Nomeado por Crivella desfila machismo em redes sociais

Ricardo Amaral, o "rei da noite carioca", é membro do conselho de Turismo do Rio

Membro do recém-criado Conselho de Turismo do Rio de Janeiro anunciado pelo prefeito Marcelo Crivella (PRB), o empresário Ricardo Amaral ostenta em suas contas no Facebook e no Instagram uma coleção de postagens machistas. Conhecido como “rei da noite carioca” por sua atuação no ramo de boates, bares e clubes noturnos, Amaral une fotos de mulheres com pouca roupa a legendas de péssimo gosto. “A crise realmente está feia”, escreveu o empresário, por exemplo, acima de uma fotomontagem com duas jovens, em que uma delas anuncia em uma placa: “Promoção, pague uma coma duas”.

Divulgadas no blog Agora é que são elas, do jornal Folha de S. Paulo, e em perfis de adversários políticos, como o deputado estadual Marcelo Freixo (PSOL), as postagens ofensivas de Ricardo Amaral são alvo de protestos nas redes sociais. “Crivella não é pastor?? Bispo sei lá o que?? Devia ter vergonha de indicar um tipo desse”, escreveu uma internauta. “Crivela chama pra sua equipe um cara que seria facilmente descartado numa seleção de emprego com uma rápida pesquisa no seu perfil do Facebook”, ironizou outro.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. Que gênio!!

    Curtir

  2. Ivanildo Domingos

    Sinceramente, percebo que a veja está caindo de qualidade em suas análises jornalísticas.

    Curtir

  3. Aloisio Barros

    A Veja está apelando! Falta de assunto e de competência vão afundar essa revista. Volta Joyce.

    Curtir

  4. Matheus Bidney

    Parece que a praga Politicamente Correta chegou à Veja…

    Curtir

  5. Eu fiz o cadastro so para comentar – VEJA, deixe o cara falar o que quiser….eita mania de querer censurar e ditar comportamento

    Curtir

  6. Carlos Augusto Almeida

    Mas o que esperavam do notório “rei da noite” e das “boates” no Rio de Janeiro? Pensamentos de Santo Agostinho?

    Curtir

  7. Antonio Cavalcanti da Matta Ribeiro

    É tudo que vocês tem para falar do cara? Isso é ótimo. Essa piadinha eu conhecia faz tempo e para quem não padece da mordaça do politicamente correto, ela é ótima. Se for dar atenção a essa patrulha sem fim e sem medida ( mas com propósito conhecido) não se sai de casa, não se solta um p#ido. Arranjem outra.

    Curtir

  8. Já se foi o tempo em que homens públicos eram sérios e de conduta ilibada.

    Curtir

  9. Oswald de Andrade

    cliquei na veja, cai no catraca livre

    a lola aronovich agora escreve na veja?

    Curtir

  10. Oswald de Andrade

    o catraca livre pelo menos nao esconde o jogo

    Curtir

  11. igor leite batizaco

    Veja virando canal de fofoca kkkkk pelo amor de deus, deixa a vida do cara, veja como dissem muitos ewta caindo pouco a pouco e vai cair por matérias mesquinhas como essas.

    Curtir

  12. Marcelo Almeida

    Mimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimimi

    Curtir

  13. Rogério Moreno

    Veja se mostra digna do título da representante da esquerda fabianista, com seus dogmas do politicamente correto e ataques a líderes de direita.

    Curtir

  14. Marco Águila

    Não estou usando baixo calão, outros estão criticando negativamente vcs aí, então só posso achar q entrei em alguma “lista negra” de vcs…

    Curtir

  15. Marco Águila

    Caramba, Veja… Além de censurar comentários “inconvenientes” ao mainstream, ainda vem com essa baboseira de politicamente correto?

    Curtir

  16. Estrêla e Estrêla

    Essa Veja está uma vergonha! Aderiu ao mínimo do politicamente correto. Já cancelei minha assinatura e olha que meus pais assinaram desde a década de 80. Triste ver isso!

    Curtir

  17. Machismo ou será que a Veja é feminazi também?

    Curtir

  18. Aonde a Veja quer chegar? Depois de tanto tempo vai mesmo mudar de postura? Politicamente correto é o Carvalho….

    Curtir

  19. Marc Guima Olivei

    Colocar fotos de mulheres com pouca roupa em posts é machismo????? MEUS DEUS!!!! Que limitação cognitiva.

    Curtir

  20. Rei da noite? Vaí continuar a rolar muita droga no Rio. Eu sou super a favor dessa mulherada, mas que esses posts indicam ausência de massa cinzenta nesse sujeito, isso é fato. Não adianta, o Rio não tem conserto, a malandragem tomou conta mesmo.

    Curtir

  21. George Brandão

    Se existe o feminismo e minguém as recrimina, por que cargas dágua o maxismo é recriminado? Tem muito fresco neste mundo, muito mimimi, deixem o cara se manifestar como ele queira. Homem tem o direito de ser maxista assim como as mulheres tem o direita a serem feministas. Chega de mimimi.

    Curtir

  22. Rafael Lucena

    A veja aderiu a patrulha de rede social. Mais uma “Da redação”.

    Curtir

  23. Oliver Kroos

    Essa piada da foto do ganhador da mega-sena é mais velha que minha finada avó, e verdadeira também. Isso quando uma delas não mata o bestinha endinheirado pra herdar o prêmio. Adriana de Almeida é exemplo “veridicamente verídico”.

    Tá insuportável viver num país do politicamente correto. Nem piada pode se fazer mais… Mussum se fosse vivo nem poderia ser humorista porque se ele fosse fazer uma piada sobre negro seria taxado de traidor preconceituoso…

    Curtir

  24. A Veja tá realmente se tornando mais uma. Hoje apenas repete a agendinha politicamente correta dos demais jornais do país. Quanta diferença daquela revista de um ano atrás. Lixo!

    Curtir

  25. Leonardo Dornas

    Daqui há pouco se um homem falar bom dia com uma mulher na rua ele será chamado de machista, facista, etc….#forapoliticamentecorreto

    Curtir

  26. Paulo Bandarra

    Engraçado que se fosse para promover o turismo gay estaria tudo certo a indicação. Quem não conhece Ricardo Amaral? Ele é apenas “um” dos membros do dito conselho.

    Curtir

  27. Michael Lucena

    a veja ja saiu do lado do povo.

    Curtir

  28. Michael Lucena

    a veja ja saiu do lado do povo. joice kd vc?

    Curtir

  29. Veja virou casa da mãe Joana… lamentável entregaram a redação para um bando de estagiários baratos e canhotos…. aposto que os (poucos) que ainda honram jornalistas verdadeiros que ainda estão na folha de pagamento nem dão mais as caras naquilo lá… resolvem tudo por email ..

    Curtir

  30. César Augusto

    Essa revista está me dando nojo… Virou lixo esquerdista completo. Não vou renovar minha assinatura. Palhaçada, agora que o PT acabou a Veja resolve virar Carta Capital.

    Curtir

  31. César Augusto

    O sujeito ser homem, hétero e ter bom humor agora é crime para a Veja. Só presta se for Bambi e engajada!

    Curtir

  32. Paulo Bandarra

    Eles querem a diversidade única e a liberdade de concordar com eles.

    Curtir

  33. Vitor Chvidchenko

    “Crivela chama pra sua equipe um cara que seria facilmente descartado numa seleção de emprego com uma rápida pesquisa no seu perfil do Facebook” – que idiotice! Quer dizer então que as empresas selecionam seus candidatos agora pelo seu perfil no Facebook, ao invés de sua competência profissional? Pois eu não trabalharia numa empresa que, ao fazer a seleção, fosse dar importância para o meu perfil no Facebook! A imbecilidade está realmente dominando o mundo. Dentro em breve, todos vão ter que ser politicamente corretos, senão serão marginalizados pela “sociedade bonitinha”. Haja paciência!!

    Curtir

  34. Artur Coelho

    Agora tudo é ofensivo, desde que seja contra mulher, homo ou pessoa de cor. Mas o contrário pode. Achei que era só a Época que estava uma porcaria.

    Curtir