Blog Reinaldo Azevedo

Reinaldo Azevedo

Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura

sobre

Reinaldo Azevedo, jornalista, escreve este blog desde 2006. É autor dos livros “Contra o Consenso” (Barracuda), “O País dos Petralhas I e II”, “Máximas de Um País Mínimo — os três pela Editora Record — e “Objeções de um Rottweiler Amoroso” (Três Estrelas).

Em grampo da PF, senador presta contas ao contraventor

Por: Reinaldo Azevedo

Por Fábio Fabrini e Alfredo Junqueira, no Estadão:
Mais do que intermediar interesses de Carlinhos Cachoeira, o senador Demóstenes Torres (sem partido-GO) atuou como uma espécie de cobrador a serviço do contraventor. Gravações telefônicas feitas pela Polícia Federal na Operação Monte Carlo mostram o parlamentar prestando conta de pressões que fez contra o prefeito de Aparecida de Goiânia e ex-governador de Goiás, Maguito Vilela (PMDB), para que ele começasse a quitar logo compromissos assumidos com Cachoeira. No registro da PF, Demóstenes diz que o peemedebista prometeu ter “cumprido tudo” e que tentou acalmar o contraventor explicando que “o trem demora a acontecer”. Não fica claro se o prefeito se refere a pagamentos ou outros acordos firmados com Cachoeira. O senador ainda ressalta que deixou Maguito “intranquilo” com a conversa.

“Acabei de falar com ele. Ele (disse que) cumpriu tudo e não sei o quê, para você ficar tranquilo, que já vai começar logo. Eu falei: ‘o rapaz lá tá uma onça. Vai explodir. Disse que você não fez nada’. Ele disse: ‘Não. Eu fiz. É que o trem demora a acontecer’ e tal. Deixei ele lá intranquilo”, diz Demóstenes a Cachoeira, que, impaciente, desliga o telefone. Desde dezembro de 2010, o serviço de coleta de lixo e limpeza urbana de Aparecida de Goiânia está sob responsabilidade da Delta Construções. A PF descobriu que Cachoeira atuava para favorecer a construtora – que teve o seu então diretor no Centro-Oeste, Claudio Abreu, denunciado pelo Ministério Público Federal. O contrato para a Delta cuidar do lixo da cidade, assinado na gestão de Maguito, vai render R$ 51,47 milhões à construtora num prazo de cinco anos.

A Delta deve ser um dos alvos de investigação da CPI do Cachoeira, prevista para começar amanhã. A assessoria de imprensa de Maguito informou que o prefeito jamais tratou de nenhum assunto relacionado a Cachoeira com Demóstenes. Em maio de 2009, outra conversa gravada pela PF mostra o senador marcando encontros a serviço de Cachoeira, cujo objetivo era obter uma audiência do então prefeito de Goiânia, Íris Rezende (PMDB), com o ex-governador Maguito Vilela e dois de seus parceiros, identificados como “Enimar” e “professor”.
(…)

Voltar para a home
TAGs:

Comentários

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

*

7 comentários
  1. Helena

    Chegou a hora de Lulla se sujar nas calças. Vai ser danoso pra saúde delle, não que me desagrade, mas ele mesmo que plantou a desgraça pra tanta gente nesse pais e agora vai fazer a sua colheita de horrores. Por mais que faça, vai escapar muita M, não tenham duvida.

  2. Antonio Carlos

    Alguém conseguira fazer reciclagem desse lixo ?!

  3. toninho malvadeza

    LULA eu como cidadão,tenho vergonha de saber que vc é brasileiro.NÃO PASSARÃO.

  4. carlos

    Reinaldo a cada instante que passa parece que vai ficando mais claro que o dono da DELTA e mesmo o Cachoeira , assim como também é dono dos 3 poderes ao final os grandes e pseudo empresários de sucesso e políticos são apenas testas de ferro e funcionários do Cachoeira.

  5. nana

    O que dá a entender é que se políticos e funcionários públicos de todos os escalões juntos com Governo Federal destinam nosso dinheiro de impostos à uma empresa diretamente vinculada à Cachoeira passo a entender que este senhor é quem governa o Brasil, tudo passa por ele, decisões importantes no Congresso Nacional estão sob seu crivo, acontecem segundo a seu interesse. Desde que Lula assumiu até Dilma e, se ela, faxineira exemplar como diz ser, confia em Ministros que chafurdam na lama o nosso dinheiro com bandidos de toda espécie, pensar o que? Que Cachoeira é o Presidente do Brasil no momento em que o PT chegou ao poder.

  6. Leo

    Essa CPIM é uma verdadeira bomba. Acredito que poucos se
    salvarão, isso se Lula não melar.

  7. […] pediu para Aécio arrumar emprego para prima de Cachoeira no governo de MG. E foi atendido; — Em grampo da PF, senador presta contas ao contraventor; — As peças que compõem a CPI do Cachoeira; — A idoneidade da Delta e ação da Controladoria […]