Mais uma condenação

A Justiça Federal acaba de condenar em Belo Horizonte, em primeira instância, Delúbio Soares, José Genoíno, Marcos Valério e quatro diretores do BMG por operações irregulares de empréstimo entre o banco e o PT. A partir de uma denúncia “gestão fraudulenta e falsidade ideológica” feita pelo Ministério Público, a Justiça considerou que o banco liberou […]

Genoíno: segunda condenação em uma semana

A Justiça Federal acaba de condenar em Belo Horizonte, em primeira instância, Delúbio Soares, José Genoíno, Marcos Valério e quatro diretores do BMG por operações irregulares de empréstimo entre o banco e o PT.

A partir de uma denúncia “gestão fraudulenta e falsidade ideológica” feita pelo Ministério Público, a Justiça considerou que o banco liberou ao PT 44 milhões de reais em “empréstimos simulados”.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s