Blogs e Colunistas

21/08/2010

às 5:25

Sob comando do PT, Foro de São Paulo celebra censura à imprensa

Há veículos de comunicação e, sobretudo, jornalistas que exigem umas chicotadas para acordar. Sem isso, dormem o sono dos tolos. Oh, alguns consideraram excessivo o discurso do tucano José Serra no seminário da ANJ, em que acusou as muitas tentativas do governo de censurar a imprensa. Pois bem. Leiam o que segue. Volto em seguida:

Foro de São Paulo celebra iniciativas que aumentam controle da imprensa

Por Gustavo Hennemann, na Folha Online:
O Foro de São Paulo, que reúne partidos da esquerda latino-americana sob a liderança do PT, encerrou hoje seu 16º encontro, em Buenos Aires, celebrando iniciativas de governos da região que tentam aumentar o controle do Estado no setor de comunicação social.

Segundo a resolução aprovada pelo grupo, a lei de mídia aprovada na Argentina em 2009 –hoje suspensa pela Justiça– deve ser uma “referência imprescindível” para os demais países.

Além de dividir as concessões igualmente entre o Estado, movimentos sociais e o setor privado, a lei argentina obriga o Grupo Clarín –maior do país– a se desfazer de licenças de transmissão de TV e rádio.

A norma contribui para a “pluralidade e diversidade de vozes”, segundo o Foro, e demonstra que o Estado deve ter um papel de protagonista na política do setor e precisa “colocar limites na concentração dos meios”.

O Foro também destacou que setores sociais do Brasil, da Argentina e do Paraguai conseguiram levantar dúvidas sobre a “credibilidade dos grandes meios de comunicação” e que isso resultou em menores níveis de venda e audiência no caso de jornais impressos e da TV.

Ao reiterar seu apoio total à Revolução Cubana, o grupo também “denunciou uma feroz campanha midiática” contra o país caribenho que tenta provocar o descrédito das autoridades do regime comandado por Raúl Castro.

Fundado em São Paulo, em 1990, pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva e pelo então líder do governo cubano Fidel Castro, o Foro conseguiu articular a esquerda do continente. Juntos, os partidos se transformaram em uma frente de contestação à onda neoliberal instaurada na última década.

Hoje, partidos que integram o Foro governam 11 países da América Latina e têm diferentes propostas de modelo econômico e político. Enquanto uns querem implantar o modelo socialista semelhante ao de Cuba, outros defendem regimes mais igualitários, mas sem a extinção do mercado.

Durante o encontro realizado na Argentina, o secretário-executivo do Foro e dirigente do PT, Valter Pomar, leu uma carta enviada pelo presidente Lula aos participantes do evento.

Além de comemorar os avanços da esquerda no continente, Lula criticou a “direita que foi apeada do poder pela vontade popular”.

Na declaração final, o Foro registrou que “demonstra satisfação” por ver a candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff liderando as pesquisas de intenção de voto.

Comento
Começo dando uma dica ao repórter. Não estrague seu texto, rapaz, reafirmando as mentiras que alguns dizem sobre si mesmos para tentar lavar a própria biografia. É uma besteira afirmar que o Foro de São Paulo foi criado em 1990 como “frente de contestação à onda neoliberal instaurada na última década”  - “última” certamente quer dizer, no texto, “anterior”.

Não é isso, não, viu Hennemann? Leia os documentos do Foro e verá que ele foi criado como uma resposta das esquerdas ao colapso da União Soviética. Elas concluíram que precisavam se unir contra o que chamavam “Poder Único” – os EUA… Na América Latina, a entidade pretendeu substituir a Internacional Comunista. E, de certo modo, foi bem-sucedida.

O PT é hoje a principal força do Foro, condição adquirida com a chegada de Lula ao poder e com a importância que o partido tem hoje no aparelho de estado no Brasil.

Não se deve confundir o grupo com uma associação lítero-musical. Ele coordena estratégias de tomada e manutenção de poder no continente. Como o próprio Lula faz questão de destacar, seus “associados” governam hoje 11 países – cada um com a sua própria tática, mas todos sempre repudiando o entendimento que o mundo democrático tem da… democracia! Isso explica a ação absurda empreendida por Venezuela, Brasil e El Salvador para tentar reinstalar o golpista Manuel Zelaya na Presidência de Honduras.

No que concerne a imprensa, resta evidente que as ações de intimidação e censura já não são uma “pauta nacional”. Há um movimento nesse sentido na América Latina, e o Foro a coordena. Sob o pretexto da “democratização” – linguagem que o casal Kirchner emprega na Argentina -, busca-se subordinar a imprensa ao controle do estado e de grupos de pressão ligados a partidos – justamente aqueles representados na entidade.

Eles são assim mesmo. Num dia, Franklin Martins emite uma nota repudiando a acusação de que governo e PT tentam censurar a imprensa. No seguinte, o partido comanda uma espécie de convocação em favor da censura na América Latina.

PS – Em razão de algum problema técnico, este post saiu truncado ontem, com a área de comentário fechada.

Por Reinaldo Azevedo

Deixe o seu comentário

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

» Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

Envie um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

22 Comentários

  • Antonio Ribeiro Guimarães

    -

    1/11/2013 às 9:46 am

    O PT e similar partido PSDB estão fazendo o jogo de Fidel
    e de seus aliados canalhas,enganando os eleitores menos
    esclarecidos, ajudados pelo clero mal intencionado com a
    economia do estado(povo),com as suas ladainhas,querendo
    encobrir os segredos da bíblia porque, aquílo que a ciência
    não descrobrio a sua existência, não existe, de fato.A re-
    ligião é uma mentira eterna e os chefes religiosos fal-
    ceiam com a verdade e eles,os religiosos, podem ser invés-
    tigados,sem as amarras da censura,para descobrir o que nos
    interessa de fato: A verdade.

  • HAMILTON

    -

    10/5/2012 às 12:54 pm

    Reinaldo, porque na Bandeira do Foro de São paulo a América Latina está em vermelho e de cabeça pára baixo?

  • Dedé

    -

    14/3/2012 às 11:08 pm

    Jacson Voltaire, liberdade ou se tem ou não se tem. A imprensa deve ser livre e ponto.

  • jacson voltaire

    -

    25/11/2010 às 4:27 pm

    E qual o Problema? Já vivemos numa ditadura quando 5 ou seis familias tomam conta das midias de nosso país. E sim. O estado deve controlar as empresas que tomam conta das mídias. Controle não significa censura. Se empresas vomitam ideias neoliberais como Globo, Veja, Folha, donas dos canais de comuniações com maior audiencia , tagarelando e marginalizando movimentos socias, ou qualquer coisa que vá de conflito com “consensos de Washingtons”, o estado sim, tem o dever de descentralizar esse poder de propagandização ( há uma linha muito tênue entre jornalismo e propaganda )de ideais.

  • Afranio

    -

    12/10/2010 às 7:53 pm

    Fiquem tranquilos!
    O Chaveco, Lula e Fidel não tem competência para consolidar algo de tamanha magnetude.

    Agora, que se tem que cavocar os porões da Petrobrás no pós Lula, háaaaa se tem.

  • Bruno Silveira

    -

    4/10/2010 às 3:09 pm

    Fool’s errand of manipulation detected!
    Try again later, bitter-ender.

  • Bruno Silveira

    -

    4/10/2010 às 3:04 pm

    Fool’s errand of manipulation detected!

  • Marcos

    -

    11/9/2010 às 7:36 pm

    FORA COM O PT E SUA CORJA DE SOCIALISTAS,O POVO BRASILEIRO SABERA DAR UMA RESPOSTA A ALTURA.

  • Tercídio da Bahia

    -

    23/8/2010 às 11:33 am

    Caro Rei, o que fazer para escapar de aratacas armadas como essas do Foro de São Paulo, se vivemos num país com uma população predominantemente de analfabetos e desinformados? Com a vitória do Poste do Lula, me vejo cada vez mais, próximo do um regime venezuelano. Mas, não me entregarei facilmente.

  • Cordovero - em Desencanto Escatológico

    -

    23/8/2010 às 11:12 am

    Essa mesnada petralha, aí incluso o Sr. Franklinstein, está seguindo a cartilha de Goebbels. É a mesma tática de desdizer o indizível, de mentiras e factóides diversionários.
    Por que não divulga outra Nota expressamente renegando a aclamação do Foro!??
    E o controle e a patrulha já começaram, para deleite desta gentana.
    Fora eu, alguém mais teve seu computador invadido??

  • Gedeão

    -

    23/8/2010 às 9:15 am

    Estamos no começo da dita. Quem diria o cala boca com economia de mercado. Vivendo e aprendendo. Dá até vontade de apelar e lançar um argumento ad hominen. Enfim, desejo que o reporter viva muito e que Deus propicie a ele a oportunidade de ter mais apreço pela liberdade de imprensa honrando tão nobre ofício.

  • @BostiaMundus

    -

    22/8/2010 às 10:41 pm

    Por OMISSÃO e CONLUIO a Imprensa Brasileira,os grande meios de Comunicação, em sua maioria, se tornaram os principais responsáveis pela concretização do Estado Totalitário que está sendo perpetrado no Brasil. Mas esquecem que todos eles serão os primeiros a serem calados. É UMA VERGONHA, já diria o Boris. É tempo dos verdadeiros jornalistas – os amantes da liberdade de expressão e opinião – se unirem e de alguma forma denunciar ao mundo este desGoverno aliciador que usa da miséria, analfabetismo e desinformação – doença crônica do povo – como justificativa para suas ações. Chega! Rogo a todos: Levantemo-nos! Está na hora de darmos um basta em tudo isto.

  • Anónimo

    -

    22/8/2010 às 8:40 pm

    “Se eu tivesse de decidir entre ter um governo sem jornais e ter jornais sem um governo, eu não hesitaria nem por um momento antes de escolher a segunda opção.”
    Thomas Jefferson, em 1787

    “Dar à burguesia a arma da liberdade de imprensa é facilitar e ajudar a causa do inimigo. Nós não desejamos um fim suicida, então não a daremos.”
    Vladimir Lenin, em 1912

  • Ceci Cardoso

    -

    22/8/2010 às 8:36 pm

    A oposição tem o dever de alertar o povo brasileiro sobre esta real ameaça à democracia. E se não aproveitar essa chance durante a campanha eleitoral, adeus.
    O Brasil está por um fio para ter dentro de suas fronteiras os comandantes bolivarianos mandando o povo brasileiro calar a boca, de joelhos e com olhos vendados.
    E não é exagero, não.
    Pessoas ligadas às mídias, que ousam, como você faz, devem se unir e avacalhar com os planos terroristas desses pilantras.
    Vamos mostrar a eles quem é que manda neste país.
    Ou José Serra vence esta eleição ou o Brasil democrático ACABOU!

  • Antonio Duarte

    -

    22/8/2010 às 7:56 pm

    Meus caros, que conversa fiada é essa de que a imprensa é livre e imparcial. Ta mais do que na cara que os nossos meios de Comunicação é tendencioso e vendido.
    Estamos no meio de uma Eleição, da maior importância para o nosso País, e o que vemos a parcilidade da grande Mídia, tentam passar para a População, a polarização de Dois Candidatos, como se não houvessem outros. Isso é tanto no plano Federal comoo no Estadual.
    Esse festival de pesquisas, induzindo as pessoas a acreditarem que as eleições ja estão resolvidas, tudo não passa de uma grande FARSA!

  • Brajak

    -

    22/8/2010 às 7:52 pm

    Falando em censura (xô satanás!) por que, depois de anunciarem com farta publicidade a estréia de “O BEM AMADO”, esse filme não apareceu aqui no Paraná? Alguém pode me explicar o que aconteceu ou eu vou ter que comprar uma versão em DVD no camelô da esquina, se é que há disponível? Será que teria atraído a ira imperial da Côrte?

  • silmara

    -

    22/8/2010 às 5:18 pm

    Aí serra , explica para o povo brasileiro no horário eleitoral o que significa isso.
    Pronto.Sua campanha já ganhou.
    É preciso esclarecer muita gente quem nem imagina que isso existe.

  • Sherlock

    -

    22/8/2010 às 3:23 pm

    Rei,

    Não sei se o jornalista que escreveu este texto quase bom é tolo ou vendido, mas nenhuma lógica explica como poderia ser formado em 90 um grupo que responderia “à onda neoliberal” que só viria alguns anos depois. Claro, claro… entendo que o movimento só encontrou a sua verdadeira vocação após iniciada a tal onda; não fosse por ela, hoje eles se dedicariam a, sei lá, atividades lírico-intelectuais em tertúlias organizadas pelas FARC.

    O Gustavo Hennemann pode até não saber, mas acaba de prestar um favor ao partido. E é com gente assim que eles contam para silenciar a imprensa.

  • 45 Eduardo Gonçalves 45

    -

    22/8/2010 às 11:33 am

    Caro Reinaldo ,os Petralhas devem ter adorado que o post tenha ficado sem acesso ,mas nada como um dia após o outro ,tudo que eles desejam e tentam fazer com certeza o tiro sairá pela culatra e no solo Brasileiro adoramos a imprensa e em solo Argentino vamos acabar com a imprensa,eles não sabem os que lhe esperam ,a Dilma POSTE pode até ser a próxima presidente,mas não vai durar muito e quero ver quem vai controlar os aliados ávidos por grana e poder nos cargos que já estão a afirmar que metade do governo é deles e ponto final ,os Petralhas não tem a mínima idéia do arrasa governo que vai acontecer e temos a absoluta certeza ,que o caixa vai romper e o povo vai se fuder,se ferrar,se amargurar e já estou achando que a oposição tinha que encarar a todos esses ratos de esgoto ,não que a oposição seja santa,mas podemos dizer que menos afoita aos desvios ou seja desvia mas com mais calma ,os Petralhas e seus aliados estão levando o Brasil para um enorme abismo e para colocar as contas em dia quem vai sofrer é o pobre e a tal nova classe média ,que vai ter que vender tudo que comprou ,porque se eles acham que vai conseguir censurar as mídias ,eles estão além da imaginação e não conhecem o terreno perigoso dessa tentativa,querendo ou não temos um poder adormecido que ainda não se manifestou e está no outro lado da linha ouvindo tudo e deixando rolar ,para saber exatamente quem é toda essa história e nem tudo serão flores como na venezuela ,aqui o mato tem cor diferente do mato na venezuela ou mesmo em cuba e pior no irã e como ainda temos tempo para acordar o povo anestesiado pelas belas fantasias que há 8 anos assistimos esse carnaval de trapalhadas e desacertos constantes em que a ganância está acima de tudo ,o tempo lhe reservará surpresas bem desagradáveis e por isso que o Brasil pode mais e podemos devolver o país ao retorno da realidade realmente sustentada sem atropelos que transformam o país com o equilíbrio necessário para se desenvolver com a devida educação na linha de frente ,puxando o país como se deve.

  • Anti-Socialista

    -

    22/8/2010 às 10:57 am

    Se é para falar a verdade, eu ainda acrescento que o marginal Che Guevara não gostava de tomar banho e era racista:

    http://youtu.be/m1Qgi65bLnk

  • Abreu

    -

    22/8/2010 às 10:57 am

    Reinaldo,

    Com respeito ao penúltimo parágrafo do suas observações, permita-me reproduzir comentário que adicionei em outro post, que aqui me parece perfeitamente cabível, especialmente quando Você se refere à intimidação e censura. Vejá só:

    ***

    Todos aqui, certamente, conhecem ou “já ouviram falar” em MARIA ADELAIDE AMARAL, respeitada e bem sucedida autora de obras de grande sucesso na TV GLOBO.

    Estarrecedora a incomum sinceridade de um desabafo feito por ela, ao vivo na Rádio Jovem Pan na manhã desta sexta-feira, dia 20/Agosto/2010, pondo às claras a existência de enorme patrulhamento, duríssima censura e inquestionável constrangimento entre os “não engajados” no “meio artístico” com “o governo que aí está”!

    Vale a pena ouvir o podcast através deste link (que, creio, mereceria um post seu!):

    http://blogs.jovempan.uol.com.br/parabolica/entrevistas/maria-adelaide-comemora-o-sucesso-de-ti-ti-ti-e-afirma-que-nao-ha-condicoes-politicas-para-remake-de-que-rei-sou-eu/

    Se ainda não ouviu, não deixe de ouvir!

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados