Blogs e Colunistas

sábado, 22 de setembro de 2012

7:24 \ Economia

De acordo

Restrições impostas

O novo acordo de acionistas das Organizações Globo inclui algumas restrições aos seus dez integrantes, todos da família Marinho. Não poderão jamais filiar-se a partidos políticos e a movimentos religiosos – ou seja, Igreja Universal, por exemplo, nem pensar. Se o fizerem terão que vender suas ações aos outros acionistas.

Por Lauro Jardim

Deixe o seu comentário

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

» Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

Envie um comentário

O seu endereço de email não será publicado

69 Comentários

  • Noemi

    -

    27/9/2012 às 8:43

    Imparcialidade é tudo que a emissora precisa pra manter a credibilidade…

  • luiz roberto

    -

    25/9/2012 às 6:43

    A universal não é igreja é seita. Que toma dinheiro do trouxas.

  • Anderson

    -

    24/9/2012 às 20:18

    Brasileiro é apaixonado pela Globo. Uma unica nota aqui com o nome GLOBO e Kabum, explodem comentários de todos os tipos. Paixão NacionaLLLLL… # FATO

  • Leniéverson Azeredo

    -

    24/9/2012 às 15:15

    O fato de a Globo transmitir programas religiosos não a faz conservadora e nem o fato de ela defender a questão das drogas o direito dos LGBTs a faz progressista. Ela na verdade é interesseira, oportunista e ambígua.Resumindo: Uma coisa sem identidade.

  • Angelo

    -

    24/9/2012 às 12:09

    Senhores,Tem jornalismo em outras emissoras que supera o jN.
    Um exemplo o jornal do SBT Brasil.

  • Marcos

    -

    24/9/2012 às 9:11

    É, o gigante de pés de barro está prevendo o pior…
    Os dias estão contados, quem viver verá, se o império romano caiu, o que dirá a rede Grobo…
    estamos na torcida…

  • Kleber Barroso

    -

    24/9/2012 às 4:06

    Faz-me rir essa nota… Agora que o barco tende a afundar, a Globo pula fora… A memória curta tradicional se faz vista novamente, ou vocês já esqueceram dinheiro que salvaram a Globo e garantiram uma cobertura leve dos escândalos que ocorreram nos últimos 10 anos????

  • Valdir A. C.

    -

    23/9/2012 às 22:50

    KKKKKKKKKKKKK…. é a piada do século!!!

  • Luiz

    -

    23/9/2012 às 20:42

    Roberto Marinho fez o que tinha que ser feito, uma grande emissora. Se não fizesse, outro faria e, talvez, sem prezar e apoiar a livre iniciativa, economia de mercado e respeito as liberdades democráticas, pilares de um estado democrático. Haja manipulação nesse filme ,horrível, diga-se de passagem, “Além do Cidadão Kane”. Armando Rolemberg falando de democratização dos meios de comunicação é cômico! Essa gente alinhada ao PT e Cut tinham ódio ao lucro, como se uma empresa privada, de qualquer natureza e mercado, que emprega milhares de pessoas pudesse sobreviver sem ele. qualquer empresa que dependa de governos, sejam municipais, estaduais e federal, perde a autonomia e liberdade. Na imprensa alinhamento à governos é fatal! Vira chapa branca e agride a criatividade e inovação. Governos em países DEMOCRÁTICOS, na prática, devem cuidar de investimentos em educação, saúde, segurnaça, infresttrutura e investir pesado em ciência. Informção é com a imprensa livre,que tem como premissa básica apurar, investigar (aqui ,jornalismo investigativo!)e informar. Básico! O resto é coisa típica de estados autoritários onde não há liberdades. Cuba, Venezuela,Coreia do Norte, China, Irã e torcemos para que los hermanos não cedam à tentação na figura da viúva louca!

  • Luiz

    -

    23/9/2012 às 20:25

    Há muito choro de ressentidos aqui. A Globo é o que é porque tem a competência que falta ao setor público. Lula gastou mais de 1Bilhão de reais para fazer a TV BRASIL, que oscila entre 0% e 0,1%. Tudo pago ,é claro, com o nosso dinheiro. Ao que parece, nem mesmo o cabide de empregos assiste a programação desse elefante branco, chapa branca. Cherem!

  • Sebastião T.Souza

    -

    23/9/2012 às 20:19

    Eu ja não via quase nada da Globo agora pioro ah o Jornal SBT Brasil ta melhor que o JN da Globo.

  • Renato Kerr

    -

    23/9/2012 às 19:20

    Achei bacana. Espero que a Globo nunca se rebaixe a TV de aluguel para partidos políticos ou pseudo religiões, como vem acontecendo com outras emissoras.

  • jose luiz carvalho

    -

    23/9/2012 às 16:09

    realmente a que mais aliena com sua péssima programação.e ainda faz o jogo do poder, que ainda e o maior cliente

  • Gilmar

    -

    23/9/2012 às 13:54

    Nada é perfeito, inclusive a Globo, porém, diante das incompetências de suas co-irmãs a Globo é a melhor.
    Os acionistas exporão o que eles querem em termos de gestão, cabe aos gestores do grupo em questão acatar ou não!
    Um exemplo negativo é a Record! Na Recod É impossível saber o que é IGREJA ou EMISSORA (SE BEM QUE TODOS TEM CONCIÊNCIA QUE A IURD É UMA EMPRESA E DAS MAIS LUCRATIVAS PELO FATO DE NÃO PAGAR IMPOSTOS)…
    Na Record tudo é IURD, tudo é Bi$$$po Ma$$$edo, tudo é DÍZÍMO, resumindo: Bi$$$po Edir Ma$$$edo + IURD + Dízimos = DINHEIRO ( “/_) Logo → Mansões, Carros Importados, Jatos, Compra de 40% do Banco Renner,partid político, emissoras de tv e rádio, entre outras situações dessa natureza.
    Uma coisa é verdade, Record ou IURD, não importa, são uma coisa só (SE BEM QUE A IURD É A EMPRESA MAIS RENTÁVEL DO GRUPO), lá tudo se resume em DÍZIMOS.
    Quem vai querer investir ou ter o nome de sua empresa associado as empresas do Bi$$$$po Edir Mál$$$$edo (ESSE CARA É O QUE HÁ DE PIOR NO BRASIL).

  • Anderson

    -

    23/9/2012 às 13:20

    Todo protestante deveria levar um t#i#r#o no meio da cara. Só assim esses m*i*s*e*r*á*v*e*i*s iriam se encontrar de vês com esse filho da p#u#t#a chamado jesus cristo.

  • Lázaro Dantas

    -

    23/9/2012 às 12:04

    Caramba ein?!!!Que acordo é esse? Aprisionar as pessoas em todos os sentidos!!!Gostaria de ver uma matéria completa sobre o assunto nas páginas da Veja, esta que se diz imparcial.

  • Tarcizo

    -

    23/9/2012 às 11:25

    Tem pessoas que leêm um noticia , e não sabm interpretar e escrevem para este blog um monte de besteiras.
    A globo quer com essa medida evitar que a emissora se torne palanque ou pulpito como a Record.
    No mais é a emissora que na programação , tem mais diversidade seja cultural , sexual . religiosa ,e politica.
    Não é perfeita, mas é a que mais se aproxima disso,e tem melhorado.

  • roberto

    -

    23/9/2012 às 11:08

    E as Organizações Globo estão corretas, porque se não vão virar : Granma; Plavda ou similar.

  • marcio

    -

    23/9/2012 às 7:02

    Não vejo nenhuma eficácia na decisão, pois em um minuto qualquer um dos colaboradores podem fazer merda(novelistas, diretores etc.) com repercussão catastrófica,e tal decisão apenas servirá para encobrir os 10 que poderão dizer, também que não “sabem de nada”, que tal fato não condiz com a posição da direção, mas aí, a merda já foi pro ventilador, mas a idéia é boa pois “religião e política” não são assuntos para TV e sim para se praticar.

  • Bispo Macedo

    -

    23/9/2012 às 4:57

    Dinheiro pra comprar ações da Globo tem, mas pra pagar o dízimo da Universal não!!! Deixa! Deus tá vendo!!!

  • Jorge de Souza

    -

    23/9/2012 às 1:18

    Este tipo de acordo escraviza e viola a pessoa humana,independente da classe social a que pertença,vejo que há nesse grupo algum espertalhão querendo ficar com a maior parte do conglomerado, e viabilizou essa ideia absurda,onde estão os direitos individuais dos acionistas.Na boa,isso vai acabar muito mal.

  • mts

    -

    23/9/2012 às 1:03

    Fazem muito bem.
    Petralhas nao gostam da globo. Deve ser boa.
    Petralhas nao gostam da veja. Otima revista.

    Rede record= o canal dos petralhas.
    Bispo Macedo, o pastor dos petralhas.
    Lulla, o deus dos petralhas.
    Satanas, o aprendiz de lulla.

  • Gilson

    -

    22/9/2012 às 23:13

    O nome disso é lisura. A Globo sempre tenta fazer a coisa certa mas o grande problema da emissora hoje é o jornalismo. Transformaram o Jornal Nacional num SPTV em Rede Nacional e o Fantástico numa revista eletrônica paulista corintiana. Agora com a mudança na Central Globo de Jornalismo chegou a hora de se fazer uma reengenharia no jornalismo da emissora. O JN diz que ganhou o Oscar de jornalismo mas nunca diz que as matérias foram feitas por jornalistas do RJTV quando comandos da Marinha e tropas da PM, polícia civil e federal expulsaram os bandidos da favela do Alemão e implantaram uma UPP. Em Goiania o JN perde para a novela Carrossel e isso é apenas o começo da derrocada do SPTV em Rede Nacional. Porque os goianos deixarão de ver uma novela infantil para ver notícias de São Paulo e seus clubes de futebol no JN-SPTV ? Repito:
    Para moralizar a Globo tem que começar com uma Reengenharia no seu Telejornalismo e agora que Ali Kamel subiu de cargo a Globo tem que trazer um jornalista de fora da emissora para ser o novo diretor geral de Telejorlismo para acabar com a panelinha paulista no telejornalismo na emissora.

  • Gessy Coutinho

    -

    22/9/2012 às 22:26

    GlóriaMaria, a questão não é o preconceito e sim a apologia.Todas as novas da globo são voltadas para homossexualismo e até mesmo espiritismo.Os Protestantes respeitam sim. Já pensou se toda as novelas da globo divulgassem o protestantismo, seria um saco também, certo? rsrsrs

  • GloriaMariaDuarte

    -

    22/9/2012 às 22:01

    Protestantes… intolerantes e intoleráveis. Não sabem respeitar os direitos de escolha das pessoas, ainda bem que existe a lei de intolerância religiosa, caso contrário viveriamos em breve como os países árabes.

  • FLavio

    -

    22/9/2012 às 21:48

    Nas organizacoes globo nao precisam
    de mais politica, e religiao, eles ja manipulam as pessoas

  • Bah[2]

    -

    22/9/2012 às 21:00

    E dai? É lei para os integrantes, e não para mim. Mas que é contraditório é. JN tá virando Ana Maria Braga, sem criticas a nada nem ninguém. Estão todos com a boquinha fechada. Pra mim o mensalão também vai pra eles… ooooooooooooooo coitadoooo.

  • sidineizancanaro

    -

    22/9/2012 às 20:51

    isso e , medo da CONCORRENCIA , atualmente a GLOBO TEM CONCORRENCIA ,aos 20 anos atras ELA REINAVA SOZINHA , HOJE TEM A RECORD E A UNIVERSAL………………

  • Hilda Abrunhosa

    -

    22/9/2012 às 20:14

    Wilson eu vi Além do cidadão Kane. Quanta bobagem!!! O filme é completamente tendencioso, uma forsação de barra tremenda! Chegam ao onto de colocar a culpa na situação do país na Xuxa! Na entrevista com um casal tb fica claro a simplicidade das resposta e manipulação das resposta. Ora essa se alguma entidade faz algo pelo Brasil, essa é a Rede Globo. Se Marinho no início fez alguma tttica, nada é parecido com o que fez e continua fazendo a Record! Hoje a Globo faz um programa reconhecido pela Unesco ( um braços da ONU). O filme é totalmente tendencioso. Preste atenção Wilson. Roberto Marinho sempre morou no Brasil e no mesmo bairro até a sua morte, diferente de Macedo que teve que morar fora por conta de seus crimes. Deixe o preconceito de lado, innforme-se e depois veja o filme. Um monte de baboseira sem o menor sentido, antigo e tolo.
    Exemplo: a XUXA e Globo criticadas por não fazerem nada pelas crianças do Brasil, hoje faz um lindo trabalho com crianças no Rio de janeiro através de sua fundação. Boa é a Record, com um passado e presente mais sujo que pau de galinheiro.

  • Hilda de Borges

    -

    22/9/2012 às 19:54

    A GLOBO é uma emissora privada.Sobrevive da venda de seus produtos.A Record uma parte de seu dinheiro vem da fé alheia (dízimo).
    e UMA EMISSORA CUJO DONO FUNDOU UM PARTIDO COMO PODE TER ISENÇÃO? NUNCA! Daí o voto de cabresto para eleger um “ungido”….
    Uma parte dos recusoros para a compra da Record, veio da Colômbia! Do narcotráfico. (google). Mais: a Record não respeita DIREITO DE RESPOSTA. Acusada de intolerância religiosa,dorme na gaveta o dieito de resposta das igrejas de matriz africana.A IURD está dando um nó na justiça, conseguindo tudo o que quer com sua retórica intolerante, gananciosa, expancionista e cruel com pessoas simples e de boa-fé.

    A GLOBO TEM SIM UMA PROGRAMAÇÃO EDUCATIVA: SÁBADO PELA MANHÃ.

  • Cinara

    -

    22/9/2012 às 19:48

    Ah é mesmo eo globo reporter que foi somente sobre espiritismo e candomblé, isso não conta, sera que quem ta por tras disso não são adeptos? Tenha santa paciência! Quanto menos falar de Deus melhor, quanto mais pornôgrafia melhor ainda né conrropendo os nossos jovens, que infelizmente segue os modismos das novelas.

  • Sebastião Correa de Amorim

    -

    22/9/2012 às 18:49

    Coversa para boi dormir. O pessoal da Globo deve estar cabreiro porque o Celso Russomano não deu mole para o entrevistador que gastou os dois minutos do tempo perguntando sobre religião, apoio da Igreja Universal,
    supostas implicações do candidato com o Ministério Público, isso e aquilo, e quando resolveu indagar como o canditadato pretendia atuar na admistração como prefeito, o tempo se esgotou, e ficou nisso. O que a Globo precisa fazer o mais rápido possível é melhorar sua grade de programação se não quiser ser superada pela concorrência, e ficar na dela. isso sim, é uma iniciativa louvável, não essa picuinha desnecessária. Não pensem que eu faça parte de alguma religião, estou aqui comentando a inutilidade desse tipo de comportamento. Só isso.

  • Cicero

    -

    22/9/2012 às 18:34

    Concluí-se que todos são ateus!

  • rogerio

    -

    22/9/2012 às 18:30

    Cada ignorante q eu vi q nao da pra acredita preconceituosos, acima de tudo é acredita em Deus imdepentente de religiao ou crença agora a tv lixo é um caso aparte!!!!!!!

  • Claudio

    -

    22/9/2012 às 18:30

    Então espiritismo não é religião? Ah já sei: é filosofia de vida.

    Globo você não engana mais niguém!!!

  • Eduardo(duduindo)

    -

    22/9/2012 às 18:18

    Pra mim, tanto faz. Substitui a Globo pelo Youtube e Google News.

  • Wilson

    -

    22/9/2012 às 18:16

    ALÉM DO CIDADÃO KANE. Documentário de um jornalista de Londres que A Globo conseguiu proibir no Brasil. Mas agora está disponível na net e em DVDs pelo Brasil afora. Compre, baixe, peça emprestado, mas assista. Entenda a mente maligna da família Marinho.

  • Leandro

    -

    22/9/2012 às 18:00

    A rede globo é uma emissora privada e pode ter a politica que quiser. Se programação educativa desse audiencia, Tv cultura e rede vida, seriam as líderes e não é isso que a acontece os líderes de programação neste país, são novelas cheias de valores invertidos e big brothers, se a globo tá ganhando com isso não tem porque ela se mexer para acabar. Quem não gosta que não a veja.

  • Julio Domingues

    -

    22/9/2012 às 18:00

    A Globo publica o quer lhe interessa eu estou denunciando a industria da multa e eles nem tocam no assunto veja o video A FRAUDE DO INMETRO NAS MULTAS NO RIO DE JANEIRO

  • Anne

    -

    22/9/2012 às 17:56

    Gosto da secularização e da laicidade para evitar essas bizarrices que a junção de política mais religião fazem, quem quiser um páis teocrático vão pro irã, afeganistão, lá é o lugar de vcs.

  • Thiago Silva de Souza

    -

    22/9/2012 às 17:51

    Nossa grande avanço, ainda prefiro o desodorante avanço

  • Rebelo

    -

    22/9/2012 às 17:49

    E quanto a organizações ideológicas, como o Viva Ri(c)o?

  • Reginaldo

    -

    22/9/2012 às 17:44

    Esse deveria ser uma regra para todos os canais de TV do pais. Claro que todos tem uma programação eclética e economicamente dependente, mais ser dirigida por tendencias políticas ou religiosas é o fim da democracia. Milhares de pessoas são influenciadas pelo que assistem e utilizar desse meio para ganhar poder chega a ser obsceno. A Globo não é nenhuma ” Santinha ” mais acho que neste ponto tem feito um belo trabalho. Não é a toa que a segunda emissora do Mundo, Parabens

  • Francisco Pinheiro

    -

    22/9/2012 às 17:38

    Tem até quem acredite mesmo. Pior que ficar se excluindo dessa ou outra religião, deveriam sim aprimorar a programação, não aprovando programas que destroi familias com pornografias, incentivo a culto gay, etc.
    Quanto a politica, todos sabem que a Globo é o tipo da Empresa que sempre está em cima do muro, sempre pendendo pro lado do governo do momento.
    É pura balela o que disseram.

  • Catu Martins

    -

    22/9/2012 às 17:34

    A rede esgoto apoiará sempre, aqueles q não ousarem tocar na ferida aberta da época da ditadura, onde seu fundador vendeu a alma para os que comandavam o Brasil.

  • Vitor Roberto Schettino

    -

    22/9/2012 às 17:30

    queria ver se esse pessoal que está odiando esse acordo fosse obrigado a ver empurração religiosa de alguma religião muito diferente da deles… iriam estar todos pedindo pela imparcialidade religiosa… pra mim, nenhum meio de comunicação em massa que peça qualquer tipo de credibilidade pode ter qualquer parcialidade, seja religiosa ou política.
    ponto positivo pra globo.

  • Kelvin Rangel

    -

    22/9/2012 às 17:25

    Nunca nesse país, a Rede Globo de Televisão só quer saber de duas coisas, dinheiro e poder (assim como as demais redes que só ligam pra propaganda comercial e não educativa), a política e a religião tem muito disso e em abundância (infelizmente é por esse caminho) mas acredito na seriedade (mesmo que pouco).

  • Tomaz

    -

    22/9/2012 às 17:21

    é por essas e outras que recorro ao youtube pra ver o que realmente me interessa, tv aberta ta cada ves pior

  • R.C.

    -

    22/9/2012 às 17:18

    Ponto para as Organizações Globo².

  • Luiz

    -

    22/9/2012 às 16:56

    Continuam viajando na maiosese,Joe,Ciro e Odorico! Tenho certeza de que assistem a Missa do Galo, no Natal! Devia ler ,também ,os artigo de Cardeal Dom Eugênio Sales, no Globo.Êta bando de anarquistas!

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados