Blogs e Colunistas

19/12/2011

às 19:38

Enem: Isto é Haddad!!!

No post abaixo, falo sobre a herança de Fernando Gugu Dadá Haddad no Ministério da Educação. Aloizio Mercadante, como viram, tomará o seu lugar. Pois bem… leiam o que informa a VEJA Online:

Colégio que vazou questões do Enem fiscalizou pré-teste da avaliação federal em 2010

Por Bruno Abbud:
Há pouco mais de um mês, a Polícia Federal informou ao Ministério da Educação, por intermédio do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), que tem em mãos depoimentos que indicam que o vazamento de questões do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2011 foi maior do que admite a pasta. O MEC nada fez até o momento. Mas essa não é a única informação alarmante que consta do inquérito em curso da PF que apura o vazamento, a que VEJA teve acesso com exclusividade. Outra revelação que sai da investigação preocupa ainda mais. Segundo testemunhos obtidos pela PF, os problemas no Enem 2011 provavelmente começaram mais de um ano antes da aplicação da prova, quando um pré-teste que calibraria as questões da avaliação federal foi realizado no Colégio Christus, de Fortalelza – o mesmo que vazou as 14 questões do exame neste ano. Contradizendo o MEC e o bom-senso, os fiscais daquele pré-teste foram contratados pelo próprio Christus. Como diz o velho ditado, é como deixar a raposa vigiando o galinheiro. Caso se confirmem os relatos colhidos pela PF, trata-se de um assustador descaso das autoridades responsáveis pelo Enem – o MEC, em última instância – durante uma etapa que, até agora, passara incólume às trapalhadas do ministério: a elaboração da prova.

A feitura do Enem obedece à chamada Teoria de Reposta ao Item (TRI), pela qual todas as questões a serem apresentadas na prova devem ser previamente testadas. O objetivo dessa etapa, conhecida como pré-teste, é verificar o grau de dificuldade das questões. Só depois de testadas, elas seguem para um banco de dados (o do Enem tem 6.000 testes, quando o indicado seriam 20.000) e, posteriormente, são usadas em avaliações como o exame do ensino médio. O processo todo, é claro, deve ser rigorosamente controlado pelos responsáveis pelo exame (Inep e, portanto, o MEC), para que os testes não cheguem às mãos de estudantes. É uma forma de colocar em prática o princípio da isonomia – segundo o qual todos os participantes devem estar submetidos às mesmas condições ao realizar a prova. Os colégios devem ficar igualmente distantes: de acordo com o MEC, professores não podem sequer manter contato com os inspetores. Contudo, segundo depoimentos colhidos pela PF, foi justamente o que ocorreu no pré-teste realizado em outubro de 2010 no Christus.

À PF, Francisco Ferreira Quetez, funcionário da Cesgranrio – fundação contratada pelo Inep para aplicar o pré-teste juntamente com o Cespe, da Universidade de Brasília (UnB) – admitiu ter terceirizado a fiscalização da prova. O subcontratado foi (adivinhem…) o Colégio Christus. Em depoimento no dia 4 de novembro ao delegado Nelson Teles, que preside o inquérito do vazamento, Quetez afirmou que não dispunha de fiscais para vigiar o pré-teste do Enem no Christus. “Cheguei a falar para a Cesgranrio que não tinha condições de recrutar fiscais em razão das provas serem aplicadas em dias úteis”, disse.

A solução encontrada foi a pior possível, segundo confirma depoimento de Maria das Dores Rabelo, funcionária do Christus e responsável por coordenar a aplicação do pré-teste. No trecho a seguir, ela narra um encontro entre representantes de colégios e o funcionário da Cesgranrio. “No final da reunião, o senhor KETTZ (sic) informou que estava encontrando dificuldade de encontrar fiscais para participar desse pré-teste e perguntou quem ali presente teria condições de recrutar esses fiscais.” A orientação é que fossem recrutados profissionais sem vínculos com o colégio. Na prática, aconteceu o contrário.

Todos os fiscais contratados pelo Colégio Christus para o pré-teste mantinham laços profundos com a instituição: alguns eram ex-alunos, outros estudam lá até hoje. Cinco deles foram encontrados pela PF. Marcus Venicius Recamonde, de 29 anos, foi aluno do cursinho pré-vestibular do Christus entre 2003 e 2004. Naira Montesuma, de 26, cursou o ensino médio no Christus e atualmente frequenta as aulas de direito na Faculdade Christus. A irmã dela, Liara Montesuma, de 23, foi estudante do colégio entre 2002 e 2006 e agora faz fisioterapia na faculdade. Hilario Torquato, de 26, estudou toda a vida no Christus: hoje, é estudante de medicina da mesma faculdade. A situação de Naisane de Sousa, de 24, é semelhante, com a diferença de que ela cursa fisioterapia.
(…)

Por Reinaldo Azevedo

Deixe o seu comentário

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

» Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

Envie um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

55 Comentários

  • Marcelo Xavier

    -

    20/12/2011 às 6:00 pm

    A culpa não é de ninguém. É da logística falha do PT, todo ano acontece algo. E para que um pré-teste do ENEM?
    Mais:
    http://amarretadoazarao.blogspot.com/2011/10/de-novo-o-enem.html

  • fogoamigo

    -

    20/12/2011 às 4:39 pm

    E onde está o Ministério Público que ainda não se pronunciou?

  • Adilson

    -

    20/12/2011 às 3:51 pm

    Querer transformar fiscais em suspeitos só porque estudaram ou estudam na fatídica escola é não entender de como funciona a logística de uma prova como essa ou exame vestibular.
    Esses grupos, na maioria das vezes informais, são formados por pessoas mais próximas ou por funcionários do local da prova por facilidade e o atrativo é um dinheirinho extra (algumas vezes chega a 10-20% do salário mínimo) por um trabalho pouco complexo, realizado em fim de semana mas que embute muita responsabilidade. Muitas vezes é uma contrapartida da instituição que acolhe em lugar de cobrar pela locação de suas salas durante cinco ou seis horas. Não tem cabimento, dados os custos, de se recrutar fiscais de outras cidades ou estados.
    Outra coisa, esses fiscais são avaliados para quem prestaram o serviço e o que eles mais querem é ser lembrados na prova seguinte.
    Procurem outros suspeitos que esses até o Agente 86 excluiria.

  • Livia Souto

    -

    20/12/2011 às 3:34 pm

    Reinaldo, sem falar na corrupção das reitorias, as quais, segundo o próprio MEC 22, das 48 universidades federais estão sendo investigadas. Isso é o cúmulo, um monte de párias vinculados ao PT torrando dinheiro público em festas, lixeiras, obras de arte, enquanto as salas de aula das universidades estão caindo aos pedaços. Tem reitor que já foi até condenado pela justiça e ainda tá trabalhando. O MEC não faz absolutamente nada. O Haddad não fez, ou melhor, fez, passou a mão na cabeça deste bando de corrupto. E agora com o Mercadante, esperança zero de que esta situação venha a se resolver.

  • Chega de PT!

    -

    20/12/2011 às 1:44 pm

    Olha só Reinaldo, para que serve o nosso dinheiro!

    http://revistaepoca.globo.com/Brasil/noticia/2011/12/carro-de-universidade-federal-e-flagrado-dentro-de-motel-no-parana.html

  • CONSULTOR , PETISTA E CORRUPTO(PLEONASMO)

    -

    20/12/2011 às 1:14 pm

    Anônimo
    - 20/12/2011 às 11:17

    isto é petralha..se fosse no blog do augusto ele sairia de lá com o traseiro carimbado e com uma enorme marca de sapato…e “VC” , VAI FAZER O QUE COL ESTE PIMPOLHO?

  • CONSULTOR , PETISTA E CORRUPTO(PLEONASMO)

    -

    20/12/2011 às 1:11 pm

    OFF TOPIC- VEM PRA CAIXA VC TAMBÉM ..VEM !

    Suposta fraude na Caixa pode dar prejuízo de R$ 100 mi ao FGTS
    Publicidade
    DE SÃO PAULO

    As transações financeiras da corretora carioca Tetto realizadas após uma suposta pane no setor de informática da Caixa Econômica Federal ameaçam lesar em cerca de R$ 100 milhões o FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço), conforme aponta o banco em ação judicial, informa reportagem de Natuza Nery, Dimmi Amora e Rubens Valente publicada na Folha desta terça-feira (a íntegra está disponível para assinantes do jornal e do UOL, empresa controlada pelo Grupo Folha, que edita a Folha).

    Oposição quer explicações do presidente da Caixa sobre fraudes
    Suspeita de fraude na Caixa pode causar perda de R$ 1 bi
    Planalto tenta conter disputa de partidos aliados na Caixa

    A Folha revelou anteontem que a Tetto vendeu, como se não tivessem dívidas, papéis da dívida pública de baixo ou nenhum valor. O caso surge em meio a uma disputa entre PT e PMDB pelo controle da Caixa.

    A Tetto só conseguiu fazer isso porque o sistema da Caixa que atestava a qualidade dos papéis, justamente sob uma vice-presidência do PMDB, ficou mais de dois anos inoperantes.

  • José Abelardo

    -

    20/12/2011 às 12:49 pm

    É sintomático!!! Perceberam que Lula exerce grande influência também em São Paulo e começaram os ataques ao candidato. A história vai se repetir e Hadad será eleito aplicando uma lição em Serra, que entregou a cidade ao incompetente gerado por Pita.

  • PT ROUBA e deixa ROUBAR

    -

    20/12/2011 às 12:37 pm

    … Haddad por mercadante, ficou seis por meia duzia. Dos males o menor, pelo menos São Paulo ficou livre do mercadante por algum tempo. Seria bom avisar a diuma que São Paulo não aceita devolução, ela que se vire com o Arrogante aí em Brasília.
    Quanto ao raddad, terá o mesmo tratamento que o mercadante sempre teve quando disputou a prefeitura e o governo do estado, será expulso nas urnas.

  • Rods

    -

    20/12/2011 às 11:42 am

    REI.
    NÃO NOS ESQUEÇAMOS QUE UM DOS DESMORALIZADOS, ALÉM DO MINISTRO E QUEM O NOMEOU E INDICOU COMO CANDIDATO EM SP, FOI A JUSTIÇA FEDERAL QUE PROFERIU RIDÍCULOS DESPACHOS,LIBERANDO A PROVA PRA O BRASIL, DANDO MOSTRAS DO QUÃO LIMITADOS SÃO OS MAGISTRADOS QUE DECIDEM EM CIMA DE TESES APRESENTADAS PELO ESTADO.
    LEMBREMOS A QUESTÃO DA LIBERAÇÃO DA PISTA DE CONGONHAS SEM AS RANHURAS E NO QUE DEU.
    Rods

  • Luiz

    -

    20/12/2011 às 11:27 am

    É muita gente ruim para um só governo.
    Quando surge uma oportunidade de mudança no MEC, Dilma consegue piorar o que já era péssimo.
    O povo de São Paulo está de parabéns reprovando nas urnas as pretensões do Sr. Mercadante.
    Agora o MEC corre perigo.

  • Anónimo

    -

    20/12/2011 às 11:17 am

    CPI da privataria vem ai.Antes tarde do que nunca.Só falta o seu apoio em nome da Constituição e do Estado de Direito que a direita (VC) tanto defende.Depois vai ter que escrever.”se são culpados que se danem e se puna de acordo com a lei”.

  • di Carvalho - Minas/ Sul

    -

    20/12/2011 às 11:08 am

    king,
    mentir não seria uma falta grave para quem ocupa um cargo de confiança?
    É realmente o Brasil não é sério. Não preciso lembrar qual o país, no mundo que isso seria um caso de cadeia.
    Isso é um esculacho.

  • gaúcha indignada

    -

    20/12/2011 às 10:56 am

    A quadrilha não tem fim….. FORA GENTALHA. ACORDA CIDADÃO BRASILEIRO.

  • Elah

    -

    20/12/2011 às 10:32 am

    E o rapaz é tão pretensioso que acha que vai governar a maior cidade do Brasil… #ForaHaddad! Ele que vá trabalhar no Instituto Lula. Dois improdutivos.

  • Ney

    -

    20/12/2011 às 10:06 am

    Reinaldo e amigos, vejam a situação.
    Semana passada estivemos presente a uma formatura de medicina na UFRJ. Era a cerimônia oficial, com assinatura de Ata e recebimento do Certificado.
    Tudo maravilhoso, cento e oitenta pais orgulhosos de filhos esforçados, estudiosos e responsáveis. A real esperança deste Brasil de verdade.
    Cerimônia marcada (há meses), com protocolo e tudo, para as nove horas da manhã.
    Auditório pequeno, metade dos pais e familiares sem assento.
    Na mesa – solene — do palco, por volta de dez horas, surge um professor, roupas informais, desculpando-se pelo atraso. Alí pelas dez horas e quarenta minutos, sem as três bandeiras (que não conseguiram localizar na UFRJ!), sem o hino nacional e, pasmem, sem a presença do DIRETOR da faculdade, inicia-se a “cerimônia”. Algumas trapalhadas depois, encerra-se a tal, com mais desculpas, sem culpas. Patético!

  • Joe Silva

    -

    20/12/2011 às 9:40 am

    Para quem tem filho:
    Esqueça a escola e os diplomas. A educação no Brasil não vale nada. Ensine seu filho a passar com nota e esforços mínimos.

    Entretanto, aposte na educação em casa. Faça-o ler livros, resolva exercícios de matemática com ele, desenhe com ele. Compre uns livros de home schooling americano. Um computador para ele aprender a programar.

    Depois, faça-o concorrer a uma bolsa lá fora.

  • Anonimo

    -

    20/12/2011 às 8:02 am

    As novas públicas do Haddad já são até mais velhas do que as velhotas

    http://www.bilhetim.com.br/entry/472-ufopa-como-dispensar-um-candidato-unico-que-e-doutor-com-diploma-reconhecido-pelo-mec-e-com-livros-e-artigos-publicados.html

  • Luiz Gonzaga

    -

    20/12/2011 às 7:42 am

    Segundo escutas feitas com autorização da justiça, a polícia revelou que os contraventores envolvidos no jogo do bicho tinham uma relação muito próxima com os políticos e autoridades. Em um dos trechos, um advogado diz que chegou a conversar com o ministro da Justiça, Eduardo Cardozo, sobre a nomeação do diretor da Polícia Federal.

    A Assessoria do Ministério da Justiça nega o encontro do ministro José Eduardo Cardozo com advogados para tratar sobre assuntos ligados a nomeações de cargos na Polícia Federal.

    A ex-ministra, Erenice Guerra, não foi encontrada para falar sobre o assunto.

    http://www.sbt.com.br/jornalismo/noticias/?c=13813&t=Escutas+telef%F4nicas+revelam+bastidores+do+jogo+do+bicho+no+Rio

  • Marcus Meyer

    -

    20/12/2011 às 6:35 am

    Todo petista é bom só em defender o direito dos manos, o eleitor é que teima em achar que falam em direitos humanos. Dilma também já anunciou que em seu governo não haveriam dez honestos, os otários é que preferiram interpretar como não existiriam desonestos. O PT é assim, um bando de incompetentes aproveitadores sugando o restinho de dignidade que existe no país! Certamente se descobrirá que existem grupos ligados ao partido se beneficiando desta falta de isonomia dos exames do ENEM, é só querer procurar!

  • Maria

    -

    20/12/2011 às 5:56 am

    É bom que o Haddad e o Mercadante sejam candidatos. Vão passar vergonha. De novo.

  • Betina

    -

    20/12/2011 às 4:27 am

    Estimado,
    Seu último post foi por voltas das 19hs. Assim não vale. Hoje é segunda e você é notívago. Há horas espero por ti, com o respeito devido a Dona Reinalda. Fique a vontade para colocar as vírgulas devidas no meu comentário, pois por causa da falta de professores perdi essa aula. Abs.

  • Cil

    -

    20/12/2011 às 3:09 am

    A justiça, se existisse no BR, deveria ter mandado cancelar a prova no país inteiro ao invés de me vir com aquele parecer ridículo.

  • Raissa Pedra

    -

    20/12/2011 às 2:20 am

    Reinaldo.
    Felizes são vocês paulistas que têm um candidato a prefeito de alto gabarito intelectual e Executivo de primeira linha.O curriculo de passagem pelo Ministério da
    Educação promete grandes grandes noticiários e polpudas verbas para a mídia se calar.

  • Alexandre

    -

    20/12/2011 às 2:02 am

    Reinaldo. Esperei que comentasse sobre o texto de OSCAR ARIAS SÁNCHEZ publicado na FOLHA DE SÃO PAULO de ontem.

  • Ivaldo Oliveira

    -

    20/12/2011 às 1:54 am

    QUIZ DIZER O DICK VIGARISTA !

  • Ivaldo Oliveira

    -

    20/12/2011 às 1:51 am

    PROVA CABAL DA ATITUDE CRIMINOSA DO MEC NA PESSOA DO SEU MINISTRO FERNANDO HADAD ! MOTIVO SUFICIENTE PARA METÊ LO EM CANA ! MAIS NÃO ! O DICK VIGARITA LUIZ INÁCIO QUER O HOMEM NA PREFEITURA DE SÃO PAULO ! VÕCES DUVIDAM QUE ELE CONSIGA ? DEFINITIVAMENTE O BRASIL SE ACABOU !

  • -

    20/12/2011 às 1:42 am

    Recomendo que o Klabir Dantas – 19/12/2011 às 20:47, economize o salário de três semanas e compre o seu exemplar de “Privataria”…
    Klabir parece nome de PTralha.

    Fui

  • Andre

    -

    20/12/2011 às 1:42 am

    NUM DESGOVERNO HORRIPILLANTE, APAVORANTE E DERRAPANTE COMO O DILLMO-LULLO-PETRÁLLICO, TEMOS A PROVA DO QUE O QUE É RUIM, SEMPRE PODE FICAR PIOR….. A SUBSTITUIÇÃO DE FERNANDO ENEMDDAD POR ALOÍZIO MERCADOLLANTE É A PROVA DISSO…. O CAMPEÃO DE DESASTRES DO ENEM, DA CATÁSTROFE QUE VIROU A EDUCAÇÃO NO PAÍS E DAS BANDALHEIRAS SUPERFATURADAS DO MINISTÉRIO DA DESEDUCAÇÃO VAI SER SUBSTITUÍDO PELO REI DOS DOSSIÊS CRIMINOSOS E DAS FALSIFICAÇÕES GROTESCAS DE CURRÍCULOS…… ESTE É O BRAZIÚ PETRALHA,,,,,,, DEUS NOS LIVRE E GUARDE,,,, DONA DILLMA É PATÉTICA,,,,,,,

  • Claudio

    -

    20/12/2011 às 1:18 am

    Rei
    Nada me tira da cabeça que toda essa história da USP foi uma cortina de fumaça para desviar a atenção da opinião pública do fiasco do ENEM. Tudo de olho em 2012.

  • martins

    -

    20/12/2011 às 12:22 am

    Foi dada a largada para” desconstruindo Haddad”para a prefeitura Paulistana.

  • elizio

    -

    19/12/2011 às 11:42 pm

    Atenção Klabir, 20:47

  • elizio

    -

    19/12/2011 às 11:41 pm

    É, futuro para o Brasil, NEM sonhando…

  • Lunardeli

    -

    19/12/2011 às 11:34 pm

    Boa noite Reinaldo. Deu no site Oglobo “Ministro Joaquim Barbosa conclui relatório sobre mensalão”. Agora vai. Aguardo seus comentários sobre as justificativas do ministro. Abraço.

  • tom santos

    -

    19/12/2011 às 10:29 pm

    Não sou a favor do PSDB nem do PT, não me interessa se é governo ou oposição, quero justiça, e corruptos devidamente punidos, seja quem for, quem se “dói” quando o “seu” partido é atacado e passa a atacar o opositor acaba colaraborando para acobertar corruptos, que existem dos dois lados. MEU PARTIDO É O DA JUSTIÇA.

  • Jorge Luis

    -

    19/12/2011 às 10:17 pm

    Olha só que interessante (e, por que ñ dizer … desanimador !) das alternativas do quadro político que estão por aí disponíveis. Em entrevista ao Estadão, o empresário Álvaro Garnero (que herdou o espírito empreendedor do pai, o megaempresário Mário Garnero, fundador do Grupo Brasilinvest e um dos homens mais bem relacionados do mundo) disse sem cerimônias que “Estou abrindo agora em Barra Grande, no litoral sul da Bahia, um novo polo de entretenimento que eu tenho certeza que vai dar certo. Vai ficar parecido com Jurerê Internacional. É um lugar maravilhoso, de difícil acesso, que eu conheci em 2007, quando fui pra lá com o Aécio Neves e o Alexandre Acioly.” Seria o caso de qualificar tal confidência não-proposital com o tal do diga com quem andas, Aécio, que te direis quem é ?

  • ROSANA

    -

    19/12/2011 às 10:15 pm

    E Lula e Dilma ainda quer esse incompetente do Haddad para ser prefeito da maior e mais importante cidade da America Latina? Quanta cretinice.

  • Cidadão

    -

    19/12/2011 às 10:03 pm

    Prezado General Azevedo, boa noite,
    Meu comentário sumiu?
    Abraços,

  • Cidadão

    -

    19/12/2011 às 9:59 pm

    Prezado General Azevedo, boa noite,
    Acho esta criatura um pústula desprezível, mas tão desprezível que merece ser prefeito do Rio de Janeiro
    ===============
    Eu vi o primeiro gol do barça…, e desliguei a TV, pois não sou palhaço. O nosso mal, General, são os professores e os grupos. Antigamente eram técnicos e time de futebol. Tudo isso é herança da era Dunga.
    ===============
    Outro problema…Os dirigentes que governam o futebol brasileiro como marginais; igualzinho ao PT e sua camorra.
    ===============
    Resumindo: O Haddad é tão ruim…que é coisa nossa; quero dizer: típica da imbecilidade do Rio de Janeiro. Mandem ele pra cá com todos os maconheiro vagabundos da USP. Não são muitos, mas vão encontrar o suficiente por aqui.
    Abraços,

  • Cláudius

    -

    19/12/2011 às 9:38 pm

    Isto é trapalhada típica do Nem da Rocinha. Fugou comboiado. Foi preso, claro. Já no MEC nada vai acontecer. Só desperdício de tempo dos Agentes da PF e dos Procuradores da República. A prova foi comboiada pelo pessoal do Colégio Christus. Para o INEP/MEC tá tudo X.P.T.O., tudo cheirando a ” piscis” podre.

  • mestre hari

    -

    19/12/2011 às 9:33 pm

    Apedeuta lançou candidatura de turco bolchevique a alcaide da locomotiva.
    O vil Mefisto de Garanhuns, em notório acinte aos homens bons da locomotiva do país, com o interesse único de derrubar este que tem sido o último bastião da democracia auriverde, planeja usurpar o trono do pujante burgo.

    Não bastando ter, em odiosa ação, manipulado a fraca mente do atual alcaide, que pulou da nau dos homens bons, fundando sua própria agremiação comunista, o batráquio agora lança seu discípulo mais fiel para o posto de alcaide da São paulo de Pyratininga.

    Haddad foi escolhido após os desserviços prestados à nação, como a edição da cartilha comuno-linguística, e o roubo das provas do ENEM, realizado por agentes da KGB infiltrados na gráfica do Diário dos Homens Bons.

    Devemos desde já preparar nossas trincheiras, convocar Dom José, para que mais uma vez se lance à candidatura à prefeitura, registrando mais uma vez em cartório seu compromisso de não deixá-la nunca.

    Devemos, tal qual os cruzados, impedir a invasão deste mouro às terras sob nossa proteção.

    Levantai as muralhas! Preparai a cavalaria! Lutai!

  • Bruninho , O Bastardinho da USPÍ !

    -

    19/12/2011 às 9:26 pm

    Hello Pai…texto mutcho cumprido.
    Vô lê não !
    Ah, vou mudar meu curso este ano.
    Saio das Artiz Prásticas e mi vô lá prá…Fefêléxi !
    Tinha de lêr mutcho antes.
    Na Fefêléxi num precisa e ainda tem um cara lá que dá aulas que não sai do ‘morrinho da fumaça’.Mólegal !
    Xau Papi !
    píéssi: depositô a pensão ?

  • Guilherme Corrêa

    -

    19/12/2011 às 9:19 pm

    Eu ainda não entendo o motive de adotarmos um método de avaliação tão complexo. Uma simples regra de três não causa tantos problemas, nem exige esse “pre-teste”. Outros ministros saíram das suas pastais,pois, prejudicaram a nós brasileiros. Enquanto que no MEC, o Fernando Haddad, continua a prejudicar aos estudantes. Não fosse a forte propaganda afirmando que o ENEM é um reparador de injustiças sociais e outros adjetivos da esquerda, certamente o ministro teria saído e as provas seriam realizadas pelas próprias universidades. Além de ser mais fácil de anular uma prova em caso de fraude, pois, não obrigaria milhões de pessoas a fazerem novos testes.

  • Jorge Luis

    -

    19/12/2011 às 8:47 pm

    -rsrrs “Dr.” Aluizio Mercadante… o estudante de doutorado que defendeu, de forma completamente irregular, um doutorado em Economia na Unicamp… só isso, já o desqualifica para o debate.

  • klabir dantas

    -

    19/12/2011 às 8:47 pm

    REINALDOXX!!!

  • Luiz Fernando

    -

    19/12/2011 às 8:46 pm

    Impossível determinar a extensão do vazamento.A prova, pelo menos no Ceará, tinha de ser anulada.Vergonha.

  • anonimo

    -

    19/12/2011 às 8:39 pm

    Quantas vezes mais será preciso desenhar para que pessoas percebam o quanto essa petralhada é incompetente, e se não bastasse isso, inconsequente.
    Que falta de respeito com os demais alunos participantes.
    Esse ENEM mais parece uma fraude.

  • andre martins de andrade junior

    -

    19/12/2011 às 8:21 pm

    Não há um Inep e sim um INEPTO.O Ministro da Educação não assume nada do que faz de errado,procura sempre sair pela negação do erro e da importância do mesmo.Tudo é assim no governo Dilma.Está pior que no do Lula que vinha a público, dizia uma soma de asneiras e mentiras, mas assumia o conjunto da obra,assim como,sou uma besta mas e daí? E o Dadá tem a pretensão de ser governador da locomotiva que toca esse Brasil?

  • nathaniel

    -

    19/12/2011 às 8:11 pm

    reinaldo, acabo de ler na chamada da home do estadao on line, “dilma promove faxina e sete ministros caem”, quer dizer é a melhor imprensa q o governo petralha poderia querer, é o q eles conseguiram com a tática do medo, típico da tirania de esquerda, medo de freio na liberdade de imprensa, mas enfim foram cooptados, pra vc ter uma idéia parei até de ter vontade de assistir ao jornal nacional, é antes eu esperava pra assistir… Não adianta nem mesmo a dilma dizer q não existe faxina, q se os ministros quisessem eles poderiam ter continuado no ministério, q a tal mídia golpista vai lá e nivela tudo como opinião de um ou de outro e da as caras para o q é verdade e o q não é…
    .
    estes são os responsáveis por manter o povo ignorante das reais práticas antidemocráticas dos petralhas e pmdbistas. é por isso q lulla prefere manter os brasileiros na ignorância, com pão e circo pagos pelo governo e a educação vira apenas trampolimm para eleições a governador e senador, assim como os demais ministérios

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados