prefeitura ter uma aposentadoria de 14.695,28/mes ? http://deolhonascontas.prefeitura.sp.gov.br/pub/listaservidores/admdireta_apos/SMC_APOS.pdf
    Com todo respeito aos profissionais dessa área, se no Brasil fizermos uma auditoria nas aposentadorias do governo ( nos três níveis ), respaldada na moralidade, certamente surgiriam recursos para prover creches a milhões de crianças carentes.

  23. tonyrj

    -

    19/01/2011 às 18:32

    E assim, de INEPtos em inePTos, lá vem o Brasil, descendo a ladeira.

  24. Irene

    -

    19/01/2011 às 17:34

    Machiavelli dizia que Poder corrompe. O “corroi” é meu.rs

  25. Irene

    -

    19/01/2011 às 17:32

    Pois é, como diria Machiavelli, o poder corrompe e corroi mentes. Credo, onde iremos parar?

  26. BARÃO

    -

    19/01/2011 às 16:47

    DEVIA CHAMAR MALVINDA !!!!!!!!!!!!!

  27. adorovoce

    -

    19/01/2011 às 16:39

  28. JODY

    -

    19/01/2011 às 16:32

    Você se lembra do samba do crioulo doido? pois é o betialógico tomou conta do governo.S.Ponte Preta, tinha ou teria a verdadeira noção do que é este governo. Não há siquer noção de futuro científico, estrutura sólida que leve a nação a acompanhar o mundo, nem estão preocupados com isto. O que eles desejam é que o povo permaneça como está, para que tenha noção nem conhecimento, pois como mais imbecil, ignorante é mais fácil de conduzirm, só que o mundo não para e balisar uma nação ´so por $$$$, não leva a nada, Esqueçamos o que passou, vamos lutar por dias melhores, temos que visualizar uma Nação que acompanhe o mundo e não que fique na retaguarda.Vamos lutar e demonstar a IMBECILIDADE DESTES GOVERNANTES, PELO MENOS MOSTAR.

  29. Artupa

    -

    19/01/2011 às 16:05

    Sou professora do ensino fundamental há vinte e cinco anos e realmente,os professores oriundos de universidades,principalmente públicas estão doutrinados. Não pensam, não raciocinam, não interpretam!! É uma leva de professores ignorantes e analfabetos funcionais, com o mesmo discurso raso..Dá medo!! Ainda bem que estou prá me aposentar. Nunca mais quero entrar dentro de uma escola!!

  30. mariva

    -

    19/01/2011 às 15:25

    Será que o Curriculum desta “mestra” é falso ou verdadeiro?
    O da Ogra Dilma é falso. Então tá. Fazer o que? Quanto mais o povo é cabestrado e ignorante mais serão produzidos “políticos” com as qualidades que temos desde 2003. Precisa comentar mais alguma coisa?

  31. O JUSTICEIRO

    -

    19/01/2011 às 15:08

    Os professôres das escolas públias desse pobre e cuitado Brasil,estão todos elienados e manipulados pelo petismo esquerdista,para alienarem e manipularem o máximo que poder,o pouco que ainda não deixaram-se levar pela a mentirada nojenta,ridícula,asquerosa,nefasta e perversa dessa quadrilha petista,que cometem qualquer absurdo para se manter no poder.Na minha casa,e nos meus vizinhos e onde eu chego,não perco oportunidade de esclarecer a verdade para os que ainda estão cegos,e você,estar fazendo alguma coisa?

  32. mariva

    -

    19/01/2011 às 14:55

    Reinaldo, este “gerúndio” é um chute no s…..É frases de telemarkting e fala corrente da “cumpanheirada”. Nossos universitários estão falando assim, com raras excessões. Sem contar com esse “nacionalismo tupiniquim” que dá dó de ouvir. Pobre jovens abobalhados pelos professores abobados e manipulados do “partido”. Vamos abrir os olhos, porque por muito menos Hitler fez um estrago no mundo.

  33. Marconi França

    -

    19/01/2011 às 14:55

    PIORAR NÃO VAI!ESPEREM DEPOIS DO CARNAVAL, QUANDO O BRASILEIRO SÉRIO COMEÇAR A PERCEBER QUE O “SER SUPREMO” DILMA, TODA-PURA, DER O AR DA GRAÇA EM DISCURSOS FABRICADOS PARA PETISTAS… A COISA NÃO ANDAR, VAMOS AMARGAR QUATRO ANOS DE BESTEIRAS.

  34. DoceExilio

    -

    19/01/2011 às 14:54

    Parece ate brincadeira, uma reitora com essa linguagem, temos e que fazer piada mesmo.
    Celso amorim perfeito imbecil e ainda por cima vassalo de governo corrupto.
    Mas fique certo que todos voces estao nos livros de historia, ilustrando a ” Era da Mediocridade” que o Brasil ira sobreviver.. Aff!

  35. Anônimo

    -

    19/01/2011 às 14:48

    Completamente fora do assunto.
    Gente! vcs souberam do acidente automobiliístico que o comediante Shaolim sofreu na Cidade de Campina Grande-PB? o estado de saúde dele é grave e corre o risco de amputar o braço esquerdo.
    Motivo: Um caminhão entrou na contra-mão e o atingiu.
    Rezem por ele.
    Obrigado!

  36. wild

    -

    19/01/2011 às 14:47

    Ontem vi uma entrevista dela no jornal nacional, figura estranha mesmo !!

  37. Rastro do Annos Petralha

    -

    19/01/2011 às 14:44

    Esse é o nível dos novos “intelequituais” que se junta à nova classe social “V” de vadios, ambos extraídos pelo “annos petralha”. Jamais acredite nem no que um petralha nega nem no que afirma.

  38. Cristina

    -

    19/01/2011 às 14:42

    Alguém me explica por favor quem são os corretores das redações do ENEM, das mais de 3.500.000.000 de redações corrigidas e avaliadas em menos de 60 dias? Se estes tiverem 100% da capacidade de D.Malvina, estou apavorada, coitadinha da minha filha…

  39. ivne

    -

    19/01/2011 às 14:40

    Eu sou uma brasileira crédula:”-Creio,porque é absurdo.”

    Aproveito para sugerir que o concurso COMBO seja retirado do blog.Afinal,quanto menos atenção certas pessoas receberem,melhor.
    Espere que ele abra a verborragia represada de novo,o que infelizmente não tarda,aí faça seu excelente trabalho de dissecação.

  40. Sereno

    -

    19/01/2011 às 14:36

    Porque há tantos incompetentes em governos socialistas?

    Ora, basta ler o livro de Mikhail Voslenski “Nomenklatura – Como Vivem As Classes Privilegiadas Na União Soviética” para saber.

    Os grandões do partido, se tiverem que escolher alguém para exercer um cargo importante, e tiverem como candidatos, de um lado, Einstein, e de outro lado, Stupidov, fatalmente escolherão Stupidov (desde que ele seja bajulador), por não representar um risco às próprias regalias.

    Ou seja: Einstein, no caso, poderia vir a desejar o lugar dos chefões.

  41. marcelo h.

    -

    19/01/2011 às 14:34

    “Esse “o ministro, ele” – a anteposição de uma espécie de aposto do sujeito – é um dos vícios de linguagem que mais me irritam”

    Onde assino?
    É um vício generalizado, parece demonstrar insegurança na pessoa que está falando. Muito irritante!

  42. Sofia Maria

    -

    19/01/2011 às 14:29

    É inconcebível que uma reitora se comunique desta forma.Que palavreado é este?É a dilmilíngua?Esta mulher é uma jumenta,nada mais do que isto.Quando penso no nível degradante,baixo, que a PTralhada deixou a Educação e Cultura(sem mencionar os demais aspectos para não perder o foco)com estes aparelhamentos políticos,não posso deixar de comparar com meu tempo de universidade durante o regime militar.De que adiantou tanta luta para,30 anos depois,vivermos esta degradação generalizada?Malditos PT e lulla!Quando Golbery os “apadrinhou” para que acabassem com os comunistas da época,não podia nem imaginar que eles acabariam é com o Brasil todo.

  43. Fedorento

    -

    19/01/2011 às 14:19

    As Universidades públicas estão se transformando rapidamente na mesma porcaria que o ensino público básico,
    mais alguns(?)anos de pt/sindicato/corporativismo e pronto!
    Professores/funcionários com dedicação exclusiva dão
    3,4 horas SEMANAIS, um escárnio,e assim vai!Tudo isso na cara da gente…os alunos reclamam e nada acontece.
    Esses grupos se acham donos das universidades e do PAÍS.

  44. wilton santana

    -

    19/01/2011 às 14:19

    PT no poder por mais 4 anos = emprego do reinaldo garantido por mais 4 anos!

  45. maria britto

    -

    19/01/2011 às 14:10

    Imagine um elemento desses a frente da Usina Nuclear de Angra 3…
    O absurdo já é por si só, com essa daí, ou quem a indicou, o que é pior ainda, já estaríamos mortos no RJ e em SP.

  46. Felipe ( RJ)

    -

    19/01/2011 às 14:09

    Parece preconceituoso, mas não.
    Olhem bem a foto da Da Malvina e me digam agora,na seca,se Vcs contratariam uma pessoa assim !!
    Existe um certo pudor e noção de ridículo que embora não possa ser descrito em palavras, é percebido instantaneamente por quem tem bom senso; e pessoas públicas precisam tê-lo! Não é o caso da Da Malvina !!

  47. Heli Roberto da Silva

    -

    19/01/2011 às 13:57

    Tio Rei, que história é essa na Folhaonline com este título:”Anatel terá acesso total a dado sigiloso de telefones”.,Será que agora o lulo-petismo, além de abolir o sigilo fiscal também o fará com o sigilo das ligações telefônicas?O que isso?
    Ah, por favor não publicar este comentário.
    FORMIGA-MG -

  48. Andrea Freire

    -

    19/01/2011 às 13:57

    ops! finalizando: …acertar carecas por aí!

  49. Andrea Freire

    -

    19/01/2011 às 13:56

    Queda da Bastilha Já! Claro, patrocinada pelos brasileiros incrédulos.
    Eles se esquecem de que, mesmo incrédulos, ainda são brasileiros. Tratam como se fossem estrangeiros xiitas que deveriam ser exterminados do solo tupiniquim. Deveriam se lembrar que o governo, supostamente democrático, é para todos, incrédulos ou não.
    Quanto a não falar coisa com coisa: ela e a Dilma certamente estuaram na mesma escola e certamente também perderam aulas de português/gramática. Vai ver ficavam praticando tiro de bolinhas de papel, para, no futuro, acertar

  50. MariaC

    -

    19/01/2011 às 13:49

    O que dizer? Desalentador.
    Se Sua Magnificência é figura tão inspiradora como será o corpo docente?
    Vi de perto o “ambiente” da USP ano passado. É de sair gritando.

  51. Aninha

    -

    19/01/2011 às 13:45

    Dona Malvina é apenas a materialização de como são boa parte dos “doutores” acadêmicos das universidades públicas brasileiras. Gente envolvida com política, para se manter no cargo, e pouco se lixando para o alunato.
    Aliás Reinaldo, você percebeu que os eleitos para as substituições estão de alguma forma ligados ao governo do R.J. e consequentemente ao Sr. Cabral?
    Não sei não…depois do poste em 2011 será que teremos Cabral em 2014?

  52. A.BACCELLI

    -

    19/01/2011 às 13:43

    Voces reclamam da oposicao. Deixo , aqui, uma pergunta : Quais os meios de divulgacao , radios, TVs e jornais , com os quais a oposicao pode contar ? Nenhum. Alias, conheco dois jornalistas que tem a ousadia de comentar a realidade petista : Ferreira Gullart e Dora Kramer, os ultimos sobreviventes de uma midia totalmente vendida, a peso de ouro. E’ pouco, muito pouco para fazer frente aos poderosos meios de comunicacao aparelhados pelo governo. Vejam o caso dos 500 milhoes desviados da Saude. Nao se nota na midia um minimo sinal de protesto ou revolta pelo roubo descarado. A noticia e’ dada como se fora a coisa mais normal deste mundo (alias, minto. Para eles e’ normal mesmo) Ministro da Justica , PF , Ministro da Saude e a propria Dilma se calam de forma constrangedora diante de tamanha roubalheira, cientes de que foram pegos com a mao na massa. A coisa esta’ tao feia que a Dilma ja’ pediu mais seriedade e etica aos ministros. Traducao : Gente, vamos com mais calma ao pote. Avancar nos dinheiros publicos pode, mas sem deixar rastros. Agora, voltando ao inicio : O que a oposicao pode fazer contra tal estado de coisas ?

  53. Tatiane

    -

    19/01/2011 às 13:41

    ahh Reinaldo… fadiguei.
    não pelo seu irretocável texto, mas a mulher é muito chata…
    não se fazem mais universitários como antigamente.

  54. joao

    -

    19/01/2011 às 13:26

    Esse discurso é algo anedótico. Vale a pena soltar na internet para que se possa ampliar o conhecimento do que se passa nos bastidores do governo.

  55. Pedro

    -

    19/01/2011 às 13:07

    Não implico tanto com anacolutos – mas como estamos falando de lulismo, vale lembrar:

    “O homem, chamar-lhe mito não passa de anacoluto”

  56. Paulista

    -

    19/01/2011 às 13:06

    Nestegoverno já existem as figurinhas certas para serem demitidas na hora H,
    elas são contratadas para esse único momento

  57. Ariel

    -

    19/01/2011 às 13:05

    A fala de Malvina é igualzinha a da Dilma, sem tirar nem pôr.

  58. EUNAOSABIA

    -

    19/01/2011 às 13:02

    EUNAOSABIA

  59. Auguste Forel

    -

    19/01/2011 às 13:01

    Anota entao este nome Reinaldo: Luiz Claudio Costa. Eh o reitor da Universidade Federal de Vicosa, “amigo” Lula e que tambem se esforca em botar a universidade a servico do petismo. Uma das suas primeiras investidas foi tentar alocar uma sala do Centro de Convivencia para o Movimento dos Sem Terra. Foi rechacado. O tal reitor tem como seu maior orgulho exibir fotos ao lado de Lula, todos sorridentes. E ateh aprendeu uns tais truques, como tirar foto apontando o indicador para suas vitimas. Voce nao deve ter ouvido falar dele, mas ele tem ambicoes maiores. PS: Lula serah o paraninfo da turma de formandos da UFV neste janeiro. Procure videos, veja o que vai acontecer.
    Abracos

  60. Heitor Bonfim

    -

    19/01/2011 às 13:00

    É triste ver a justiça do Brasil deixar que um bando de ineptos criem uma cultura de adesismo ao governo onde intimidam os estudantes e cidadão brasileiros. Assim como fez a ditadura militar que se impôs pelo medo, o adesismo do petismo é mais horroroso, impõe a submissão política para que tenhamos acesso aos serviços públicos. À essa submissão, uma grande parte adere com prazer.

  61. jacir

    -

    19/01/2011 às 12:57

    SÓ MESMO GOVERNOS DOS PETRALHAS PARA MANTER ALGUEM NO CARGO DE MINISTRO DA EDUCAÇÃO TÃO IMCOMPETENTE, ATRAPALHADO E ATRASADO, ISTO ´PORQUE FAZ PARTE DO GRUPO DO TAMBEM INCOMPETENTES O PMDB

  62. UNK

    -

    19/01/2011 às 12:56

    Reinaldo e amigos,

    ——–ODIOSA DISCRIMINAÇÃO CONTRA SÃO PAULO E MINAS—-

    Não seria o caso Reinaldo de voce fazer um post sobre a DISCRIMINAÇÃO ODIOSA com São Paulo e Minas com relação às enchentes? veja porque:
    - o governo federal está todo mobilizado em função do Rio de Janeiro (não que não deveria, mas deveria dar igual atenção e prestígio aos demais estados)
    -São Paulo está com Franco da Rocha , Atibaia(e este prefeitinho do PT foi o único nestas séries de tragédias que teve a PeTulância de atribuir ao governo Estadual) ,debaixo dágua.
    –a Dilma movimentou o Enem prorrogou prazos do Imposto de Renda para quem? para o pessoal do Rio de Janeiro!! e o pessoal de São Paulo e Minas que está debaixo dágua?
    –para os estudantes do Sisu do RIO DE JANEIRO vão ganhar bolsa de 350,00 e o dos outros estados? Isto é fazer caridade com o dinheiro alheio!!!
    –endossou ostensivamente um empréstimo para o Rio de Janeiro junto ao Banco Mundial…fazendo reunião no palácio do Planalto.

    –Movimentou o exército a Marinha que é federal só para o Rio de Janeiro. Entendo que as forças armadas tem uma hegemonia carioca (generais, almirantes e o oficialato tem casas em Petrópolis, Nova Friburgo etc) mas o Brasil é uma república federativa.
    –Por que São Paulo , Minas Gerais não são tratados com isonomia??
    –Isto sim que é uma odiosa discriminação contra São Paulo e Minas Gerais!!
    –Será que começou o processo iniciado por Lulla-Dilma de isolar Minas e São Paulo?
    –Até quando Alckim e políticos da oposição vão cobrar ISONOMIA no tratatmento federativo.

    ASSIM A FEDE-RAÇÃO ESTÁ FEDENDO!!!

    Reinaldo, acho que voce poderia analisar e provocar esta discussão no seu blog.

  63. Rodesiludido

    -

    19/01/2011 às 12:55

    Steve Jobs e Lula são um mau exemplo para a garotada que está sofrendo com o Enem, ambos não possuem diploma universitário e conquistaram o mundo; no caso do primeiro a escola estava atrapalhando um cérebro décadas à frente e o segundo não teria chegado onde foi, caso houvesse se dedicado a obter um diploma que preste.

  64. Arthur Born Portella

    -

    19/01/2011 às 12:47

    Nossas universidades e escolas são fábricas de assassinos. Só tem Karl Marx, apologia à lesbianismo, homossesxualismo, vitimizam os negros e índios contra os brancos. Relativismo moral, escola de frankfurt, discurso anti-cristão. Tudo para fazer com que nossos estudantes sejam escravos do Estado.
    E sem falar dos diretórios esquerdopatas que só tem petezada.

  65. Marcos Magalhães

    -

    19/01/2011 às 12:46

    Esta Malvina Tania é uma apedeuta diplomada.
    Esta a altura do apedeuta Luiz da Silva e da apedeuta presidente.
    Não podiam escolher pessoa coerente, de competencia e probidade, ficaria em desacordo com a turma de Ministros, auxiliares, que foi empossada e que ja´estava lá.
    O critério para ser do governo e ser companheira da sigla do partido trambiqueiros, PT .
    A Eurenice Guerra grande amiga da apedeuta presidente, precisa estar representada.
    O Brasil esta ladeira abaixo na competencia e em alta na corrupção, despreparo, falta de descencia.

  66. Rodesiludido

    -

    19/01/2011 às 12:39

    Mais um motivo para os luzitanos inventarem anedotas de brasileiro, mas não vale dizer que a culpa é dos índios nhambiquaraguaçumirim.

  67. Reinaldo Cozer

    -

    19/01/2011 às 12:38

    Olá Reinaldo Azevedo
    Lembrando o imortal Stanislaw Ponte Preta a situação pode ser resolvida da seguinte forma: os Ingleses invadem o INEP da Malvina e colocam o mister Falkland para ser presidente, os argentinos vão chiar muito, mas tudo passará, assim como um tango tocado de sanfona no nordeste
    do deserto de Atacama, onde foi passar férias o Fernando Haddad.
    Abraços

  68. Henrique

    -

    19/01/2011 às 12:37

    Tio Rei,

    Todo Dom Quixote que se preza tem um Sancho Pança.

    Eu considero Celso Amorim um verdadeiro Dom Quixote dos dias de hoje, com o perdão de Cervantes.

    Só não tinha ainda identificado quem seria o seu Sancho Pança.

    Agora já sei… veste saias… e se chama Malvina Tuttman!

  69. anônimo

    -

    19/01/2011 às 12:37

    Alguém poderia informar quando encerra essa votação nos jornalistas? O Reynaldo já está dando de 10 x 0 no petralha PHA.

  70. Mary

    -

    19/01/2011 às 12:26

    ” nós podemos ter um marco importante, antes de 2003 e depois de 2003” (Reitora Malvina)
    -
    Agora entendo porque o ministro da educação, Fernando Haddad, continua no cargo.

    Sorte,Haddad, não ser técnico de futebol.

  71. Gedeão

    -

    19/01/2011 às 12:16

    Dona Malvina está precisando urgentemente de lições de gramática. Dizia o mestre Napoleão Mendes de Almeida: ” entre o fato histórico e o fato linguístico muita diferença há de objeto…). A leviandade no uso da língua pela Dona Malvina pode ser consertada com o aprendizado da gramática; porém a bajulação e a subserviência são deformidades incuráveis.

  72. Alencar

    -

    19/01/2011 às 12:06

  73. Simone Miranda

    -

    19/01/2011 às 12:05

  74. naldig

    -

    19/01/2011 às 12:01

    Elles transformaram as universidades federais em células de lavagem cerebral! O espírito da investigação, da observação e da crítica foi substituído pela programação política! Depois da Malvina, sou obrigado a deduzir que as ‘fichas’ dos candidados deo ENEM passarão por uma avaliação político-partidária.

  75. Alvaro

    -

    19/01/2011 às 11:59

    Reinaldo esse pessoal do INEP são realmente Inaptos para o serviço…

  76. Guerra

    -

    19/01/2011 às 11:57

    Todos erramos. Mas, venham cá, a inépcia desse povo com que o PT vem aparelhando as instituições, inclusive e especialmente as educacionais, é vergonhosa, motivo para fundamentar CPI. Uma gravíssima afronta ao brasileiro consciente do quanto paga ao fisco nacional para conseguir educar os filhos. Como explicar uma “reitora” com a bagagem intelectual revelada pela magnífica Malvina?! É sinal dos tempos. Depois de o ministro da educação referir-se ao “cabeçário” das provas, … Realmente, a expressão “era da mediocridade”, utilizada pelo Augusto Nunes, tem plena razão de ser.

  77. elizio

    -

    19/01/2011 às 11:57

    Caro Reinaldo:
    peço a gentileza de ficar fora de sua alça de mira.
    Essa da “dificuldade de trabalhar em telemarketing foi de tirar pica-pau do ôco.
    Vou voltar para a Universidade; quero aprender essa nova língua!
    De Campo Grande – MS

  78. roni

    -

    19/01/2011 às 11:56

    Na iniciativa privada, quando os subordinados não são competentes e a todo instante troca-se….conclue-se que o chefe é o MAIOR dos incompetentes…portanto demite-se o chefe!!
    Tchau Haddad

  79. ana soriano

    -

    19/01/2011 às 11:51

    É um circo de horrores!
    Não há um pronunciamento ou uma atitude sensata.
    Ditadura da ignorância.

  80. Davis

    -

    19/01/2011 às 11:50

    Para ler e ponderar.
    Abraço, Davis.
    O peixe que Luciano Huck vende

    A exploração da tragédia: o caso Huck
    A marota forma de ajuda de Luciano Huck

    Sinceramente, não sei o que pensar sobre isso. Peço ajuda.

    Luciano Huck é sócio do Peixe Urbano, um site de compras coletivas. Em dezembro último, o apresentador da Globo usou o Twitter para tentar bater o recorde de vendas de cupons no site:
    “O apresentador Luciano Huck – agora sócio do site de compras coletivas Peixe Urbano – usou pela primeira vez o Twitter para impulsionar a venda de cupons de desconto – e quase conseguiu o que queria: superar o recorde de vendas do site.”
    http://idgnow.uol.com.br/internet/2010/12/08/luciano-huck-ja-usa-o-twitter-para-vender-seu-peixe/
    Ontem, ele postou esta mensagem no Twitter:
    Luciano Huck
    “Quer ajudar, e muito, as vítimas da serra carioca [sic]. Via @PeixeUrbano, vc compra um cupom e a doação esta feita. http://pes.ca/gZ2Ibb
    http://twitter.com/#!/huckluciano/status/26377814122962944
    A compra dos cupons, segundo o site, reverterá em benefício de duas ONGs que estão ajudando as vítimas das enchentes. Parece bonito, mas não é.

    Primeiro, é necessário ir ao site do negócio de Luciano.

    Depois, é preciso se cadastrar no site. E então comprar um ou mais cupons de R$10,00.

    Ganha Luciano porque divulga o seu negócio (mais de 7.000 RTs até agora), cadastra milhares de novos usuários em todo o Brasil, familiariza esses usuários com os procedimentos do site, incentiva o retorno e aumenta absurdamente o número de cupons vendidos – alavancando o Peixe Urbano comercial, financeira e mercadologicamente. Além do ganho de imagem por estar fazendo um serviço público (li vários elogios nos RTs).

    Sabe-se lá como será contabilizado ou fiscalizado o total recebido como doação e repassado para as duas organizações parceiras. O usuário não tem nem terá acesso a esses dados internos.

    Supondo que todo o montante arrecadado chegue às vítimas, se for mesmo o que estou entendendo, trata-se da mais sórdida exploração da desgraça alheia que já presenciei em toda a minha vida.

    As pessoas que estão doando seu dinheiro, seus produtos, seu tempo, suas habilidades e sua atenção aos desabrigados e às vítimas não estão pedindo nada por isso, não estão ganhando nada com seu gesto de solidariedade, não estão usando essa tragédia para obter nenhuma forma de lucro pessoal. Fazem o bem porque são humanas, ficaram chocadas com as imagens e as informações, se sensibilizaram com o sofrimento alheio. Ajudam por solidariedade, empatia e até por desespero.

    E a maioria delas não tem quase nada na vida, em comparação com o apresentador da Globo.

    De todas as iniciativas já divulgadas até o momento, só a de Luciano Huck visa primeiramente ao lucro pessoal, para depois, secundariamente, resultar numa ajuda social.

    Quando um tsunami matou 200 mil pessoas no sudeste da Ásia, em 2004, recebi um e-mail de um escritor inglês pouco conhecido, no qual se fazia a oferta: “Compre um dos meus livros, e eu doarei 30% do valor para as vítimas da tragédia”. Saí da lista do explorador barato na hora, mas a favor dele contava o número reduzido de destinatários da mensagem.

    Luciano Huck tem 2.600.000 seguidores no Twitter: é este o público-alvo do seu apelo interesseiro. Pode não bater o recorde de cupons, desta vez, mas temo que tenha batido o recorde da safadeza. Aceito argumentos que me provem o equívoco dessa suspeita.

    Depois dos R$ 24 milhões entregues pelo Estado à Fundação Roberto Marinho, dinheiro originalmente destinado à contenção de encostas e às obras de drenagem, mais esta. Turma da Globo, vocês pensam que estão apenas lucrando com as águas, mas na verdade podem estar brincando com fogo.

  81. Jorge S

    -

    19/01/2011 às 11:41

    Essa é a razão de não barrarem o Tiririca. Seriam injustos.

  82. Nixon

    -

    19/01/2011 às 11:40

    Permita-me registrar aqui minha enorme decepção e meu repúdio com a última revista Veja, que deu espaço na seção GENTE pra uma mulher horrorosa da equipe do ministério com m minúsculo, e que vai fazer política para mulheres. Segundo a revista, a criatura gosta de sambar. Isso é um deboche? É um escárnio? Centenas de pessoas morrendo tragicamente por causa da irresponsabilidade do governo e a Veja vem informar que a criatura gosta de sambar? A quem interessa saber? Não renovarei minha assinatura da revista, não tenho interesse nas preferências dessa mulher, que ainda por cima, é muito feia. Era só o que faltava, a Veja promover essa infeliz!!! Uma grande falta de respeito.

  83. Lula fez escola...

    -

    19/01/2011 às 11:40

    E pensar que a dilma poderia ter aproveitado a chance para elevar o nível dos dirigentes em seu governo…Que indigência!

  84. carlos

    -

    19/01/2011 às 11:38

    Pasmem !! Segue o CV da “Dª. Doida” no Lattes (para quem quiser dar boas gargalhadas é só ler a ficha pregressa(ops!folha corrida! ops! ficha funcional, da dita)
    Malvina Tania Tuttman

    possui graduação em Pedagogia pela Universidade Santa Úrsula (1976), mestrado em Educação pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1981) e doutorado em Educação pela Universidade Federal Fluminense (2004). Atualmente é professor Associado I da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Planejamento e Avaliação Educacional, atuando principalmente nos seguintes temas: flexibilização curricular, extensão universitária, cotidiano na educação, metodologias participativas e planejamento.
    (Texto informado pelo autor)

    Última atualização do currículo em 22/04/2009
    Endereço para acessar este CV:
    http://lattes.cnpq.br/0046159287859343

  85. pericles

    -

    19/01/2011 às 11:38

    Esse país, nesse país, etc foram usadas vários anos atrás nas dublagens de telefilmes para substituir USA, in USA! Ato falho?

  86. Ingo

    -

    19/01/2011 às 11:29

    Não é incomum as trapalhadas do lulismo.
    As pessoas guindadas a cargos importantes são do nível do Lula ou abaixo.

    Se o Lula é o sábio, que afirmou que a presidência lhe conferiu um diploma de Cursp Superior elevada a 5a. potência, o que esperar dos seus asseclas?

    Ou melhor claque, pois todos batem palmas e continência ao Sábio.

  87. Milter

    -

    19/01/2011 às 11:26

    Será que essa Sra seria aprovada na prova do ENEM?
    Já imaginou a prova de redação da mesma?

  88. GAUSS

    -

    19/01/2011 às 11:24

    Bom dia!
    O Ministro estava incomodado com a mediocridade e finalmente nomeou alguém à sua estatura!
    Saudações

  89. João

    -

    19/01/2011 às 11:22

    Antes de tudo, essa malvina é uma tremenda puxa-saco. E eu não gosto de puxa-saco.

  90. indignado

    -

    19/01/2011 às 11:15

    Para o PT quanto pior melhor ou niguém pesquisou sôbre as intensões do partido do babalorixá.

  91. estrela

    -

    19/01/2011 às 11:14

    Querido Rei, obrigada por existires, obrigada por seu blog aqui. Em meio a tanta PaTifaria seria díficil sobreviver sem vc. Os petistas insistem em recorrer aos cumpanheiros incompetentes ao invés de requisitar pessoal qualificado… éo ppp….o povo paga o pato!!!!!!!!!!!

  92. baruch

    -

    19/01/2011 às 11:04

    Cesare Lombroso, confirma sua tese. Deswde o facies primitivo do Apedeuta, agora a TV Globo nos brinda com figuras melancolicas do secretário geral do MEC e da sra. Malvina, para confirmar!!! È de espantar! Além da facies antipáticas,pouco inspiradoras de seriedade e confiasnça vemos que sâo personagens à altura do apparatick Ministro da Educação, cuja tese de doutorado, quando a URSS veio abaixo, era de exaltação do Stalinismo e do Gulag!!!!!

  93. LIMA

    -

    19/01/2011 às 11:00

    REINALDO.
    DEUS NOS LIVRE DE PETRALHA DESSE NAIPE!! TENHO PENA DOS ESTUDANTES BRASILEIROS. QUANTAS MIL ESTÃO NA MESMA SITUAÇÃO DO QUE ELA? PUXA SACO É UM ANIMAL PERIGOSO.

  94. Eduardo

    -

    19/01/2011 às 10:58

    O recém nomeado secretário de Educação Superior do Ministério da Educação, o Luizinho (Luiz Cláudio Costa), ex-reitor da universidade Federal de Viçosa (UFV) segue na mesma linha. Nuncaantesnahistóriadaquelauniversidade um reitor havia usado a instituição da maneira como ele usou pra fins de proselitismo político. Uma vergonha pra nós, ex-alunos. Devia ter permanecido com professor de matemática do Coluni ou como professor do Dep. de Engª Agrícola. Eleger um bossal como esse para reitor é dar corda pra essa gente usar e abusar do cargo.

  95. Claudio Malagrino

    -

    19/01/2011 às 10:53

    Comentei na época mas o comentário não saiu: Malvina deu uma verdadeira Aula Magda…!

  96. Artur

    -

    19/01/2011 às 10:52

    A ordem do PT sempre foi nivelar ou igualar para baixo,para que cultura e educação? Ora perda de tempo , afinal de contas o povão comemora ( Nóis tivemu um presidenti ingual nóis na curtura na inducação, um homi que tem que fala: iorgute , casa germinada, vamo ponha lá,brusa , bicicreta , largato, ahhhhhhh socoroooooo.

  97. Marcos Pereira

    -

    19/01/2011 às 10:44

    Reinaldo,

    O título do seu antigo post diz tudo: As Universidades públicas estão formando ignorantes patriotas; ou até pior, como a esquerda é mestre em doutrinação, tenho certeza que as ditas universidades – que nada tem de universais e estão ficando cada vez mais satanicamente ideológicas- estão é formando um bando de fanáticos e pelegos(Vide UNE).
    Aproveitando: Para consertar o Brasil não temos outra saída: Forte guinada a Direita. Chega de gigantismo estatal, com forte tempero de ineficiência, e que vive de dar guarida a BANDIDOS. Com a esquerda no poder, jamais resolveremos as questões de EDUCAÇÃO e SEGURANÇA: Pré-resquisitos fundamentais para o desenvolvimento do País.

  98. Regis

    -

    19/01/2011 às 10:41

    E, atenção, a ex-reitora deve ser um tanto melhor do que os professores, que a elegeram. Achei delicioso o “bobajol”, essa novilíngua do petismo.

  99. mac z

    -

    19/01/2011 às 10:41

    Guilherme Franco .
    -19/01/2011 às 10:29
    Francamente, Guilherme…

  100. Guilherme

    -

    19/01/2011 às 10:39

    Ao ver a reportagem no portal G1 ontem soltei um “inacreditável, demitem o presidente do INEP pela segunda vez, mas o ministro nada!”. Bobagem a minha. Reação injustificada. Inacreditável já foi neste (ou nesse, Malvina?) país, agora tudo mais é crível. Até mesmo alçar uma puxa-saco analfabeta funcional ao cargo em questão.
    Me preparo no momento para ler que o próximo ministro da saúde toma remédios sem receitas, faz sexo sem camisinha e deixa pneu cheio d’água exposto no verão.

  101. MARIANA

    -

    19/01/2011 às 10:38

    AS UNIVERSIADES ESTAO TOMADAS POR ESTE TIPO DE GENTINHA..ELES CONSEGUEM CUMPRIRI UM CURSINH ODE MESTRADO E DOUTORADO COM TESES INSIGNIFICANTES, MUIATS VEZES COM MESAS EXAMINAADORAS VENDIDAS, E SAEM POR AÍ, SAUDINDO OS PAPÉIS NA NOSA CARA, COMO GRANDES SÁBIOS
    TRISTE BRASIL!!!1

  102. Gatusso

    -

    19/01/2011 às 10:36

    Caro Rei, eu nao consigo entender como é que uma pessoa como esta pode ser nomeada reitora de instituiçao educativa alguma. Só petralhas para afundar “esse país” no mais escuro abismo do analfabetismo. Essa mulher só pode chegar onde está puxando o saco do ministrinho de chaveiro. Vergonha!

  103. Guilherme Franco .

    -

    19/01/2011 às 10:29

    REINALDOXX!!!

  104. Fernando Alfredo Faria

    -

    19/01/2011 às 10:20

    Como será que a “MARVINA” conseguiu passar na prova de lingua portuguesa do vestibular? Deve ter cursado alguma faculdade do tipo “pagou – passou”. A prova do próximo exâme do ENEM será uma beleza!

  105. Sueli Loiola

    -

    19/01/2011 às 10:18

    Minha pergunta é se ela acha que o governo já surpreendeu, então me explique por quer vejo tantos universitários escreverem como se estivem sainda da terceira série. Quer um exemplo? “Princeza”

    Mas o “nunca na história deste país” não pode cair no esquecimento…

    Lamentável!

  106. DECEPCIONADO

    -

    19/01/2011 às 10:16

    Ao deparar-me com a fisionomia (nem um pouco agradável, diga-se de passagem) da Malvina Tuttman, ontem, num trechinho do Jornal Nacional, cheguei à (triste) conclusão de que ela está mais para “Malvina Cruela” do Inep!!!

  107. Romane

    -

    19/01/2011 às 10:11

    Adoniran Barbosa anteviu:

    Malvina, você não vai me abandonar,
    Não pode, sem você como é que eu vou ficar.

    Tá fazendo mais de dez anos
    Que nóis estemos juntos
    E daqui você não sai

    Minha vida sem você não vai
    Minha vida sem você não vai

  108. Gatusso

    -

    19/01/2011 às 10:05

    E pensar que Tiririca falou “pior do que está nao fica”…
    Melhor vamos votar pelo Rei:
    http://www.whopopular.com/Reinaldo-Azevedo

  109. Heitor Bonfim

    -

    19/01/2011 às 10:02

    Aliás, prometeram construir o equivalente a 3 edifícios COPAN, com 3 mil apartamentos, nos morros do RJ. Vivemos governos de promessas e projetos.

  110. Quaker

    -

    19/01/2011 às 10:00

    Espanto é ser bastante carinhoso.Quando a vi na tv,fiquei atônito.Uma figura horrorosa.Faça a ideia do terror que esta mulher causava como reitora.
    Com este nome de Malvina explica tudo.
    O neste coverno tem muita dona sem patrimônio para garantir um bom casamento.Não bastasse Marisa,Erenice e Ideli…

  111. Marcos Matias

    -

    19/01/2011 às 9:59

    Essa senhora com certeza não passou pelo MOBRAL. Prefiro uma palestra com Tiririca. Ao menos ele já é palhaço de profissão. Rei, tú és a “criatura” mais implacável que eu já vi contra essa corja petralha e eu trilho o mesmo caminho, porque não há outro. Essas pestes são piores do que formiga vermelha que dá em “pau-oco”. Kkkkkkkkkkkk

  112. off topic

    -

    19/01/2011 às 9:40

    Isto acaba com o discurso “delles..”catastrofe ambiental ” é?Só na Globo…

    RIO – A tempestade que causou a maior tragédia da história dos desastres naturais no país não foi a maior já registrada nas cidades da Região Serrana. Segundo dados do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), Teresópolis registrou 124,6 mm de chuva no dia 12, contra uma máxima histórica de 140,8 mm registrada em 28 de janeiro de 1977. Já em Nova Friburgo, a chuva alcançou 182,8 mm no dia dos desabamentos, mas, como essa estação do Inmet só entrou em operação no ano passado, não há uma série histórica de dados para comparação. Entretanto, uma estação antiga, que funcionou na cidade entre 1961 e 2003, marcou como recorde 113 mm em 24 de janeiro de 1964.

  113. marco

    -

    19/01/2011 às 9:31

    “Malvina é a expressão de uma parcela da universidade brasileira “desta” nova era. Teria dificuldade para trabalhar em telemarketing”.
    Como disse o leitor aí em baixo: É um espanto.
    Por isso e outras cositas más, estamos na rabeira em educação. Abs.

  114. Rafael

    -

    19/01/2011 às 9:30

    Acho que, se procurar bem, desse mato sai jabuti.

  115. Rods

    -

    19/01/2011 às 9:24

    REI.

    A QUESTÃO É UMA SÓ. ESTE INEP, INDEPENDENTEMENTE DE QUEM VENHA A OCUPAR SUA DIREÇÃO, NÃO FUNCIONA E NEM, FUNCIONARÁ, ENQUANTO O ESTADO SE METER, DA FORMA QUE VEM SE METENDO, EM ASSUNTOS PARA OS QUAIS LHE FALTA COMPETÊNCIAE PESSOAS COM MÉRITO.

    DEMITEM OS PEÕES, MAS OS CABEÇAS CONTINUARÃO A MANTER A ESTRUTURA PALEOLÍTICA E ENVENENADA, PELA IDIOLOGIA DELES.

    Rods

  116. carlos mattos

    -

    19/01/2011 às 9:18

    Rei adoro voce, quando voce se ” enfeza”, mata a cobra, pisa na cabeca, estracalha e mostra o pau( pedaco de madeira, as vezes, usado para matar cobras etc…., serve tambem para cabos de vassouras, rodos, estas coisas) rsrsrsrsrsrsrsrsrsr

  117. Paulão

    -

    19/01/2011 às 9:18

    Não sei não…..
    Falando mal desse jeito, babando ovos desse jeito, alardeando sua disponibilidade desse jeito, essa magnífica ainda chega a ser presidAnta “desse paiz”.
    No mínimo deve ter algum “furo” em seu currículo. Seria om alguém conferir na plataforma Lattes (pobre professor Lattes….)

  118. Rodrigo de Farias

    -

    19/01/2011 às 9:11

    Reinaldo, veja se tem como comentar a iniciativa da Anatel, de “vigiar” todas as ligações telefônicas no país. É um absurdo isso: http://exame.abril.com.br/economia/brasil/noticias/anatel-vai-vigiar-ligacoes-de-celulares-e-telefones-fixos-diz-jornal

  119. Silvio

    -

    19/01/2011 às 9:06

    será que ela o molusco-mor não iniciaram as primeiras palavras do beabâ juntos ?? cérebro de ameba parece que também tem …

  120. Jean Piaget

    -

    19/01/2011 às 9:04

    É isso aí, caro Reinaldo. Alguém tem que esclarecer o “histórico acadêmico” das pessoas em posições de liderança importantes para o nosso futuro. Nada mais sensível do que a educação ou a falta dela. Estamos indo muito mal. Os leitores agradecem em saber o por quê. :-)
    (Please, keep it up)

  121. Netto

    -

    19/01/2011 às 9:03

    No desGoverno lula, “casa dos horrores I”. No da mulher invisível, “casa dos horrores II”. Tem jeito?

  122. Paulão

    -

    19/01/2011 às 9:00

    Bom dia Rinaldo,
    Como boa petista (êpa!!), a babona,em ato falho, foi sarcástica com o mini-ministro, dizendo que era um prazer estar sentada ao lado de um GRANDE HOMEM.
    O amorinho deve estar, até agora, na dúvida, se ela falou em sentido figurado ou se falou da sua compleição física.

  123. Marcos Camurati

    -

    19/01/2011 às 8:59

    É isto mesmo a bandeira nacional tem de ser mudada:Corrupção e Demagogia é o novo lema.
    O novo governo velho está ao estilo da velha Russia:Cortina de Ferro sobre noticiais.
    É o estilo dos grupos “revolucionários” de esquerda das decadas de 60 e 70: nomes trocados, sigilo das operações,escandalos, acidentes e desgraças abafados
    enfim o BRasil está mal.

  124. Ananias

    -

    19/01/2011 às 8:54

    Reinaldo,
    Infelizmente conheço bem o que você resume no último trecho do post:
    “Imaginem: esse “bobajol” está sendo cotidianamente repetido nas salas de aula Brasil afora, especialmente, como é o caso, nos chamados cursos da área de humanas. E depois nos perguntamos por que a escola brasileira é tão ruim. Eis aí: Malvina dá a receita para a formação de ignorantes orgulhosos e patriotas.”
    Excelento comentário.
    É exatamente isso. A maioria do Professores das Universidades Públicas do Brasil, sofre de “Esquerdiopatite Crônica”, um mal de difícil cura. No caso particular dos cursos de humanas, esse professores tem preocupação mínima em formar bons profissionais. Para eles o principal objetivo das disciplinas é formar novos esquerdistas ou petistas.

  125. Pablo

    -

    19/01/2011 às 8:42

    Caro tio Rei, há tempos que eu não aparecia por aqui. Embora continuasse a acompanhar o blog, não vinha fazendo comentários; mas essa foi demais! Com este tipo de gente cuidando da educação, o nalfabetismo funcional, intelectual e moral está garantido. Lamentável!!!!

  126. Anônimo

    -

    19/01/2011 às 8:40

    Malvina Cruela quem quiser ter sussego fujam dela.

  127. anônimo

    -

    19/01/2011 às 8:27

    Já caíram três diretores do INEP, mas o ministro continua o mesmo. Saem diretores, mas o problema continua. Quem será o culpado? Precisa desenhar para a Dilma Choque de Gestão Gerentona Frenética Rousseff entender que chegou a hora de demitir o incompetente?

  128. Eduardo

    -

    19/01/2011 às 8:24

    Quantos ainda terao que morrer, sofrer e se humilhar antes que o povo brasileiro se erga exigindo dignidade? Exigindo a puniçao severa da corrupçao política e de funcionários públicos, a fim de que se pague menos impostos e se ganhe melhores salários e serviços públicos? Quantos, antes que se consiga sair do aparentemente eterno “deserto de homens e idéias”?

  129. Heitor Bonfim

    -

    19/01/2011 às 8:22

    Esse governo Dilma é a ditadura da mentira e dos contos do PAC. “Nova Friburgo vai construir 3.000 apartamentos para abrigar …”. O Edifício COPAN tem 1160 apartamentos. Construirão o dobro disso no meio dos morros? É risível.

  130. Mariazinha

    -

    19/01/2011 às 8:08

    Ai, meu Jesus Cristinho! Tenho pena da gurizada de faculdade, eles chegam entusismados à universidade e se deparam com tipos como a “magnífica”! Poor kids! Ah, sim, o haddad continua no cargo, isso é impressionante!

  131. Heitor Bonfim

    -

    19/01/2011 às 8:06

    Malvina deixou claro o pensamento petista quando disse aquela frase esquisita: “eles podem criticar desde de que não atrapalhem”, que explica bem o tipo de democracia que desejam para o Brasil.

  132. Ronni

    -

    19/01/2011 às 8:03

    Vamos ARRAGAR ENCRENCA SE DILMA SE SUJEITAR AO LULA NAO FOI PARA ISSO QUE VOTAMOS NELA.NAO FACA ISSO VAI SE DESMORALIZAR BASTA DE LULA .JA PASSOU LULA VA ESTUDAR .AGORA E COLLOR PARA TERMINAR O QUE FOI FEITO COM ELE

  133. Perola

    -

    19/01/2011 às 7:56

    Eu também me irrito com os “o presidente,ele assinou….”,”a Universidade,ela faz….”,”o ministro,ele disse…”,etc.Por que não simplesmente a sentença com sujeito e verbo “o presidente assinou”,”a universidade faz” ou “o ministro disse”?Parece-me que quanto menos letrado o tipo,maior sua tendencia a complicar.

  134. chagas

    -

    19/01/2011 às 7:31

    Infelizmente, vamos continuar assim, afinal, 56 milhões optaram por isso que está aí, e para revertê-lo, só em 2014, ou esperar por algum fato que antecipa isso, do contrário, teremos que aguentar, organizando nossas forças para suportar, e arma pais poderosa que temos são as palavras(texto, frases etc.)e devem ser dirigidas sempre aos políticos no poder, pois eles não gostam de ouvir…

  135. chagas

    -

    19/01/2011 às 7:29

    Infelizmente, vamos continuar assim, afinal, 56 milhões optaram por isso que está aí, e para revertê-lo, só em 2014, ou esperar por algum fato que antecipa isso, do contrário, teremos que aguentar, organizando noCOM A INDICaÇÃO DE MAIS MINISTROS PARA O STF, E COM a pf dominada, pois ao ser indicados para os postos máximos os delegados deixam de ser polícia e vira lacaio, pois um caso tão claro como o da erenice, pois os indício são volumosos, esse caso deveria está eclarecio há muito tempo e essa distinta indiciada, e a promotoria oferecido a denuncia, mas…
    ssas forças para suportar, e arma pais poderosa que temos são as palavras(texto, frases etc.)e devem ser dirigidas sempre aos políticos no poder, pois eles não gostam de ouvir…

  136. Pela Pátria

    -

    19/01/2011 às 7:11

    É (mais uma!) HERANÇA MALDITA de “LULA-DILMA” para “DILMA-LULA”!
    PS:
    Tio Rei, IMPAGÁVEL e de PRECISÃO CIRÚRGICA o texto sobre o OCASO de Lula (18/01/2011 às 18:48).
    Sugiro um livro sobre as “delícias” do pós-Lula!
    “Lula falava tais e tantas barbaridades que o silêncio de Dilma se confunde com sapiência, competência e sagacidade política.”
    (rsrsrs. Essa foi boa!!!)
    “Restará ao Babalorixá, se quiser, voltar a falar bem de si mesmo, só que, agora, já sem a mesma graça e a caneta na mão.”
    (Ferino… Mortal o “toque” sobre “a caneta na mão”!!!)

    PS(2):

    Da série: LOBOS EM PELE DE CORDEIRO…

    “O senador Pedro Simon (PMDB) passou a receber aposentadoria de ex-governador. “Minha situação estava ficando difícil”, informou Simon, que saiu do cargo em abril de 1990. “No Senado, eu recebo cerca de R$ 11 mil”, relata, referindo-se ao valor líquido dos vencimentos.

    A partir de fevereiro receberá R$ 26,7 mil brutos. Outros sete ex-governadores gaúchos e três viúvas de ex-governadores também recebem aposentadorias de R$ 24,1 mil. Yeda Crusius (PSDB) entrou na lista neste mês.”

    EM TEMPO: Creio que não, mas se havia algum ingênuo que acreditava em Simon (aquele que brada na tribuna, mas pia fino no escurinho) que votou a favor da CPMF e tudo mais que Lula quis, ei-lo… EM CENA ABERTA E DESMASCARADO!

    ?

  137. Marcus Meyer

    -

    19/01/2011 às 6:43

    Com a capacidade que tem Haddad ele deveria começar com uma provinha para classificar alunos para o jardim de infância, em não poderia passar de 100 candidatos. Quanto à sair de férias, é uma regra de conduta estabelecida por Dilmalula. Vai fechar o tempo? Saia de férias! Cabral é o mais aplicado nas novas regras, Haddad segue o companheiro!

  138. maria-maria

    -

    19/01/2011 às 6:34

    O ministroide frauddad (apud ftavares) tem de cercar-se de elementos iguais a elle, mas essa desprotegida de inteligência já consegue firmar-se sobre dois membros e manter-se longe da grama Custa-me crer.

  139. c.c. a patrulha

    -

    19/01/2011 às 3:23

    Caro Reinaldo,
    Nenhum petralha fala Brasil.Será que faz parte do projeto
    Bolivariano, União das Repúblicas Socialistas Bolivarianas ?

  140. lilas

    -

    19/01/2011 às 2:56

    Reinaldo,
    Voce e, para nos, seus leitores,como um oasis no meio da aridez desse deserto que e a ideologia esquerdopata petralha.Obrigada!
    E pensar que essa coisa e reitora!Quem podera salvar esse pais???

  141. nena

    -

    19/01/2011 às 1:31

    A Marilurde nasceu no sertão da Paraíba, não foì para a escola porque o pai queria que logo cedinho ela tirasse leite das cabras e a escola era longe; hoje ela só sabe desenhar o nome, mas é eleitora, não vota no PT de jeito nenhum e culpa o marido por qualquer coisa que não vá bem porque ele vota no lulla, e então ela bate nele. Grande cidadã!
    Garanto que ela faria um discurso mil vezes melhor do que a MAGNIFÍCA reitora (o acento é proposital).Pelo menos ela fala coisa com coisa e de um modo muito mais claro.

  142. Cil

    -

    19/01/2011 às 1:15

    Eheheheeheh… essa pessoa especializada em Dilmês tinha que ser presidente do INEPTO. Já disse e repito, este des(governo) que aí está é pior, muito pior, porque para onde se olha só se vê lama e nada mais.

    Aliás a Rainha de Copas está fazendo escola no tergiverso porque o que tem de gente que fala como ela não tá no gibi. Até a reporter que disse “a presidenta Lula” aprendeu o jeito sem coerência da criatura de falar.

  143. marcello fonttes

    -

    19/01/2011 às 1:14

    Sadia, sensata, lúcida a opinião do Rafael Gargalhão 15:51. Certo dia ao entrar num ambiente de tratamento a
    doentes de condutas (psicogênicos e orgânicos)lí, num pequeno quadro em parede frontal a porta da entrada: NA VIDA NÃO HÁ PRÊMIOS NEM CASTIGOS, SÓ CONSEQUÊNCIAS…

  144. GersonPR

    -

    19/01/2011 às 1:01

    Reinaldo, agora há pouco, ao comentar a notícia no Jornal da Globo, Christiane Pelajo disse com todas as letras: “A mudança foi pior…” Em seguida, a âncora emendou: “A mudança foi ‘por’ causa de…”
    Não sou especialista em Psicanálise, mas arriscaria dizer que este é um típico exemplo da manifestação do inconsciente provocando um ato falho. Ou será que foi proposital?

  145. Cil

    -

    19/01/2011 às 0:31

    Meu caro Rei… e tinha petista preocupado, lembra, achando que a morte do defunto faria com que não houvesse assunto para você. KKK! Nunca na historia dessepaiz se viu tanta lambança no começo de uma mandato.
    Acho emblemática a situação de duas pastas, que para mim são irmãs gêmeas, no governo da Rainha de Copas. A educação, ciência e tecnologia dessepaiz foram jogadas sem a menor cerimônia na lama. Temos dois incompetentes como ministros, sendo que a educação já foi pro brejo onde aguarda a chegada da ciência e tecnologia. Uma vergonha!

  146. eumesmo

    -

    19/01/2011 às 0:27

    Reinaldo, a Unirio foi avaliada em 2010 pelo Inep e obteve nota abaixo de 3. Será que ela agora acerta a avaliação da universidade? No primeiro Enem uma fundação da Unirio a Funrio fazia parte do consórcio que permitiu que vazassem as provas. Agora pergunto: Vai dar certo?

  147. João de Recife

    -

    18/01/2011 às 23:42

    inePTo!

  148. Mari

    -

    18/01/2011 às 23:16

    que coisa mais constrangedora!… e pelo visto a “linguagem” já virou um estilo, corre o risco de virar moda. socorro!

  149. demiane

    -

    18/01/2011 às 22:48

    Que vergonha!!! Socorro!!!É o fim!!!

  150. ROSANA

    -

    18/01/2011 às 22:44

    Essa reitora é um espanto mesmo. Como é que pode uma reitora de uma universidade com esse nível, Reinaldo? Eu é que estou espantada, espantada nao espantadíssima!

  151. BRASILEIRO de luto

    -

    18/01/2011 às 22:34

    Reinaldo, se for a que vi na TV, ela realmente ESPANTA…
    -
    -
    RESUMO: TROCARAM SEIS POR MEIA DÚZIA PIORADA…
    -
    -
    E O ADDAD CONTINUA… até quando???????? creio que a Dilma não vai atruar esse cara como o Lula fez…
    -
    -

  152. Semperdestro

    -

    18/01/2011 às 22:15

    Pior é que o Brasil já elegeu, para presidente da República, alguém que se orgulhava (e certamente ainda se orgulha) da própria ignorância… E nem é assim tão patriota.

  153. josevar

    -

    18/01/2011 às 22:07

    Caro Reinaldo. A PRIVATIZAÇÃO do país continua.É o modo petista de ser. Aponte-nos um petista desempregado e ganharás uma viagem de férias para “DOIS CÓRREGOS”. Gostou do prêmio? Só que ganhá-lo é mais difícil que acertar na mega sena.Caso a MAGNIFICA leia seu POST, ela dirá:” Esse Reinaldo mi milhou” como diria o Didi Mocó.

  154. lucilene

    -

    18/01/2011 às 21:16

    Eu também! não aguento mais esse aposto, trucidado por jornalistas da globo e demais emissoras! Já percebeu que petista é viciado em vício de linguagem? Que vergonha!

  155. Luz

    -

    18/01/2011 às 19:43

    É pena que eu não tenho tempo de ler todos os comentários do seu blog, que são muitos e meu tempo é pouco. Mas quando leio, é um prazer. É o cafezinho depois do almoço. Rolei de rir hoje. Olha este:

    “Nove anos atrás eu dizia: “Não votem no Lula. Quem avisa, amigo é”. Cinco anos atrás eu dizia: “Não votem no Lula, cês tão brincando, né?” Ano passado eu dizia: Não votem na Dilma, pelo amor de Deus, porque…
    Ah, quer saber? Bem feito!”

  156. Hildemar Faria Vasiliauskas

    -

    18/01/2011 às 19:36

    Na minha opinião, o único que poderia rivalizar com o Marco Aurélio Garcia é o Ministro da Educação, em matéria de insucessos consecutivos.

    Reinaldo, não sei o que vc acha, mas percebo que o início do declínio do sistema educacional foi no exato momento que os profissionais da área deixaram de ser professores para se tornarem educadores, afastando-se da tarefa de ensinar, e passando a querer substituir os valores que devem ser transmitidos pela família.

  157. Marcos Matias

    -

    18/01/2011 às 19:17

    Esses canalhas anulam as redações se encontrarem quaisquer traços de críticas ao desgoverno que servem! As provas de matemática e português ficaram para a grande maioria como se não tivessem participado! Ora, se eu participo, faço as provas (incluindo a redação) tenho direito de saber porque “fui reprovado”. Está certa a ação. Espero que a OAB que quer fazer “fita” contra a pensão de ex-governadores, entre nessa luta, enfrente Lula, o PT, Haddad e essa coisa que assumiu como “presidenta”! Milhões de alunos prejudicados. Sonhos perdidos! Tempo…E uma “banca de vagabundos ideológicos” avaliando como querem. ANULAR O ENEM 2010 É UMA QUESTÃO DE JUSTIÇA E HADDAD NA CADEIA, IMPRESCINDÍVEL! Quanto a UNE, essa outra corja deveria ser deportada para o Irã. TODOS VAGABUNDOS! O PT É UMA FÁBRICA DE MENTIRAS, INCOMPETÊNCIA E ROUBALHEIRA, ISTO É FATO! Outro fato é que MP, PF, OAB, Congresso, STJ, TSE e STF estão se “subordinando” ao Poder Executivo. Não há mais juízes no Brasil. Só “Togas”.Esses canalhas anulam as redações se encontrarem quaisquer traços de críticas ao desgoverno que servem! As provas de matemática e português ficaram para a grande maioria como se não tivessem participado! Ora, se eu participo, faço as provas (incluindo a redação) tenho direito de saber porque “fui reprovado”. Está certa a ação. Espero que a OAB que quer fazer “fita” contra a pensão de ex-governadores, entre nessa luta, enfrente Lula, o PT, Haddad e essa coisa que assumiu como “presidenta”! Milhões de alunos prejudicados. Sonhos perdidos! Tempo…E uma “banca de vagabundos ideológicos” avaliando como querem. ANULAR O ENEM 2010 É UMA QUESTÃO DE JUSTIÇA E HADDAD NA CADEIA, IMPRESCINDÍVEL! Quanto a UNE, essa outra corja deveria ser deportada para o Irã. TODOS VAGABUNDOS! O PT É UMA FÁBRICA DE MENTIRAS, INCOMPETÊNCIA E ROUBALHEIRA, ISTO É FATO! Outro fato é que MP, PF, OAB, Congresso, STJ, TSE e STF estão se “subordinando” ao Poder Executivo. Não há mais juízes no Brasil. Só “Togas”. O tema da redação(O Trabalho na construção da dignidade humana) foi uma pegadinha para “pegar” quem falsse mal do governo e sua política de geração de emprego e renda. Do jeito que vai só nos restará as armas! Essa petralhada só reconhece a Força!

  158. Luiz Antonio

    -

    18/01/2011 às 19:08

    Após ler seu seu post sobre a Reitora da UniRio, chega-se a conclusão que as nomeações petistas para cargos públicos são motivados por ideologia política, jamais por competência.
    O ministro Haddad tem lá seus motivos para nomear a Reitora, ele quer alguém que esteja a sua altura para chefiar a educação.

  159. C.

    -

    18/01/2011 às 19:07

    Sou ex-aluna da Unirio,curso de História, com muito orgulho. Principalmente porque me formei antes que dona Malvina se tornasse reitora.

  160. lenika

    -

    18/01/2011 às 19:02

    Reinaldo,

    Socooooorro!!! Salve-se quem puder!!!!!! DEus tenha piedade da Educacao no Brasil!
    Só nos resta mesmo retomar o famoso mote “e o último que sair, apague a luz”!!!
    Abs

  161. Ronni

    -

    18/01/2011 às 18:49

    Presidente antes de pagar aos poderes pague os créditos de quem produz
    Isso vai gerar mais emprego e receita PENSE NISSO
    O RESULTADO E IMEDIATO

  162. Fernanda

    -

    18/01/2011 às 18:41

    Reinaldo,

    Derramo as lágrimas junto com os bons alunos. Aqueles que fariam a diferença e que estão sendo excluídos por cotas, provas sem critérios e diretrizes dadas por pessoas despreparadas.
    Agradeço a oportunidade que tive, de prestar um vestibular honrado, onde quem estudava e tinha inteligência era premiado. Vergonha alheia.
    Maria Monteiro 18:31 – talvez ela tirasse 10 na redação corrigida sem critérios definidos…

  163. A Carioca

    -

    18/01/2011 às 18:32

    Eu, como ex-aluna da Uni-Rio me manifesto com um sonoro e prolongado silêncio em relação a essa tenebrosa notícia.

  164. maria monteiro

    -

    18/01/2011 às 18:31

    provas de redação, tanto no Enem quanto em vários vestibulares, avaliam itens como: progressão/coesão, progressão/coerência e repertório. Sinto informar, mas a douta reitora e agora futura “inepta” não tiraria nem 5 se suas palavras estivessem em uma redação sobre qualquer tema, aliás, algo também bastante difícil de identificar nesse palavrório desconexo.

  165. Terrano

    -

    18/01/2011 às 18:31

    É constrangedor demais. Que vergonha.

  166. Tutano

    -

    18/01/2011 às 18:26

    Não vale a pena você iniciar a Guerra da Malvina.
    É terreno árido, não tem histórico de produção e depende integralmente de mais poderosos.

  167. Karen

    -

    18/01/2011 às 17:49

    Jeus, onde vamos parar? 8 anos de petralhas e pelo visto infelizmente mais 4… e definitivamente o Brasil estará acabado!
    Vou fazer como um colega disse. Vou patrulhar o conteúdo do material didático do meu filho.
    Agora em 2011 ele entra no ensino Médio e Deus do céu, o que ele irá encontrar pela frente?
    Como estará esse ENEM até 2013?
    Estamos vivendo dias muito sombrios. tenhoi dó dessa garotada nas mãos desses lunáticos comunistas.

  168. Pantaneiro

    -

    18/01/2011 às 17:47

    Boa tarde Tio Rei….respondendo à sua pergunta: sai jumento…..e uma carrada de jumentos como se diz aqui no glorioso Mato Grosso do Sul.

  169. José de Arimatéia

    -

    18/01/2011 às 17:28

    É outra “dona doida”

  170. Ex-petista

    -

    18/01/2011 às 17:27

    Pra que inovar se as frases feitas já estão prontinhas.

  171. Rodrigo

    -

    18/01/2011 às 17:25

    Meu Deus… Esse desgoverno Lula foi um retrocesso em todos os sentidos! A Veja desta semana conta comos os ferroviários foram “ferrados” por um kumpanheiro que cuidou muito mal dos fundos de pensão e plano de saúde deles…

  172. Aldinorah

    -

    18/01/2011 às 17:25

    Ai tio Rei estou “deverasmente” complexada.
    Não sou professora, não sou universitária, não sou reitora… eu não sei escrever. Pararei de intrometer-me
    onde não sou chamada. A não ser que você faça a correção dos meus textos. Juro! tenho muita vontade de saber ler e escrever corretamente, ao contrário daquele, sabe né?
    Sem puxa saquismo: tenho aprendido muito com você e seus comentaristas: são de primeira classe. Aliás tenho recomendado o seu blog aos meus parentes e amigos.
    Sendo assim só posso agradece-los.
    PS-quantos erros?
    Aprenda aqui também D. Reitora..hehehe

  173. Ex-petista

    -

    18/01/2011 às 17:24

    Comparação batidíssima mas inevitável: a Malvina, enquanto oradora, fala como um Rolando Lero petralha.

  174. Maristela Bairros

    -

    18/01/2011 às 17:21

    OU seja: “tipo ansim” não mudam nem as moscas!

  175. Marco Morales(espanhol, e não índio)

    -

    18/01/2011 às 17:17

    Eu já não me espanto quando vejo estas pessoas ignorantes “se achando”. Elas nem se dão conta de que existem coisas como regência verbal, semântica , etc. O que me deixa revoltado é essa gente , mesmo com esta fala tosca e repugnante ter toda essa força. Se me dissessem que esta senhora é secretária de um consultório médico, eu já acharia um absurdo. Agora, quando ficom sabendo que é REITORA, aí ” é pra acabar mesmo”.

  176. INHAME INHAME

    -

    18/01/2011 às 17:16

    A Consagração da Burrice Maquiada.

  177. Eduardo Velasco

    -

    18/01/2011 às 17:03

    A moça do cafezinho na universidade deve estar morrendo de rir!!! Deve saber melhor!!!!

  178. Anderson Soares

    -

    18/01/2011 às 16:59

    Ela estava de quatro, ruminando, ou em genuflexão, quando proferiu tamanha baboseira?.

  179. Anonimo

    -

    18/01/2011 às 16:54

    Meu Deus!

    Se este é o português da reitora, como será o português dos professores?

  180. TÕ VENDO TUDO !

    -

    18/01/2011 às 16:48

    Nunca neste país houve uma Educação tão cinica, desmoralizada, incompetente, e, totalmente voltada para o padrão ideológico dos petralhas e seus miquinhos amestrados ! Uma Nação que tem a infelicidade de ser governada por essa gente mais de dois anos somente poderá terminar nesse caos impune e sem fim. Ainda temos alguém que pare essa sangria desatada, essa sensação de que estamos na lama em todos sentidos ? Deus proteja o povo brasileiro !

  181. Oscar

    -

    18/01/2011 às 16:45

    Reinaldo,
    podemos escolher a Malvina, que não se perca pelo nome, como a representante máxima desta era da mediocridade.

  182. Paulo Roberto Urbano da Cruz

    -

    18/01/2011 às 16:38

    No ano passado eu e minha filha fizemos plantão na frete do computador para poder acessar o SISU, e foi uma batalha. Pensei que este ano as coisas iriam melhorar(como sou ingenuo só eu e a velhinha de Taubaté acreditava nisto)porem o que era uma calamidade se transformou em tragedia, pois este ano o calvário dos estudantes foi maior. Tiveram um ano para melhorar e aperfeiçoar o sistema e bingo, pela incompetência de um ministro que não resolve nada, não planeja nada, ou talvez por ser fã do sistema soviético, tenha se baseado no padrão deles, a verdade é que mais uma vez estão passando recibo de total falta de capacidade para gerenciar um simples boteco de pinga. Este presidente do INEP(TO) já devia ter sido defenestrado quando da falha nos cadernos do ENEM, mas como é cumpanheiro passaram a mão na cabeça e ele satisfeito fez mais uma caquinha. Porque não co0ntratam empresas que realmente tenha qualidade e gabarito para a criação de seus programas, é sói deixar de dar contrato para amigos que de informática só sabem sacar dinheiro nos caixas automáticos, e as vezes conseguem deixar o cartão preso na maquina por errarem a senha. Num pais onde um estagiário de zoológico vira expoente de empresa de informática é se associa a uma grande companhia telefônica, nada mais surpreende. Se verificarem direito vão ver que tem mais coisas atrás deste erros nos programas de informáticas do MEC, ministério que poderia conseguir estes programas com alunos de graduação e pós na área de informática. Ou será que o ministro não sabe que todo aluno tem que ter um trabalho para poder concluir seu curso. Tenho certeza que sairia mais barato e teria mais qualidade. Mas aí os cumpanheiros não teriam doações para suas campanhas.

  183. N.Sra.das Calamidades de Modo Geral

    -

    18/01/2011 às 16:36

    Oremos.

  184. GCO

    -

    18/01/2011 às 16:29

    Mais uma “cumpanheira” que se dá bem!
    Viva o Brasil!

  185. malu campos

    -

    18/01/2011 às 16:26

    Impressionante a capacidade dos incomPeTentes de piorar tudo o que tocam.
    “Parem o mundo que eu quero descer.”

  186. DIZO

    -

    18/01/2011 às 16:25

    NÃO É A TOA QUE É O GOVERNO DA DEMERITOCRACIA

  187. Marilda Correia

    -

    18/01/2011 às 16:19

    Como reitora já é impossível de se crer, agora no INEP é a diplomação da incapacidade educacional “deste país”.
    Socorro, estudantes do Brasil, o futuro de vocês corre perigo.

  188. JCB/RJ

    -

    18/01/2011 às 16:19

    Porque não mandar a Malvina,
    Pra Cristina
    La na Argentina?

    Por lá esse nome fascina…..

  189. C.

    -

    18/01/2011 às 16:17

    Ciranda cirandinha vamos todos cirandar…
    Pelo visto o Inep vai continuar Inepto. Qual será o nome em 2012?? Apostas! Apostas!

  190. aldo

    -

    18/01/2011 às 16:13

    “não só para fortalecer a auto-estima nossa, do povo brasileiro, mas, em especial, dos nossos irmãos estrangeiros”.
    Em verdade vos digo, certamente a auto-estima de nossos irmãos estrangeiros se viu deveras aumentada na gestão do cumpanhero Amorim, vide o rosário desfiado de derrotas em todas as disputas em que meteu o país. Inigualável.

  191. Andre Tadeu de Carvalho

    -

    18/01/2011 às 16:10

    “Celso Amorim, um dos homens deste país que, atualmente, vem imprimindo e mostrando a seriedade desse país não só para fortalecer a auto-estima nossa, do povo brasileiro, mas, em especial, dos nossos irmãos estrangeiros”
    -
    O único acerto na sentença é que a diplomacia brasileira realmente fortaleceu a auto-estima dos irmãos estrangeiros. Fez o Brasil perder todas as disputas na área diplomática e fez empresas brasileiras terem prejuízos no exterior devido a governos populistas e com ranço autoritário, os mesmos que o Celso Amorim apóia.

  192. joao

    -

    18/01/2011 às 16:09

    Não é que o palhaço tinha razão: Pior que está não vai “ficá”. Não seria melhor que ellazinha fosse dirigente de faculdade dos assentados do MST? Do jeito como baba-ovo, – vai ser muito fácil conseguir autorização para criar qualquer estabelecimento do seu nível intelecto.

  193. magoo

    -

    18/01/2011 às 16:06

    “Essa terra ainda vai servir seu ideal, ainda vai tornar-se um imenso canavial”.
    Um inapto no Inep, um Hardy (hiena) no MEC, “nanhdpaíz”, tivemos um caso tão escabroso porque não dizer vergonhoso de um ministro tão ibgnobil, tão incapaz para cuidar justamente da educação do brasileiro, só em Banânia que cota de um partido é mais importante que MERITOCRACIA, ou talvez o desgoverno não tenha em pessoas qualificadas para galgar tal posição.

  194. Dalvo - dalvojrossi@yahoo.com.br

    -

    18/01/2011 às 16:02

    Reinaldo, homenageando a secretária nacional da educação básica, ganha uma porção de romeu e julieta quem conseguir hoje acessar a página do Prouni.

  195. Perseus

    -

    18/01/2011 às 16:01

    Se nao me engano esse ” o ministro, ele” e’ considerado um galicismo detestavel. Uma vicio de linguagem antipatico que fere o nosso vernaculoe a nossa compreensao. E’ tambem um modo de gaguejar e irritar. E’ , enfim, uma vontade de mandar `a m. essa senhora.

  196. Ismael

    -

    18/01/2011 às 16:01

    Gente, mais uma candidata à campanha do “Devolva o..”
    Irá fazer companhia ao Mercadante e seu doutorado fajuto, ao Chico e seu prêmio literário e ao Sarney e seu título de acadêmico da ABL.

  197. Perseus

    -

    18/01/2011 às 15:57

    E se servisse cafezinho na Uni Rio iria derramar agua fervendo em cima dos colh***es dos convidados !!!! desastrada que nem falar direito sabe, a nobre Lingua Portuguesa…

  198. josé carlos

    -

    18/01/2011 às 15:56

    Reinaldo,
    agora me pergunto: o nome da Magnífica é Malvina ou Malvinda ou seria Mauvinda….

  199. ricardo

    -

    18/01/2011 às 15:55

    a mulher escreve mal pacas! e eh tarada por virgulas e pausas durante a narrativa…lendo essa estrovenga imagino realmente um carro tentando pegar no tranco…um horror!

  200. Perseus

    -

    18/01/2011 às 15:54

    Acho que ate’ se ela distribuisse sopao em fila assistencial acabaria fazendo uma lambanca fenomenal. Figurativa e literalmente falando.

  201. Fatima Xavier

    -

    18/01/2011 às 15:54

    Só uma palavra: MISERICÓRDIA!!!!

  202. BSHolveri

    -

    18/01/2011 às 15:54

    Que medo. Esse “nosso país” que essa estúpida fala é o mesmo “meu país”? Duvido. O país que o PT governa é um e o Brasil real é outro. É nesse Brasil de verdade que eu nasci e vivo. É nesse país real, carente de educação para crescer (de verdade, não em números estatísticos do IBGE), que o povo brasileiro sofre e vai sofrer até que não existam mais urnas eletrônicas controladas pelo Lula e pelo presidente do tse. Vamos ter que fazer uma revolução e pedir ao povo brasileiro que peça a alguém (o exército virou só polícia de morro do Rio de Janeiro) que tenha piedade de nós e tome esse governo à força, pois esse governo foi tomado por urnas eletrônicas manipuladas por hackers americanos. Viva a Revolução. Vamos dar à Dilma o que ela deu ao governo na época dela. Vamos tomar o Brasil. Explodam esse governo, pacificamente, claro.

  203. Perseus

    -

    18/01/2011 às 15:53

    Mas que Malvina mais mal-vinda !! O Brasil esta’ surpreendendo todos os paises do mundo sim mas por motivos ruins: nao sai do noticiario mundial com a catastrofe das chuvas e da falta de assistencia aos pobres afetados.

  204. Rafael Gargalhão

    -

    18/01/2011 às 15:51

    Quer saber, Reinaldo? A maioria dos estudantes MERECE os padecimentos por que passa, nas mãos do MEC. Merece porque tem sido um entusiasmado sustentáculo do PT. Essa gente ainda idolatra Che Guevara e outros assassinos do tipo. A tragédia da educação brasileira não é só culpa dos professores, mas também dos alunos. E não espere que essa gente aprenda a lição. Eles passarão a vida a reclamar do governo ao mesmo tempo em que demandam mais governo.

  205. Perseus

    -

    18/01/2011 às 15:49

    E olhe que ninguem ainda sequer pediu a opiniao da outra louca, a Chaui’ .

  206. Perseus

    -

    18/01/2011 às 15:48

    Credo !! Como tem gente saindo de ferias. Vagabundos.

  207. Perseus

    -

    18/01/2011 às 15:46

    Ignorantes burros patriotas entusiasmados e faladores de cacofatos pertinazes: e’ aasszzelite formadas pelas universidades brasileiras cheias de auto-estima enlameada !

  208. simplesmente maria

    -

    18/01/2011 às 15:46

    Ainda sobre as ‘férias’ do Lula: a colocação (vale dizer: aparentemente foi o próprio Apedeuta quem falou em ‘férias’, o jornal apenas produzindo ‘aspismo’) faz vir à mente às constantes ‘férias’ dos membros da família real britânica. Parece que o Lula, o famoso ‘metamoforse ambulante’, constituiu-se em Apedeuta 1º e Único, eternamente no poder…

  209. Jota

    -

    18/01/2011 às 15:45

    INEP = inePTo

  210. Perseus

    -

    18/01/2011 às 15:44

    Ignorantes orgulhosos e patriotas: ou seja, BURROS ENTUSIASMADOS.

  211. Perseus

    -

    18/01/2011 às 15:43

    Teresopolis esta’ “assim, o’ ” de gente cheia de auto-estima.
    E’ tanta auto-estima…ate’ debaixo dagua, digo, debaixo da lama.

  212. Therese

    -

    18/01/2011 às 15:42

    Pois parece que o ENEM tem tudo para não dar certo mesmo.
    Será que vamos presenciar esse bobajol, como v. disse, ate quando, Catilina ?
    Não demorará muito para apreciarmos mais besteiras, é inevitável!!!!!!!

  213. simplesmente maria

    -

    18/01/2011 às 15:41

    Outra pergunta: o Estadão online noticia que o Lula ‘interrompeu suas férias’ para visitar o Alencar no hospital. Férias? Alguém saberia informar qual o emprego do Apedeuta? Continua presidente de Banânia (o que explicaria o silêncio do ‘poste’, sem o sopro divino a animá-la)?

  214. André

    -

    18/01/2011 às 15:41

    Vou lançar minha campanha: Bebel para ministra da educação!

  215. Perseus

    -

    18/01/2011 às 15:41

    Sabemos, apos ler o post acima, porque Tio Rei e’ Rei.
    P.S. como e’ que um orgao educacional pode chamar-se INEP ?????

  216. MD

    -

    18/01/2011 às 15:39

    Ora, Reinaldo, mas quanto otimismo! Achar que alguém ainda liga para a inteireza do vernáculo? Napoleão morreu; estamos na era de Bagno – cada vez que alguém defende a norma culta, cuida de meter mais um prego no seu caixão.

    Agora as coisa siscreve como sifala, e cada vez mais sifala como siqué. E quiçidane a norma culta, que só serve à elite e à dominação do pobre pelo rico. Ensinar a norma culta aos “excluídos”? Para quê? Melhor tornar padrão a inexistência de padrão. Qualquer dia, apenas grunhiremos – mas é isso o que eles acham que é “liberdade de expressão”…

  217. Patrícia

    -

    18/01/2011 às 15:39

    Essa é de fazer inveja ao Odorico Paraguaçu!

  218. Laís Bessa

    -

    18/01/2011 às 15:39

    Nove anos atrás eu dizia: “Não votem no Lula. Quem avisa, amigo é”. Cinco anos atrás eu dizia: “Não votem no Lula, cês tão brincando, né?” Ano passado eu dizia: Não votem na Dilma, pelo amor de Deus, porque…
    Ah, quer saber? Bem feito!

  219. Jota

    -

    18/01/2011 às 15:39

    O stalinismo farofeiro já tomou conta do ensino superior público há muito tempo. A ideologia marxista está impregnada nessa gente e nos alunos que saem dessas instituições.

    Não bastasse a bajulação ao megalonanico ex-chanceler em miniatura, ainda o fez em Dilmês castiço?!?! E essa é a professora doutora magnífica? Não quero nem ver os alunos…

    Enquanto isso o povão ignorante e alienado fica feliz com o bolsa-migalha do santo padim Lula e elege e analfabeto Tiririca o deputado recordista de votos.

    Quem disse que pior do que tá num fica?

  220. Patricia Huxley

    -

    18/01/2011 às 15:38

    Continuo a dizer SEMPRE: Este governo vermelhóide é a cópia (muito)mal xerocada de Orwell: Ignorância é força, guerra é paz, liberdade é escravidão. TODOS OS VALORES COMPLETAMENTE INVERTIDOS. COMPLETAMENTE. TOTALMENTE. Burrice e ignorância são exaltados, incompetência é aplaudida e enaltecida às carradas, corrupção é tomada como algo absolutamente normal e até necessário, desgoverno é a linha de ação, aborto é vida, ateísmo é fé, desconstrução da heteronormatividade é combater o preconceito, o bom é mau, ser instruído é mal visto… PESSOAS: CUIDADO COM ESTA PROPAGANDA. ISTO É PROPAGANDA preparando a nova geração para dominar tudo com todos os valores morais e éticos destruídos. Com a Constituição destruída, chacinada. O mundo, pelo menos aqui nestepaiz, virou do avesso, de ponta cabeça… Aqui é o mundo dos contrários. Até minha filha de 15 anos, que estudou sempre em escola pública tem uma redação mil vezes melhor e mais inteligível que este arremedo de “cerumano” cujo nome é Malvina… lamentável.

  221. simplesmente maria

    -

    18/01/2011 às 15:38

    Aliás, Reinaldo, alguém sabe dizer qual destino foi dado ao ‘saudoso’ e inesquecível Megalonanico, agora que teve sua pasta surrupiada pelo pimpolho predileto, que certamente rivaliza em sabujice com a Malvina Tânia (vide os agrados estendidos à Dilma, quando ele era Embaixador em Washington, segundo relatos na imprensa sobre seus deslocamentos para Nova York a fim de acompanhar a promissora companheira) e que é mais uma prova veemente de que bajulação rende frutos junto aos petralhas?

  222. mac z

    -

    18/01/2011 às 15:34

    HÁ QUE SE REGISTRAR QUE O FERNANDO HADDAD TEM O APOIO MACIÇO E/OU SILENCIOSO,DAS FEDERAIS: ESTUDANTES E PROFESSORES.

  223. NaSala

    -

    18/01/2011 às 15:33

    Reinaldo,Dona Malvina Tânia,a “Magnífica”, faz lembrar a companheira Bebel. Gostaria que os alunos da UNI-Rio,lessem este post e o copiassem no mural da Universidade.

  224. Marcos F

    -

    18/01/2011 às 15:32

    Malvina Kruella está voando … na aerofagia.
    Neste país, que é esse país nesse país, quero me permitir enviar uma pernacchia à Magnífica, que é uma vergonha nacional, e identifica o por que do baixíssimo nível na universidades mais importantes des(te?) país.
    Em que país estamos, Malvina? Neste ou nesse?

  225. Malur

    -

    18/01/2011 às 15:31

    O camburão (by Augusto Nunes) não deveria esperar até 2012. Deveria guardar devidamente essa senhora já, pelo crime da burrice, da sabujice, da ignorância levada ao extremo. “Enquanto” reitora é dose! Como o linguajar dessa cambada me irrita.

  226. Jayme Ferrari

    -

    18/01/2011 às 15:30

    Rei, sei que o assunto é sério, mas confesso: rolei de rir lendo o texto dessa Sra. É uma obra-prima de porralouquice sintática. Engraçadíssimo. Ai ai…e vem mais um da extirpe.

  227. Sharp Random

    -

    18/01/2011 às 15:28

    Nome é destino? Benvinda Malvin(d)a. Tosco. ;) Mesmo.

  228. Silva Júnior

    -

    18/01/2011 às 15:27

    Rapaz, já estou há dois dias tentando me escrever no SISU sem sucesso!

  229. aprendiz

    -

    18/01/2011 às 15:24

    Esse evento com o Amorim não foi a única vez que a magnífica reitora da Unirio puxou o saco do pudê superior, como vocês podem imaginar… Sua nomeação é um prêmio ao puxa-saquismo rasteiro e pegajoso que assola os escalões petralhas inferiores em busca de um lugar ao sol. Ou seja, nada de se espantar.

  230. Renato Barbosa

    -

    18/01/2011 às 15:24

    Estou assustado! Sinceramente assustado!

  231. Sam Spade

    -

    18/01/2011 às 15:20

    Reinaldo, nos “Red ‘n’ Blue” tu chega ao ápice….estou envergonha pela “magnífica”.

  232. beaujolais

    -

    18/01/2011 às 15:17

    A julgar pela ‘dotora’ e os seus alunos, é só uma questão de tempo para chegarmos à condição de quinta potência mundial.

  233. Simone Miranda

    -

    18/01/2011 às 15:16

    Eu adoroooooo quando você senta o sarrafo na petralha!!!!!
    É um deleite!!!!

  234. Inconformado com o que aí está...

    -

    18/01/2011 às 15:15

    Boa tarde Reinaldo.

    Bem, acho que comentar o seu post é chover no molhado, isto é, vc já disse tudo. O que cabe mesmo são perguntas:
    O que será do Brasil, ou melhor, ”deste país”, daqui a alguns anos quando estes automatos vermelhos(estudantes)estiverem no mercado?
    Por que submissão ao partido significa ser patriota?
    Por que esta gente não aceita a divergencia?
    Por que esta gente acredita que pode lavar todas as mentes fazendo que esqueçamos do que se passou e quem eles são realmente?
    Que futuro sombrio nos espera, quando o povo, totalmente anestesiado pela propaganda massiça acordar da mentira? Será que estamos mesmo em nosso País ou já não é mais nosso e sim delles?
    Que Deus nos ajude.

  235. Aislan Santiago

    -

    18/01/2011 às 15:14

    Não havia mais ninguém um pouquinho melhor na intelectualidade para assumir esse cargo? Para assumir esse cargo, não precisaria ser ninguém da área acadêmica e sim um tecnocrata que entendesse de como fazer “isto” funcionar.
    Abraços e já declaro que li “todos” os seus textos em 2011! Continue nos representando neste mar de petralhas sendo o “ser” diferente!

  236. gaúcha indignada

    -

    18/01/2011 às 15:10

    Os analfabetos funcionais não largam a “teta”, enquanto isto os estudantes continuam ignorantes…. Vamos lá, TIRIRICA, PARA MINISTRO DO EDUCAÇÃO!!!!

  237. Antonio

    -

    18/01/2011 às 15:08

    Tenho um sapato da cor do nariz dessa fulana.

  238. Ismerino

    -

    18/01/2011 às 15:07

    DEUS NOS ACUDA. O MEU DEUS NOS ILUMINE POR FAVOR.

  239. Marcelo

    -

    18/01/2011 às 15:02

    Está no D.O.U de hoje a Dilma concedendo as férias do Haddad.

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados