Dilma, ao lado de Evo, que mantém sequestrados 12 brasileiros, saúda o ditador Maduro

Vejam que foto edificante, de Carlos Garcia Rawlins, da Reuters. Aí está a presidente Dilma Rousseff saudando o novo ditador venezuelano, que venceu uma eleição fraudada pela própria natureza. Oito pessoas morreram em protestos de rua. Maduro seguirá o caminho do antecessor, Hugo Chávez, censurando a imprensa, esmagando a oposição, estimulando a formação de milícias armadas. […]

Vejam que foto edificante, de Carlos Garcia Rawlins, da Reuters.

Aí está a presidente Dilma Rousseff saudando o novo ditador venezuelano, que venceu uma eleição fraudada pela própria natureza. Oito pessoas morreram em protestos de rua. Maduro seguirá o caminho do antecessor, Hugo Chávez, censurando a imprensa, esmagando a oposição, estimulando a formação de milícias armadas.

Observa o entusiasmo da presidente brasileira Evo Morales, o índio de araque que comanda seu próprio regime de força na Bolívia. Não sei se lembram: o cocalero investido com honras de chefes de estado mantém sequestrados — é essa a palavra — 12 brasileiros.

Volto à posse de Maduro no próximo post.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s