Empreiteira contratada pela Petrobras dá R$ 1,2 mi ao PT

Por Rubens Valente, na Folha: A empreiteira UTC Engenharia doou mensalmente, entre junho e dezembro de 2009, R$ 150 mil ao diretório estadual do PT de São Paulo. As contribuições, legais, totalizaram R$ 1,2 milhão e foram declaradas ao TRE (Tribunal Regional Eleitoral) paulista. O primeiro dos pagamentos mensais ao partido foi efetuado no dia […]

Por Rubens Valente, na Folha:
A empreiteira UTC Engenharia doou mensalmente, entre junho e dezembro de 2009, R$ 150 mil ao diretório estadual do PT de São Paulo. As contribuições, legais, totalizaram R$ 1,2 milhão e foram declaradas ao TRE (Tribunal Regional Eleitoral) paulista.

O primeiro dos pagamentos mensais ao partido foi efetuado no dia 22 de abril do ano passado. Dois dias depois, a UTC fechou um contrato com a Petrobras no valor de R$ 114 milhões.

Ela foi escolhida por convite -modalidade pela qual empresas previamente selecionadas formulam propostas. Desde 2006, a UTC fechou contratos de pelo menos R$ 900 milhões com a Petrobras. A primeira parcela das doações feitas ao PT em 2009 foi a única realizada no final do mês. As demais foram sempre depositadas entre os dias 9 e 11.

Nos registros entregues ao TRE, o PT informou um outro nome nas doações, “VTC Engenharia”. Contudo, o número do CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica) indicou ser a UTC. Indagado, o PT não se manifestou sobre a divergência. Informou que as doações são legais.

O diretório obteve receitas de R$ 3,7 milhões em 2009. Desse total, R$ 2,15 milhões vieram de empreiteiras. A UTC foi a campeã: doou 55,6% do bolo total das construtoras. Além dela, doaram a Santa Bárbara Engenharia (R$ 300 mil), a Queiroz Galvão (R$ 265 mil) e a OAS (R$ 160 mil).

O dinheiro da UTC representou mais do que todo o Fundo Partidário do PT-SP do período (R$ 1 milhão) e correspondeu a 32% das receitas, permitindo que a sigla fechasse o ano com superavit de R$ 337 mil.

O valor das empreiteiras ficou muito acima do entregue por parlamentares (R$ 132,2 mil) e filiados (R$ 422,7 mil).
Sediada em São Paulo e com base de operações em Macaé (RJ), a UTC é especializada na construção de plataformas de óleo e gás e também atua em petroquímica e energia.

O presidente e sócio da UTC, Ricardo Ribeiro Pessoa, presidiu, entre 2004 e 2008, a Abemi (Associação Brasileira de Engenharia Industrial), que congrega empresas do setor petroleiro. Em 2006, a entidade assinou convênio com a Petrobras de R$ 228 milhões para treinamento de mão de obra.

Nas eleições de 2006, a UTC doou R$ 1,21 milhão para a campanha à reeleição do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e outros R$ 1,55 milhão para candidatos a deputado federais, senadores e governos estaduais. Do total, 89% foram para candidatos filiados ao PT, 9,6% para candidato do DEM e 1,6% para um do PMN. Aqui

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s