Faz e não discute

Em 2010, assim que soube da indicação do agora notório Rubens Vieira para uma diretoria da Anac, Nelson Jobim, então ministro da Defesa, ligou para Dilma Rousseff. Alertou-a dizendo que Vieira não tinha qualificação para o posto. A chefe da Casa Civil foi curta e grossa: – O Lula quer. Assim foi feito. Deu no […]

Jobim: ordens são ordens

Em 2010, assim que soube da indicação do agora notório Rubens Vieira para uma diretoria da Anac, Nelson Jobim, então ministro da Defesa, ligou para Dilma Rousseff. Alertou-a dizendo que Vieira não tinha qualificação para o posto. A chefe da Casa Civil foi curta e grossa:

– O Lula quer.

Assim foi feito. Deu no que deu.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s