Globo sem preferência

A Globo perderá o direito de preferência de compra dos direitos de transmissão do Brasileirão, se o plenário do Cade confirmar os termos do acordo já costurado nos bastidores com a emissora e o Clube dos Treze. O assunto consta da pauta da sessão de hoje do colegiado. O direito de preferência funciona assim:  mesmo […]

A Globo perderá o direito de preferência de compra dos direitos de transmissão do Brasileirão, se o plenário do Cade confirmar os termos do acordo já costurado nos bastidores com a emissora e o Clube dos Treze. O assunto consta da pauta da sessão de hoje do colegiado.

O direito de preferência funciona assim:  mesmo se a Record, por exemplo, fizer uma proposta superior numa concorrência de envelopes fechados, a Globo pode fazer um novo lance e ficar com os direitos do campeonato.

O entendimento evitará a condenação da Globo e do Clube dos Treze por prática anticompetitiva – o que poderia render à emissora dos Marinho uma multa milionária. No entanto, só valerá para o contrato que terá vigência entre 2012 e 2014. Os atuais direitos de transmissão, que vencem em 2011, já foram adquiridos pelas Organizações Globo.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s