“Meus filhos não vão virar gays!”

Este é o título do último post do blog de Edir Macedo sobre as polêmicas cartilhas anti-homofobia que o Ministério da Educação pretende distribuir nas escolas no segundo semestre: – Meus filhos não vão virar gays! É meu, somente meu, o direito de não desejar um filho gay! A Constituição me garante isto.  Imagine esta […]

Este é o título do último post do blog de Edir Macedo sobre as polêmicas cartilhas anti-homofobia que o Ministério da Educação pretende distribuir nas escolas no segundo semestre:

– Meus filhos não vão virar gays! É meu, somente meu, o direito de não desejar um filho gay! A Constituição me garante isto.  Imagine esta cena: Seu filho chega à escola para mais um dia de aprendizado, e, em plena sala de aula, a professora inicia uma nova lição que é debater um vídeo em que duas meninas lésbicas falam sobre como é bom ser homossexual. E mais: nos livros didáticos, a professora lê, com seu filho, histórias com famílias gays, histórias de homens e mulheres bissexuais, transexuais e travestis.

No final, Macedo atribui o texto a um “obreiro anônimo”.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s