Mauricio Lima Radar on-line

Radar on-line

Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Severino Motta, Ernesto Neves e Pedro de Carvalho

sobre

O Radar publica informações exclusivas e bastidores de tudo o que for relevante. Da política à economia; do esporte à área cultural; do mundo dos negócios à segurança pública – tudo cabe neste espaço, desde que seja uma informação confiável e inédita.

PEC da reeleição será teste para aproximação de PMDB e PSDB

Por: Vera Magalhães

Temer: do meme à glória

Temer: Aliança sob prova

A votação no Senado da PEC que acaba com a reeleição será um piloto da aproximação de peemedebistas e tucanos.

Se passar, evidenciará o acordo para que Temer assuma o governo sem possibilidade de disputar em 2018.

Voltar para a home
TAGs:

Comentários

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

*

  1. Nélio

    Um argumento contrário à reeleição: nos últimos 24 anos só tivemos 03 Presidentes.

  2. Sandra maria berteli

    Vai ser a hora do teste. Se palavra dada, palavra empenhado . veremos.

  3. paulobrito

    Enfiem Temer, Sarney e a quadrilha no C…

  4. paulobrito

    Quando os políticos conversam entre eles põem a mão escondendo a boca. Por quê? Mal hálito ou negociatas?

  5. paulobrito

    Este PMDB querendo sair de fininho, vai enganar outro!

  6. paulobrito

    Dá 30 dias para quê? Esse tal de PMDB (Michel Temer, Romero Jucá, Renan Calheiros, Eduardo Cunha e José Sarney) é um verdadeiro chantagista! Plagiando a Jararaca eu digo: Enfia esta proposta no olho do c…!

  7. Wagner Paiva

    Vera MAgalhães, você é a melhor! Amo te ler e te ouvir falar!

  8. SILVIO JD

    Prezada Vera e amigos bons brasileiros. Bom dia.
    Essa noite tive um pesadelo horripilante. Nele, a serpente tinha sido nomeada ‘ministra presidente’, e o pior do tal pesadelo ainda está por vir.
    Sob a eminência de ser presa por talvez décadas, juntamente com seu serpentário e em conluio com outras cascavéis, também na eminência de serem conduzidas ao ‘paredão de fuzilamento’ por seus crimes, elaboraram um maligno plano. Implantaram da noite para o dia um golpe militar que conduziu nosso País às mais profundas trevas da ditadura. Tanques amanheceram cercando a capital federal, guerrilheiros mercenários invadiram o País. A serpente então, rasgou a Constituição em rede nacional de TV, dizendo-se ‘perseguida’ por uma ‘elite criminosa’ que ameaça a ‘sua nação’, extinguiu o Congresso, decretou estado de exceção e governando com ‘decretos’, indicou muitas cascavéis para cercarem e ‘protegerem’ seu território. O engraçado foi que, nesse pesadelo, o mesmo golpe de jararaca havia sido dado na Venezuela quase que simultaneamente, conclamando o início da unificação de um governo ‘serpentário sul americano’.
    Acordei suando frio. E após o pesadelo louco, a primeira pergunta que me veio à cabeça foi: Por onde anda e o que faz nesse momento o ministro comunista Aldo Rebelo. A segunda: Por que um comunista assumiria o comando das forças armadas?
    Foi só um pesadelo. Está tudo muito bem, tá tudo muito bom. Até demais.
    Mas por outro lado, essa ‘calmaria’, esse ‘já ganhou’ está me preocupando.
    A serpente está acuada e apavorada, e ela ainda bebe. Não só ela, mais um infinito número de outras cascavéis estão acuadas e apavoradas.
    Que seja só um bobo pesadelo. Mas de qualquer forma, todo cuidado é pouco com quem nada mais tem a perder.

  9. LADRÃO de CRUCIFIXO

    Porque nos Países desenvolvidos (venezuela, bolívia, etc) tem reeleição e no Brasil não querem reeleição ?????