Mauricio Lima Radar on-line

Radar on-line

Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Ernesto Neves e Pedro de Carvalho

sobre

O Radar publica informações exclusivas e bastidores de tudo o que for relevante. Da política à economia; do esporte à área cultural; do mundo dos negócios à segurança pública – tudo cabe neste espaço, desde que seja uma informação confiável e inédita.

Discutindo alianças

Por: Robson Bonin

Foco nas eleições de outubro

Henrique Eduardo Alves vai aproveitar o encontro do PMDB com Dilma Rousseff, agora em março, para discutir a composição de alianças nas eleições municipais de outubro. Para Alves, é fundamental definir o quanto antes os termos do relacionamento com o PT e demais partidos.

Alves deve levar a Dilma um levantamento elaborado por Valdir Raupp sobre as pretensões eleitorais do PMDB, com projeções de candidatos e focos regionais de tensão. Mais do que firmar alianças, os peemedebistas estão preocupados em estabelecer os limites (leia-se segurar o ímpeto petista) da atuação de cada partido nos conflitos regionais.

Voltar para a home
TAGs:

Comentários

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

*

  1. […] PMDB desistiu (leia mais em Discutindo alianças) de atormentar Dilma Rousseff com a discussão de alianças eleitorais. Alguém no ninho […]

  2. […] PMDB desistiu (leia mais em Discutindo alianças) de atormentar Dilma Rousseff com a discussão de alianças eleitorais. Alguém no ninho […]

  3. […] do Lauro Jardim […]

  4. karlson rocha silveira

    eSTE CARA NÃO É AQUELE QUE PEITOU A DILMA? ELE DEVE ESTAR DESLUMBRADO COM O CARGO,E QUASE PREJUDICA O SEU ESTADO. UM FALASTRÃO.

  5. Carlos

    Por favor, só não forcem Geddel em minha capital, Salvador. A gente já sofreu demais com o antigo amorzinho dele, João Henrique.