A greve da esquerda contra o fim da mortadela

Assista ao 'Estúdio VEJA' com Felipe Moura Brasil e Augusto Nunes

Na TVeja:

“Os colunistas Felipe Moura Brasil e Augusto Nunes comentam a proposta para acabar com o foro privilegiado, a aprovação do projeto de lei sobre abuso de autoridade, a reforma trabalhista e a greve organizada pela esquerda para sexta-feira (28), véspera do feriadão.”

O programa foi transmitido ao vivo às 19:30 desta quarta-feira (26) no Facebook de VEJA e o vídeo segue disponível abaixo, começando a 1min10seg. Assista!

* No Youtube, para quem preferir:

* Atualização: Poucas horas após o programa, a Câmara aprovou o texto-base da reforma trabalhista, abolindo a obrigatoriedade do imposto (ou mortadela) sindical.

Quanto ao fim do foro, é bom deixar claro que, se a presidente do STF, Cármen Lúcia, não tivesse colocado em pauta a discussão da restrição, o Senado não teria acatado o projeto de Álvaro Dias relatado por Randolfe Rodrigues. Parlamentares contrários se apressaram apenas para reduzir o desgaste inevitável.

Felipe Moura Brasil ⎯ http://veja.abril.com.br/blog/felipe-moura-brasil

Siga no Twitter, no Facebook e na Fan Page.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. Amilcar Carvalho

    Tão importante quanto acabar com o foro privilegiado é acabar com a mortadela,
    passando pela reforma trabalhista e o fim do imposto sindical, paga quem quer.

    Curtir

  2. Ronaldo Silva Jr

    sobre o fim da contribuição sindical a constituição é bem clara: Art. 8º É livre a associação profissional ou sindical, observado o seguinte: V – ninguém será obrigado a filiar-se ou a manter-se
    filiado a sindicato; e mais Art. 3º Constituem objetivos fundamentais da República Federativa do Brasil:

    I – construir uma sociedade livre, justa e solidária; Portanto, parabéns ao presidente Michel Temer.

    Curtir