Blog Reinaldo Azevedo

Reinaldo Azevedo

Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura

sobre

Reinaldo Azevedo, jornalista, escreve este blog desde 2006. É autor dos livros “Contra o Consenso” (Barracuda), “O País dos Petralhas I e II”, “Máximas de Um País Mínimo — os três pela Editora Record — e “Objeções de um Rottweiler Amoroso” (Três Estrelas).

Niemeyer e os zurros dos 100% idiotas

Por: Reinaldo Azevedo

Ai, ai, grande revolta no Twitter e também aqui porque me referi, num post publicado no fim da noite (abaixo), a Oscar Niemeyer, que morreu ontem, como “metade gênio e metade idiota”, na pista de Millôr Fernandes, que assim definiu um de seus parceiros de “Pasquim”. Os mais revoltados, como sempre, não leram o que escrevi. Os ainda mais revoltados leram e não entenderam zorra nenhuma. Escrevo para quem lê com o cérebro, não com o fígado militante. De fato, trata-se um de um artigo elogioso ao trabalho do arquiteto, não o contrário. A metade idiota ficou por conta de sua adesão estúpida ao comunismo chique.

Ora, vão plantar batatas! Fiz com ele, aliás, o que os comunistas não costumam fazer com seus adversários políticos: reconhecer a grandeza da obra, independentemente das escolhas ideológicas do autor. Niemeyer pode ter sido tudo – inclusive o arquiteto de primeira grandeza –, menos o “poeta” humanista que está sendo exaltado nas reportagens de TV. Muito pelo contrário.

Não houve tirano comunista – a começar do próprio Stálin, de quem era devoto – que não tenha incensado; não houve regime de força de esquerda que ele não tenha aplaudido. Reconhecer, a despeito disso, a sua obra é coisa que, data vênia, liberais conservadores como eu costumam fazer. Com os comunas, é diferente. Aqueles de quem Niemeyer puxava o saco mandavam e mandam seus desafetos para a cadeia ou para a morte. Perguntem se a Cuba de Fidel Castro reconheceu a poesia de Cabrera Infante ou de Reinaldo Arenas. Perguntem se as esquerdas admitiram a grandeza de Jorge Luis Borges.

Niemeyer como expressão humanista? Não mesmo! Tinha, sim – e também acho besteira negá-lo –, um talento imenso, que transcendeu sua indigência política. É bem verdade que, aqui e lá fora, contou com amplo financiamento de governos  – muitos deles eram ditaduras – para realizar seus monumentos. Mas nem isso me faz mudar de ideia. Mesmo os artistas “da corte”, se genuinamente bons, conseguem superar a contingência de estarem atrelados ao poder. Não que esteja comparando, mas é o caso do maior poeta de todos os tempos, Virgílio. É o caso de toda a arte renascentista. A produção não precisa ser marginal ou contestar valores dominantes para ser grande. No ensaio “O que é um clássico?”, Eliot empresta essa condição a Virgílio justamente porque o vê como a síntese de uma civilização triunfante.

Na verdade, fiz um elogio ao Niemeyer arquiteto, não o contrário. E deplorei uma vez mais sua ideologia, que justificava os piores facínoras. Mas a turma que zurra e escoiceia, sem entender uma linha do que leu, mandou brasa.

Entendo a razão. Andei lendo alguns perfis derramados que já estão nas redes e nos jornais. Curiosamente, fala-se pouco do arquiteto e muito do suposto humanista. A sua adesão ao comunismo (ou a defesa que fazia do regime, já que militante propriamente nunca foi; dava dinheiro para a causa), curiosamente, é apontada como um dos traços de seu… humanismo! Ora, tenham paciência! Isto, sim, é nauseante e evidencia uma crise de valores que toma conta de setores consideráveis da imprensa.

O que há de glorioso em defender tiranias?
O que há de generoso em apoiar ditaduras?
O que há de humanista em apoiar homicídios em massa?

Se Niemeyer fosse um fascista, estaria a merecer essas considerações? Não! E seria justo que não! Por que um fascista deveria ser elogiado por sua ideologia? Mas me respondam: e por que deve um comunista? Leio coisas assim: “Ele amava a vida!”. Certamente não a dos que morreram nos gulags. Qual é?

Ao arquiteto Niemeyer, a metade genial, o meu aplauso. Ao comunista Niemeyer, a metade idiota, reitero o meu desprezo. Abaixo, um pequeno apanhado dos zurros (conforme o original):

O André Mortatti escreve:
“Que triste lê-lo, Reinaldo. És um completo idiota. triste testemunhar tua imensa ignorância.”
Onde está a minha “ignorância”? Ele não disse. Só não refreou o desejo de me ofender.

O Rodrigo, à diferença de Niemeyer, acredita em Deus e, segundo entendi, decidiu encomendar a minha alma, como faziam os inquisidores quando condenavam alguém à fogueira para o seu próprio bem:
“Deus há de aplacar essa animosidade delirante que você têm dentro de você e te dar paz.”

O José Natalino, que não tira as duas mãos do chão por convicção, escreve isto:
“O Sr. é de extrema direita. Tenho nojo… felizmente pessoas como o Sr. são vistas como lunáticos… ninguém o leva a sério… claro que esxistem os debeis mentais que lhe adoram.. mas são isso… débeis mentais insignificantes… sem o salario do psdb o Sr nao seria um mero idiota falando bobagens”
O Natalino esqueceu que era Niemeyer quem levava dinheiro dos governos, de qualquer partido, para erigir seus monumentos.

O Fernando Freitas já acha que a crítica só deve ser feita por celebridades. Segundo o seu critério, uma opinião de Tiririca sobre filosofia é mais importante do que a de Schopenhauer:
“Esse Reinaldo Azevedo é o famoso quem mesmo?
Para a maioria do povo brasileiro ele é um ilustre desconhecido metido a intelectual sem passar de um mero “IMBECIL”, só tenho um adjetivo para esse senhor. DESQUALIFICADO!!!!!”

O Luiz Gonzaga ficou sem palavras:
“que desespero de ler isso”.

O Thiago escreveu o texto impossível:
“Ainda bem que ninguém liga para o que você pensa.”
Ninguém, exceto o… Thiago!

A Maria da Piedade Peixoto dos Santos, veio com todos os seus sobrenomes:
“Reinaldo há muito tempo não tenho o desprazer de ler um texto tão fora de propósito como esse seu amontoado de bobagens. Um gênio com Niemeyer prescinde de ser unanimidade, já que a unanimidade é burra, como pontificava Nelson Rodrigues. Aceito que vc ache isso que disse dele. Mas hoje, só hoje … porque não te calas, Reinaldo?”
Não sei se entendi direito, mas acho que ela me pediu para ser burro só por um dia…

O Ney Torres parece que andou consumindo ideias pesadas. Ou comeu muita banana Leiam:
“Que me desculpe a revista VEJA mas este “jornalista” só podia está bêbado ao escrever tamanha idiotice…chamar de idiota os defensores do anticapitalismo só pode vir de alguem que não enxerga q o capitalismo está se destruindo.É nítido que esse câncer está agonizando…”
Agora que sei que o capitalismo vai acabar, vou me preparar para ser um chefe comunista…

A Catarina decidiu fazer uma digressão sobre a língua portuguesa. Vejam com que graça:
“Caramba, que tristeza…
A língua portuguesa, nos presenteada por tantos poetas e escritores, retorcida e deformada para tomar a forma de um texto deplorável.”
Se eu verter o que ela escreveu para o português, talvez entenda…

O Fábio Oliveira acha que o comunismo não é coisa deste mundo:
“Cuidado! O céu com certeza é mais comunista que capitalista. Quando você chegar lá, esses idiotas vão te pegar! corre cabeçudo!ah ah ah!”
Alguém me explica por que ele riu? 

A Anelisa já é, assim, mais visceral:
“Nojo de cada palavra que você escreve.”

Retomo
E assim segue uma parcela da humanidade, zurrando com desenvoltura. Tive a delicadeza – não que devesse isso a ele; devo à cultura – de distinguir a obra de Niemeyer dos regimes homicidas que ele defendeu. Apontei a metade idiota de um vivo (não de um morto!!!), reconhecendo o que chamei de “metade genial”. Ele próprio considerava que a morte de 40 milhões na União Soviética ou de 70 milhões na China era o justo preço que se pagava por uma utopia.

A sua metade idiota era também asquerosa. Nunca se preocupou com os poetas, os músicos, os bailarinos, os escritores e os arquitetos que a União Soviética e os demais países comunistas mandavam para os campos de trabalho forçados. Se chamado, iria lá e ainda construiria um de seus monumentos para abrigar os “reacionários”. Em nome do povo!

Vá estudar, cambada de 100% de idiotas!

PS – Viram só de quanta coisa eu os livro impedindo essa gente de tomar conta dos comentários? Aqui não! Eles até podem me ler porque são viciados em mim. Mas sem direito a voz e a voto na nossa casa. Há milhares de blogs por aí precisando de gente assim, certo?

Voltar para a home
TAGs:

Comentários

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

*

1.043 comentários
  1. Pedro Lucchini

    Parabéns! Excelente!

  2. julio mendes

    Conheci um musico em Floripa que eh um genio musical. Foi convidado pra morar na Espanha e tocar numa banda.Mudou de pais pra nao voltar mais. Mandou os amigos vigiarem e ex.namorada para que nao o traisse. Eh um genio na musica e um idiota em relacoes amorosas. Um talento em um lado pessoal nao impede ser imbecil em outro aspecto humano.Isso eh mais comum do que se pensa.

  3. Leo

    Reinaldo, parabéns. Gosto muito do seu blog. Me anima em saber que há pessoas com senso critico. Que pesquisam e defendem seu ponto de vista. E acima de tudo apresenta os FATOS. Coisa que estes COMUNISTAS de sofá fazem vistas grossas. E espero que nosso BRASIL jamais se torne COMUNISTA.

  4. cecilia bueno tonon

    Fiz o teste da VEJA e confirmei que sou conservadora, graças a Deus! Li seu livro e fiquei sua fã. Quanto ao Niemeyer, só não vê quem não quer e não conhece Brasília: além de tudo, tinha complexo de tatu. As enchentes já andaram incomodando por aqui e quero ver como ficará a “genialidade” desse comunista. Queria ver tb se não houvesse o capitalismo onde as obras dele teriam sido feitas!

  5. Lucia

    Outro texto excelente e que põe por terra os “argumentos” de Boff em defesa do comunista pode ser visto no endereço http://torreleste.wordpress.com/2012/12/11/leonardo-boff-mestre-das-palavras-vazias-desmistificando-um-falso-debate/

    O blogueiro chamou com propriedade de mestre das palavras vazias o inimigo confesso de toda e qualquer virtude.

    Boff vê comunismo ético em Niemeyer. É possível que no futuro também escreva sobre o terrorismo ético de Césare Battisti.

  6. TANIA FONSECA

    REINALDO, SO PARA COMPLETAR, EU GOSTARIA DE VER COMO SE COMPORTARIA, A PLEBE RUDE, SE O NIEMEYER SE PRONUNCIASSE PUBLICAMENTE COMO UM BOM CAPITALISTA, SERIA TRAGICOMICO, NAO E?????/

  7. TANIA FONSECA

    REINALDO, EU JA TINHA LIDO E ATE DISCUTIDO SOBRE A SUA VISAO DO HOMEM NIEMEYER, (NAO CONFUNDIR COM O ARTISTA NIEMEYER), O QUE A PATULEIA NAO SABE DISTINGUIR, E NEM PODERIA, NAO E??????

  8. Matheus Panssonato

    EU LEVO O REINALDO A SERIO E ENTENDI O TEXTO DESDE A PRIMEIRA VEZ

  9. Lucia

    Muito bom Reinaldo. Não se deixe intimidar pelos soldados adestrados da esquerda raivosa. Opiniões como as de Boff e cia não contam. Você mandou muito bem. Disse o que era o sentimento de muita gente. E disse pouco. Muito mais poderia ter sido dito sobre o “grande” arquiteto. Vá em frente Reinaldo.

  10. Anderson

    Parabéns Reinaldo. Mandou bem. Você precisa aprender a escrever em uma linguagem mais popular. As pessoas nem notaram que você elogiou o arquiteto. Simplesmente não entenderam o texto. O que prova a grande massa de manobra que existe no pensamento brasileiro que conduz ignorantes para onde se deseja. Bastou uma crítica ao regime comunista que logo os apologistas desta doutrina espúria conseguiram deturpar o teu texto a ponto das pessoas simplesmente não compreenderem. Parabéns. Só não concordo quando você diz que ele era metade gênio. Suas obras são lamentáveis e serviram basicamente aos governos que ele fingiu a vida inteira combater.

  11. anônima RJ

    Caro Reinaldo,
    Parabenizo sua coragem em expressar seu pensamento com extrema crueza.Sem meias palavras.
    Tenho 60 anos, nunca fui militante política, nunca gostei de direita e muito menos da nossa esquerda Burra, que sempre louvou Cuba. Como admirar um país que sempre tolheu o direito básico de sua população, o de ir e vir, deixando seu povo com décadas de atraso e que praticava exatamente a mesma violência que os militares de direita praticavam aqui? Realmente não consigo entender!
    Concordo com você integralmente quanto a admirar o gênio na arquitetura que foi Niemeyer, e cito uma reportagem que li anos atrás e que me chocou muito, tanto que passei a vê-lo pela mesma ótica que você o vê: Niemeyer dizia que ” o brasileiro não quer casa própria e sim quer um salário digno para poder pagar aluguel e viver decentemente”. As palavras certamente não são as mesmas que ele usou, mas o sentido o é. Que comentário mais infeliz, de quem viveu sempre no meio da nata,com casa própria e afastado do povão. O sonho de todo brasileiro é ter sua própria casa, podendo arrumá-la ao seu bel prazer, sem sofrer a constante ameaça de despejos,etc.

  12. Ramiro

    Reinaldo, só acho que o título “metade gênio, metade idiota” é agressivo. Talvez, você poderia ter pegado mais leve no enunciado. Seu texto é excelente, compartilho com cada palavra escrita, por isso adoraria que o maior número de pessoas o lessem. Mas se você analisar bem, o seu enunciado repele uma grande quantidade de pessoas que, às vezes estão buscando somente outro ponto de vista.

  13. maria paula

    Se não estou de acordo com o enunciado agressivo (50% gênio, 50& idiota), estou com o conteúdo. Para chegar a ser aprendiz de humanista o homem Oscar teria que nascer de novo, já o arquiteto Oscar fica no panteão dos gênios da raça.

  14. Anónimo

    Ri muito, Reinaldo, com a Maria Piedade. Nesse pasto que virou o Brasil, você é necessário!

  15. Fernando

    Reinaldo, parabens: o tamanho da Sua grandeza é confirmado pelos insultos dos idiotas.

  16. kleber

    Meus parabéns Reinaldo, pela firmeza de suas ideias e argumentos. Infelizmente as pessoas com cérebro neste Brasil estão em extinção.

  17. Luz

    É, estou vendo como o nosso país está se tornando aos poucos um país comunista, que pena! E junto está acabando o direito à liberdade de expressão, e ninguém enxerga isso.Parabéns Reinaldo, por lutar pelo seu direito, ao menos!

  18. Marco Gemaque

    Ainda bem que a arte está acima do bem e do mal: a arte de Niemeyer. Viva ao concretismo e as curvas.

  19. Clarice

    Interessante a humanidade – quem pensa e incomoda a unanimidade, a parte incapaz de exercitar o pensar, exatamente pela impostura de quem a domina, manipula e explora, sempre esbraveja ruidosamente perante os que são capazes de pensar com lucidez, autonomia e altivez. A história comprova isso.
    Causa?
    Escancara o equívoco, o engodo, a mentira em que essa parte vive, alienada de toda verdade redentora! Compreensível – a perspectiva da liberdade doí e assusta porque arranca o ser de uma ilusória e falsa zona de conforto!
    Parabéns pelo trabalho corajoso de favorecer o despertar dos que dormem sem saber que dormem – já que são incapazes de pensar!!!!!!!!!!!

  20. André

    Reinaldo Azevedo, você provavelmente não vai ler esse comentário, mas, de qualquer forma, não deixe os alienados esquerdopatas contaminarem sua mente com idéias comunistas. Não há nada de ofensivo em seu texto, apenas verdades. A única coisa que discordo com você é que ON não era sequer gênio. Nunca vi um arquiteto projetar tanta obra que alia o inútil ao desagradável.

  21. Leonardo Fiad

    Em replica a Santana (14:31). Amigo, respeito a sua opiniao, mas, para mim, a secao de comentarios de um blog so faz sentido se os comentaristas tiverem a liberdade de discordar do conteudo postado. Eu – e acredito que voce tambem – quero ter a liberdade de “zurrar” aqui sempre que entender necessario. Aposto que o Dirceu censura os comentarios contrarios as publicacoes no blog dele. E acho que, tambem neste ponto, deveriamos nos diferenciar dele e dos outros petralhas/totalitarios de toda sorte. Saudacoes.

  22. Gunther

    Não dá para criticar nem o Fidel Castro, muito menos esse sujeito, que no máximo, celebrou contratos bilionários com governos (e nó$ $abemo$ muito bem o que é preci$o para vender alguma coi$a para um governo $%$%$%).
    A massa abestalhada não vê maldade nessas pessoas nem mesmo quando elas confessam.
    Lembro-me de um caso ocorrido nos tempos em que o governo militar era acusado de ser responsável por onze de cada dez problemas brasileiros.
    Em 1985 vi um debate entre Roberto Campos e Luis Carlos Prestes na TV CULTURA SP; Prestes disse com todas as letras “não acredito nesse socialismo democrático; acredito no socialismo pelas armas, o socialismo como a ditadura do proletariado”.
    Nem confessando o cara foi afrontado.

  23. Regina

    O cara era um genio, e não um santo. Concordo com tudo o que vc disse. Está havendo um “endeusamento” dele.

  24. Chris

    Reinaldo, eu havia sido achincalhado em casa pela familia, na noite de ontem, simplesmente por ter dito “maravilha, um comunista a menos….já vai tarde!”. Ninguém compreendeu o que eu disse. Regozijo-me aqui, portanto, ao ler suas considerações acerca do tema! Igualmente, sei muito bem separar o ‘Oscar arquiteto’ do ‘Oscar cidadão’. Quanto ao primeiro, só a enaltecer por conta de seu legado arquitetônico; quanto ao segundo, bem…..nada tenho a acrescentar ao que já foi dito aqui por vc. Só tenho a dizer que execro, tenho verdadeira ojeriza ao comunismo e especialmente ao PT e petistas em geral. Só tenho a lamentar que um homem tão inteligente e com uma mente à frente de seu tempo pudesse ser ao mesmo tempo tão obtuso e ignorante. Pobre Oscar que, agora, certamente, talvez esteja refletindo sobre suas convicções atéias esteja onde estiver. Infeliz de nós que vivemos neste tempo, onde a grande maioria das pessoas convencionou enxergar a vida através de óculos cor-de-rosa, onde tudo é lindo, todos são ótimos, o que há de ruim é culpa da ‘imprensa golpista’ ou ‘intriga da oposição’, e nós que ousamos pensar com as nossas próprias cabeças somos chamados de ‘débeis mentais’. É muito triste esta época PC que vivemos, argh! Precisamos de mais Azevedos e Mainardis escrevendo o que pensam. Bola pra frente e que se explodam os petistas! Ah, já estava quase me esquecendo: um comunista a menos: viva!!

  25. fernando

    Um dia Millor disse: eu desconfio do idealista que lucra com seu ideal. É fácil ser comunista sendo reverenciado e com grana no bolso.

  26. Darci Petrucci

    Boa noite Reinaldo.
    Sou seu leitor de blog e de livro assíduamente. Hoje lendo o blog lí que voce foi criticado por um locutor de uma radio de rock.Na hora eu deduzi quem podia ser o camarada,pois eu em quanto leio ouço a dita cuja porque gosto deste tipo de musica.Não é que agora pouco ouvindo a tal radio o tal locutor disse que gostou do que o Boechart disse hoje, não sei se foi na tv ou na radio Band e tambem não o que ele falou. Depois de ter lido o post que voce escreveu sobre a razão da demissão do Boechart entendi a revolta da petralhada.A tal radio é a Kiss FM o tal locutor chamam-no titio Marco Antonio este cara tambem é um petralha apoiador dos tiranos assassinos mas ganha a vida tocando musicas americanas,um colonizado hehehehe.
    Abraços e vamos em frente

  27. Herbert

    Parabéns Reinaldo. Vc não precisa de elogios, pela verdade que vc divulga no seu blog. Vc precisa q eu compre seu livro para fundamentar cada vez mais meu ódio pelo PT.

  28. Daniel

    Foi bem na resposta! Eu, que havia ficado indignado com o título do 1º texto, agora entendi! Acho q seu erro foi ter chamado o cara de “meio idiota” um dia depois de sua morte, o pessoal ainda estava meio sensibilizado.

  29. Teresa Q

    Inacreditável a loucura desse pessoal. Provavelmente a maioria que vocifera jamais viu uma obra do grande “gênio” da arquitetura brasileira. deveria ver aquele capacete branco dos soldados de Darth Vader, que está plantado na Esplanada dos Ministérios, a nossa Biblioteca Pública. Eta predinho feio. Talvez não tenha sido o grande gênio, o autor da fealdade, mas alguém do seu escritório, só assim se explica tamanha falta de estética. Sem falar do pirulito projetado também para a Esplanada, que o DF inteiro rejeitou.

  30. Roberto

    Sr. Reinaldo.Estou lhe escrevendo para dizer que estou meio que espantado como as pessoas lhe achincalhando, por causa do que o senhor escreveu.Pessoas que não têm respeito a divergência e ao espirito republicano e democrático.Pessoas que acham que o pensamento têm que ser formato único.Geralmente estas pessoas são as pessoas do politicamente correto, e só são assim por que o politicamente já têm cara e não precias raciocinar, pois para estas pessoas pensar dói e por isso não conseguem pensar.Já disse um escritor “toda unânimoidade é burra”.Concordo que Oscar Niemayer foi um grande arquiteto, mas isso não quer dizer que foi um grande homem.Era muito intelignete para uma coisa e não era para outra.Uma pessoa têm direito de acreditar no comunismo, como também têm o direito de ser idiota.Coisa que realmete eu acho e por isso concocrdo com o Sr.Pois só sendo idiota para ser comunista nos tempos de hoje, se nem a Russia não mais o é.Um grande homen não fecha os olhos para as violações dos direitos dos soldados alemães capturados pelos sovieticos, um grande homen não fecha os olhos para as violações dos direitos humanos em Cuba,Por isso penso que Oscar Niemayer foi apenas um grande arquiteto.Pois como pensador deixou muito a desejar,como ser humano deixou muito a desejar.Agradeço pelo Sr.ser um voz discordante,pois acredito na divergênca e na discordãncia como meio de reparar erros.Espero que Sr.continue discordando quando achar que deve e concordando pelo mesmo motivo.quantos aos que não respeitam esta máxima da liberdes individuais.Que se mudem para CUBA.

  31. quadrilheiro condenado que vai ganhar boquinha em sampa

    Eu só acho que vc não deveria publicar o ome dos autores dos comentarios, não…Agora elles vão ficar pulando e gritando : EEEEEEEEEEEEEE , O REINALDO PUBLICOU MEU COMENTARIO..faz isso não Reinaldo .Se quiser, para nos divertir, publicar os comentarios, o faça , vamos rir um bocado , mas não publique os nomes não, pois é isto que estes “unanimes” querem..

  32. Ederson

    Não sou intelectual nem escrevo tão bem quanto esse pessoal moderado nos seus comentários, aliás é a primeira vez que comento um post de blog. Acredito que poucas pessoas que opinaram a respeito conheceram pessoalmente este grande arquiteto para dizer se ele era gênio ou idiota, conheceram suas obras, e assim como vc, conheceram suas ideologias políticas. Mas da mesma forma como procedeu Niemeyer em defender o que acreditava ser certo, vejo vc defendendo sua opinião, que parece ser bem fundamentada. Repito, não sou do mundo das letras, só quero citar uma frase de Voltaire que li numa história em quadrinhos do Demolidor: “Posso não concordar em nada com o que diz, mas defenderei até a morte o direito de dize-lo”. Não compartilho sua opinião sobre ele, que para mim é um verdadeiro herói nacional por ter sido reconhecido pela sua genialidade e não pelo seu futebol ou sua bunda, mas respeito sua coragem em dizer o que pensa.

  33. quadrilheiro condenado que vai ganhar boquinha em sampa

    Tá brabo . ELLES dizem que a “unanimidade é burra” e ficam te atacando porque você não aderiu á “unanimidade”. Vai tentar entender esta gente.. Eu nem me atrevo , se tentar posso ter uma diarréia mental.

  34. iassai

    Ouvi alguém dizer que ele estaria redesenhando a Via Láctea. Como pode? Se Deus o concedesse um autojulgamento, estaria autocondenado a ser somente pó, nada mais.
    É uma pena que tenha feito do pó as mais excelentes obras, e ainda assim, sua mente não foi capaz de dar a sua essência nada mais do que somente pó.

  35. Gonçalves

    Parabéns pelos textos Reinaldo! Estarei sempre solidário a pensamentos anti-idiotizantes como os que você costuma fazer. Fiquei pasmo de ver o quanto se escreveu e se falou sobre a morte desse senhor. Realmente um grande arquiteto, mas péssimo formador de opinião.

  36. Leo Angelo

    Por que não atacar também o arquiteto que ele foi? Ora só é adorado aqui, e só é reproduzido aqui! Quem mandou flores para ele no funeral foram os cubanos, não por sua estética, mas por sua “causa”. Como arquiteto ele também não era gênio coisa nenhuma… dos principais nomes da arquitetura mundial segundo qualquer órgão sério ele nem aparece.

  37. Tulio Shibata

    Caro Reinalo, cirúrgico e perfeito. A questão foi muito simples e básica para esta cambada ficar tão raivosa assim. Tal qual Oscar Niemeyer a lista, de distintas pessoas que você mencionou, não dão a mão a palmatória por defender o comunismo que já teve sua chance para se firmar como a panaceia do mundo, mas que por suas próprias mazelas foi autofágico, quase acabou não fosse outro quase centenário que insiste em não desencanar. Parece querer viver 1000 anos para saber se sua imbecil revolução comunista prosperará. Centenários e turrões, não percebem que os 110 milhões de vítimas não deixam seus descendentes e a maioria do mundo pensarem como os 50% de idiotice do Oscar Niemeyer, a despeito de ter sido um gênio da arquitetura, e tão pouco como os 100% de idiotas que não entenderam o que foi dito no texto do Reinaldo. Ou seja, a rajada de destemperos desta turma é simplesmente por que são 100% esquerdopatas, não entendem nadinha de nada das virtudes do arquiteto que se foi.

  38. philipe caldas

    muito bom, e didático ,tb, reinaldo! como podem existir tantos cínicos, idiotas, burros e hipócritas???????foi o que vc,mais ou menos, disse num post: aqui o sujeito,dependendo d quem for -de preferência um canalha- morre, e é alçado a santidade …interessante uma foto do arquiteto de camisa lacoste…

  39. roberto caldeira soares

    ACHO QUE NÃO EXISTE, REINALDO, NENHUM ALUNO DE 2º GRAU QUE NÃO SEJA ADMIRADOR DO MARXISMO-COMUNISMO-SOCIALISMO, JÁ QUE TODOS OS LIVROS PEDAGÓGICOS DE HISTÓRIA SÃO UNÂNIMES EM ENDEUSAR MARX,FIDEL, MAO TSE TUNG,STALIN E CIA, SATANIZAR O CAPITALISMO E O REGIME MILITAR BRASILEIRO, ALÉM DE ESCOLHEREM HITLER COMO O ÚNICO GRANDE GENOCIDA DO SÉCULO 20.ESCAPAR DESSA LAVAGEM CEREBRAL MACIÇA E AVASSALADORA É COISA QUE DEMANDA MUITOS ANOS DE LEITURAS ESCLARECEDORAS E CONTRÁRIAS À MATRIX COMUNISTA. E É SINISTRO CONSTATAR QUE A MAIORIA DOS ESQUERDISTAS SÃO COMO TORCEDORES DE FUTEBOL, UMA VEZ FLAMENGO (MARX E CIA), FLAMENGO ATÉ MORRER, MESMO COM TODA A CORRUPÇÃO E PERVERSIDADE ESCANCARADAS E ESCANDALOSAS QUE REINAM EM QUALQUER GOVERNO ESQUERDISTA…COMO O NOSSO.

  40. Marcus Lucius

    Gostei do texto e dos seus argumentos,sóbrios,para qualificar o senhor Oscar Niemeyer de “idiota” .Um dos grandes mitos do jornalismo é a imparcialidade. Seu texto,parcial tal qual os demais,é interessante pois oferece uma avaliação distinta das que estamos sendo “bombardeados” nesses dois últimos dias sobre o “desaparecimento” do famoso arquiteto e seu legado profissional,questionável em alguns aspectos, e humano, questionável também em alguns aspectos,mas apenas na sua coluna discutido.Parabéns pelo debate.

  41. Santana*100

    Em resposta a Leonardo Fiad – 07/12/2012 às 9:24h
    Não discordo da sua opnião. Mas o correto é: Cada macaco no seu galho. Não podemos dá voz nem vez a essa GENTÁLIA.

  42. Ali

    Reinaldo, acho que vc não deveria ter publicado nenhum desses “troços” aí. Me deixou com “menas” esperanças de que, um dia, esse país tome o rumo correto. Esses retardados de cabeça feita são o resumo do que acontece nas nossas “faculdades pé-de-chinelo pagas com dinheiro público do ProUni e pelas cotas irracionais”… lamentável. Qdo um vigarista chapa-branca morre todo mundo é obrigado a adorá-lo como “çer umanu” e “lutador da liberdade estilo cubano”… vão plantar batata na coréia do norte.

  43. Felipe Dessoy

    Justo, poderia dar um adjetivo mais elaborado e grandioso para seu dois textos (este e o outro alvo de críticas) mas não vejo outra palavra em minha mente para defender o que você escreveu. Com o melhor sentido da palavra.

  44. Marcelo - Vítima da Bancoop

    Eu queria saber se a tal Anelisa também tem nojo de ditadores assassinos ou é só do Tio Rei mesmo, que insiste em ser lógico e dizer a verdade. Anelisa, fala aí, companheira.

  45. Synara

    Reinaldo, parabéns pelo texto sobre Oscar Niemeyer. Sabemos que, as pessoas de cabecinha vazia, acreditam que quem morre vira “santo”. O cara era comunista de carteirinha mesmo, defendia ditadores assassinos e lambia o chão que o Lula passava. Além disso, se enriqueceu às custas dos cofres públicos com suas obras prá lá de superfaturadas durante a construção de Brasília. Não deve ser poupado!

  46. Ivan Rocha

    Como é bem direcionado o senso crítico ideológico: falta-lhe essencialmente o senso… É bem possível que reescrevam a história, com uma comissão mundial da verdade, respaldada pela ONU, dizendo que os 40 milhões na Rússia e os 70 milhões de mortos na China, pelo comunismo, foi um trabalho avançado para o seu tempo, movimento precursor da política de redução de dano… Esses sociopatas são capazes de conseguir, com aval da ONU, esse feito… afinal o comunismo, repaginado de socialismo, está bem ativo, como prova o fórum de São Paulo…

  47. Francisco

    Este tal de Ney Torres afirma que o capitalismo está agonizando? Sugiro que ele de uma volta no shopping da sua cidade e veja toda a agonia do capitalismo.
    O natal deve ser bullying para os comunistas e o Papai Noel é o Bullyinador.
    http://www.facebook.com/Revistacalibre

  48. Pinheiro

    Caro Reinaldo,
    Não vejo problema algum em você expressar sua opinião quanto à personalidade de Niemeyer. Ao meu ver, o titulo poderia ser menos agressivo. No entanto, esta aversão ao ideal comunista manifestada em seus texto, recai em um erro clichê de fazer um paralelo entre o ideal comunista e governos autoritários. É certo que governos com ditos ideais comunistas, se tornaram autoritários e corruptos, o que não deturpa completamente o modelo comunista. Não estou defendendo o comunismo nem Niemeyer, apenas tentando equacionar as ideias e alcançar o ponto de equilíbrio. A demais uma frase de Carlos Lacerada: “Rara é a pessoa capaz de pesar os defeitos dos outros, sem botar um dedinho na balança para acusar um pouco mais do peso” Grato pela atenção.

  49. Daniel Pereira

    “Não somente as obras e pensamentos faz do indivíduo um ídolo. Se não conhecermos a história de vida do ilustre, é a mesma coisa que sermos manipulados como marionetes; sem alma.”

    Basta morrer uma figura pública e lá vem uma horda de “fãs”, postando frases e pensamentos do falecido. Não entendo a tamanha hipocrisia sem antes o conhecer a história de alguém – no caso do Niemeyer, por exemplo – que defendia abertamente a ideologia vermelha, que ceifou milhares de vida no século passado. Tudo bem que as grandes obras deles são fantásticas e monumentais, mas trazem a não-percepção pela maioria que sequer sabem quais inspirações tinham por trás disso.

  50. Adriano

    Reinaldo,
    Sempre digo para a minha mulher que um jovem idiota tem grande probabilidade de vir a ser um velho idiota. A juventude e a velhice são circunstanciais, mas a idiotice (salvo a congênita, nos termos médicos) normalmente é uma opção, um ato de não fazer uso dos próprios neurônios. Niemeyer foi um gênio da arquitetura, sim, e ajudado por governos ou micenas, como tantos outros artistas, o que não embota o valor de sua obra profissional. Mas no campo político era um aproveitador ou pelo menos um romântico acéfalo. Particularmente eu o vejo como um comunista-chique, que só vivia em cidades “top” e gozava de todas as benesses das democracias sonhando em acabar com elas. Foi-se um grandioso arquiteto e, ao mesmo tempo, um grande equivocado sobre o mal que as ditaduras trazem consigo…