Blogs e Colunistas

09/11/2011

às 15:46

Militante trotskista usa “Jornal Hoje” para anunciar desaparecimento do filho com intenção de incriminar a PM. ERA TUDO UMA FARSA! Eis a verdade documentada

Há pouco, no Jornal Hoje, informava a repórter ao vivo, para todo o Brasil:

“Nós conversamos há pouco com o senhor Heitor Cláudio Silva, ele que é pai de um diretor da UNE, da União dos Estudantes, ele disse que o filho está desaparecido há mais de 24 horas, que não em notícias do filho. A última notícia foi uma foto que ele viu na terça-feira, num site da Internet, e isso, esse sumiço, foi aqui, depois do protesto, em frente à Reitoria. Ele vai registrar queixa no DHPP”.

Dizer o quê? Diretor da UNE, participou do protesto, não está na lista oficial de presos, está sumido… Que Polícia horrível esta de São Paulo!!! Talvez um dia ela seja tão boa quanto a do Rio, né? Não só é suspeita de plantar coquetéis Molotov e de depredar a Reitoria como pode, também, seqüestrar estudantes libertários…

Agora a verdade.

O senhor Heitor Cláudio Silva, como deixa clara a sua página no Facebook, onde ele fez a “denúncia”, é um professor, militante da Apeoesp e do PT. Encontram-se lá imagens como estas:
pai-da-apeoesp-dois

pai-da-apeoesp1

“Liberdade e Luta” é o nome de uma organização trotskista, a lendária “Libelu”, depois denominada “O Trabalho”, que acabou se incorporando ao PT, embora alguns de seus membros insistam em manter sua identidade até hoje.

No Facebook, com o coração trincado de pai, Heitor Cláudio anunciava:

“AOS CAMARADAS COMPANHEIROS E AMIGOS.
ESTAREI EM REUNIÃO COM O COMPANHEIRO ADRIANO DIOGO PARA ENCAMINHARMOS AÇÕES EM RELAÇÃO A MEU FILHO. PEÇO-LHES, POR FAVOR QUE REPERCUTAM NAS COMUNIDADES. AGRADEÇO ANTECIPAMDAMENTE TODA ESSA FORÇA.”

Adriano Diogo é deputado estadual do PT.

Até aí, dirá alguém, o filhote poderia mesmo estar desaparecido. Digamos que sim. Seria de se lamentar. Mas qual é a sugestão? A de que a Polícia é a culpada, certo? Não! Mais do que isso: ele faz uma acusação mesmo!

Bem, o rapaz foi “localizado”, né? Uma amiga do pai aflito, Luciana Regina Moura, “professora de dança do ventre”, anuncia lá:
“Galera!!! Carlos Henrique ja foi localizado”

Mais uma mensagem do pai, professor (espero que não de língua portuguesa) e militante extremoso no Facebook, antes de o rapaz “aparecer”:
“AINDA NÃO OBTIVE NENHUMA NOTÍCIA MAS, APÓS AS 24 HORAS, CONFORME COMBINADO, IREI PRESTAR QUEIXA CONTRA A PM PELO DESAPARECIMENTO DE MEU FILHO. NO DP DIZEM QUE ELE NÃO ESTEVE POR LÁ.
IREI JUNTO COM A REPORTAGEM E, CLARO, COM ALGUM INTEGRANTE DE MINHA ORGANIZAÇÃO POLÍTICA.

ESPERO, PORÉM, QUE ELE ESTEJA À SALVO EM ALGUM LUGAR E QUE TUDO NÃO PASSE DE NEUROSE MINHA!
O QUE MAIS DESEJO NESSE MOMENTO É VER O SORRISO DE MEU FILHO!
TORÇAM POR ELE! TORÇAM POR MIM!
“A REVOLUÇÃO NÃO TRARÁ SOMENTE O PÃO, MAS O DIREITO A POESIA”
(LEON TROTSKY)

É isso aí. Como a gente vê na mensagem acima, ele anuncia que vai usar a imprensa para o seu trabalho de militância política. E usou: um noticioso da Globo em rede nacional.

Alô, extremistas de esquerda! Vocês têm alguma denúncia a fazer contra a Polícia de São Paulo, o capitalismo, o neoliberalismo ou a revolução industrial? Verifiquem se não há um repórter da Globo por perto, ávido por “informações”. Mas tem de ser alguém que não acredite na polícia, mas que acredite no que diz um militante trotskista, tá?

Assim caminham as coisas.

Ah, sim — Onde estava o rapaz? Na casa da mãe dele, ora essa! como diretor da UNE e morador do Crusp, certamente incitiou a resistência, mas não ficou para ver o resultado. Sabem como é… General não participa da linha de frente numa guerra, né?

Por Reinaldo Azevedo

Deixe o seu comentário

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

» Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

Envie um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

266 Comentários

  • O Comentarista

    -

    10/11/2011 às 3:03 pm

    Hoje eu sinto remorso por não ter lutado para acabar com esses libelu no seu nascimento, na época de faculdade.
    Eu não dava a mínima para eles.
    Eu participava da atlética.
    Se eu imaginasse que iriam perdurar libelus porraloucas como o desse “professor” patológico até hoje em dia, eu deveria ter montado uma chapa junto com meus contemporaneos para concorrer com eles ao centro acadêmico e ao dce.
    Tenho certeza que ganharíamos daqueles radicalóides porraloucas.
    Eles usam do desinterresse estudantil para paracerem muito maiores do que são.
    Por isso esses partidecos querem se instalar na
    política universitária para fazer carreira e para iludir a população em geral.

  • maccoy

    -

    10/11/2011 às 2:37 pm

    KKK. JORNAL HOJE É O PIOR TELEJORNAL DA TV.
    EDITADO PELA DESLUMBRADINHA APRESENTATRIZ E O BOM MOÇO SÓ PODERIA CAIR NESTA ESPARRELA PETRALHA.

  • fogoamigo

    -

    10/11/2011 às 11:25 am

    Mais uma vergonha do jornalismo da Globo!
    E ainda ganha prêmio internacional!!!
    Vem aí a “invasão da Rocinha”, aguardem a cobertura jornalística do espetáculo!

  • Cris Azevedo

    -

    10/11/2011 às 10:34 am

    Aliás, Rei, o tutilo correto seria: Jornal Hoje deixa-se usar e participa de farsa ridícula montada pelo PT.

  • Wilson Salvador

    -

    10/11/2011 às 9:31 am

    REI,é lamentavel escutar noticias desse tipo mentirosas,de um papai papudo,indecente usando de forma premeditada a ausencia,previsivel de sua cria idiota,tambem previsivel,o repudio a´esse gesto,é geral,PM deveria deveria tomar uma atitude drastica contra esse debil mental,VAI SE CATAR DOIDO

  • Paulo Bulle

    -

    10/11/2011 às 9:05 am

    Eu queria que na próxima invasão promovida pelos vermelhinhos, os alunos de bem da USP, tais como: da Poli, da Economia da MED USP e outros, retirassem a força os cabelos ensebados, com certeza a moral deles perante a comunidade ficaria em alta.

  • Vanderlei

    -

    10/11/2011 às 8:50 am

    Essa história desses mauricinhos travestidos de membros das FARCs está dando nojo.
    Bando de mimadinhos.
    “Papi, Mami, socorro. Tem um PM grandão, fortão, de olhos verdes, queimado de sol, que não para de me olhar”. “Não sei se resisto ou vou pro DCE”.

  • Adriano da Ilha

    -

    10/11/2011 às 8:39 am

    Reinaldo e amigos, eu normalmente não almoço em casa mas ontem tive a infelicidade de estar em casa para assistir a esta porcaria de jornal. No mesmo instante que vi a notícia meu estômago revirou, não acreditava no que via, a insinuação de que o “pobre rapazinho”, tivesse desaparecido nas mãos da PM.
    Eu não consigo mais assistir jornais da Globo pois sua qualidade e objetividade em dar a notícia são bastante questionáveis. Pior é que a maioria da populalção assiste a este lixo.
    Certa vez zapeando pelos canais vi o Willian Bonner do JN falar da linha editorial de jornalismo da Globo (não sei se é assim que chamam),na 3a. frase, após morrer de rir, mudei de canal pois, para mim, esta seria apenas uma peça publicitária.

  • marco antonio

    -

    10/11/2011 às 7:16 am

    Olá Reinaldo,

    Felizmente ainda temos a Editora Abril, que com seus profissionais pratica o jornalismo como deve ser praticado.
    Ainda bem que temos a Veja e você. hehehe
    Marco Antonio

  • Fred SP

    -

    10/11/2011 às 2:09 am

    Alguém poderia informar quais são os pré-requisitos para morar no CRUSP? Esse burguesinho rebelde deve ser a ponta do iceberg…. aí tem!

  • Fred SP

    -

    10/11/2011 às 2:03 am

    Não sabe brincar não desce pro play….

  • Granja Petralha

    -

    10/11/2011 às 1:34 am

    Assim caminham as coisas produzidas no anos do lulla…

  • mjag

    -

    10/11/2011 às 1:33 am

    Cadê os chefes do norte de Goiáis?
    Salvaram os gatinhos?

  • elizio

    -

    10/11/2011 às 1:19 am

    Correção urgente: onde disse que os comentários é de arrepiar, com certeza quis dizer: são de arrepiar. Quem tem pressa, tropeça!

  • elizio

    -

    10/11/2011 às 1:16 am

    Caro Reinaldo:
    os comentários no Facebook do dito cujo é de arrepiar! Comunistas mais à esquerda, trotskistas, clamando e agradecendo a Deus.
    .

    Sergio De Paula Soares Tudo de Bom!
    há 2 horas.

    Andrew Yuri Leal o q q acontece? é sobre oq?
    há 2 horas.

    Priscila Castro Tudo de bom, querido! Que bom que deu tudo certo! Um abraço!
    há 2 horas.

    Rita Cassia Rosa vou assistir, durma bem o sono dos justos….amém….
    há 2 horas.

    Maite Santamarta Você não precisa explicar nada, Heitor, durma e descanse. Um grande abraço.
    há 2 horas.

    Thomás Epiphanio Da Silva Boa Noite Heitor Cláudio L. Silva , Fica Com Deus Parceiro , Graças a Deus Jah Esta Tudo Bem ;D
    há 2 horas.

    Sandra Cardozo Durma em paz, um sono aliviado.
    há 2 horas.

    Andrew Yuri Leal ooii gente,to meio perdido,alguem poderia me explicar,faz um tempo que não falo com o prof. entao to perdido
    há 2 horas.

    Sandra Cardozo Andrew o que foi que tu perdeu? O filho do professor estava ontem na USP quando a polícia invadiu e prendeu os estudantes, desde então o filho do professor não havia sido visto, os estudantes foram levados para a delegacia, mas ele não estava junto, e não estava em nenhuma outra, assim logo ocorreu o pior pensamento, já ele tinha sido visto na confusão com a polícia… O professor pediu ajuda na rede e nos mobilizamos, rapidamente, durante a manhã de hoje. O G1 acabou publicando e eu assisti no jornal hoje, em seguida começou a circular a informação de que ele havia feito contato, para alívio de todos… E foi isso, e se não foi assim, outros podem explicar melhor.
    há 2 horas.

    Andrew Yuri Leal aaaahhhh brigadão…num sabia disso,valew querida e que bom q td se resolveu prof° abraços a tds
    há 2 horas.

    Sandra Cardozo Imagina o desespero desse pai, eu que não os conheço, fiquei desesperada, voltam lembranças muito duras, e vemos todos os dias pessoas sumirem e aparecerem mortas. Agoras está tudo bem!
    há ± 1 hora.

    Andrew Yuri Leal que bom brigado sandraaaa
    há ± 1 hora.

    Maria Cecilia Quirino Cecil bjos querido,durma com deus/cil
    há ± 1 hora.

    Fabio Morais Bom descanso
    há ± 1 hora.

    Tiago De Carli Ainda bem que deu tudo certo !!!! Fiquei mais aliviado por vc.
    há 49 minutos.

    Alexandre Trevizzano estou aqui, Camarada!

  • Eduardo

    -

    10/11/2011 às 1:03 am

    Será que os acontecimentos na Venezuela e na Argentina fizeram a “GROBO” tremer na base ?

  • Duarte

    -

    10/11/2011 às 12:42 am

    Comunistas asquerosos !!!! Escrúpulo ZERO. Honestidade ZERO. Decência ZERO. Ética ZERO. Moral ZERO. Não passam de canalhas que se aproveitam da indigência cultural das massas para praticar a sua desonestidade intelectual ideológoca.

  • SAM

    -

    9/11/2011 às 11:54 pm

    Eu assisti o Jornal Hoje e vi essa notícia. A Globo fez um bom trabalho. Ela noticiou o que o sujeito disse, atribuindo a ele as acusações.Não confirmou a informação dele.

    Já pai e filho.. babacas!

  • José Gomes

    -

    9/11/2011 às 11:54 pm

    Que vergonha! Que vexame! E o cara é PROFESSOR? Pertencendo a uma coisa chama LIBELU? êsse negócio, nos anos 1980, quando surgiu, já era considerado um atraso, um anacronismo. Imagina hoje. Vergonha maior é uma universidade ou faculdade ter uma coisa dessas como professor. Não de ser professor de Letras. Aposto que é de Socioilogia, Hisstória ou Geografia. Com todo o respeito que essas disciplinas merecem.

  • maria

    -

    9/11/2011 às 11:13 pm

    depois “da presidente Lula”,que mais esperar da globo…O comando da PM deveria fazer alguma coisa,já que foram acusados de fazerem o que não fizeram,tem que ir lá na globo e contar pra quem o papi e o rebento trabalham,as pessoas decentes tem que saber o que está por trás do circo que as esquerdas estão montando.

  • DaIlha

    -

    9/11/2011 às 10:56 pm

    Quando eu era calouro na federal em 1979 eu até votei na Libelu pro DCE ou algo assim…
    Mas eu não tinha visto este cartaz com este gato fofo, e azul ainda por cima, acho que eu teria pensado um pouco melhor… hehe
    Falando sério, eu era bem informado e votava de forma inconsequente em 79, fico imaginando essas babaquinhas da USP hoje…

  • Nopt

    -

    9/11/2011 às 10:51 pm

    Se fuçar mais se descobre mais coisa sobre esse pai e esse figlio. Morando em são paulo, com dois celulares e frequentando o crusp! Pra que? Uem vive do comércio não pode ficar sem comunicação e nem longe de seus clientes. Só pra refletir um pouco sobre isso.

  • jhunter

    -

    9/11/2011 às 10:40 pm

    Desculpem amigos, nâo canso de repetir, o jornalismo da Globo esta decadente, carente de talentos. Lamento que a editora Abril não tenha a concessão de um canal aberto, aí sim teriamos telejornalismo de verdade!

  • Guina

    -

    9/11/2011 às 10:39 pm

    Mídia boa é aquela que está do lado desses esquerdistas ultrapassados. A mesma que eles acusam de golpista.

  • Wilsonn

    -

    9/11/2011 às 10:26 pm

    Lamentável que calouros de facul públicas tenham que assistir a perda de tempo obrigatório com inidvíduos como este suposto professor. Que postura lamentável ! É a falência da dignidade humana ocupando uma função tão importante. Imaginem a qte de m….. que despeja nas cabeças dos pobres calouros.

  • Vasconcelos

    -

    9/11/2011 às 10:12 pm

    O amolfadinha remelento é um discípulo fiel do chefe de quadrilha José Dirceu. Na hora do pau desaparece. O próximo passo seria mudar de nome e trocar a identidade, despedindo da casa da Mami.
    Estes esquerdistas não passam de um bando de vagabundos mesmo.

  • Nuno Alves

    -

    9/11/2011 às 10:12 pm

    Quem tem um pai como este tem tudo para virar estudante Pelego da UNE, tem tudo para fumar maconha, para entrar para o radicalismo de esquerda e se refugiar na casa da mamãe. Ô Pai vigarista que esse rapaz arranjou!!!!

  • cadu

    -

    9/11/2011 às 9:47 pm

    Nooossa! Não aguento esperar que esse pessoal comece a fazer poesia depois da revolução.

  • teco-teco no fubeco

    -

    9/11/2011 às 9:35 pm

    Reinaldo,
    Vc falou em Libelu? A última vez que ouvi falar essa palavra foi na UnB, na década de 70. Essa estrovenga ainda existe? Deus me livre!!!

  • Rafael

    -

    9/11/2011 às 9:06 pm

    Fico imaginando a seguinte situação.
    Carlos Henrique chega em casa muito revoltadinho e diz: – Papai, estava voltando para casa depois de muito manifestar na reitoria e fui assaltado na saída da “facul”. Roubaram meus dois celulares, meu moletom GAP, meu Ray Ban e meu Kia Soul.
    Papai trotskista: – Credo filho, como foi isso ?
    CH: – Ah, foi o traficante que vende droga lá na USP, eu vi. O que eu faço papai ?
    Papai trotskista: – Ora, liga para a polícia.

  • RPCS

    -

    9/11/2011 às 9:03 pm

    A PM DEVERIA PROCESSAR ESSA FIGURA.
    QUANTO A GLOBO, SO O CONTROLE REMOTO.
    NAO DA MAIS PARA ASSISTIR ESSA MEDILCRIDADE.

  • Luisa-MS

    -

    9/11/2011 às 8:48 pm

    Esta repórter bobinha que acredita ou que pactua com falaciosos terroristas deveria ser afastada.E a polícia investigativa deveria fazer uma devassa na vida desse impostor heitor claudio da silva (minúsculo pela sua insignificancia ) professor de historia da Escola Estadual Guilherme de Almeida (a secretaria da educação deveria ver se este trotskista são daqueles que fazem balbúrdia mas não ensinam nada) criou e produziu uma falsa e fantasiosa histórinha protagonizada pelo sua cria medíocre e usurpador do ensino gratuito e residência (fraudada), cooptante os figurantes: o debilóide eduardo suplicy e a globo para dar veracidade irresponsável a farsa, para desmoralizar o estado e a policia de São Paulo. Devassa na vida desse professor canalha e sua cria, petralhas que devem ser responsabilizadas pelo incidente que atuaram criminosamente, pois eles pretendiam aniquilar a instituição militar, usando até o senado, a secretaria da educação, a rede globo (q. de ter rabo preso com milhoes passados pelo 9 dedos, defendendo-os e omitindo os crimes dos petralhas) para instigar a população brasileira a ficar contra a ação militar e dar inicio, andamento a política nefasta do 9 dedos (nome de bandido) para ganhar a prefeitura de São Paulo.

  • Mrs. Jaremenko

    -

    9/11/2011 às 8:17 pm

    Confirmada a neurose, o pai-babão pediu desculpas à Instituição Polícia Militar, aos telespectadores da Globo e aos cidadãos brasileiros? Estamos esperando atutude tão “nobre” (sic) do militante. Ou ainda está sofrendo as consequências de seu ataque neurastênico??? Talvez, a vergonha tenha finalmente se manifestado nessa criatura.

  • eu hem...

    -

    9/11/2011 às 8:14 pm

    Daqui a pouco esses delinquentes vao pedir gordas indenizações ao desgoverno., por terem sido tirados da USP pelos policiais. Essa gentalha nao presta mesmo. Faz parte do DNA delles. E agora ainda dizem que deixaram tudo perfeitamente em ordem na reitoria. Entao tá.

  • Carlos

    -

    9/11/2011 às 7:57 pm

    Para cada um desses infelizes que fazem uso da mentira como armar contra uma violência que não existe e nao foi praticada deve ser utilizada a pena 500 chibatadas ou até que a pele verta sangue… Sim…, ao se lembrar da dor da mentira, por certo que a mentira jamais seria adotado com instrumento vagabundo de argumentação…

  • Nilson Gabriel

    -

    9/11/2011 às 7:54 pm

    Ué, Reinaldo! Meu cunhado conta que, na Auto Latina, enquanto a peãozada e o pai dele ficavam lá tomando borrachada da PM depois dos piquetes, o senhor Luís Inácio Lula da Silva, que agitava tudo, desaparecia, pra aparecer depois com a cara mais lavada do mundo. Se o “mestre” desta cambada fazia isto, por que os neo-pupilos não vão fazer?

  • Dedo na Ferida

    -

    9/11/2011 às 7:39 pm

    Só lamento não terem sumido com ele de verdade!!E com o papai também.Aliás deviam fazer um “pacotão sumiço” e varrer do mapa toda essa corja esquerdopata e idiotopata.Bando de palhaços!Vão trabalhar vagabundaiada!

  • Rodolfo

    -

    9/11/2011 às 7:37 pm

    Ha, ha ! Pensem bem, esse tal Heitor Cláudio queria mesmo é que o filho sumisse pra ele aparecer bem junto aos seus parceiros petistas e quem sabe até … requisitar o bolsa ditadura, oras ! Quanta falta de noção, de caráter… é mais um vagabundo covarde, que se esconde atrás de uma “causa” para causar o caos em SP e atacar os cofres públicos.

  • Hagner Andrade

    -

    9/11/2011 às 7:36 pm

    Estou I N D I G N A D O!
    Como pode um jornal noticiar uma pataquada dessa e nem se dar ao trabalho de ligar para casa da mami do rapaz?
    .
    O BRASIL VIVE A ERA DA MEDIOCRIDADE

  • Hagner Andrade

    -

    9/11/2011 às 7:27 pm

    Notícia final sobre o caso:
    O revolucionário foi encontrado na casa da “mami” tomando todynho jogando Wii.
    .
    O pai do rapaz, que estava esperançoso numa possível indenização no futuro, desceu o cascudo no menino: “eu tentando arranjar a vida e você aí, vadiando!”

  • anonimo

    -

    9/11/2011 às 7:12 pm

    E papi nem sabia que o filhinho estava na casa da mami.

  • Anderson Soares

    -

    9/11/2011 às 7:08 pm

    Aqui está o vídeo onde a jornalista incauta dá voz ao pai “professor” militonto de esquerda:
    http://g1.globo.com/videos/jornal-hoje/t/edicoes/v/estudantes-da-usp-decidem-entrar-em-greve/1690412/

  • Anderson Soares

    -

    9/11/2011 às 7:05 pm

    Minha nossa. Primeiro vem um “jornalista” do JN sugerindo que a PM forjou as bombas incendiárias (coquetéis Molotov) e a pichação da reitoria. E agora essa?. QUE É ISSO?. A MAIOR EMISSORA DE TV DO PAÍS ESTÁ CEDENDO ÀS PRESSÕES DOS ESQUERDOPATAS?. ESTÁ SE CURVANDO DIANTE DOS FASCISTAS?. ERA SÓ O QUE FALTAVA!.

  • Oséas

    -

    9/11/2011 às 6:59 pm

    ALÔ, ALÔ, REITORIA DA USP, ou qualquer que seja o segmento admoinistativo que cuida do alojamento. COMO É QUE UMA PESSOA QUE MORA NA CAPITAL, TEM DIREITO A MORAR NO CRUSP? Desculpem a ingorância, eu só queria entender…

  • Anderson Soares

    -

    9/11/2011 às 6:57 pm

    Reinaldo:

    Acabo de enviar a seguinte reclamação ao site da Globo:

    Jornalistas do Jornal Hoje deram voz a um pai de aluno da USP que deu queixa do sumiço do filho após a ação da PM na reitoria da universidade (mais tarde o próprio pai descobriu que o filhinho estava na casa da mãe). Bom, como o jornal da voz a um senhor, que não por acaso é um militante político, sem ao menos checar a veracidade da informação?. Quer dizer que todos que ligarem para a redação do Jornal Hoje terão seus pleitos atendidos ou só aqueles que tem pedigree ideológico?. O Jornal agiu de maneira leviana e irresponsável, desrespeitando seus telespectadores. O mínimo que se espera é um pedido público de desculpas.

  • Berinho

    -

    9/11/2011 às 6:55 pm

    Cambada de vagbundos: o filho, o pai, e quem diria, a globo que está tentando rivalizar com as piores emissoras do país,justamente ela que a turma do pt insiste em amordaçar,agora passou a dar espaço corda para marginais, maconheiros, comunistas trotkistas e delinquentes que se dizem estudantes ou professores e que o burnier chama de “meninos”. Os” meninos” do burnier ficariam muito bem na foto junto aos traficantes dos morros cariocas.

  • Ética

    -

    9/11/2011 às 6:53 pm

    Sabe o que desapareceu: o bom censo.

  • Augusta

    -

    9/11/2011 às 6:48 pm

    Como esperado, Sen.Suplicy entrou na farsa:

    No Twitter:
    @rapha_prado: Falei com o Sen.Suplicy,que pediu informações à Secr.Justiça e o secr. Seg.Pública sobre o sumiço do diretor da @_UNE.

    @rapha_prado: Suplicy disse que Ferreira Pinto,secretário de segurança pública, está “tomando providências” para encontrar Carlos Henrique.

    Que vontade eles têm de conseguir uma bolsa-ditadura, heim?

  • Susana Silva

    -

    9/11/2011 às 6:47 pm

    Barbaridade, que turma ouriçada. A cambada do movimento “urubus em busca de um defunto” já havia sido acionado, nem disfarçam.
    http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/2011/11/pai-que-procurava-filho-apos-ato-na-usp-encontra-o-rapaz-na-casa-da-mae.html

  • Ryan Riddell

    -

    9/11/2011 às 6:45 pm

    Estava na casa da mãe,fazendo a revolução no Ovomaltine enquanto jogava partidas no Playstation!

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados