Blog Reinaldo Azevedo

Reinaldo Azevedo

Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura

sobre

Reinaldo Azevedo, jornalista, escreve este blog desde 2006. É autor dos livros “Contra o Consenso” (Barracuda), “O País dos Petralhas I e II”, “Máximas de Um País Mínimo — os três pela Editora Record — e “Objeções de um Rottweiler Amoroso” (Três Estrelas).

O MBL, o Vem Pra Rua, este blogueiro e a boçalidade da extrema burrice, disfarçada de extrema direita

Contam-me que estou sendo atacado nas hostes bolsonarianas e afins. É mesmo? Juro que não os estou remunerando para fazer isso... Sou-lhes, obviamente, grato! Afinal, também eles, a exemplo dos petistas, são inimigos da democracia

Por: Reinaldo Azevedo

O Movimento Brasil Livre e o Vem Pra Rua, mais aquele do que este, passaram a ser alvos de ataques os mais brutais de certas correntes de pensamento — se é que merecem essa designação — depois que decidiram deixar claro que as forças políticas no país se dividem em duas vertentes: há as golpistas — que, por sua vez, se distinguem em mudancistas (anti-PT) e continuístas (petistas) — e as antigolpistas, nas quais se incluem os dois citados movimentos.

A partir de certo ponto da trajetória da luta em favor do impeachment, fez-se necessário distinguir os que querem o golpe de esquerda (petistas e assemelhados) ou de direita (os fetichistas da botina e uniforme) dos liberais, que pedem apenas o triunfo das instituições e reconhecem que o impeachment tem previsão constitucional (Artigos 85 e 86) e regulamentação legal — Lei 1.079. Ou por outra: negar-se a reconhecer os crimes óbvios cometidos por Dilma golpeia a Carta e a Lei; pedir que os militares afastem Dilma, em vez de apelar aos dispositivos próprios para tanto, golpeia a Lei Maior e a Menor.

O Artigo 142 da Constituição, com efeito, no seu caput, reserva às Forças Armadas o papel de garantidoras auxiliares da lei e da ordem, desde que acionadas por um dos Três Poderes, mas o pressuposto do texto, basta que se saiba ler, é que tal ação se dê sob o império da hierarquia e da disciplina. Não por acaso, tal artigo deixa claro que a autoridade suprema das três forças é o presidente da República.

Assim, cumpria ao Movimento Brasil Livre e ao Vem Pra Rua — e é tarefa de todo e qualquer grupo comprometido com a democracia — distinguir-se da retórica golpista, que, de resto, carrega, além de uma tese ridícula, o ridículo do discurso bolorento, marginal, apequenado, irrelevante e caricato.

Seus defensores lembram leões banguelas de circo mambembe. Os primeiros a lhes dar de ombros são os militares. Uns poucos da reserva que resolvem lhe emprestar o pijama mal se mantêm no terreno da sanidade. Já conferi quatro palestras no Clube Militar. Não encontrei golpistas por lá. Se existem, não vieram falar comigo. Já falei três vezes no Comando Militar do Sudeste. Se existem golpistas por lá, também não vieram falar comigo. Os que defendem a intervenção militar representam a quem, além da própria loucura?

Estava de férias. Não estou mais. Alertam-me de que os mesmos que hoje atacam as lideranças desses dois movimentos aproveitam para descer o braço também neste colunista. Eu estaria sendo tratado como “conselheiro” do MBL e do Vem Pra Rua, afirmação — nem acusação é — que se situa um pouco abaixo da linha do ridículo.

Não sou conselheiro de ninguém. Mantenho, e eles sabem disto, divergências com os dois movimentos, que, por sua vez, também não se confundem — ainda bem! Aliás, essa concepção de “política” como ação de “conselheiros” remete a uma herança mafiosa, que deve ser repudiada.

Em junho deste 2016, meu blog completa 10 anos. A palavra “petralha” foi criada bem antes. Estou na luta contra o mal que o PT representa ao Brasil e aos brasileiros há muito tempo. E sabem o que o MBL e o Vem Pra Rua me devem? Nada! A não ser o respeito que se dispensa a interlocutores, com os quais se pode concordar, dos quais se pode divergir.

Não sou candidato a Virgílio de ninguém. Kim Kataguiri, Renan Santos, Alexandre Santos, Fernando Holiday ou Rogério Chequer, para citar alguns, não são os meus “Dantes” na comédia nada divina da política brasileira. Se eles quiserem conversar comigo, converso; se eles quiserem debater comigo, debato; se eles quiserem brigar comigo, brigo. E ponto!

Uma das coisas que admiro nos rapazes e nas moças desses dois movimentos é sua autonomia — que não deve se confundir com ignorância histórica. E ignorantes eles não são. Têm, aliás, uma grande virtude: nenhum deles foi de esquerda ou flertou com a esquerda — cicatriz que eu mesmo tenho e reconheço. Toda marca de batalha um dia coça um pouco. Esses jovens não têm de ficar pagando tributo aos mortos que oprimem, em vez de libertar, o cérebro dos vivos, para citar um pensador da predileção dos vermelhos.

Não sou Virgílio de ninguém. Nem Pigmalião. Não quero brincar de conferir vida a estátuas. Esses moços e moças respondem pelas três maiores manifestações da história política do país. Mais eles forneceram um caminho à oposição do que foram mobilizados por ela, como todo mundo sabe.

Os boçais
Contam-me, no entanto, que, enquanto eu lagartixava na areia, fui duramente atacado nas hostes bolsonarianas porque eu seria um dos responsáveis pelo suposto desvio de rota desses dois movimentos. Os que acusam tal desvio gostariam de ver essa moçada de braço dado com “sordado”, como o bêbado na música “Marvada Pinga”.

Já defendi, e continuo a defender, o direito que Jair Bolsanoro e seus Bolsonarinhos têm de dizer suas tolices.

Bolsonaro, o pai, elegeu-se vereador pela primeira vez em 1988. De lá pra cá, vem se especializando em proclamar boçalidades as mais variadas, para gáudio e felicidade de outros boçais de direita e de esquerda. Já emplacou dois filhos na política. E tem um terceiro, bastardo, que é Jean Wyllys (PSOL-RJ), com quem firmou um pacto de ajuda mútua.

O psolento joga asneiras no ventilador, que inflamam a fala purulenta de Bolsonaro (que, assim, ganha mais votos); e a pardaloca marqueteira sai por aí, esvoaçante, a se dizer perseguida pela “direita”. Vamos convir: o bolsonarismo nem de direita é; trata-se apenas se uma soma de asneiras com sotaque nacionalista, temperada por doses cavalares de preconceito pré-cognitivo.

Agenda
O Brasil precisa de uma agenda, não de ódio, recalque, boçalidade e rancor oportunistas — e, em alguns casos, bem remunerado. O MBL e o Vem Pra Rua, até onde acompanho, estão empenhados em construir algo mais na política do que o simples “Fica Dilma” ou “Sai Dilma”.

Se os rapazes e moças desses dois movimentos quiserem saber o que penso, podem ler o meu blog; se quiserem que eu lhes aponte o caminho da salvação, pedirei que consultem um padre, um rabino, um monge budista… Não sou candidato a aiatolá de ninguém. E quem disser que sabe esse caminho estará, naturalmente, mentindo. Eu posso, no máximo, lhes dizer os valores com os quais opero: liberdades públicas, liberdades individuais, economia de mercado, democracia como valor universal, Estado apenas regulador…

E, como é sabido, não tenho tara por uniforme, botina e afins — essas coisas que são, sim, necessárias, quando a democracia uniformizada tem de defender a sociedade, com a devida delegação, de eventuais ameaças.

De resto, cumpre indagar: quantas pessoas a histeria bolsonarista levou às ruas até hoje? Qual é sua inserção social? Conversa com quem? No dia em que o PT não estiver mais no poder, qual será a agenda de Bolsonaro e seus amestrados? Enfrentar os gays no braço, para que Wyllys, em busca de mais votos, se ofereça para salvá-los?

Essa gente é ridícula! O PT está em decadência, sim. Na sua essência, já morreu. Mas é uma estupidez imaginar que o aparelho vá abandonar o estado da noite para o dia. Noto que há bolsões de extrema direita que já olham com inveja para o MBL e para o Vem Pra Rua, imaginando que ficarão com o espólio da derrota dos bárbaros.

Bem, os bárbaros ainda não foram vencidos. E tal estupidez só prova que esses caras nada mais são do que, vamos dizer assim, os “petistas do lado de lá”. Também odeiam a democracia.

E os inimigos da democracia devem ser declarados inimigos da civilização. É assim: simples e óbvio. Não me peçam que eu dê o braço a Rui Falcão. Eu jamais farei isso. Não me peçam que eu dê o braço a Bolsonaro. Eu jamais farei isso. Nada mais são do que males distintos e combinados, para citar o camarada… Trotsky.

Uma cicatriz para quem ainda é capaz de entender uma ironia.

Voltar para a home
TAGs:

Comentários

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

*

145 comentários
  1. renilson

    eu venho aqui pedir que a imprensa, que peça explicações a senhor Rodrigo janot que admitiu que a senhora DILMA cometeu crime ,, e nâo ofereceu denúncia ao supremo contra DILMA .. É UMA PIADA alguém tem que cobrar essa atitude muita suspeita …aguardo respostas…

  2. Jesse Marlon

    PROCURA-SE UMA LIDERANÇA
    OU UMA ENTIDADE DE DIREITO
    PARA A

    A marcha sem roleta

    Através de uma pacifica, ordeira e consciente Desobediência Civil,
    aos moldes de Gandhi naquela marcha do sal,
    que libertou toda uma nação;
    copiaremos em uma marcha cotidiana,
    de um dia útil fora dos ônibus.
    Nesse dia,
    o ir e vir será de carro, carona, bicicleta, skate ou patins,
    mas principalmente e de preferência que seja a pé,
    também sob a ideia e os bons exemplos de Rosa Parks,
    aquela que inteligente e pacificamente,
    desafiou e venceu o império americano e o mundo,
    em boicotando os ônibus pela segregação racial.
    Na condição de que seja em paz, sem “black bloc”,
    partidos políticos e movimentos patrocinados com o nosso dinheiro,
    ou qualquer outro oportunismo inconsequente.
    Por uma tarifa zero, única,
    de passe livre, ou qualquer outro tipo,
    mas que nos permita a Mobilidade,
    com preço justo, segurança, pontualidade,
    conforto, respeito e sustentabilidade.

    Jesse Marlon

  3. ALBERTO

    ReinaldoXXXXXXXX na cascuda!

  4. tulio

    ReinaldoXXXXXXXX na cascuda petralha!

  5. Adilson

    Do tem esquerdistas nesse país? Até Reinaldo que achava que meio direitista fica meio ligado a esquerda e não abandona….

  6. Adilson

    Seria interessante que houvesse uma direita no Brasil. Esse negócio de que a direita e isto e a esquerda é aquilo e conversa pra boi dormir. Todos os jornalistas sérios sabem que direita não existe nesta república de bananas!!!

  7. Renan Herzaid

    ReinaldoXXXXXXXXX na cascuda!

  8. Cleusa farias

    É, Reinaldo Azevedo. A situação está delicada…Nunca Antes Na História. Mas, o que é pior, com toda essa tramoia de intrigas, os incautos, ajudam e colaboram, fazendo o jogo iMundo da Facção Criminosa PT.

  9. Mauro Carvalho

    Bolsonaro ganha espaço mediante a covarde oposição no país, é um fato.

  10. David

    Disse tudo! Des de a primeira manifestação que participei pequena, na praça são Sebastião em frente ao Teatro Amazonas me incomodei bastante com a presença de skinheads. naquele dia protagonizei uma discussão com um dos organizadores, muitos me pediram para parar pois eles estavam ali para ” somar” com agente (sqn). Na última manifestação que fui, av. paulista em dezembro, dei de cara com os integralistas, com seus estandartes e suas gaitas de fole tocando aza branca, foi um banho de agua fria. Não há como se ajudar a combater totalitário de esquerda com totalitarismo nacionalista.

  11. André

    Bravo! voltou com a corda toda rsrs Desce o pau nessa cambada. Não são tão deletérios para o país quanto os esquerdistas que aparelham tudo e principalmente a história mas acabam, com suas asneiras, dando sobrevida a essa corja esquerdalha.

  12. Celso Rossatto

    “Nós reforçamos o domínio deles pela discórdia entre nós mesmos.” (Gandhi – Sobre a estúpida dissenção entre os indianos.)
    É claro que os movimentos ‘MBL e o Vem Pra Rua’ não estão se “movimentando” para tomar o poder e lá ficar, e nem o Bolsonaro, ‘fala o que fala’, porque está dando o pontapé inicial na criação de um novo partido com ideologia “nacional socialista”, ou nesse caso, ‘nacional direitista’. O que importa nesse momento, não são nossas opiniões formadas sobre A ou B, mas o que tem de comum entre todos nós; atacar, desmitificar e tirar o crédito, das pessoas que lutam por um objetivo comum, é dar tiro no próprio coração. É claro que não faremos como no filme ‘Queimada’, o objetivo é tirar a Dilam de onde está… É claro que ela não é a cabaça de tudo o que está acontecendo, é como o Brizola bem definiu o Lula e o PT, em um debate: “Me faz desconfiar muito dele e do PT… é uma frente, onde uma das partes,.. é maior do que a própria frente.”
    Tirar a Dilma é só o começo, depois teremos que fazer mais e mais, e qualquer desunião nesse momento, qualquer tipo de opinião que nos separe, será como um suicídio coletivo, reforçando o domínio deles. É claro que não pensaremos igual, até poderemos chegar as mesmas conclusões algum dia, mas nesse momento temos que nos ver como um só, pois estamos passíveis, caso percamos a oportunidade, de sofrer sanções sérias, como não poder mais criticar uns aos outros. Está na hora de vocês, já que estão por ai há a mais tempo, se unirem em suas congruências, se não tiverem, unam-se pela maior de todas, serem brasileiros. Pois é através da união de vocês, dos poucos que restam, que a nossa força será maior.
    Até que isso aconteça, o domínio deles crescerá, por causa da discórdia entre nós mesmos.

  13. Iranildo Azevedo

    Vim lendo os posts a partir dos mais recentes. Ao chegar neste então – você se superou. Ao final da leitura de todas as suas postagens até aqui, uma certeza: VOCÊ FAZ…NÃO – VOCÊ É A DIFERENÇA!
    E daí? Mais um comentário elogioso? Uma ova: mais uma cobrança no sentido de uma participação mais efetiva sua na política nacional.

  14. Mauro Jansen

    Quase toda cicatriz tem seu valor quando é conquistada e apreendida. Bom retorno a labuta.

  15. Ulisvania

    Seja bem-vindo Reinaldo! Você saiu de férias e eu também, pois não sobrou ninguém para ler… Sei que as vezes discordo de você, mas isso não significa que não louvo o que de bom escreves e escreves muita coisa boa. 😉 É isso aí, estou com os “meninos”, eles podem até errar, mas erram tentando acertar e merecem nosso apoio enquanto estiverem lutando pelo impeachment dentro da lei e da ordem, nada dessa sandice de querer partir para a violência ou botar os militares no poder… Prefiro suportar o PT até 2018 a ter os militares de volta. Odeio o PT, mas não sou lunática para pagar tão alto preço por sua queda. Hoje nós temos uma arma que nunca tivemos, a internet, e é com essa arma que enterraremos os restos mortais deles em 2016 e 2018, denunciando em alto e bom som, quem é essa quadrilha, afim de conscientizar os incautos. Olavo de Carvalho tem lá seus momentos de lucidez, mas tem a tendência de encorajar seus seguidores contra os pacíficos movimentos de rua, liderados pelos “meninos” do MBL e VPR. Como diz o meme “Reinaldo na cascuda”!! Abraços!

  16. criatura nojenta

    teremos tempo e lugar para divergências,desde que agora as posterguemos!somos dois terços atabalhoados e não efetivamente organizados e coesos-até porquê,se fossemos,a república do pixuleco já teria desmoronado,tantos são o seus flancos desguarnecidos,além dos buracos no telhado e os cegos do castelo que nos causam dor!sem falar em suas forças de atuação,cujas estratégias de tapeação e engôdo
    conseguem nos embaraçar e acovardar sem que possuam as efetivas qualidades para tanto!afinal, penas alugadas,militâncias remuneradas,propagandas oficiais e oficiosas,superam,desde sempre,aqueles que ganham a vida
    com o suor do próprio rosto!o que é prioritário agora é derrotá-los,deixá-los em uma margem de conforto para nós,que não possa ser superior a um quinto do eleitorado lá deles!
    para que isto aconteça,focos e sensatezes são necessários!

  17. Haroldo da Paraiba

    Que bom,que você voltou!Me responde quem é Bolsonaro e Jean Wyllys?eles existem?

  18. Wander Berna

    Enquanto houver dezenas de partidos dividindo o poder aquele que estiver na presidencia, ainda que cheio de boa vontade e de boas ideias, acaba sucumbindo a vontade dos conluios partidarios no toma la da cá. 2 partidos seriam suficientes e um Congresso muito mais enxuto permitirá a qualquer presidente endireitar o Brasil. Enqto isso nao ocorrer nem Aecio, nem Dilma, nem FHC ou Bolsonaro farão milagre nenhum. Os militares foram ditadores pq em 1964 – isso quase ninguem sabe – haveria a tomada do poder pelo comunismo no dia 1¤ de Maio entao foram subjulgados antes pelo contra-golpe milutar. Sei disso porque com 11 anos meu pai – comunista declarado- recebia em nossa casa os camaradas que insistiam leva-lo para treinamento em Cuba…..Eu e minha familua assistiamos essa ameaça de desintegrar minha família. A promessa da queda do Brasil seria dia do trabalho de 1964. O Brasil cresceu e se desenvolveu nesse regime e diga-se de passagem a maioria da classe politica batia às piryas dos quarteis pedindo a tomada do poder. Finalizando quero parabeniza-lo pelo programa diario Os Pingos nos Is o qual nao perco UM

  19. Daniel De Souza

    Era a favor do afastamento da presidente , mais hoje sou a favor que ela continue por mais tempo ,e que venha o Lula em 2018. O brasileiro merece tudo isso é mais um pouco!!!!

  20. Scorpionrio

    Nobres Leitores desse Blog,
    Bolsonaros e Jeans Wyllys sempre existiram, enquanto a gente der créditos às natimortas sandices que eles verbalizam.
    A pior punição para eles é o vilipêndio.
    Vamos gastar nossas energias em coisas produtivas e acompanhar os imponderáveis desdobramentos de Curitiba.
    Finalmente, Senhor Reinaldo, bom retorno de férias.

  21. roberta

    kkkkk,voltou com tudo ,kkkkk ,é isso que estava faltando !!!!! SEJA BEM VINDO ,!!!!!

  22. Mari

    Sempre lembrando:

    VOTEM PELO IMPEACHMENT!

    http://www.votenaweb.com.br/projetos/impeachment

  23. CARLOS ALBERTO CASTRO MARTINS

    Dizem que “Democracia é o Poder que Emana do Povo” Mas que Povo..os analfabetos…..milhões deles, brasileiros, bolsistas etc….que nojo

    Carlos

  24. Aparecido Lima

    ReinaldoXXXXXXXX na cascuda!

  25. João

    Acho que todo mundo que tem um pouquinho de bom senso, sabe que independente de ideologia, qualquer forma de governo autoritário, seja do tipo das ditaduras disfarçadas de democracia vigentes na América Latina (não estou nem falando de Cuba ou Coréia), seja do tipo militarismo, não deveria nem ser considerado forma de governo. Mas, o fato é que o povo brasileiro de bem não está lidando apenas com os desmandos de um governo sustentado por um partido corrupto. O que se tem de fato, no Brasil, é uma organização criminosa comandando a vida do povo brasileiro. E mais uma vez, não é preciso ser nenhum gênio para saber que criminosos não estão nem aí para as leis, porque se estivessem, criminosos não seriam. Enfim, acho que só um milagre para que esses criminosos largarem o osso através dos instrumento democráticos vigentes.

  26. Dercio

    Deleito-me, ainda que lendo algo mordaz. Sinto-me operador dos mesmos valores: liberdades públicas e individuais, economia de mercado, democracia, Estado regulador.

  27. Helio Ribeiro

    O Bolsonaro é o único político citado espontaneamente nas pesquisas para presidente em 2018, fora os vermes que são os eternos candidatos de sempre. Isso não é pouco. No mínimo, demonstra que a população está cansada de ver que o país não tem uma oposição que mereça esse nome. Tem apenas uma cambada de covardes sem coragem sequer de ir à tribuna desancar a quadrilha no poder. E isso porque são também uma outra versão da mesma quadrilha. O PSDB está morto, mas o PT ainda está vivo. E não vai largar a galinha dos ovos de ouro, por bem. O Bolsonaro põe o dedo na ferida, não tem medo de cara feia, não põe o rabo entre as pernas como o faz a dita oposição. Se ele puder ter acesso à mídia de grande audiência, vai ter mais visibilidade e adeptos do que se imagina. Ele diz o que milhões querem escutar. Acho que não tem possibilidade de se eleger presidente, mas que vai incomodar, vai. Já está no sétimo mandato, e nas últimas eleições foi o deputado federal mais votado no RJ. Isso significa que seus adeptos vêm aumentando em número. E enquanto vários próceres do PSDB volta e meia são citados em delações premiadas, o nome dele nunca apareceu nessas falcatruas. E olha que ele é do PP, o maior antro de gatunos depois do PT. Mas enfim, qual partido não tem gatunos?

  28. Antonia Lima

    Perfeito, Reinaldo.
    No Painel da Globo News, você já havia falado sobre esses movimentos. Amei sua explicação.
    Lutamos pela Democracia que as Ditaduras do PT ou de Bolsonaro não conhecem…

  29. Tânia-SP

    RA q bom tê-lo de volta!!!! Só vc pra dar uma resposta a estes fanáticos ridículos, q não fazem nada, a não ser criticar criticar e criticar, se dizem de direita mas agem como os ptralhas, não diferem em nada, agém como uma manada. RA, vc lavando a minha alma, eu estou sim c/ os meninos do MBL, pois pelo menos eles fazem, e só erra quem faz!.
    E dá-lhe RA……kkkkkkkkkkkkkkkk amei seu texto, hj os fanáticos piram kkkkkk

  30. baltazar de araujo cereto

    Ainda bem que você voltou.

  31. Cronos

    … Depois que um ministro do STF,em plena luz do dia,omitiu de forma desavergonhada um trecho da lei do Regimento Interno da Câmara, …O Brasil acabou.

  32. Leonardo Santos

    A tal moderação que alguns apregoam que o Bolsonaro esteja vivendo atualmente pode ser apenas uma estratégia pra se tornar mais palatável ao gosto médio da população brasileira que nunca foi afeita a extremismos. Lula agiu da mesma forma pra se eleger em 2002 e agora estamos cortando um dobrado pra tentar se livrar do petismo. Espero que a voz da razão e da legalidade prevaleça e não sejamos tragados a uma briga política cuja a principal derrotada seja a civilidade.

  33. Leonardo Carvalho

    É por isso, caro Reinaldo, que o melhor nome é Ronaldo Caiado. Ele não é estúpido como Bolsonaro e não é covarde como os Tucanos, uma oposição medrosa. É o melhor nome para 2018.

  34. Claudio / RS

    As coisa tomaram uma forma tão volumosa e obscura no nosso Brasil, sob o comando do PT, com todos os poderes, STF, STJ, PGR, CÂMARA DOS DEPUTADOS, SENADO, OAB, CNBB, e outros de menor escalão, subjugados pela lado negro da política petista, COMPRADOS A PESO DE OURO, fazendo de tudo para defender e garantir continuidade desse governo corrompido e corruptor, com um povo indolente, preguçoso e desinteressado, assistinado a tudo, sem esboçar reação.
    E, não me venham dizer que tivemos grandes manifestações contra esse estado de coisas… essa é uma lorota contada por comentaristas interessados em dar uma grandiosidade irreal aos fatos das manifestações.
    O Brasil tem 200 milhóes de habitantes, e última manifestação popular, segundo a própria mídia, TEVE POUCO MAIS DE 100 MIL MANIFESTANTES EM TODO O BRASIL… a própria manifestação dos petistas, que hove logo após, em dia de semana, FOI SUPERIOR.
    Queira Deus que não cheguemos ao ponto de REZAR PARA O EXÉRCITO TOMAR CONTA E ACABAR COM ESSA BAGUNÇA,

  35. Roger Scar

    Grande Reinaldo. Um texto repleto de verdades que colunista nenhum é corajoso o bastante para dizer. Aliás, colunista nenhum até hoje. Agora tem pelo menos um! rs

    A verdade é que a casta neoconservadora nacionalista, travestida com o uniforme de super-heróis verdes e amarelos, não faria nada e não fez anda de útil até hoje. Bolsonaro tem em sua trajetória o nacionalismo convicto, até que de uns dois anos pra cá começou, da noite pro dia, a dizer que é liberal e defender estado mínimo. Só quem é muito leigo e iludido consegue acreditar num teatrinho assim.

    Parabéns pelo texto!

  36. Kevin Lomax

    A TV e os jornais, fazem lavagem cerebral diariamente dizendo que o Impeachment não vai passar, que todos os políticos são iguais e que Dilma e Lula não sabiam do Petrolão. Os Donos do Brasil acham que o povo é trouxa. A verdade é que a Imprensa Comprada pelo Governo e totalmente de viés esquerdista, e os Grandes Empresários e Banqueiros que mamam nas tetas governamentais a 13 anos não querem a saída do Governo Corrupto da Dilma e do PT. Apoiaram a Ditadura Militar e fazem o mesmo com esse Governo.

    As empresas estão demitindo, mas os donos continuam ricos com suas mansões, iates e jatinhos particulares. Não esperem desses alguma reação contra a Orgazinação Criminosa. O país na maior crise da sua história mas os ARTISTAS, CANTORES, JORNALISTAS que fazem Selfie com Político Ladrão e JOGADORES DE FUTEBOL continuam com os seus salários milionários bancados por patrocinios e verbas governamentais para ficarem calados. Afinal, daqui a pouco tem CARNAVAL, OLIMPIADAS, NOVA NOVELA e BIG BROTHER. Para que reclamar??

    Os partidos de esquerda ditam as regras da Organização Criminosa, e os partidos de direita obedecem piamente em troca de cargos, emendas e migalhas da roubalheira. A oposição apanha e não reage, não fala grosso.

    Quem abre os jornais, pensa que o Aécio que é o Presidente e a Dilma e a esquerda bolivariana Oposição. A honrada e honesta Dilma que é a dona da caneta dá as licitações para os empresários malvados e corruptos e eles dão dinheiro para o PSDB da elite de olhos azuis golpista. Para tirar os pobres do poder.

    Não esqueçam também que a CRISE é culpa da Oposição…ok?? E os pais do Petrolão são o Mário Covas e Franco Montoro ou algum outro político já falecido.

    O sonho de todo comunista é ser burguês, e isso que aconteceu no Brasil, querem socializar a pobreza vomitando essas idéias para os ignorantes, enquanto os amigos do Rei aproveitam os luxos do capitalismo.

    As instituições estão totalmente aparelhadas. O STF é bolivariano e deu um golpe institucional na Câmara dos Deputados para barrar o Impeachment e proteger a pessoa que colocou eles lá.

    O Procurador Geral da República, só investiga o Eduardo Cunha e faz vista grossa para os corruptos do Governo.

    Até quando o povo vai ser saco de pancada??? To começando a acreditar que a única saída é o Aeroporto mesmo, como muitos brasileiros de bem estão fazendo.

  37. Vinícius De Freitas Silva

    Gosto muito de Reinaldo Azevedo e vou continuar gostando, mas, isso não impede que de vez em quando possamos ter alguma divergência.
    Evidente que a opinião de Reinaldo Azevedo deva ser respeitada e refletida mas, podemos debater e questionar algumas coisas.
    Eu não concordo com o posicionamento do autor sobre Jair Bolsonaro (embora respeite), acho que Bolsonaro representa uma alternativa política muito mais interessante do que qualquer outra apresentada pelo PSDB ou até mesmo o DEM.
    Jair Bolsonaro, tem bandeiras definidas e que atendem aos anseios de cidadãos brasileiros com posicionamentos mais a direita conservadora como por exemplo: 1 – Revogação ou Flexibilização do Estatuto do Desarmamento (Favorável ao comércio de armas e ao direito de defesa), 2 – Contrário a Legalização da Maconha, 3 – Contra a Política de Cotas, 4 – Contra a união estável entre homossexuais, 5 – Contra a ideologia de gênero, 6 – Defende a extinção do MST e o direito de propriedade, entre outras coisas…
    E o PSDB o que pensa sobre esses temas ?

  38. paulo bel cristovão

    Afinal, o Brasil como paciente de U.T.I. (que é) precisa no momento de tratamento de choque ou tratativas ministrados por gangsteres para tratar só os sintomas. Me parece que o aparelho estatal só poderá ser removido de forma enérgica!

  39. Lucas

    Acompanhando essa desavença nos grupos de direita, confirmo o que penso sobre a necessidade de um canal de notícias de direita (ou no mínimo isento) no Brasil. Se tivéssemos uma Fox news brasileira, com boa audiência e influência, o próprio veículo se encarregaria de filtrar o joio do trigo. Os profissionais que prezam a democracia, o estado de direito ganhariam mais destaque nos programas. Aqueles que flertam com golpismo, com teorias conspiratórias seriam postos a prova e, no mínimo, ignorados. Espero que alguém, ou algum grupo sério, possa concretizar isso.

  40. Patrícia L

    Muito feliz com o seu retorno, Reinaldo! Vc fez muita falta!

  41. vanius xavier

    Não é botina, chama-se coturno !!

  42. Diogo Federer

    Quanta inveja dos meninos do MBL e VPR! Torço pra fundarem um partido…
    Parabéns Rei, por colocar os pingos nos is mais uma vez.

  43. Paulo Eduardo

    Vejo muita gente nas mídiaa sociais pedindo uma tal de “Intervenção Militar constitucional”, ora, ou leram o capítulo da Contituicão que trata do tema e não entenderam patavinas ou se fazem de “doidos”, querem mudança? SAIAM DESSA POLTRONA e VÃO ÁS RUAS!!! Já ajuda muito.

  44. Leonardo Lourenço

    Não temos mais instituições sãs, esse é o problema. Foram todas aparelhadas, todas compactuam com esquemas sujos de poder cuja lógica, de democrática, não tem absolutamente nada.
    Se acha que desse caldo azedo vai sair um bom bálsamo, tome cuidado com a grande possibilidade de indigestão.

  45. Delane Lima

    Que bom que você voltou das férias merecidas, pois sem os seus textos para ler o dia fica sem graça.
    Tenho notado no Face uma campanha para desmoralizar esses meninos. A tática do PT continua nojenta, só espero que o povo tenha amadurecido depois de tanta falcatrua descoberta.

  46. Lets

    Reinaldo, concordo com algumas coisas, ou várias, que você escreveu sobre o Bolsonaro, mas ele vem ficando mais moderado, ou mais bem assessorado, só que a atitude de alguns bolsonarista faz com que pessoas que não o conhece já o despreza, mas essa história está mais para aquele negócio, a gente odeia o Flamengo, não por causa do clube, mas dos torcedores, a mesma coisa com Corinthians, Atletico-BH, SPFW, a gente diz que não gosta de tal clube, mas o que a gente não gosta mesmo é da torcida do clube

  47. FRANCISCO CARLOS LOUREIRO

    ReinaldoXXXXXXXXX na cascuda!

  48. Alexandre Joao Meneghini

    Excelente, já estava sentindo a falta do Tio Rei!

  49. Ronaldo Nogueira

    Prezado Rei,
    Antes de tudo adoraria lhe informar que sou leitor e ouvinte assíduo de suas publicações a alguns anos e lhe admiro pela enorme contribuição que faz no que tange a facilitação do entendimento dos fatos para população.
    Fico muito entristecido quando vejo especialistas políticos como você e outros tantos, que tem um grande poder de influência na sociedade, combatendo forças que podem nos ajudar a vencer um “mal maior”. Desculpe minha ousadia de critica-lo mas não consigo enxergar que o Bolsonaro seja um cara a ser combatido neste momento. Acredito que o Bolsonaro possa ser uma ótima opção para dar uma sacudida na imoralidade que a politica brasileira se transformou. Não acredito que ele seja o cara que vai transformar o Brasil porém precisamos de alguém que dê um “choque” pois com suavidade não dá para brigar com essa podridão que está nos assolando. A política, assim como quase tudo no Brasil, está em frangalhos e não podemos mais esperar que apareça um “ Jesus Cristo” para nos salvar. Temos que jogar com o que temos e não temos muitas escolhas e não temos mais tempo. Não temos agenda de nada e enquanto ficamos aqui planejando os vermes se aproveitam pois estes sim são muito unidos. Temos que aceitar que somos diferentes mas temos um objetivo bem claro em comum que é o de tirar essa corja do poder injetando um pouco mais de moralidade no pais.
    Não estou nem um pouco otimista pois não dá para ser com o nível de educação da população brasileira num todo. Temos que ser pacientes pois vai demorar muitas décadas, por mais que encontremos o caminho de educação da população para que ela possa tomar as melhores decisões. Enquanto isso viveremos muitos momentos de imposições ditatoriais. O que nos resta é lutar para que o que nos é imposto não seja para nos tirar do progresso.

  50. André Nogueira

    Reinaldo com conversa mole o PT não vai sair do poder nunca. Imagina o estrago que a sua retórica causaria ao esquema petista se não fosse a Lava a Jato, nenhum. E veja que mesmo em um escândalo de proporções mundiais o PT ainda se segura no poder. A situação brasileira é anormal, e o simples fato do Bolsonaro disputar a Presidência da República irá trazer renovação real para a política brasileira, ou será que essa função, na sua opinião, caberia ao PSDB?