Blogs e Colunistas

domingo, 23 de setembro de 2012

E o Batistti?

Temer: Napolitano entrou no tema Batistti, mas ele desviou-se do espinho

Os italianos não esquecem a decisão do Brasil de não extraditar o terrorista Cesare Batistti. O presidente italiano Giorgio Napolitano arranjou um jeito de, no final da visita oficial que Michel Temer fez a Roma há duas semanas, introduzir o assunto. Temer desconversou.

Por Lauro Jardim

Deixe o seu comentário

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

» Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

Envie um comentário

O seu endereço de email não será publicado

53 Comentários

  • Alex Mamed

    -

    24/9/2012 às 13:16

    Hildo Evaristo – 23/09/2012 às 19:50
    .
    Você já ouviu falar em Tratado de Extradição? Quem disse que ele é incompatível com a soberania e a Constituição? Deixa de ser cretino. Se não querem cumprir os tratados, é simples: denunciem. Dó não poderão reclamar posteriormente, quando bandidos brasileiros começarem a se refugiar em outroa países.
    .
    Com o fim do julgamento do mensalão se aproximando, aposto que muitos dos réus sonham com isso: de fugir para um local que não mantenha tratado para extraditar os meliantes de volta ao Brasil.

  • Luiz Carlos

    -

    24/9/2012 às 12:39

    Teremos que esperar a posse de um presidente honesto e decente, para que o terrorista seja extraditado…

  • Angelo

    -

    24/9/2012 às 11:53

    Senhores,esse fato mostra que a vergonha não tem hora e lugar,mais uma
    vez o subserviente presta seu serviço ao PT,fugindo do assunto,bem
    típico da malandragem da quadrilha ensinada na cartilha do partido.

  • Paulo Cesar

    -

    24/9/2012 às 9:26

    isso e uma vergonha para o brasil dar apoio aum terrorista por lula uma vergonha nacional vexame ditado antigo quem anda com porco farelo come bandido apoia bandido pessoas honesta andam com pessoas honestas e a lei da conduta fhc nunca se envolveu com ditadores nem com a farc duas condutas diferente fhc uma conduta equilibrada com respeito ao sistema democratico e respeito ao conjunto de poderes assim na democracia constituido numa visao ampla de respeito a elas celulas da democracia e nao levando a elas qualquer ameaças todos cientista politicos sabe disso etc lula amigos pode responder por crime de segurança nacional por entregar patrimonio nacional a outro pais como fez com a petrobras bolivia tentatva de conrronper ministro do supremo etc pais rico e pais sem corrupçao

  • Paulo Bento Bandarra

    -

    24/9/2012 às 9:12

    Temer e o PMDB não podem reclamar. Ele foi o principal braço de apoio as delinqüência do Lula e do PT. Devolveu com servilhismo o tratamento desrespeitoso com que foi tratado por duas décadas pelos petralhas.

  • Arildo Paulo Viana

    -

    24/9/2012 às 9:10

    O Brasil ao dar guarida a um marginal terrorista rasgou um tratado internacional e não merece credibilidade junto a comunidade internacional. Por outro lado, em relação aos cubanos que aqui estavam nos jogos Panamericanos, que pediram asilo políticos, em virtude perseguição em seu país de orgem, não tiveram o mesmo destino e tratamento, que neste caso, o Brasil poderia muito bem dar asilo aos mesmos. Mas pelo contrário, deportaram-lhes com uma rapidez, que em menos de vinte e quatro horas já estavam presos e deportados para Cuba e entregues a Fidel Castro e Cia. Aos cmpanheiros tudo, mesmo agindo dentro da ilegalidade, mas aos paises sérios, cumpridores de normas, alvoroço e bravatas neles.

  • J4S0N7

    -

    24/9/2012 às 8:43

    Lulla que tem passaporte italiano, não ousa nem mesmo pensar em viajar à Italia. BEM FEITO!

  • flavio

    -

    24/9/2012 às 8:18

    O temer é igual ao molusco apedeuta, só faz alianças com ditadores tipo,chaves, evo, fidel, o louco do Irã, e mais alguns dessa forma, o batistini é um anjo para eles.

  • jose silvestre ferreira

    -

    24/9/2012 às 8:00

    Que tal a gente se unir para devolver esse criminoso pra itália!!!!!

  • jeg

    -

    24/9/2012 às 7:56

    Bem feito.

  • Telmo Silva

    -

    24/9/2012 às 7:53

    Me equivoquei, em vez de Jobim leia-se Tomaz Basto.

  • Telmo Silva

    -

    24/9/2012 às 7:51

    O Lula, Tarso e Jobim, deveriam passar pelo menos uma semana na Italia, assim eles seriam tratados com a dignidade que merecem, por não extraditar o terrorista, porque essa espécie aqui no Brasil já tem muitos inclusive os PETRALHAS.

  • ALGUEM ME AJUDA AI

    -

    24/9/2012 às 7:50

    A esquerdalha e a comunalha adoram os canalhas, porque tudo rima,tudo combina, tudo vai de encontro ao objetivo comum: subverter os valores morais da sociedade, virar tudo de pernas pra cima.Por isso tambem o eterno beija-mao ao cadaver de adidas, ao chapolim chaves, ao apedreja-jah, ao irmao da libia, ao ex-padre pegador de menininhas paraguaio.

  • artur lago

    -

    24/9/2012 às 0:13

    Realmente foi mais uma, mais uma vergonha !!!

  • Fernando Weiss

    -

    23/9/2012 às 23:42

    concordo com a opinião do Marcelo que disse… “O Brasil do PT e do Lulla desrespeitaram a soberania italiana e o direito internacional ao abrigarem o assassino terrorista Cesare Batistti. O que esperar de um país que tem uma ex-terrorista na presidencia? O que esperar de um partido que tem o sangue de um ex-prefeito nas mãos?”

  • Fernando Weiss

    -

    23/9/2012 às 23:39

    eu tenho amigos italianos e eles comentaram recentemente que esse Batistti foi um tremendo de um picareta assassino…não entendem como pôde o governo tupiniquim dar asilo político a tal pessoa…

  • J. Martins Branco

    -

    23/9/2012 às 23:28

    Estão certos os italianos: enquanto os boxeadores cubanos (asilados de verdade!!!) foram abduzidos pela Policia Federal e remetidos para a ilha da fantasia castrista, o terrorista e assassino peninsular fica veraneando em nosso país, e ainda deve receber um “bolsa família” para viver mais tranquilo….

  • Blumenau

    -

    23/9/2012 às 23:19

    Lauro.
    Qualquer brasileiro que chegar na Itália vai ter que ficar meio escondido.porque os italianos NUNCA vão esquecer dessa imoralidade.Esta escrito com sangue na história italiana,e o Brasil deixou este assassino fazer turismo por aqui.
    Será que o Roberto Jefferson sabe o por quê?Ou o batisti sabe de mais
    assassinatos do pt?Ainda saberemos a verdade.
    Deus sabe de tudo.

  • Mendes

    -

    23/9/2012 às 23:17

    Erros por erros,deveria ter perguntado a ele sobre a atuaçao da Italia na questão da regiao do Pirara.

  • Marcos Moura

    -

    23/9/2012 às 22:50

    O que o Roberto Ribeiro disse me deixou preocupado, e com a pulga atrás da orelha. Será que o molusco e o resto da petralhada insistiu tanto no asilo ao battisti para que a Itália nos retalie? Assim eles teriam para onde fugir em segurança, quando forem condenados, e antes de serem presos.

  • Rolim

    -

    23/9/2012 às 22:39

    Seria uma maravilha se alguns dos mensaleiros condenados pelo STF se refugiassem na Itália. Aí teríamos uma alegria ao quadrado: a da condenação e a extradição. Sem dúvida, a Itália se vingaria da atitude grotesca do nosso governo de dar asilo ao Battisti.

  • Marcos-PE

    -

    23/9/2012 às 22:39

    O mais esdrúxulo da política externa desastrada da seita lullopetista foi ter repatriado os boxeadores cubanos para a ditadura castrista e abrigado esse assassino italiano. Fora PT!

  • duduvieira10

    -

    23/9/2012 às 22:20

    Esse é um problemão que o Tarso Genro criou e a confusão mental da Suprema Corte endossou ainda vai dar muita dor de cabeça, podes crer amizade!

  • Joe Silva

    -

    23/9/2012 às 22:04

    Nos filmes, todo bandido que foge , foge para o Brasil.
    Que chato, não é?

  • decio

    -

    23/9/2012 às 21:38

    Isso coisa do PT, abrigar um terrorista no Brasil, que vergonha. E o mensalão.

  • Moro, ma non credo

    -

    23/9/2012 às 21:35

    Faço minha a pergunta: e o Battisti. Ainda acrescento: por onde anda?, está bem de saúde?, está tendo algum problema com pequenos comerciantes e seus filhos?, O Santoro daqui deve ser respeitado pela sua qualidade como ator? Como é viver em um sistema presidencialista no qual não existem primeiros-ministros a serem sequestrados e assassinados?, será que não acha estar na hora está na hora de reapropriar a cadeira de rodas do Torregiani que sobrou?

  • Della Costa

    -

    23/9/2012 às 21:17

    Isso é dar guarida a bandido, PT (Lula e Dilma) infelizmente esses petista nivelam todos por baixo, o supremo foi muito covarde nesse assunto, não definiu nada, por que se definiu por lula não acataria e seria vergonhosa,

  • carlos

    -

    23/9/2012 às 21:16

    O Temer assim como o Jucá são a fiel amostra dos políticos brasileiros, sempre por cima da carne seca mamando dinheiro dos impostos.

  • Marcos K

    -

    23/9/2012 às 21:09

    Era só eles terem devolvido o Cacciolla…

  • joel jeronimo martins

    -

    23/9/2012 às 21:06

    Um governo cuja presidente é uma ex terrorista,só poderia ser solidário a outro da mesma laia

  • tisi

    -

    23/9/2012 às 21:06

    O caso Batistti e uma triste fotografia do Brasil moderno.
    Para a Petesada dane-se as regras e dane-se os velhos amigos
    hoje somos amigos da Venezuela, China, Iran, Bolivia, Siria e outros paises que costumam rasgar as regras na primeira oportunidade que aparece.

  • Nelício dos Santos Baros

    -

    23/9/2012 às 20:49

    O que sabe essa PATOTA PETISTA, é bem verdade q TEMER é Pmedebista (É comoo diz o Goiano… Tá tdo Culiado) se foi JUSTO ou INJUSTO o Julgamento Italiano Contra esse tal de “batisti”. A Nossa SUPREMA CORTE que vai da Metade para o Final desse MONSTRUOSO Julgamento do MENSALÃO,tdo indicando uma quase TOTALIDADE de Condenações e o BANDO continua afirmando q nada daquilo aconteceu, que a CORTE está cortando o q ñ deveria ser cortado. Haaare Baaaba.

  • Roberto Santos

    -

    23/9/2012 às 20:43

    Que vexame e humilhação hein?
    Mas quem mandou dar asilo para um assassino condenado à prisão perpétua?
    Isto é uma vergonha sem precedentes na nossa história.

  • Roberto Flores Martins

    -

    23/9/2012 às 20:27

    O STF vinha cometendo ultimamente erros memoraveis, como o demonstra o caso Cesare Battisti, um reu condenado pela Justica Italiana, receber asilo politico e realmente assustador! Asdsim ocorreu tambem com o Caso Raposa Serra do Sol, a regulamentacao do casamento Gay,e e claro, a liberacao da marcha da maconha!Todos estes casos sao o produto de um aparelhamento ideologico nao so da Sociedade,mas tambem do Governo, do Executivo e infelizmente tambem, do Supremo! Agora com as condenacoes no julgamento do Mensalao, o Supremo mudou de curso e entendeu que para defender a Sociedade e necessario acabar com a impunidade. Cesare Batistti, weria extraditado, se fosse julgado novamente.

  • Roberto Ribeiro

    -

    23/9/2012 às 20:25

    No direito internacional, as ações dos países sao pautadas pel reciprocidade. O Battisti nunca deveria ter sido agraciado com o asilo. Agora, a Itália tem o mesmo direito de nao extraditar os mensaleiros caso eles digam para a Itália. tudo e questão de reciprocidade.

  • Ronaldo Guilherme Benvenga

    -

    23/9/2012 às 20:21

    Michel Temer , o rei da vaselina e campeão do torneio em cima do murro.Seu apelido deveria ser “rolha”. Está sempre por cima, seja qual governo for.Um verdadeiro fenômeno mimético.

  • Amadeo Luther

    -

    23/9/2012 às 20:20

    Sr Raphael bezerra, seu comentário,aparentemente, sugere que o senhor está de pleno acordo com a decisão do apedeuta molusco,em proteger um comprovado assassino e terrorista.O direito internacional brasileiro,é pior e primitivo que o código penal…

  • João Batista

    -

    23/9/2012 às 20:10

    É assim mesmo. Bandido é bandido mané é mané

    Temer deve ter dito, que não era Brasileiro nesta época e que só conseguí cidadania Brasileira, depois de virar vice-Presidente

  • Mag

    -

    23/9/2012 às 20:01

    Battisti foi julgado na Itália, teve defesa no processo, e foi condenado. Optou por fugir. Outros na mesma situação já acertaram as contas com a justiça e estão vivendo normalmente. Battisti recorreu à Corte Européia, que CONFIRMOU a condenação da Justiça italiana, e não viu nenhum vício no processo dele.
    O Brasil tem um Tratado bilateral com a Itália, que foi aprovado pelo Senado brasileiro: sob o ponto de vista do direito internacional, se obrigou a cumprir, e sob o ponto de vista do direito interno, transformou este tratado em lei. Por este tratado, o Brasil é obrigado a entregar o cidadão italiano condenado, etc… O Supremo concedeu a extradição, e decretou a nulidade do ato do Tarso Genro que concedera refúgio político a Battisti. Mas deu a última palavra a Lula, fato inédito no direito brasileiro.
    Lula pisoteou em todas as regras de direito internacional, no tratado assinado pelo país do qual ele era presidente, QUE ESTAVA OBRIGADO A CUMPRIR. Sob o ponto de vista do direito internacional, o Brasil se colocou no último lugar da fila, merece o descrédito de todas as nações civilizadas. Giorgio Napolitano, presidente da Itália, tem toda a razão em constranger o Brasil, através de seu vice-presidente, trazendo o caso Battisti à pauta. É o mínimo que pode fazer a essas figuras desrespeitosas com as outras nações, e com o Brasil, que representam.

  • Alberto

    -

    23/9/2012 às 19:58

    Esse aí, não passa de mais um cretino. Desconversou porque não tem o que falar.

  • Ana

    -

    23/9/2012 às 19:53

    Devem respeitar o caramba, ô Raphael Bezerra. Quem DESRESPEITOU a lei foi o Brasil, que só pode tomar tal decisão se o país pedindo extradição for uma ditadura. ALiás, no Brasil PT, quando é ditadura e os fugitivos inocentes, manda de volta; quando é terrorista e o país de origem uma democracia, nega.

  • Marcelo

    -

    23/9/2012 às 19:52

    O Brasil do PT e do Lulla desrespeitaram a soberania italiana e o direito internacional ao abrigarem o assassino terrorista Cesare Batistti. O que esperar de um país que tem uma ex-terrorista na presidencia? O que esperar de um partido que tem o sangue de um ex-prefeito nas mãos?

  • Luiz Franceschin

    -

    23/9/2012 às 19:52

    Isso e capacho do Lula e sua turma,ficou sentado em cima do fim do fator previdenciario ,soh pq. era interessante ao Planalto, que nem esse outro “SUA EXCELENCIA”Marcos Maia,que ganhou uma viagem a Londres,para quando voltar do recesso, nao tocar mais no assunto,sao todos uns m….s

  • Hildo Evaristo

    -

    23/9/2012 às 19:50

    Napolitano, V. Exa já ouviu falar em soberania e Constituição Federal? O Brasil deixou de ser capacho da Elite Mundial. Chega de tanta subserviência. Vá ao tribunal de Haia… que o parta.

  • edson rosalvo

    -

    23/9/2012 às 19:46

    batisti é coisa de bandidos PETRALHAS.

  • mts

    -

    23/9/2012 às 19:42

    completando. Mais abaixo um comentarista lembra.
    O alibaba e a marilsa mensalovsky tem cidadania italiana.

    Sera que vao pedir asilo por la?

  • mts

    -

    23/9/2012 às 19:41

    Raphael, vc vai visitar o painho lulla na cadeia?
    Ja antevejo a romaria de mulherzinha de mallandro para o xilindro, fazerem visita intima a seu macho alpha.

  • mts

    -

    23/9/2012 às 19:39

    perguntem pro lulla mensalao e pro tarso genro c_ _ a o .
    todo petralha tem o sinal trocado. O que é certo para elles, eh claramente errado para os seres humanos.

  • sidney

    -

    23/9/2012 às 14:57

    Lauro
    O – DESCONVERSAR….. ETC ETC – eeee uma praxe no BRASIl desses ai como o sr vice mesmo ; sooo que ele esqueceu9 esquecem ) que nao estava no Brasil neeee !!!!
    E ainda mais agora esse velho e por sinal – ESCONDIDO CAUSO – !!!
    Baita abraco

  • Raphael Bezerra

    -

    23/9/2012 às 14:11

    Ainda bem que o Direito Internacional, vou repetir: o Direito Internacional, diz que eles (italianos) não precisam concordar com NADA, na verdade, DEVEM respeitar a decisão soberana do País e continuarem suas vidas.

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados