Cesare Battisti – Eis aqui uma piada sem graça cantada por portugueses…

Há coisas que provocam isso que as pessoas chamam por aí de “vergonha alheia”. É aquela sensação de constrangimento que experimentamos em lugar do outro, de modo que vivenciamos o mal-estar que caberia a essa outro pessoa sentir.  Em Portugal, há uma tal “Comissão de Apoio Cesare Battisti”. Um grupo de artistas — suponho — […]

Há coisas que provocam isso que as pessoas chamam por aí de “vergonha alheia”. É aquela sensação de constrangimento que experimentamos em lugar do outro, de modo que vivenciamos o mal-estar que caberia a essa outro pessoa sentir.  Em Portugal, há uma tal “Comissão de Apoio Cesare Battisti”. Um grupo de artistas — suponho — resolveu gravar uma musiquinha, na linha “We are the world…”, pedindo a libertação do terrorista. O nome é “Hoje Battisti, amanhã tu”, sustentando que ele está sendo vítima de uma injustiça e que, se hoje o pegam, amanhã pode ser qualquer pessoa. Uma ova! Você pertenceu a algum grupo terrorista, leitor? Matou alguém?  Vejam. Volto em seguida.

Voltei
“Mas quem é que manda nesse Brasil?” Ora, patrícios, por enquanto, é a lei. E que diabo de “falso juiz” é esse? Plagiando texto famoso do pastor Niemöller, preso pelos nazistas, os portugueses envergonham assim a língua de Camões:

Se não fazes nada
Espera p’la pancada
À tua porta baterão
É à tua porta que baterão

Também gostei do “pra que tanta pressa?” Que pressa? É uma pena que Battisti não possa nascer de novo para cumprir a pena A QUE TEM DIREITO na Itália!

E só pra encerrar: ainda bem que Tarso Genro não é ministro da Justiça nem Celso Amorim está no Itamaraty, né? Vai que Berlusconi se enrosque para valer na Itália… Talvez pedisse refúgio ao governo brasileiro…

Impressionante esse Battisti! Para quem se apresenta apenas como um pobre coitado, sem vinculações de natureza política com quem quer que seja, ele realmente fez muitos amigos mundo afora…

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s