6 versões brasileiras de destinos turísticos famosos

Nem sempre precisamos usar nosso passaporte e atravessar diversos fuso-horários para aproveitar as férias ou um feriado prolongado

As pessoas viajam para lugares distantes para observar, com fascínio, o tipo de gente que elas ignoram em casa

Dagobert D. Runes

Hmmmm… não é que eu concordo com a frase acima?

Não me entendam mal nem levem muito ao pé da letra a citação do filósofo ucraniano. Mas é fato que muitas vezes tendemos a valorizar o que é “dos outros” e a desvalorizar o que é “nosso”.

Sabemos que nosso Brasil tem muitos defeitos. Mas tem também muitas qualidades. E quando viajamos e nos abrimos a outras culturas, podemos ver isso com mais clareza.

Sei que muita gente vai argumentar que o Brasil é despreparado para o turismo, que viajar por aqui muitas vezes é mais caro do que ir para o exterior, que muita gente quer levar vantagem sobre os turistas, etc e tal. Concordo. Mas também acho que devemos valorizar nossas coisas boas.

Não quero com a lista que vem abaixo comparar ou dizer que lugar é melhor ou pior. Quero apenas mostrar que também temos coisas legais aqui e que podemos conhecer sem ter que comprar dólares, rodar o planeta ou passar horas em conexões por aí.

1. Toscana (Itália)

Versão tupiniquim: Vale dos Vinhedos (RS)

Localizado na Serra Gaúcha, a pouco mais de 130km de Porto Alegre, o Vale dos Vinhedos é uma área de 82 km2 que abriga vinícolas de diferentes portes, além de restaurantes variados. Os vinhos produzidos na região são os primeiros do país a ter o selo de indicação de procedência e de denominação de origem. Abertas ao público o ano inteiro, as vinícolas oferecem visitas, degustações e jantares harmonizados. A região também oferece uma boa variedade de hotéis, restaurantes e lojas ao longo da rota no vale.

Para saber maiswww.valedosvinhedos.com.br

Vinícola Casa Valduga no Vale dos Vinhedos

 

2. Disney (EUA)

Parque Magic Kingdom da Disney em Orlando, nos Estados Unidos

Versão tupiniquim: Beto Carreiro World (SC)

Maior parque temático da América Latina, o Beto Carrero World fica a cerca de 60 km de Blumenau e ocupa uma área de 14 milhões de metros quadrados. Eleito pelo site TripAdvisor como o sexto melhor parque temático do mundo em 2014, ele conta ainda com uma pista de motocross e um kartódromo desenhado pelo alemão Hernan Tilke, famoso por criar a maioria dos autódromos que recebem a F-1 atualmente. O parque é dividido em nove áreas: Avenida das Nações, Mundo Animal, Vila Germânica, Velho Oeste, Ilha dos Piratas, Aventura Radical, Madagascar, Terra da Fantasia e Triplikland.

Para saber maiswww.betocarrero.com.br

 

3. Grande Barreira de Corais (Austrália)

A grande barreira de corais na Austrália, que está ameaçada pelo aumento da acidez dos oceanos

Versão tupiniquim: Fernando de Noronha (PE)

As águas cristalinas e a quantidade controlada de turistas na ilha fazem de Fernando de Noronha o melhor lugar do país para quem quer apreciar a vida marinha. Tartarugas, moreias, barracudas, lulas, raias, tubarões-baleia e uma infinidade de espécie de peixes coloridos podem ser vistos em suas águas. E não é preciso fazer nenhum curso ou mergulhar com equipamentos para apreciar tudo isso. Noronha oferece excelentes pontos para snorkel ou mergulho livre.

Para saber maiswww.noronha.pe.gov.br

Fernando de Noronha

 

4. Grand Canyon (EUA)

Grand Canyon, Arizona

Versão tupiniquim: Cânion do Xingó (SE)

Um dos maiores do mundo, o Cânion do Xingó fica a pouco mais de 200 km de Aracaju e se extende por 65 km no município de Canindé do São Francisco. As formações rochosas chegam a ter 170 m de profundidade em alguns pontos e sua largura varia de 50 m a 300 m. As paredes rochosas em tons de marrom e laranja têm mais de 60 milhões de anos e foram “descobertos” por causa da construção da barragem da Hidrelétrica de Xingó, no Rio São Francisco, no início dos anos 90. Além de passeios de barco, mergulhos, também é possível fazer tirolesa, escalada, rapel e trilhas na região.

Para saber maiswww.conhecasergipe.com.br

 

5. Empire State Building (Nova York, EUA)

Versão tupiniquim: Edifício Altino Arantes (SP)

Não, a semelhança com o Empire State não é mera coincidência no caso do edifício do Banespa, como é conhecido em São Paulo, apesar de hoje ser de propriedade do Santander. Terceiro maior edifício da capital paulista e sétimo do Brasil, foi construído em 1939 para servir como sede do Banco do Estado de São Paulo. Seu projeto inicial foi modificado para que ele se tornasse mais parecido ao edifício nova-iorquino. Com 161 metros de altura e 35 andares, o edifício possui 14 elevadores, 900 degraus e 1.119 janelas. As visitas ao topo estão suspensas atualmente.

Para saber maiswww.monumentos.spturis.com.br

 

6. Alpes (Suíça)

Versão tupiniquim: Gramado (RS)

Fundada por imigrantes alemães e italianos, a cidade de Gramado fica a pouco mais de 100 km de Porto Alegre e não apenas sua arquitetura faz lembrar a Europa. As características físicas de seus moradores, a gastronomia e a tranquilidade da cidade fazem com que ela tenha recebido o apelido de Suíça brasileira. As ruas não têm semáforo e os pedestres sempre têm prioridade. Como recebe milhares de turistas todos os anos, seja para o famoso festival de cinema ou para os que querem aproveitar o inverno na região, a cidade tem uma boa infra-estrutura hoteleira e vários restaurantes típicos.

Para saber maiswww.gramado.rs.gov.br

 

Veja também

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. Santo de casa não faz milagre….

    Curtir