Blogs e Colunistas

15/09/2010

às 6:29

O trabalho de intimidação feito pelos fascistóides da Al Qaeda eletrônica

“Trata-se, ao menos em parte, de um movimento organizado, digamos, organicamente. E que já atingiu minha família.”

“Detestaria me vitimizar, mas não tem sido fácil agüentar tantos ataques pessoais – e, sobretudo, a disseminação de mentiras sobre mim.”

Copiei os dois tuítes acima do twitter de Diego Escosteguy, autor, com o auxílio de colegas,  da reportagem de capa da revista VEJA que noticia tráfico de influência na Casa Civil envolvendo a ministra Erenice Guerra e Israel Guerra, seu filho. Como se nota, ele está sendo alvo de um ataque orquestrado, que não poupa nada e ninguém. Ele não se vitimiza, no que faz muito bem, e não serei eu a vitimizá-lo. Até porque certa canalha que hoje patrulha o jornalismo desconhece a alegria de um trabalho bem-feito, rigoroso, ainda que o cerco do oficialismo se arme para tentar desmoralizar quem fez a coisa certa. Conheço Diego muito pouco — estivemos juntos uma ou duas vezes em eventos da Abril. Duvido que esteja assustado com a gritaria. Conta com o apoio e a solidariedade dos profissionais que se prezam. Como disse o jornalista Sandro Vaia em seu twitter, “se Watergate fosse aqui, os culpados seriam Woodward & Bernstein.” Na mosca! Diego continuará a fazer o seu trabalho. Mas a onda que procura atingi-lo não é acidental, fortuita, ocasional: trata-se de um método.

Na segunda à noite, José Dirceu — chamado de “chefe de quadrilha” pela Procuradoria-Geral da República (eu até discordo um pouco porque acho que ele era só um gerentão; o chefe mesmo é outro ) — afirmou em uma palestra a sindicalistas na Bahia  que “o problema do Brasil é o monopólio das grandes mídias, o excesso de liberdade e do direito de expressão e da imprensa”. Depois o PT tentou negar. Isso faz supor que, se eleita, Dilma tentará corrigir essas “falhas”, acabando com o que é chamado estupidamente de “monopólio” e, pois, o “excesso de liberdade e do direito de expressão”.

A história é conhecida: na oposição, os petistas consideravam o trabalho da imprensa essencial para o seu projeto. No poder, ficaram indignados que fossem também eles submetidos à investigação jornalística e que reportagens denunciassem desmandos, irregularidades e incompetências. O que antes era visto como um serviço de utilidade pública passou a ser considerado um trabalho de sabotagem a mando de supostos golpistas. Não se enganem: os petistas estão organizados para criar mecanismos “legais” para limitar o que Dirceu chama “excesso de liberdade”. Também mobilizam a fabulosa máquina de recursos publicitários para evidenciar seus amores e ódios, comprando consciências e mantendo uma vasta rede de delinqüência a soldo. Todo mundo sabe onde estão e quem são. Alguns exibem orgulhosamente o anúncio de estatais.

Terceira frente
Essas duas frentes de ataque são direcionadas primordialmente para as empresas de comunicação. Elas têm como alvo “os patrões da mídia”,  para empregar a linguagem chula do arranca-rabo de classes ainda falada pela canalha. Mas é contra os jornalistas, especialmente contra os repórteres, que se arma a teia mais perversa — e muitos, infelizmente, se deixam capturar por ela.

Já disse que não quero debater o caso de Diego Escosteguy em particular — até porque ele sabe se defender e, acima de tudo, se defende com o seu trabalho. Os seus dois tuítes são, reitero, emblemas de um estado de coisas. A vigilante patrulha está sempre armada, pronta a atacar. É o que chamei há muito tempo aqui de “Al Qaeda eletrônica”. Assim que uma reportagem considerada “contra o PT” ou “favorável ao PSDB” é publicada, a máquina entra em ação. Os canalhas ocupam as chamadas redes sociais para o trabalho que, percebe-se, tentaram fazer contra o repórter da VEJA: difamação, agressões pessoais e profissionais, ataques à família. Contam, é verdade — e este é  o aspecto mais miserável da história —, com pessoas ligadas, de algum modo à imprensa: geralmente um bando de ressentidos que ou foram banidos da grande imprensa por insuficiência moral ou a ela não conseguiram chegar por insuficiência profissional. Resultado: tornaram-se profissionais da difamação a serviço de um partido e de “uma causa”.

Eu, como poucos, sei do que estou falando. Enquanto escrevo, na madrugada, há 1581 comentários só nos posts com data de ontem — ao longo da terça, publiquei mais de 2 mil. E quase outro tanto foi para o lixo. Por quê? Por mais que vocês imaginem o que chega, não conseguem ter, eu garanto, uma pálida idéia. Se querem saber como a bandidagem se organiza, é só recorrer ao Google para constatar as centenas de páginas criadas com o ânimo exclusivo da ofensa —  insisto: essa gente conta com o auxílio de profissionais antigos na arte da pistolagem e do nariz marrom. Mas eu não ligo. Aos 49 anos, não faço questão de agradar nem espero que me “compreendam”. Quem gosta fica, quem não gosta que navegue. E, com efeito, não dou a menor pelota para o que acham a meu respeito. Algumas das melhores pessoas que conheço estão nessa profissão. Mas também há algumas das piores — como acontece com caminhoneiros, padeiros, taxistas… Mais: tenho muitos amigos jornalistas, mas não freqüento a, se me permitem a brincadeira, enfermaria profissional botecos afora.

Também não faço a linha “Reinaldinho-todo-puro”. Sei que bato duro — ataco opiniões e chamo besteira de besteira, o que alguns consideram ofensa —, e não espero que me poupem de críticas, não. Mas o que chega e o que se espalha por aí nada tem de divergência. Raramente tentam provar que estou errado. Dia desses, um rapaz da Folha entrevistou um blogueiro do PT que, segundo ele, é um exemplo de formosura na Internet porque nem é da turma que acusa os outros de “petralha” — referência óbvia a este escriba — nem é da turma que acusa conspiração da imprensa golpista (aquela do Franklin Martins). Um leitor me mandou o que esse exemplo de grandeza ética escreveu sobre mim em seu blog: “(…) Se o dono da Veja fosse um furúnculo cover da Lady Gaga no suvaco de um zebu nos estertores finais de seu sufocamento por gases internos, ainda seria melhor que o Reinaldo Azevedo.” É o blogueiro que o repórter da Folha recomendou aos leitores do jornal como exemplo de equilíbrio. Ao menos não o recomendou como estilista…

Não é o caso de Diego e de outros jovens repórteres (menos de 49, para mim, é jovem, hehe), mas é claro que muita gente fica assustada e tem medo de cair da rede de maledicência. Muitos repórteres ainda não perceberam que há o mundo real e há esse mundo paralelo criado pela delinqüência; muita gente não percebeu que algumas das coisas escritas nesses ambientes não têm a menor importância. Alguns fazem um tremendo esforço para tentar responder às acusações, lutando para provar que seus juízes estão errados, que o que dizem não é verdade, que as coisas não se dão daquela maneira. Os mais fracos se esforçam — e imagino a excitação da canalha quando isso acontece — para provar que também já fizeram matérias críticas ao PSDB; que não são de direita; que estão alinhados com todos os itens do Decálogo do Bom Progressista… Ao fazê-lo, não se dão conta de que acabaram de ser seqüestrados, de que já não são mais donos da própria pena e que passarão, a partir daí, a ser monitorados “pelo partido”.

Outra categoria
E há, evidentemente, todos sabemos, uma outra categoria, que nada tem a ver com esses honestos, eventualmente assustados e intimidados pela patrulha. Há os jornalistas cujo trabalho se confunde mesmo com o de um apparatchik: ainda que na redação de um grande veículo, fazem questão de evidenciar que o seu compromisso não é com a sua profissão, mas com o que chamam de “justiça” — a “justiça” com marca, a “justiça” do partido. Estes colaboram no trabalho de patrulha.

Caso Dilma vença a eleição, haverá, sim, a tentativa de controlar a imprensa pela via legal e econômica. E essa patrulha vai se exacerbar. Ela tem sido eficiente e tem intimidado muita gente. Mas noto também, aqui e ali, que certas fichas estão caindo. O que antes parecia paranóia desse ou daquele, motivada por suposto alinhamento ideológico ou por afinidades eletivas, começa a se revelar em toda a sua crueza, com todo o seu incrível poder de destruição. É claro que os próprios petistas colaboram para esse começo de desmascaramento da essência autoritária do partido. O escândalo que envolve Erenice Guerra pode ser um marco importante nesse processo. São tantas e tão descaradas as tentativas de criar uma verdade oficial a contrapelo dos fatos e é tão brutal a reação dos fascistóides no trabalho de intimidação que até alguns “neutros”, quase simpatizantes, começaram a sentir ameaçada a própria liberdade. Hoje eles atacam o Diego, o José e a Maria. E amanhã?

Há gente que começa a perceber que é melhor ser livre para poder bater em tucano do que ser livre para só poder elogiar petista.

Por Reinaldo Azevedo

Deixe o seu comentário

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

» Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

Envie um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

255 Comentários

  • Mário

    -

    16/9/2010 às 6:48 pm

    Petralha humilhado pelo Tio Rei pede arrego:

    http://napraticaateoriaeoutra.org/?p=6973#IDComment99249367

  • Arthur

    -

    16/9/2010 às 2:01 pm

    Minha solidariedade com todos os jornalistas que fazem um trabalho sério e não se intimidam pelos PeTralhas. Em defesa da democracia, da liberdade e dos direitos individuais! (tudo que um petralha abomina!)

  • Carlos Rezende

    -

    16/9/2010 às 7:40 am

    As urnas já estão chipadas com o programa “repartir o pão”, cada 4 votos( nulos, brancos ou qualquer candidato), 3 vão para DilmaTreisoitão e um vai para a oposição. O presidente do STE, Levandouísque, ministro amiguinho nomeado por NoveDedos, proibiu auditoria nas urnas. As FFAA estão sucateadas, a população desarmada, as FARC na amazônia junto com o MST, nem precisa de bola de cristal pra saber o que vem por aí.

  • Almirante Kirk

    -

    16/9/2010 às 5:50 am

    “Arnesto”
    - 15/09/2010 às 22:29,disse:

    “Já disse o General Charles Andres Marie de Gaulle:- Le Brésil ce pas un pays serieuse.Algo assim.Há muito tempo.Mas atual até hoje.Diego, pelo amor de Deus,Do pais Brasil,do povo(a parte boa) necessita de mais um ato de coragem sua; largue o resto da reportagem agora,urgente,pois faz-se necessário este gesto teu.Para tentar salvar-nos e ao Brasil.Em tuas maos está agora Diego,a nossa sorte.Desculpe “a parte boa”,mas num país em que o presidente criou duas classes, nós e eles,considero que nós sim, ainda somos”a parte boa”,e eles, a podridao que atinge todos os escaninhos desta naçao.Boa sorte,saúde , coragem e que Deus te proteja,Diego do Brasil.”

    SUBSCREVO,caro “Arnesto”!!!Logo:”VAI FUNDO,caro Diego!!!DETONA esse câncer político-ideológico representado pelo ateísmo/esquerdismo e,por extensão,do lulo-petismo!!!

  • Almirante Kirk

    -

    16/9/2010 às 5:42 am

    GRATO,caro “Alex Dias”
    - 15/09/2010 às 16:29!!!

    Conheço a obra!Tenho,inclusive,uma gravação da referida obra,narrada pelo grande orador e político CARLOS LACERDA!!!

    Parabéns!!!Você tem bom gosto!!!

  • Almirante Kirk

    -

    16/9/2010 às 5:20 am

    EXCELENTE,caro Reinaldo!!!

    PORTANTO…Vocês “jornalistas” e “formadores” de opinião,ou,melhor,DEFORMADORES DE OPINIÃO,já foram avisados,DE NOVO!!!

    Depois não adianta nada se lamentar,exclamando:”tá doendo!!!”,hehe

  • Sidney

    -

    15/9/2010 às 11:59 pm

    Reinaldo !!!!

    Na – MOSCA – !!!!
    Parabens
    Obrigado
    Abracos

  • marcos moura

    -

    15/9/2010 às 11:05 pm

    Reflexão

    Voc entregaria a chave de sua casa para:

    - uma pessoa que tenha relaõoes estreitas com mensaleiros, aloprados, …¿

    - uma pessoa que assina documentos sem ler¿

    - uma pessoa que tem um passado não recomedável (assaltos, assassinatos, sequestros, terrorismos)¿

    - uma pessoa que não respeita a vida humana¿

    - uma pessoa que questiona a existência de Deus¿

    - uma pessoa que mente discaradamente, recebe uma auxiliar e nega¿

    - uma pessoa que é solidária a ditadores¿

    Voce gostaria de ver e viver no Brasil o regime da Venezuela, Cuba , Irã, etc.¿

    Voc gostaria ter um presidente que está acima da Lei¿

    Que quer amordaçar a imprensa¿ Que não prioriza a saúde, Educaão e seguraça pública Que é cúmplice com corruptos, ditadores e narcotraficantes¿

    Que tem ligaões estreitas com as FARC e narcotraficantes¿

    Por que as drogas são encontradas facilmente em todas as esquinas das cidades e grotões¿

    O voto é coisa muito séria.

    Não vamos deixar venezuelizar o Brasil

    Uma vez instalada a ditadura, nossos filhos e netos pagarão por um regime que eles não optaram, com isto muitas vidas serão sacrificadas. Derrubar uma ditadura não é fácil!!! Vai muitas décadas. Ex. Cuba, Venezuela, Irã, Paises da África,…

    Não deixe a democracia correr este risco.

    Este nãoé o Brasil que queremos.

    Serra 45 é a melhor opção

  • Arnesto

    -

    15/9/2010 às 10:29 pm

    Já disse o General Charles Andres Marie de Gaulle:- Le Brésil ce pas un pays serieuse.Algo assim.Há muito tempo.Mas atual até hoje.Diego, pelo amor de Deus,Do pais Brasil,do povo(a parte boa) necessita de mais um ato de coragem sua; largue o resto da reportagem agora,urgente,pois faz-se necessário este gesto teu.Para tentar salvar-nos e ao Brasil.Em tuas maos está agora Diego,a nossa sorte.Desculpe “a parte boa”,mas num país em que o presidente criou duas classes, nós e eles,considero que nós sim, ainda somos”a parte boa”,e eles, a podridao que atinge todos os escaninhos desta naçao.Boa sorte,saúde , coragem e que Deus te proteja,Diego do Brasil.

  • Hugo Conrado

    -

    15/9/2010 às 9:24 pm

    Caro Reinaldo,
    Sobre este texto parabens, os 5% de brasileiros livres te agradecem pela paternidade nestes tempos tão dificeis que o Brasil tem passado!!!
    Quanto ao rio de comentários PTralhas tive uma idéia: que tal um mural eletrônico com os comentários mais insultantes dos PTralhas? Algo como um link para Mural PTralha, um tópico eterno em seu blog!!! Afinal de contas nada como rir dos 100 ou 200 melhores (melhor do pior é claro) comentários deles!!!
    O que voce acha?
    Sempre acreditei que ao se expor esse tipo de coisa elas perdem força, entram pra história e viram um simbolo de uma época nefasta!!!

  • Anónimo

    -

    15/9/2010 às 7:20 pm

    Vejam também os comentários postados na na columa da Eliane Catanhede na Folha de hoje. Coisa de profissional.

  • Oliver

    -

    15/9/2010 às 7:02 pm

    EU REPILO !!!
    Depois de ler alguns comentaristas assustados com o teor das barbaridades proferidas pelo caipira gerente ( não o chefe ) da sofisticada organização criminosa resolvi dar uma lida na transcrição do seu discurso para petroleiros e afins. Nos dias de hoje, onde pesquisas de opinão podem ser compradas para afirmar qualquer coisa, os blogueiros tem em sua área de comentários uma ferramenta poderosa de avaliação de suas performances. Sempre costumo olhar a quantidade de comentários que um post provoca, para melhor compreender em que território pisamos. Tirem vocês mesmos as conclusões desses numerinhos mágicos, que afundam certos blogueiros picaretas e consagram poucos, mas bons. Um detalhe; destes, todos defensores das liberdades democráticas. Voltamos ao caipira. O que é aquilo ? Já afirmei aqui muitas vezes que o comunismo não se instala no bananão não por falta de simpatizantes, mas por absoluta falta de disciplina. Roubaram a Jules Rimet; o que não fariam com a múmia de Lênin ? A múmia cubana ainda não foi roubada e derretida porque pensam que está viva. O cara tem lá seu direito de insuflar a militância; até compreendo. Mas lhe faltam ainda muitas aulas com o Didi ( não o humorista, o outro ) de oratória bufa e rapidez no enfiar a mão no bolso alheio para se tornar uma ameaça real. É um blefe. Sua atuação nas sombras jamais vai consolidar uma carreira de prestígio. Atira para todos os lados e antecipa suas estratégias de dominação, o que é mais um sinal de alguém que nasceu para latir e não para morder. O homem é o retrato da criatura política que eles inventaram para se blindarem com um terceiro mandato. É desastrado. Deixa o rabo imenso de suas manipulações à mostra. É um vitimista. Um guerrilheiro que se deixou golpear por um velho e sua bengala indignada. Que foi denunciado por um trapo político. E que continua nas sombras, mesmo depois do país se tornar uma democracia. E vai continuar com esse discursinho frouxo, até perceberem todos o quão tênue pode ser a linha que divide o mito do embuste. Questão de tempo. De mau tempo. Menos de um mandato.

  • RATÃO DO PORÁO DO SINDICATO

    -

    15/9/2010 às 6:32 pm

    … Durante anos acompanhei a Elite Intelectual deste País (especialmente os professores de universidades), bem como, os Jornalistas medíocres deste País elogiar o Ratão lapidado nos porões do sindicalismo pelego, dizendo (e ainda dizem) que o molusco é um exemplo de liderança……….Agora, embevecido pelo alcool e pela vaidade, o Ditador camaleão amigo do chaves e do Fidel está botando as manguinhas de fora e mostrando quem ele é. De longa data o Bebum vem fazendo críticas a imprensa e agora quer mesmo é determinar o que os jornalistas podem falar.
    Nesses 8 anos o palanqueiro de garanhuns conseguiu controlar e contornar os fanáticos do pt, pagando um preço alto é verdade (cargos e verbas), mas agora ele está deixando o poder, vai ficar nos anais dessa mídia podre e pobre, como o presidente mais popular deste país e por isso a partir de Jan/2011 os brasileiros que se entendam com a Diuma e o Zé Dirceu, que já entabulam calar a boca dessa mídia pelega……….
    CADA JORNALISTA TEM O PRESIDENTE QUE MERECE.

  • Luciano

    -

    15/9/2010 às 6:32 pm

    Minha solidariedade aos que ainda praticam jornalismo digno deste nome e que, direta ou indiretamente, defendem a liberdade no Brasil. Está para chegar a hora, e não há de tardar, em que dependeremos destes para redemocratizar o país.

  • João

    -

    15/9/2010 às 6:29 pm

    Diego, você não está só. Parece piegas, mas nós, jornalistas de fato, temos que estar unidos. Abraço via este blog.

  • Destino.

    -

    15/9/2010 às 6:07 pm

    Caro Reinaldo, endosso o comentário de Quaker. Moro na Europa mais de 12 anos, além da França e Alemanha, tb aqui na Suiça, Lula e a sua corja de pilantras já teriam prestado contas à justiça e com certeza estariam detrás das grades…Ele aqui, de um estadista admirado passou a ser um cidadão ridicularizado por tantas lambanças que tem feito juntamente com a sua trupe…

  • Zé Lite

    -

    15/9/2010 às 6:00 pm

    Reinaldo, o Globo Online publicou a íntegra da fala do meu xará Zé Dirceu aos petroleiros. Ao falar sobre a necessidade de preparar quadros para a causa deles, Zé cita que empresas e instituições de direita cada vez mais concedem bolsas no exterior a jovens profissionais, e cita especificamente o Diego E., que teria feito um desses cursos (não sei se é verdade). Aliás, o inteiro teor é estarrecedor. Faz um vermelho e azul com esse discurso, Reinaldo! É imperdível, por duas razões: tem material pra vc deitar e rolar e, infelizmente, é um guia da doutrina que o PT pretende impor ao Brasil nos próximos quatro anos… o link é esse, ó (tem que fazer o cadastro no globo online pra acessar): http://oglobo.globo.com/pais/eleicoes2010/mat/2010/09/14/leia-integra-da-palestra-do-ex-ministro-da-casa-civil-jose-dirceu-em-encontro-com-petroleiros-petistas-na-bahia-917633214.asp

  • Quaker

    -

    15/9/2010 às 5:44 pm

    Caro Reinaldo ainda não prenderam o Lula?
    Chefe da quadrilha de ladrões?
    Estou fora do Brasil a estou evitando ler noticias de Brasilia e do PT para não vomitar.
    Se o Brasil fosse um pais sério LULA JA ESTARIA NA CADEIA.
    SOBRE SDARCOZY AQUI DIZ UMA REVISTA FRANCESA QUE ELE é UM HOMEM “PERIGOSO”.
    Sobre LULA,a REVISTA LE MONDE DIZ QUE O GOVERNO DELE ESTA PASSANDO POR UM TESTE.
    Como tenho nojo de LULA ja cuidei de fazer uma propaganda sobre este “energumeno”.
    Gostaria de saber se ainda não pediram a prisão dele.
    Se fosse em um pais como a Alemanha,França,ele ja estava prestando contas a justiça.
    Dilma estaria cumprindo prisão até hoje pelos crimes cometidos.
    Quando é que este pais sera der fato um pais sério?
    Lula nos envergonha.
    Esta na hora de chamar este vagabundo as falas…

  • Rex

    -

    15/9/2010 às 5:00 pm

    Jacor1976 – - 15/09/2010 às 16:10
    MARLON diz:
    15 de setembro de 2010 às 9:03 am

    Parabéns. Sensacional este artigo. Vou mandar para um monte de gente. Já salvei. Genial.

  • MAYA

    -

    15/9/2010 às 4:57 pm

    Jacor 1976,lendo de baixo para cima,é exatamente os dias de hoje
    esse cara é o anti Cristo tenho certeza .

  • Fernando

    -

    15/9/2010 às 4:46 pm

    Dirceu gostaria de ser um novo Mussolini. Ou, pelo menos, o braço direito dele. Simples.

  • Alex Dias

    -

    15/9/2010 às 4:29 pm

    ACEITAM UMA GOTINHA DE SHAKESPEARE ? OU:”TEMPO,ESTÁS CONSPURCADO!
    Remando contra as ondas de hostilidade aos livros no Brasil atual,ouso recomendar que leiam,ou releiam,pelo menos parte da peça JÚLIO CÉSAR,de Shakespeare,exatamente no ponto em que Cássio,conversando com Bruto sobre César,diz o seguinte:
    “EM NOME,POIS,DOS DEUSES EM CONJUNTO,DIZEI-ME DE QUE PRATOS NOSSO CÉSAR SE ALIMENTOU PARA FICAR TÃO GRANDE! TEMPO,ESTÁS CONSPURCADO!”. Sugiro também um outro trecho, da mesma fala,que reproduzo: “HÁ MOMENTOS EM QUE OS HOMENS SÃO DONOS DE SEUS FADOS.NÃO É DOS ASTROS,CARO BRUTO,A CULPA,MAS DE NÓS MESMOS,SE NOS REBAIXAMOS AO PAPEL DE INSTRUMENTOS.” Diante do que lemos acima e observando o comportamento dos nossos homens públicos,seria sinal de loucura perguntar:”ESSE SHAKESPEARE JÁ MORREU MESMO?”
    Do sergipano Alex Dias,apenas como sugestão aos que,ainda,são amigos dos livros.

  • Ricardo

    -

    15/9/2010 às 4:29 pm

    Reinaldo,ao que tudo indica,está no horizonte um regime bem pior que o de 64.
    Talvez perdendo as prerrogativas que a democracia oferece,a população comece a despertar.Será tarde?Claro,mas o sofrimento futuro fará com que as coisas boas,que o povo deixou escapar,tenham o devido valor e sejam devidamente protegidas.
    “LUTA POR DEMOCRACIA”,é o que pelo jeito vem por aí…,mais uma vez.POBRE BRASIL,NÃO TE DEIXAM SOBRE OS TRILHOS!

  • Sergio S. Oliveira

    -

    15/9/2010 às 4:15 pm

    Bravo, Reinaldo, outro ótimo texto em favor da liberdade de expressão e, claro, porque não dizer, de apoio aos jornalistas da Veja pela excelente matéria sobre o caos da Casa da Mãe Joana, ops, Casa Civil, desculpe. Estes profissionais contam com o real apoio de muitos que não querem ser reféns deste partido odioso que é o PT.

  • Jacor1976

    -

    15/9/2010 às 4:10 pm

    Caro Reinaldo,

    Este comentário abaixo eu achei nos comentários do post do David Coimbra da Zero Hora de Porto Alegre… que sem querer prestou um grande serviço a nação quando tentou adullar o llulla no caso da extirpação do DEM …

    http://wp.clicrbs.com.br/davidcoimbra/2010/09/14/eu-e-lula-concordamos/?topo=13,1,1,,,13#comment-42111

    O comentário fala por si só…

    MARLON diz:
    15 de setembro de 2010 às 9:03 am

    1. LULA ANTES DA POSSE

    Nosso partido cumpre o que promete.
    Só os tolos podem crer que
    não lutaremos contra a corrupção.
    Porque, se há algo certo para nós, é que
    a honestidade e a transparência são fundamentais
    para alcançar nossos ideais
    Mostraremos que é grande estupidez crer que
    as máfias continuarão no governo, como sempre.
    Asseguramos sem dúvida que
    a justiça social será o a lvo de nossa ação.
    Apesar disso, há idiotas que imaginam que
    se possa governar com as manchas da velha política.
    Quando assumirmos o poder, faremos tudo para que
    se termine com os marajás e as negociatas.
    Não permitiremos de nenhum modo que
    nossas crianças morram de fome.
    Cumpriremos nossos propósitos mesmo que
    os recursos econômicos do país se esgotem.
    Exerceremos o poder até que
    Compreendam que
    Somos a nova política.

    2. DEPOIS DA POSSE:

    Basta ler o texto acima, DE BAIXO PARA CIMA….FRASE A FRASE

  • Regina M

    -

    15/9/2010 às 4:06 pm

    MAS ISTO JÁ ERA PREVISÍVEL.
    PROTEJAM-SE, PORQUE A TURMA NÃO ESTÁ PARA BRINCADEIRA.
    JÁ VIRAM A PARANÓIA QUE SE INSTALOU NO GOVERNO ?
    O LULLA ESTÁ ESPUMANDO, SALIVANDO, SALTITANDO, DANDO RABO DE ARRAIA, O HOMI TÁ POSSESSO COM A PRESSÃO A MIL.
    A COISA TÁ PRETA “PRAQUELAS BANDAS DE LÁ.”
    ….. E DEUS NO COMANDO DE TUDO ….

  • Vitor França

    -

    15/9/2010 às 3:58 pm

    Hoje, denúncias são rebatidas com ameaças, violência. Oposição política, com quebra de sigilos. Amanhã, bastará um flerte inocente com a namorada de um petista, uma desavença no trânsito, que seja, para que sua vida seja investigada, exposta, forjada. Destruída.

  • Soares Geraldo

    -

    15/9/2010 às 3:54 pm

    Errata: “(…)[têm] colhões para executar…” *

  • Antonio

    -

    15/9/2010 às 3:48 pm

    Ola
    Reinaldo
    Acho que não posso passar o link que dá acesso direto para sobre a rádio Jovem Pan a enquete, mas é facil quem quiser é so acessar. http://www.jovempan.uol.com.br e clicar na enquete radio jovem pan eleição para presidente e verá o resultado Serra disparado na frente.
    VAMOS EM FRENTE QUE AINDA DA TEMPO

  • CaioB

    -

    15/9/2010 às 3:44 pm

    Reinaldo, há dias li uma vinheta no estadão onde Roberto Jefferson perguntava o motivo das crianças que dele se aproximavam dizer que “a professora falva muito mal dele”.
    O motivo é simples. As professoras sofreram um processo de lavagem cerebral, cabeça feita pelo incutimento das idéias preconizadas pelas teorias de Antonio Gramsci.
    A Teoia da Irradiação preconiza o incutimento das idéias ditas esquerdistas, os “ideais” de esquerda na cabeça das crianças e continuando tambem para os alunos de cursos superiores, principalmente os das escolas de Humanas, que carregarão por bom tempo, até pelo resto da vida tais anomalias e as disseminando para seus leitores e ouvintes. A vítima normalmente desconhece o vírus, o veneno que carrega, até que seja devidamente esclarecida sobre a possibilidade de abrir seu pensamento para novos pontos de vista.
    Interessante é que seja escrita uma matéria explicando didaticamente o que seja a teoria da irradiação, em formato que permita aos leitores do blog poder se instruir a respeito, disseminar a matéria e poder melhor esclarecer as vítimas do partido único, ajudar a abir seus olhos para a realidade, para a verdade.
    Contribua para fornecer boas ferramentas, bons argumentos e motivações aos não contaminados, para que possam ajudar a tirar os nossos irmãos da escuridão para onde a ideologia os lançaram.

  • Cristiano

    -

    15/9/2010 às 3:43 pm

    No Mato Grosso do Sul ninguém publica o nome de Serra com medo de Lula. Tem coisa brava por trás. E apostem, é pistolagem.

  • Giovanni

    -

    15/9/2010 às 3:42 pm

    Prezado Don Rei Naldo e demais comentarístas:
    Eu fico imaginando o que seria o Brasil de hoje ( petralhista ) se o governo anterior não tivesse vendido as Estatais.
    Se, com esse pouquinho de empresas que restaram, o lullismo faz e desfaz misérias com as verbas publicitárias, faço idéia com as demais empresas nas mãos dos cumpanheiros.
    Se bem que muitas empresas privadas são simbióticamente solidárias com tudo isso que está ai.
    Eu acho…

  • Anita

    -

    15/9/2010 às 3:39 pm

    Rei, é impressionante o número de comentaristas a serviço do PT em todos os sites que permitem comentários. Pelo número de postagens e pelos horários, percebe-se que alguns devem ser pagos para ficar o dia inteiro repetindo as mesmas mentiras e demagogias o tempo todo. Assim como na rua eles pensam que vencem no grito e na baderna, acham que na internet as coisas funcionam assim também. Meu marido recebeu um email de um candidato a vereador petista do interior dizendo que “encheria ele de porrada” após escrever um comentário negativo sobre o Lula. Para os petistas, liberdade de expressão é só quando os puxa-sacos pagos escrevem os elogios. Caso contrário, querem mais é “extirpar” todos que não falam o que eles desejam ouvir. Se puder veja os comentários que fazem nos textos da Dora Kraemer, no Estadão.

  • Soares Geraldo

    -

    15/9/2010 às 3:28 pm

    Existem duas variáveis determinantes no resultado do choque entre duas frentes: uma é a força da batida, outra, ainda mais importante, a resistência ao impacto. Quem foi que disse que seria fácil ser jornalista?! Infelizmente, julgo ser até mais difícil do que “deveria”. Daí meu grau de admiração por aqueles que tem colhões para executar, de fato, a função. O problema vivido pelo Brasil não é “liberdade excessiva”, mas sim “libertinagem bandida”.

  • Nova Venezuela

    -

    15/9/2010 às 3:25 pm

    Reinaldo, na mosca: a primeira coisa que eles tem que dominar é a imprensa. E se não conseguem com dinheiro, é com intimidações; não só contra o jornalista, mas contra a família dele. O método é o mesmo, na Bolívia e na Venezuela.
    O Diego deveria denunciar e pedir proteção policial, para mostrar como as coisas andam realmente neste país. Falta pouco para mudar o nome para Nova Venezuela ou República Bolivariana do BrasiL.

  • Oliver

    -

    15/9/2010 às 3:22 pm

    FATOS E BURRICES.
    Que o Marcos Dilmaboy seja um perfeito imbecil, tecendo comentários que cheiram sempre a torcida barata, incompatíveis com uma suposta isenção requerida na função que exerce, isso já é fato consumado. Mas a pérola: “A crer nos números das pesquisas” – mostra que ele sempre pode se superar na imbecilidade. Quer dizer que suas pesquisas ainda não são dignas de crédito ? Como assim, cara pálida ? Para que servem então ? Vejam que uma declaração destas, colocando em dúvida seus próprios instrumentos de trabalho dão bem a medida da farsa que estamos enfrentando. É uma confissão de culpa antecipada. Para o valente o que importam são as versões bem plantadas e não os fatos. Mesmo que lá na frente eles se imponham. Aliás, ele ainda não entendeu de que lado do bonde da história ele subiu. Está ajudando a consolidar uma farsa com números. Está vendendo o Pão da Açúcar para os incautos. O que ele almeja então ? Ser empalado em praça pública pelos iludidos ? Fazer fila com os outros meninos do MEP ? Ser sodomizado pela esquerda e pela direita ? Acho que ele vai A-D-O-R-A-R !!!!

  • Cláudia Verneck

    -

    15/9/2010 às 3:21 pm

    Reinaldo, eu rezo por você! Diante de tantos ataques aos jornalistas realmente combativos, não sei do que mais esse desgoverno que aí está é capaz de fazer! Infelizmente o candidato Serra não soube levar a diante um discurso que fizesse frente a ilusão do Lullismo. Cabe a Veja continuar a ser a importante fiscalizadora que sempre foi. (ainda mais no governo Dilma)

  • Eidia Dias

    -

    15/9/2010 às 3:20 pm

    Continuo querendo escrever quiném você quando eu crescer. Parabéns! E parabéns Diego.
    eidia
    http://www.oquevivipelomundo.blogspot.com

  • Paulo Paschoal Junior

    -

    15/9/2010 às 3:19 pm

    Caro Rei,
    Mentir e intimidar é da natureza do PT! Eles seguem direitinho a cartilha Gramsciniana (Maquiavel, a Política e o Estado Moderno), que preconiza que “o movimento socialista deve buscar ser o ‘narrador da história’, o ‘condutor da verdade’, quando a verdade não passa de uma ‘simples guerra de versões’, construindo, destruindo e/ou distorcendo os fatos de acordo com os ‘interesses maiores da Causa’ (movimento operário), buscando a aderência de grupos de jornalistas, de intelectuais e do povo, para constituir os ‘quadros fechados’ que deem continuidade à narrativa, repetida e enfaticamente, de acordo com a construção inicial, buscando não deixar ‘horizontes abertos’ aos contrários, ao mesmo tempo em que conduz a uma reforma ‘intelectual’ e ‘moral’ no tecido social. O condutor da verdade deve procurar fortalecer sua versão, empregando para isso a intimidação e a desqualificação de seus opositores, buscando tirar-lhes o impeto de lutar e a credibilidade a qualquer custo, usando de todos os meios disponíveis para tal, a ‘intimidação’ com ameaças de morte, o ‘falso testemunho’ (desacreditar o narrador inimigo) e ‘ações diversionistas’ (procurando tirar o foco e/ou a seriedade do fato, para torná-lo inexistente, passando desapercebido da massa ou, então, hilário, descabido, ridículo e/ou sem importância nenhuma para a assistência), tudo isso feito por terceiros, aparentemente estranhos ao fato gerador e aos grupos envolvidos.”

  • Cil

    -

    15/9/2010 às 3:06 pm

    Caso Dilma vença haverá!! Tá de bom humor hoje hein???? Já há essa tentativa, só que hoje ele é feita por força dos interesses econômicos dessas empresas… se a Chapelleira Malluca se eleger, e aí vai pro ralo o tal “orgulho de ser brasileiro”, eles usarão de força mesmo…

  • Elouquisa

    -

    15/9/2010 às 3:06 pm

    REI,A TURMA DO PT AINDA NÃO DIVULGOU O PLANO DE GOVERNO DA PRESIDENCIÁVEL.QUE TAL EXPLORAR UM POUQUINHO PARA NÓS?O QUE SERÁ QUE TENTAM ESCONDER?

  • Rex

    -

    15/9/2010 às 3:05 pm

    Reinaldo, boa tarde:

    A volta da mosquinha TSE-TSE.

    Além do TSE outros tribunais e entidades que se dizem ‘defensores’ da Constituição Federal, parecem ter sido picados pela simpática mosca TSÉ – TSÉ:
    STF – ZZZ
    MPF – ZZZ
    OAB – ZZZ
    ABI – ZZZ
    Forças Armadas – ZZZ
    Agora lembrei: O Bolsonaro morreu hein? Vai ver, ele (também) ‘dilmou’.
    Se até o ínclito senador Simon já ‘pulou a cerca’, como dizia o Brizola. Por sinal, ele (o Brizola) deve estar se revirando. Seu (dele) ‘pessoal’ já pulou (a cerca). Optaram por ser Dilma desde criancinha.

  • Francisco Magalhães Barros Junior

    -

    15/9/2010 às 3:03 pm

    Depois de um muito tempo, passei hoje lá na Cantanhêde. Acho que ela acordou ou está virando casa.

  • Marilena

    -

    15/9/2010 às 3:01 pm

    OOOPS. APAIXONADA (risos)

  • Marilena

    -

    15/9/2010 às 3:00 pm

    Só para constar: SOU PERDIDAMENTE APAIXONADO PELO SANDRO VAIA.

  • mameluco

    -

    15/9/2010 às 2:59 pm

    Quero a antiga corrupção de volta!!!! Aquela que era cometida por pequenos grupos, que não era regra e nem institucionalizada; aquela que só visava o enriquecimento pessoal e não fortalecer uma instiuição criminosa travestida de partido político; aquela corrupçãozinha onde os criminosos tinham vergonha quanto pegos em flagrante e não contavam com o apoio dos poderes da República.

  • Gilson gaúcho

    -

    15/9/2010 às 2:57 pm

    Nunca mais acessei os blogs do Amorim, do Nassif e do Kotscho. Primeiro: eles escrevem muito mal. Segundo: se há governo, são totalmente a favor, principalmente sob ordens da Vale, da Caixa e da Petrobrás, que gastam dinheiro estatal patrocinando blogs de baixa categoria. O PT sonha em domesticar a imprensa. O PT gostaria de acabar com a “mídia”. Mas enquanto a Veja, a Globo e o Estadão existirem, enquanto os Reinaldo e Escoteguy teimarem em ser JORNALISTAS, a VERDADE prevalecerá…

  • Anónimo

    -

    15/9/2010 às 2:55 pm

    Marco Antonio Villa

    É muito difícil encontrar algum sinal de entusiasmo popular pela realização das eleições. O desinteresse é evidente. Como de costume, caiu a audiência da televisão após o início do horário pago ? não é possível chamar de gratuito, quando as empresas deixarão de pagar R$ 850 milhões de imposto de renda.

    O clima lembra 1970. Crescimento econômico, expansão do consumo e do crédito e muitas pitadas de ufanismo. Lula é uma espécie de Médici do século 21. Não tem a terrível máquina repressiva ao seu lado. Não precisa. Asfixiou a oposição. Diluiu as diferenças ideológicas e morais. Tanto que pode apoiar uma candidata identificada historicamente com o feminismo, assim como outro, que é conhecido como um covarde agressor de mulheres.

    Aos críticos do “milagre econômico lulista” foi reservado o pior dos mundos. Criou o seu próprio “ame-o ou deixe-o”. Quem está com ele ? e nessa categoria o arco é amplo, vai do MST ao grande empresariado ? “ama” o Brasil; quem está contra é inimigo e tem de ser destruído.

    Não causará estranheza, se disser que o “amor à pátria que entendemos é o que almeja desenvolvê-la e enriquecê-la para que alcance o bem-estar de toda a nossa gente”. E que não consegue “ver esse amor em quem se volta contra a sua pátria, quem a quer em tudo derrotada, na estratégia do quanto pior melhor”, como discursou Médici em 1970.

    A sociedade civil silencia. Mais do que medo, está desinteressada da política. Já o governo avança. Não há mais distinção entre o lulismo e o Estado. É tudo uma coisa só, um só corpo.

    O Estado Novo e o regime militar foram dois momentos de supressão das liberdades e de expansão econômica. Tudo à sombra da repressão policial-militar. O domínio lulista é mais eficaz e sedutor. Até o momento, o pau de arara foi substituído pelos empréstimos bancários, pelo cartão de crédito. Isso só foi possível graças às reformas adotadas na década de 90, que acabaram abrindo o caminho para o crescimento da economia. Mas isso pode estar no limite do esgotamento.

    Sem as benesses financeiras, o lulismo não sobrevive. Ao mantê-las, sem realizar as reformas necessárias, o país caminha para o estrangulamento econômico.

    Mas o que está ruim pode piorar. Deveremos ter o pior Legislativo federal desde 1930. Produto do verde-amarelismo lulista, do conservadorismo, da despolitização. Estaremos cercados de Tiriricas por todos os lados. E, por incrível que pareça, sentiremos, em 2011, saudades do Congresso de 2010.

  • PT, partido de CANALHAS

    -

    15/9/2010 às 2:54 pm

    tava dando uma olhada no blog daquele reporter…os caras são alucinados…

  • Rex

    -

    15/9/2010 às 2:53 pm

    Reinaldo, boa tarde:

    Prezado:
    José Geraldo Coelho – - 15/09/2010 às 13:48

    Legal o comentário:

    “…detrimento da classe jornalistica, guardiões da verdade da moralidade e da decência. É hora de vocês se unirem acionando as entidades que os representa”

    Pode esquecer: Tudo dominado (pelos petistas).
    Claro, nelas há democracia. Nas eleições, entra um e sai outro. Da ‘tiurma’.

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados