Mauricio Lima Radar on-line

Radar on-line

Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Severino Motta, Ernesto Neves e Pedro de Carvalho

sobre

O Radar publica informações exclusivas e bastidores de tudo o que for relevante. Da política à economia; do esporte à área cultural; do mundo dos negócios à segurança pública – tudo cabe neste espaço, desde que seja uma informação confiável e inédita.

Crime contra cães e gatos

Por: Robson Bonin

Para proteger a fauna doméstica

A pretexto de “proteger a fauna doméstica” de qualquer tipo de crueldade, o deputado paulista Paulo Izar apresentou projeto na Câmara nesta semana para proibir a eliminação de cães e gatos em centros de zoonoses do país.

Pelo texto de Izar, o sacrifício dos animais, realizado via eutanásia, estará autorizado apenas nos casos de males, doenças graves ou enfermidades infectocontagiosas incuráveis que coloquem em risco a saúde humana ou de outros bichos.

Se a proposta virar lei, o estabelecimento que desrespeitar a norma responderá pelos crimes previstos na Lei de Crimes Ambientais, que prevê prisão e multa aos infratores.

Voltar para a home
TAGs:

Comentários

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

*

  1. Luiz Augusto Pimenta Guedes

    Já existem leis estaduais (em Goiás, por exemplo) que proibem a eliminação de cães e gatos. Melhor ainda, como forma de abranger Estados que ainda não aprovaram lei nesse sentido, a edição de uma Lei Federal. Os animais tem um status moral e devem ser protegidos. No dizer do jurista Miguel Reale, as leis protetivas dos animais levam em consideração os valores de afetividade e bons sentimentos, apanágio, segundo ele, dos homens civilizados. Atenciosamente. Luiz Augusto Pimenga Guedes – Goiânia-GO.

  2. Luana

    Eu poderia dar vários motivos pelos quais nós, “vazios”, como o colega fez questão de falar, nos preocupamos com a vida dos animais. Mas como eu sei que seria inútil escrever qualquer coisa aqui, pois isso não mostraria a verdade para aquele que não quer enxergá-la, vou falar apenas uma coisa: Eles merecem viver tanto e tão bem quanto qualquer ser humano. Já pensou se fosse ao contrário, se o abandonado fosse você, e se existissem órgãos com a permissão de realizar a sua eutanásia? Você não teria pedido para ser abandonado, e estaria pagando por um crime que não é seu. Meus parabéns ao deputado, e eu realmente espero que as pessoas que cometem crueldade com animais sejam devidamente punidas.

  3. Rah

    É engraçado como pessoas ignorantes não se preocupam com o bem estar do animal, se cada ajuda-se um pouco, não seria necessário matar esses cães. Outros se preocupam com a superpopulaçao dos animais, e a solução é mata-los, e o que diria se fosse uma superpopulaçao de pessoas, essas também deveriam ser mortas? O Ser Humano deveria aprender a dar valor as coisas, a respeitar os outros tipos de vida, e não se preocupar apenas com si próprio!

  4. Flávio Paz

    E que tal fazer como nos EUA, onde existe uma policia especializada em abandono e maus tratos de animais…. quando ela atua, as pessoas vão PRESAS ALGEMADAS por não tratar bem seus animais….. ai sim a posse responsavel iria fazer sentido.

    Animal é pra quem pode…e não pra quem quer !

  5. Ana

    Não basta proibir a eutanásia, tem de criar campanhas gratuitas de castração e posse responsável. Senão acontece como em SP, como não podem eutanasiar bicho saudável, simplesmente param de recolher…

    E para quem vem com mimimi de “Ah e com as pessoas, ninguém se preocupa?”… Really?

  6. estela

    Pois é ainda bem que tem gente preocupada com os bichinhos enquanto isso nas filas dos hospitais, de postos de saúde, do INSS quem se preocupará?

  7. jane sandes

    Parabéns deputado Paulo Izar. Se os Centros de Zoonoses resolvessem o problema do cão abandonado já teriamos obtido algum resultado, deste que, no Brasil, este crime perdura deste 1930. O controle da natalidade com a castração seria uma opção e não levar cães sadios para morrer nos centros de zoonose ou para os bichinhos servirem a vivisecçao nas faculdades de medicina e veterinária. Em frente, deputado. Muito sucesso!

  8. Ana

    Sinceramente,tem ser humano que faz bem pior do que os animais e ninguém fala nada,ninguém liga e o pior é que se diz ser “racioinal”.Será???

    O maior destruidor do planeta terra,de fato,é o homem em sua essência,que suja,polui,mata,distrói em todos os sentidos possíveis,fora a impunidade que cresce,cada vez mais,dia após dia com crimes bárbaros que acontece demasiadamente e fica por isso mesmo,a maioria dos casos,não existe mais respeito para com o seu próximo e isso tudo é feito com a maior frieza e falta de amor do mundo e tem gente que se acha,ainda, no direito de reivindicar contra os animais. Fala sério!!! ISSO É NO MÍNIMO RIDÍCULO!!!
    Como eu disse no post anterior,torno a repetir quantas e quantas vezes for necessárias:”Sinceramente,o mundo está indo de mal a pior cada dia mais,ainda mais com a frieza e a falta de amor das pessoas.”

    Como disse o “camarada” aí abaixo: “A verdade dói,mas vamos lá” Fazer o que,né? ;)

  9. Oscar Coutinho

    meu caro Edilei, infelizmente estes animais estão nas ruas por causa do animal humano, entao vamos começar a exterminar as pessoas animais que abandonam seus caes e gatos nas ruas para os mesmos se proliferarem e proliferarem diversas doenças, como as que o senhor exemplificou aqui embaixo. O que o senhor acha? Sera que o senhor conhece alguem que ja abandonou algum cao na rua e é a favor que esse alguem seja exterminado pq a culpa do animal estar na rua é exclusivamente dessa pessoa? Entao vamos fazer o seguinte, vamos matar todos os mendigos, pois, eles tambem reviram lixos, fazem suas necessidades nas calçadas e muitos deles ainda nos roubam.
    Vamos acabar com o mal pela raiz, exterminando as pessoas que abandonam os animais, EU APOIO.

  10. edilei link de macedo

    A verdade dói, mas vamos lá:
    Cães e gatos DE RUA “contribuem” para a sociedade, entre outras, da seguintes formas:
    1)Virando e revirando muito lixo nas calçadas e ruas. Vocês podem reparar que nos arredores de onde se coloca lixo para a coleta do caminhão há sempre uma borra/caldo nojento que servirá unicamente para a proliferação de bactérias, vírus, vermes, moscas, baratas, ratos, ratazanas etc. etc.etc.;
    2)Do item um pode-se inferir muita insalubridade e doenças;
    3)Mau cheiro da urina e das fezes, nas calçadas, nas praças, nos portões de nossas casas, enfim, em todo lugar;
    4) A urina e as fezes minando nossos caminhos proporcionam um meio/cultura também excelente para a proliferação de bactérias, vírus, vermes, moscas, baratas etc. etc.etc;
    5)A sensação nojenta de afundar nosso pés na lama. Só que infelizmente não é lama, é cocô nojento de cachorros nojentos;
    6)São vetores de pulgas, sarnas, carrapatos e muitas doenças.
    Bem, se quiserem mais, posso de bom grado rememorar algumas outras contribuições destas PRAGAS urbanas que andam pelas ruas e que, por medo da opinião pública _leia-se meia dúzia de gente oca e vazia, mas barulhenta_ as autoridades não fazem nada.
    Ah, antes que desta meia dúzia, uma meia dúzia de xiitas guinche afetadamente por sua sensibilidade ferida, que tal uma sugestão:
    QUE TAL VOCÊS QUE NÃO ADMITEM NENHUMA AÇÃO DAS AUTORIDADES PARA POR FIM A ESTAS VERDADEIRAS PRAGAS URBANAS, LEVAREM TODOS ESTES ANIMAIS _CÃES E GATOS DE RUA_ PARA SUA CASA E CRIÁ-LOS COM TODO O MIMO QUE O DINHEIRO LHES PERMITE: BOA ALIMENTAÇÃO, BANHO COM XAMPU, VERMIFUGAÇÃO, TOSAS, REMÉDIOS, CONSULTAS AO VETERINÁRIO ETC. ETC. ETC. ETC. ETC. ETC. Amar _de boca_ teoricamente, é cômodo e conveniente.
    É, vazios! Teorizar é, foi e sempre será fácil. Difícil é agir de forma efetiva e EFICAZ, resolvendo DE FATO os problemas.

  11. Kaos

    Lá no RS tem uma ONG que já possui mais de 1.500 animais ! É claro que como toda ONG só sobrevive com o dinheiro público. Tem vídeo na internet, é a favela dos cachorros. Cachorro tem que ter UM DONO e não ficar preso em uma corrente de meio metro e em cima de sua casinha de 0,5 m2 !!!

  12. Ana

    “Parabéns pela iniciativa do Deputado Paulo Izar. Ele está sendo a voz, daqueles q não podem gritar por socorro. Animais também têm direito a vida.” (2)
    Tem algumas pessoas que sempre são do contra,deveriam dar sugestões em criar canis.Censurar e criticar a proposta de lei do deputado é muito fácil,por que então não censurar e criticar a impunidade,a corrupção,a pedofilia,a maldade que está tomando conta da nação? Sinceramente,o mundo está indo de mal a pior cada dia mais,ainda mais com a frieza e a falta de amor das pessoas.

  13. Tree

    Gostei!………..Centro de Corruptose…………

  14. justice

    É melhor mil cachorros e gatos vivos do que qualquer besta humana acomodada no Governo, nos assaltando dia a dia, e a cada esquina .

  15. JOÃO SILVA

    Quero ver quem vai sustentar esse monte de animais. Acho que deve haver a posse com responsabilidade.Quem quer um animal que cuide dele!!!

  16. heberpai

    ” A GRANDEZA DE UMA NAÇÃO PODE SER JULGADA PELO MODO QUE SEUS ANIMAIS SÃO TRATADOS”.

    Gandhi

    [pelos comentários abaixo lidos, concluo que ainda existem pessoas cujo pequinez de seu carater é compativel com o enorme tamanho de sua
    infelicidade , e por isso descontar nos animais é preciso. E como tem.]

  17. gabriel

    Um cão ou um gato jamais vai tentar te assaltar, roubar ou te matar a não ser que um humano o ensine a ser agressivo; Esses bichos não nos atrapalham em nada, se chegamos tristes eles nos alegram tudo que eles querem e nos dar amor e um amor de um animal é o mais puro por que ele não olha cor, condição de vida, beleza tudo o que eles querem é viver sendo respeitados e eles jamais iram te trair ou reclamar; prefiro sustentar uma centena de animais de rua do que alimentar pedofilos estupradores e assassinos e bandidos como fazemos nesse pais de governantes corruptos seja com menslao, tec, etc…

  18. rosana nogueira

    Tá faltando lei mais severa para quem pratica qualquer tipo de crueldade a qualquer espécie de animal, a lei atual só incentiva esses monstros a praticar mais tratos, a pena é muito branda se é que se pode chamar de pena.

  19. clown

    excelente ideia.
    ao invés de eliminar seres maravilhosos, como os cães, deveriam criar centros de corrupnoses.
    para eliminar políticos ladrões e vagabundos que roubam diariamente nossos impostos.

  20. Rosana

    eu apoio! ;)

  21. Marcello S. Nicola

    Tá certo! Se falta verba para abrigos públicos é por que os que lucram com o comércio de animais não são devidamente taxados. E quem abandona devia responder criminalmente.

  22. Ana

    Sou contra o sacrifício de animais!!!

  23. Celso Magalhães Coronel

    Esse sr. deputado não sabe o que está propondo, com certeza.
    A proposta é um atentado contra a saúde pública, haja visto que os cães, principalmente os de rua, são vetores e hospedeiros de vários tipos de zoonoses(será que ele sabe disso?).
    Imagine o risco de uma superpopulação de cães e o ônus ao erário público, para alimentar os cães e mante-los em canis públicos, a não ser que o ilustre parlamentar os hospede em sua casa.
    Sugiro ao Sr. Deputado, que vá estudar e/ou se informar sobre o assunto, com quem conhece do mesmo, antes de sair propondo “um verdadeiro absurdo em forma de proposta de lei.”
    Caramba!
    Se essa moda pega…

  24. […] Crime contra cães e gatos […]

  25. Anderson Felix

    Engraçado, quer dizer então que seres humanos são superiores aos outros animais? Só me resta uma pergunta, por que?

  26. Ericlécio

    Esse deputado sabe quantos filhotes esses animais podem ter de uma vez? E quantas vezes por ano? O mundo teria mais cachorros e gatos do que gente. Essa proposta de lei aumentaria mais ainda a crueldade com esses animais, cachorros seriam atropelados constantemente e as ruas das cidades seriam manchadas de sangue desses animais, por exemplo.

  27. Elen G Moreira

    Parabéns pela iniciativa! É triste ver q o nosso país não cuida dos animais, preferindo exterminá-los. Porém,o que podemos esperar de um país que não dá assistência ao seu povo? Que Deus nos ajude!

  28. beatriz

    Parabéns pela iniciativa do Deputado Paulo Izar. Ele está sendo a voz, daqueles q não podem gritar por socorro. Animais também têm direito a vida.

  29. Cleusa Maria

    Por mim esta lei já estaria aprovada! Tomara q consiga!

  30. jcscz

    Só uma pergunta: Este senhor vai assumir a responsabilidade de adotar os animais salvos ou o governo criar um ministério ou secretárias para cuidar deste assunto?

  31. Cristina

    Aqui, no Estado de São Paulo, já existe lei parecida, criada pelo Deputado Feliciano Filho (PV) e sancionada pelo então Governador José Serra, em 17 de abril de 2008.

  32. Elisius

    A castração deveria ser obrigatória e gratuíta!! Há projetos em varias cidades, mas a fila de espera é muito demorada!

  33. Eleunora

    Mata no hospital pode mata pitbull eh crime

  34. Luis

    Não! Não sou a favor do sacrifício de animais. Cada animal doméstico(seja cão, gato, ave, etc…) deveria ter um dono que cuidasse bem dele. No entanto, num país no qual até crianças são abandonadas é hipocrisia querer se proibir o sacrifício de animais. Mil vezes um animal sofrer eutanásia (e não sentir dor alguma) a viver revirando latas de lixo, passando fome e sofrendo de maus tratos e doenças…No dia que o Brasil foi uma Suiça, concordarei com a proibição.

  35. Pedro Henrique

    Querem permitir o aborto e a eutanásia para seres humanos mas mobilizam o mundo inteiro para proteger ovos de tartarugas e impedir sacrifícios de cachorros. Esse é o mundo em que vivemos.

    Eu sou a favor do sacríficios… de cachorros, não de pessoas. Mas desde que respeitem algumas etapas. Primeiro é retirar o animal da rua, depois tratá-lo como animal e não como pessoa, mas mesmo assim fornecer-lhe o mínimo tratamento digno que até mesmo um animal merece por parte dos humanos, após isso disponibilizá-lo para adoção. Só após essas etapas o sacríficio seria válido e de uma forma que não causasse o animal.

    Mas seria uma boa ideia que o projeto e fosse aprovado e o nobre deputado recebesse em sua casa todos os animais de ruas e fosse responsável pelo custo dos tratamentos.

  36. Joe Silva

    Brasil: querem legalizar a eutanásia e os abortos e sustentar cães vira-lata por 15 anos. Um gato de rua tem mais valor que uma vovó ou um bebê.

  37. […] Lauro Jardim: A pretexto de “proteger a fauna doméstica” de qualquer tipo de crueldade, o deputado paulista […]